SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 32
AGEU
O PROFETA DA
RECONSTRUÇÃO
Reconstrução do
Templo – O tempo
de investir na obra
de Deus
Palavra-chave:
"PRIORIDADE"
"Acaso é tempo de habitardes
vós em casas
apaineladas, enquanto esta
casa permanece em ruínas?"
(1.4).
Palavra-chave:
“Prioridade"
O Primeiro profeta pós-exílico.
Nos dia do rei Dario na
Babilônia.
Em 520 a.C.
Zorobabel era o governador e
Josué o sacerdote.
DIVISÃO
HISTÓRICA DA
BÍBLIA
OS PROFÉTICOS
12 MENORES
OSÉIAS
JOEL
AMÓS
OBADIAS
JONAS
MIQUÉIAS
NAUM
HABACUQUE
SOFONIAS
AGEU
ZACARIAS
MALAQUIAS
OS PROFETAS E SUA ÉPOCA
PROFETA PERÍODO
JOEL PRÉ-EXÍLICO
JONAS PRÉ-EXÍLICO
AMÓS PRÉ-EXÍLICO
OSÉIAS PRÉ-EXÍLICO
ISAÍAS PRÉ-EXÍLICO
MIQUÉIAS PRÉ-EXÍLICO
NAUM PRÉ-EXÍLICO
SOFONIAS PRÉ-EXÍLICO
HABACUQUE PRÉ-EXÍLICO
JEREMIAS PRÉ-EXÍLICO E EXÍLICO
DANIEL EXÍLICO
EZEQUIEL EXÍLICO
OBADIAS EXÍLICO
AGEU PÓS-EXÍLICO
ZACARIAS PÓS-EXÍLICO
• o reino de Judá fora
conquistado pelos babilônios.
• Entre 606 e 586 a.C.,
• o Templo foi arrasado,
• Jerusalém queimada,
• e os judeus levados em
massa para o cativeiro:
Propósito do Livro
: nascido ao final do reinado de Manassés, e mui provavelmente de linhagem real (1.1), Sofonias profetizou nos dias do piedoso rei Josias e, conclui-se: nascido ao final do reinado de Manassés, e mui provavelmente de linhagem real (1.1), Sofonias profetizou nos dias do piedoso rei Josias e, conclui-se
1. A primeira leva de judeus para o
cativeiro – ano 605 a.C.
Nabucodonosor reivindicou tesouros e
reféns. Ele levou os tesouros da casa do
Senhor e dentre os reféns, Daniel e
seus companheiros e outros nobres do
povo, Dn 1.1,2.
2. A segunda leva de Judeus para o
cativeiro foi em 586 a.C. Jerusalém foi
invadida e destruída por
Nabucadonosor. O Templo de Salomão
caiu finalmente e foi destruído.
Propósito do Livro
Após 70 anos no exílio, na
Babilônia, por ordem de Ciro, o
Persa, cerca de 50 mil judeus
voltam para a sua terra (536
a.C.).
Jeremias e Daniel profetizaram
os 70 anos (Jr. 25.11; 29.10; Comp. Dn
9.1,2.)
Propósito do Livro
• O primeiro passo para que se firme a
restauração nacional é a reconstrução
do Templo.
•Os fundamentos são lançados, mas... a
obra pára.
•Muita perseguição dos vizinhos (Os
samaritanos fazem forte oposição à
reconstrução do Templo)
Propósito do Livro
• Durante 15 anos, o povo
distraiu, preocupou-se em construir
suas próprias casas e em cuidar de seus
interesses pessoais.
• É aí que o SENHOR levanta Seu servo
Ageu, para questionar as prioridades
escolhidas pelos judeus, chamando-os
a dedicarem-se à obra de reconstrução
da Casa do SENHOR.
Propósito do Livro
• Em setembro (6º mês do
calendário hebreu) de 520 a.C. a
obra é reiniciada, e, quatro anos
depois, completada,
• sob a influência da pregação de
Ageu
Propósito do Livro
• Ageu foi o primeiro profeta
levantado pelo SENHOR após o
exílio.
• Entre ele e Sofonias, há um
intervalo de 70 anos. Jeremias,
Ezequiel e Daniel profetizaram
durante o exílio.
O Profeta Ageu
• O nome Ageu, de origem incerta,
deve significar "festivo", e nos remete à
idéia de que ele viveu dias festivos,
pois contemplou a volta dos judeus
desde o cativeiro, e participou da
reconstrução do Templo, em Jerusalém.
• Isso, sem contar a mensagem gloriosa
e festiva que anunciou, proclamando a
vitória final do SENHOR e do Seu povo,
quando "encherei de glória esta casa".
O Profeta Ageu
• No livro de Esdras, referências ao
profeta Ageu mostram-nos ter sido ele
contemporâneo de Zacarias. Ambos
trabalharam juntos, visando o mesmo
objetivo –
• "Ora os profetas Ageu e
Zacarias, filho de Ido, profetizaram aos
judeus que estavam em Judá e em
Jerusalém, em nome do Deus de
Israel, cujo Espírito estava neles. (Ed
5.1,2; 6.14).
O Profeta Ageu
SOBRE O PROFETA Ageu
• Pouco se sabe de sua origem.
Provavelmente ele nasceu perto
do fim do cativeiro babilônico.
• A única informação que temos é
que ele exerceu o ofício profético:
“A palavra do Senhor veio por
intermédio do profeta Ageu”. Isso
nos dá a impressão de que ele já
era reconhecido como um dos que
ensinavam.
Os quatro sermões que o
Espírito levou Ageu a
proferir:
Divisão do Livro
1. admoesta o povo a priorizar
as coisas de Deus, mostrando
que a inversão de valores levou-
