3. Aliança com Noé: o Pacto da Graça Comum

2.627 visualizações

Publicada em

Curso Visão Panorâmica da Bíblia, lecionado na Igreja Presbiteriana de Dourados, toda quarta-feira, às 19h30' pelo Rev. Ildemar de Oliveira Berbert.

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

3. Aliança com Noé: o Pacto da Graça Comum

  1. 1. ALIANÇA OU PACTO Gn.3:15
  2. 2. 1) CONCEITO • BERITH – ALIANÇA: Este termo próximo do termo Assírio BERITU, quer dizer: “atar, ligar” Assim, podemos definir aliança: • Como um laço • Um acordo, voluntário ou imposto A aliança que Deus estabelece com o homem, por ser o soberano Criador, com a frágil criatura, (Deus/Homem), não sendo partes iguais, esta aliança vem acompanhada de ordenanças, mandamentos
  3. 3. A QUEDA • A aliança, ou o pacto das obras foi quebrado com nossos primeiros pais (Adão e Eva) • Deus começa a revelar sua misericórdia. • Logo decreta uma inimizade entre a serpente e a mulher, para não dar continuidade. • Deus anuncia a semente do Evangelho (Gn.3:15) Começam duas correntes contrastantes na história: - A semente da serpente : a linhagem maldita – os filhos do homem (Gn.6:3) - A semente da mulher : a linhagem da aliança – Os filhos de Deus (Gn.6:3)
  4. 4. A CORRUPÇÃO DA RAÇA • Dos filhos de Adão – Caim matou Abel: Demonstra que estado original do homem havia sida alterado • Cresceu a maldade na terra e o homem afastou-se de Deus • Sete: A linhagem da aliança • Enoque andou com Deus: remanescente fiel (Gn5:22; • Deus arrepende de ter feito o homem e resolve dar cabo ao homem na terra: violência, iniquidade, maldade – Gn.6 • Deus limita os dias do homem na terra a 120 anos e anuncia o seu juízo sobre a terra (Gn.7:15,16) • Noé, descendente de Sete, achou graça diante de Deus (6:8)