os a sofrer consequências bem
palpáveis, como o insucesso em
seus esforços no trabalho e
dificuldades financeiras.
Primeiro sermão: Cap.1
2. o segundo, trazendo consolo
ao coração dos que se
entristeceram por causa da
"pobreza" do Templo em
reconstrução, se comparado ao
Templo original, construído por
Salomão - 2.1-9;
Segundo sermão: Cap.2
3. o terceiro, prediz o fim da
maldição e o retorno das
bênçãos advindas por meio da
natureza - 2.10-19;
Terceiro sermão: Cap.2
4. o quarto fala da preservação
do trono de Israel, representado
pela pessoa de Zorobabel, que
era da linhagem do rei Davi -
2.20-23.
Quarto sermão: Cap.2
A reconstrução do Templo do Senhor.
1. Uns 18 anos depois que fecharam os muros de
Jerusalém, eles continuavam adorando no altar que fora
construído quando chegaram e o Templo do Senhor
ficou só no alicerce.
2. Eles estavam dizendo como registra o v.2 que não veio
ainda o tempo em que a casa do Senhor deve ser
edificada. Uma Justificativa para o pecado de
negligencia
Mensagem do Livro
3. Cada um foi cuidar dos seus negócios e deixaram
a casa de Deus de lado.
O profeta então os convida para considerar o seu
passado:
3. 1) Como eles foram trazidos de volta de forma em
que não esperavam. “sonhos” (Sl.126)
3. 2) Como o retorno deles foi uma manifestação
clara da bondade e soberania de Deus.
Mensagem do Livro
4. Eles estavam habitando em casas
bem construídas
(“apaineladas”), enquanto a casa
do Senhor não havia saído do
projeto, estava em ruínas.
Mensagem do Livro
Os sinais do desprazer de Deus:
• Eles semeavam muito e colhiam pouco.
• E o que colhiam não dava para se fartarem.
• Os céus se fecharam sobre a vida deles.
• Nem sempre conseguimos perceber a relação entre o
material e o espiritual em nossas vidas quando estamos
frios e em pecado.
Mensagem do Livro
Os sinais do desprazer de Deus:
1.Deus promete ser propício ao povo - 1.7,8.
2.Quando o povo obedece Deus abençoa.
3.Despertamento espiritual é obra de Deus na vida
do seu povo, em face da frieza, indiferença e
pecado, 1.14.
4. Mas começa com a liderança 1:14
Mensagem do Livro
 A Glória do Segundo Templo.
1. Os que viram a glória do primeiro Templo
estavam desalentados, diante daquela casa
que eles agora construíam que era menor
do que a primeira.
2. Deus anima ao seu povo com a promessa
da aliança, 2.5.
3. Mas Deus diz que glória desse Templo será
maior. Uma referência escatológica à
igreja.
Mensagem do Livro
A Glória do Segundo Templo.
4. Novamente uma promessa de
bênção para o povo mediante a sua
obediência, 2.18,19.
5. Ele encerra com uma palavra a
Zorobabel, por ser ele um líder da
tribo de Davi, e um tipo de Cristo
naquele tempo, em quem todos
deveriam ser abençoados, 2.20-23.
Mensagem do Livro
• cuidado!
• O nosso coração é enganoso, e pode conduzir-nos a
conclusões totalmente equivocadas!
• Os judeus, pressionados pelos samaritanos a não
dar continuidade à obra de reconstrução do Templo,
começaram a concluir que as circunstâncias
desfavoráveis significavam um sinal de Deus de que o
tempo para esse trabalho ainda não chegara.
• Uniram a essa pressão externa a pressão interna
muito própria do coração humano
Conclusão
• Quantas vezes deixamos as coisas do Reino sempre
em segundo plano –
• "vou construir primeiro a minha casa; cuidar dos
meus negócios; depois cuido dos negócios do
SENHOR".
• o SENHOR e Sua obra são a sua prioridade absoluta,
ou você está cedendo a circunstâncias externas e/ou
internas para priorizar outras coisas?
Conclusão
CRISTOLOGIA DO LIVRO
• Mensagem Messiânica:
• em 2.9 temos uma preciosa mensagem
messiânica: “A glória desta última casa será
maior do que a da primeira... E neste lugar
darei a paz”.
• É verdade que, num sentido, a promessa
deste texto concretizou-se nas reformas
realizadas por Herodes, que deixaram o
Templo suntuosíssimo!
CRISTOLOGIA DO LIVRO
• Todavia, ela se cumpre realmente quando o
Messias vem.
• Sua presença no próprio pátio do Templo
era, literalmente, a glória de Deus em carne e
ossos, adornando o Templo!
• E mais: nEle (a Pedra Fundamental) foi erigido
um Novo Templo, a Igreja, a "segunda
casa", já que a primeira (Israel) rejeitou seus
privilégios e foi arrasada.
AGEU
O PROFETA
A glória da casa de
Deus
A reconstrução do templo

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (20)

23. Os poéticos: Jó
23. Os poéticos: Jó23. Os poéticos: Jó
23. Os poéticos: Jó
 
Aula 13 - Livros Proféticos
Aula 13 - Livros ProféticosAula 13 - Livros Proféticos
Aula 13 - Livros Proféticos
 
40. O Profeta Naum
40. O Profeta Naum40. O Profeta Naum
40. O Profeta Naum
 
4 aula profetas menores
4 aula profetas menores4 aula profetas menores
4 aula profetas menores
 
Livros históricos aula 2
Livros  históricos aula 2Livros  históricos aula 2
Livros históricos aula 2
 
Atos
AtosAtos
Atos
 
44. O Profeta Zacarias
44. O Profeta Zacarias44. O Profeta Zacarias
44. O Profeta Zacarias
 
38. O Profeta Jonas
38. O Profeta Jonas38. O Profeta Jonas
38. O Profeta Jonas
 
O pentateuco
O pentateucoO pentateuco
O pentateuco
 
3 aula profetas menores
3 aula profetas menores3 aula profetas menores
3 aula profetas menores
 
Panorama do novo testamento
Panorama do novo testamentoPanorama do novo testamento
Panorama do novo testamento
 
Panorama do AT - Amós
Panorama do AT - AmósPanorama do AT - Amós
Panorama do AT - Amós
 
Profetas maiores
Profetas maioresProfetas maiores
Profetas maiores
 
Livros Históricos
Livros  HistóricosLivros  Históricos
Livros Históricos
 
29. O profeta Isaías
29. O profeta Isaías29. O profeta Isaías
29. O profeta Isaías
 
1. Antigo Testamento: Introdução
1. Antigo Testamento: Introdução1. Antigo Testamento: Introdução
1. Antigo Testamento: Introdução
 
Introdução ao Estudo do NT
Introdução ao Estudo do NTIntrodução ao Estudo do NT
Introdução ao Estudo do NT
 
IBADEP BÁSICO PROFETAS MENORES AULA 1 - OSÉIAS, JOÉL E AMÓS
IBADEP BÁSICO PROFETAS MENORES AULA 1 - OSÉIAS, JOÉL E AMÓSIBADEP BÁSICO PROFETAS MENORES AULA 1 - OSÉIAS, JOÉL E AMÓS
IBADEP BÁSICO PROFETAS MENORES AULA 1 - OSÉIAS, JOÉL E AMÓS
 
Pentateuco
PentateucoPentateuco
Pentateuco
 
7. O Livro de Levítico
7. O Livro de Levítico7. O Livro de Levítico
7. O Livro de Levítico
 

Semelhante a 43. O Profeta Ageu

Lição 11 - Ageu, o compromisso do povo da aliança
Lição 11 - Ageu, o compromisso do povo da aliançaLição 11 - Ageu, o compromisso do povo da aliança
Lição 11 - Ageu, o compromisso do povo da aliança
Ailton da Silva
 
Lição 11 ageu - o compromisso do povo da aliança - ieadern
Lição 11   ageu - o compromisso do povo da aliança - ieadernLição 11   ageu - o compromisso do povo da aliança - ieadern
Lição 11 ageu - o compromisso do povo da aliança - ieadern
Ebd Brasil
 
03 - Joel, o derramamento do Espírito Santo
03 - Joel, o derramamento do Espírito Santo03 - Joel, o derramamento do Espírito Santo
03 - Joel, o derramamento do Espírito Santo
Ailton da Silva
 
Slides aviva, ó senhor, a tua obra
Slides   aviva, ó senhor, a tua obraSlides   aviva, ó senhor, a tua obra
Slides aviva, ó senhor, a tua obra
Abdias Barreto
 

Semelhante a 43. O Profeta Ageu (20)

Profeta Menor Ageu
Profeta Menor AgeuProfeta Menor Ageu
Profeta Menor Ageu
 
Lição 11 - Ageu, o compromisso do povo da aliança
Lição 11 - Ageu, o compromisso do povo da aliançaLição 11 - Ageu, o compromisso do povo da aliança
Lição 11 - Ageu, o compromisso do povo da aliança
 
Lição 11 ageu - o compromisso do povo da aliança - ieadern
Lição 11   ageu - o compromisso do povo da aliança - ieadernLição 11   ageu - o compromisso do povo da aliança - ieadern
Lição 11 ageu - o compromisso do povo da aliança - ieadern
 
E.b.d juvenis 1ºtrimestre 2017 lição 03
E.b.d   juvenis 1ºtrimestre 2017 lição 03E.b.d   juvenis 1ºtrimestre 2017 lição 03
E.b.d juvenis 1ºtrimestre 2017 lição 03
 
O Milênio
O MilênioO Milênio
O Milênio
 
EstudoAgeu
EstudoAgeuEstudoAgeu
EstudoAgeu
 
Escatologia do antigo testamento
Escatologia do antigo testamentoEscatologia do antigo testamento
Escatologia do antigo testamento
 
03 - Joel, o derramamento do Espírito Santo
03 - Joel, o derramamento do Espírito Santo03 - Joel, o derramamento do Espírito Santo
03 - Joel, o derramamento do Espírito Santo
 
PROFETAS MENORES (AULA 04 -1 - BÁSICO - IBADEP)
PROFETAS MENORES (AULA 04 -1 - BÁSICO - IBADEP)PROFETAS MENORES (AULA 04 -1 - BÁSICO - IBADEP)
PROFETAS MENORES (AULA 04 -1 - BÁSICO - IBADEP)
 
Licao 1 - 1T - 2022 - BETEL - 16x9.pptx
Licao 1 - 1T - 2022 - BETEL - 16x9.pptxLicao 1 - 1T - 2022 - BETEL - 16x9.pptx
Licao 1 - 1T - 2022 - BETEL - 16x9.pptx
 
Ageu (moody)
Ageu (moody)Ageu (moody)
Ageu (moody)
 
"Neste lugar darei a paz"
"Neste lugar darei a paz""Neste lugar darei a paz"
"Neste lugar darei a paz"
 
Slides aviva, ó senhor, a tua obra
Slides   aviva, ó senhor, a tua obraSlides   aviva, ó senhor, a tua obra
Slides aviva, ó senhor, a tua obra
 
Licao 5 3 trim 2020 zorobabel recomeca a construcao do templo
Licao 5 3 trim 2020 zorobabel recomeca a construcao do temploLicao 5 3 trim 2020 zorobabel recomeca a construcao do templo
Licao 5 3 trim 2020 zorobabel recomeca a construcao do templo
 
Lição 9
Lição 9Lição 9
Lição 9
 
Lição 5 - Zorobabel recomeça a construção do Templo
Lição 5 - Zorobabel recomeça a construção do TemploLição 5 - Zorobabel recomeça a construção do Templo
Lição 5 - Zorobabel recomeça a construção do Templo
 
Lição 5 - Zorobabel recomeça a construção do Templo
Lição 5 - Zorobabel recomeça a construção do TemploLição 5 - Zorobabel recomeça a construção do Templo
Lição 5 - Zorobabel recomeça a construção do Templo
 
Lição 3 - A superioridade de Jesus em relação a Moisés
Lição 3 - A superioridade de Jesus em relação a MoisésLição 3 - A superioridade de Jesus em relação a Moisés
Lição 3 - A superioridade de Jesus em relação a Moisés
 
Lição 2 - Deus, o primeiro evangelista
Lição 2 - Deus, o primeiro evangelistaLição 2 - Deus, o primeiro evangelista
Lição 2 - Deus, o primeiro evangelista
 
SLIDES - LIÇÃO 10 - AS PROFECIAS DESPERTAM E TRAZEM ESPERANÇA - CANAL TEXTO Á...
SLIDES - LIÇÃO 10 - AS PROFECIAS DESPERTAM E TRAZEM ESPERANÇA - CANAL TEXTO Á...SLIDES - LIÇÃO 10 - AS PROFECIAS DESPERTAM E TRAZEM ESPERANÇA - CANAL TEXTO Á...
SLIDES - LIÇÃO 10 - AS PROFECIAS DESPERTAM E TRAZEM ESPERANÇA - CANAL TEXTO Á...
 

Mais de Igreja Presbiteriana de Dourados

Mais de Igreja Presbiteriana de Dourados (20)

Uma Igreja Para Recordar
Uma Igreja Para RecordarUma Igreja Para Recordar
Uma Igreja Para Recordar
 
10. 2a. epístola de paulo aos corintios
10. 2a. epístola de paulo aos corintios10. 2a. epístola de paulo aos corintios
10. 2a. epístola de paulo aos corintios
 
9. epístola de paulo 1' coríntios
9. epístola de paulo 1' coríntios9. epístola de paulo 1' coríntios
9. epístola de paulo 1' coríntios
 
8. epístola de paulo aos romanos
8. epístola de paulo aos romanos8. epístola de paulo aos romanos
8. epístola de paulo aos romanos
 
8. epístola de paulo aos romanos
8. epístola de paulo aos romanos8. epístola de paulo aos romanos
8. epístola de paulo aos romanos
 
7. atos dos apóstolos
7. atos dos apóstolos7. atos dos apóstolos
7. atos dos apóstolos
 
A Igreja e a Reforma
A Igreja e a ReformaA Igreja e a Reforma
A Igreja e a Reforma
 
5. O Evangelho de Lucas
5. O Evangelho de Lucas5. O Evangelho de Lucas
5. O Evangelho de Lucas
 
4. O Evangelho Segundo Marcos
4. O Evangelho Segundo Marcos4. O Evangelho Segundo Marcos
4. O Evangelho Segundo Marcos
 
3. O Evangelho Segundo Mateus
3. O Evangelho Segundo Mateus3. O Evangelho Segundo Mateus
3. O Evangelho Segundo Mateus
 
2. introdução ao novo testamento
2.  introdução ao novo testamento2.  introdução ao novo testamento
2. introdução ao novo testamento
 
34. O Profeta Oséias
34. O Profeta Oséias34. O Profeta Oséias
34. O Profeta Oséias
 
44. O Profeta Zacarias
44. O Profeta Zacarias44. O Profeta Zacarias
44. O Profeta Zacarias
 
39. O Profeta Miquéias
39. O Profeta Miquéias39. O Profeta Miquéias
39. O Profeta Miquéias
 
35. O Profeta Joel
35. O Profeta Joel35. O Profeta Joel
35. O Profeta Joel
 
37. O profeta Obadias
37. O profeta Obadias37. O profeta Obadias
37. O profeta Obadias
 
34. O profeta Oséias
34. O profeta Oséias34. O profeta Oséias
34. O profeta Oséias
 
33. O profeta Daniel
33. O profeta Daniel33. O profeta Daniel
33. O profeta Daniel
 
31. Livro de Lamentações de Jeremias (rev ildemar berbert)
31. Livro de Lamentações de Jeremias (rev ildemar berbert)31. Livro de Lamentações de Jeremias (rev ildemar berbert)
31. Livro de Lamentações de Jeremias (rev ildemar berbert)
 
30. O Livro do profeta Jeremias
30. O Livro do  profeta Jeremias30. O Livro do  profeta Jeremias
30. O Livro do profeta Jeremias
 

43. O Profeta Ageu

  • 1. AGEU O PROFETA DA RECONSTRUÇÃO Reconstrução do Templo – O tempo de investir na obra de Deus
  • 2. Palavra-chave: "PRIORIDADE" "Acaso é tempo de habitardes vós em casas apaineladas, enquanto esta casa permanece em ruínas?" (1.4).
  • 3. Palavra-chave: “Prioridade" O Primeiro profeta pós-exílico. Nos dia do rei Dario na Babilônia. Em 520 a.C. Zorobabel era o governador e Josué o sacerdote.
  • 4. DIVISÃO HISTÓRICA DA BÍBLIA OS PROFÉTICOS 12 MENORES OSÉIAS JOEL AMÓS OBADIAS JONAS MIQUÉIAS NAUM HABACUQUE SOFONIAS AGEU ZACARIAS MALAQUIAS
  • 5. OS PROFETAS E SUA ÉPOCA PROFETA PERÍODO JOEL PRÉ-EXÍLICO JONAS PRÉ-EXÍLICO AMÓS PRÉ-EXÍLICO OSÉIAS PRÉ-EXÍLICO ISAÍAS PRÉ-EXÍLICO MIQUÉIAS PRÉ-EXÍLICO NAUM PRÉ-EXÍLICO SOFONIAS PRÉ-EXÍLICO HABACUQUE PRÉ-EXÍLICO JEREMIAS PRÉ-EXÍLICO E EXÍLICO DANIEL EXÍLICO EZEQUIEL EXÍLICO OBADIAS EXÍLICO AGEU PÓS-EXÍLICO ZACARIAS PÓS-EXÍLICO
  • 6. • o reino de Judá fora conquistado pelos babilônios. • Entre 606 e 586 a.C., • o Templo foi arrasado, • Jerusalém queimada, • e os judeus levados em massa para o cativeiro: Propósito do Livro : nascido ao final do reinado de Manassés, e mui provavelmente de linhagem real (1.1), Sofonias profetizou nos dias do piedoso rei Josias e, conclui-se: nascido ao final do reinado de Manassés, e mui provavelmente de linhagem real (1.1), Sofonias profetizou nos dias do piedoso rei Josias e, conclui-se
  • 7. 1. A primeira leva de judeus para o cativeiro – ano 605 a.C. Nabucodonosor reivindicou tesouros e reféns. Ele levou os tesouros da casa do Senhor e dentre os reféns, Daniel e seus companheiros e outros nobres do povo, Dn 1.1,2. 2. A segunda leva de Judeus para o cativeiro foi em 586 a.C. Jerusalém foi invadida e destruída por Nabucadonosor. O Templo de Salomão caiu finalmente e foi destruído. Propósito do Livro
  • 8. Após 70 anos no exílio, na Babilônia, por ordem de Ciro, o Persa, cerca de 50 mil judeus voltam para a sua terra (536 a.C.). Jeremias e Daniel profetizaram os 70 anos (Jr. 25.11; 29.10; Comp. Dn 9.1,2.) Propósito do Livro
  • 9. • O primeiro passo para que se firme a restauração nacional é a reconstrução do Templo. •Os fundamentos são lançados, mas... a obra pára. •Muita perseguição dos vizinhos (Os samaritanos fazem forte oposição à reconstrução do Templo) Propósito do Livro
  • 10. • Durante 15 anos, o povo distraiu, preocupou-se em construir suas próprias casas e em cuidar de seus interesses pessoais. • É aí que o SENHOR levanta Seu servo Ageu, para questionar as prioridades escolhidas pelos judeus, chamando-os a dedicarem-se à obra de reconstrução da Casa do SENHOR. Propósito do Livro
  • 11. • Em setembro (6º mês do calendário hebreu) de 520 a.C. a obra é reiniciada, e, quatro anos depois, completada, • sob a influência da pregação de Ageu Propósito do Livro
  • 12. • Ageu foi o primeiro profeta levantado pelo SENHOR após o exílio. • Entre ele e Sofonias, há um intervalo de 70 anos. Jeremias, Ezequiel e Daniel profetizaram durante o exílio. O Profeta Ageu
  • 13. • O nome Ageu, de origem incerta, deve significar "festivo", e nos remete à idéia de que ele viveu dias festivos, pois contemplou a volta dos judeus desde o cativeiro, e participou da reconstrução do Templo, em Jerusalém. • Isso, sem contar a mensagem gloriosa e festiva que anunciou, proclamando a vitória final do SENHOR e do Seu povo, quando "encherei de glória esta casa". O Profeta Ageu
  • 14. • No livro de Esdras, referências ao profeta Ageu mostram-nos ter sido ele contemporâneo de Zacarias. Ambos trabalharam juntos, visando o mesmo objetivo – • "Ora os profetas Ageu e Zacarias, filho de Ido, profetizaram aos judeus que estavam em Judá e em Jerusalém, em nome do Deus de Israel, cujo Espírito estava neles. (Ed 5.1,2; 6.14). O Profeta Ageu
  • 15. SOBRE O PROFETA Ageu • Pouco se sabe de sua origem. Provavelmente ele nasceu perto do fim do cativeiro babilônico. • A única informação que temos é que ele exerceu o ofício profético: “A palavra do Senhor veio por intermédio do profeta Ageu”. Isso nos dá a impressão de que ele já era reconhecido como um dos que ensinavam.
  • 16. Os quatro sermões que o Espírito levou Ageu a proferir: Divisão do Livro
  • 17. 1. admoesta o povo a priorizar as coisas de Deus, mostrando que a inversão de valores levou- os a sofrer consequências bem palpáveis, como o insucesso em seus esforços no trabalho e dificuldades financeiras. Primeiro sermão: Cap.1
  • 18. 2. o segundo, trazendo consolo ao coração dos que se entristeceram por causa da "pobreza" do Templo em reconstrução, se comparado ao Templo original, construído por Salomão - 2.1-9; Segundo sermão: Cap.2
  • 19. 3. o terceiro, prediz o fim da maldição e o retorno das bênçãos advindas por meio da natureza - 2.10-19; Terceiro sermão: Cap.2
  • 20. 4. o quarto fala da preservação do trono de Israel, representado pela pessoa de Zorobabel, que era da linhagem do rei Davi - 2.20-23. Quarto sermão: Cap.2
  • 21. A reconstrução do Templo do Senhor. 1. Uns 18 anos depois que fecharam os muros de Jerusalém, eles continuavam adorando no altar que fora construído quando chegaram e o Templo do Senhor ficou só no alicerce. 2. Eles estavam dizendo como registra o v.2 que não veio ainda o tempo em que a casa do Senhor deve ser edificada. Uma Justificativa para o pecado de negligencia Mensagem do Livro
  • 22. 3. Cada um foi cuidar dos seus negócios e deixaram a casa de Deus de lado. O profeta então os convida para considerar o seu passado: 3. 1) Como eles foram trazidos de volta de forma em que não esperavam. “sonhos” (Sl.126) 3. 2) Como o retorno deles foi uma manifestação clara da bondade e soberania de Deus. Mensagem do Livro
  • 23. 4. Eles estavam habitando em casas bem construídas (“apaineladas”), enquanto a casa do Senhor não havia saído do projeto, estava em ruínas. Mensagem do Livro
  • 24. Os sinais do desprazer de Deus: • Eles semeavam muito e colhiam pouco. • E o que colhiam não dava para se fartarem. • Os céus se fecharam sobre a vida deles. • Nem sempre conseguimos perceber a relação entre o material e o espiritual em nossas vidas quando estamos frios e em pecado. Mensagem do Livro
  • 25. Os sinais do desprazer de Deus: 1.Deus promete ser propício ao povo - 1.7,8. 2.Quando o povo obedece Deus abençoa. 3.Despertamento espiritual é obra de Deus na vida do seu povo, em face da frieza, indiferença e pecado, 1.14. 4. Mas começa com a liderança 1:14 Mensagem do Livro
  • 26.  A Glória do Segundo Templo. 1. Os que viram a glória do primeiro Templo estavam desalentados, diante daquela casa que eles agora construíam que era menor do que a primeira. 2. Deus anima ao seu povo com a promessa da aliança, 2.5. 3. Mas Deus diz que glória desse Templo será maior. Uma referência escatológica à igreja. Mensagem do Livro
  • 27. A Glória do Segundo Templo. 4. Novamente uma promessa de bênção para o povo mediante a sua obediência, 2.18,19. 5. Ele encerra com uma palavra a Zorobabel, por ser ele um líder da tribo de Davi, e um tipo de Cristo naquele tempo, em quem todos deveriam ser abençoados, 2.20-23. Mensagem do Livro
  • 28. • cuidado! • O nosso coração é enganoso, e pode conduzir-nos a conclusões totalmente equivocadas! • Os judeus, pressionados pelos samaritanos a não dar continuidade à obra de reconstrução do Templo, começaram a concluir que as circunstâncias desfavoráveis significavam um sinal de Deus de que o tempo para esse trabalho ainda não chegara. • Uniram a essa pressão externa a pressão interna muito própria do coração humano Conclusão
  • 29. • Quantas vezes deixamos as coisas do Reino sempre em segundo plano – • "vou construir primeiro a minha casa; cuidar dos meus negócios; depois cuido dos negócios do SENHOR". • o SENHOR e Sua obra são a sua prioridade absoluta, ou você está cedendo a circunstâncias externas e/ou internas para priorizar outras coisas? Conclusão
  • 30. CRISTOLOGIA DO LIVRO • Mensagem Messiânica: • em 2.9 temos uma preciosa mensagem messiânica: “A glória desta última casa será maior do que a da primeira... E neste lugar darei a paz”. • É verdade que, num sentido, a promessa deste texto concretizou-se nas reformas realizadas por Herodes, que deixaram o Templo suntuosíssimo!
  • 31. CRISTOLOGIA DO LIVRO • Todavia, ela se cumpre realmente quando o Messias vem. • Sua presença no próprio pátio do Templo era, literalmente, a glória de Deus em carne e ossos, adornando o Templo! • E mais: nEle (a Pedra Fundamental) foi erigido um Novo Templo, a Igreja, a "segunda casa", já que a primeira (Israel) rejeitou seus privilégios e foi arrasada.
  • 32. AGEU O PROFETA A glória da casa de Deus A reconstrução do templo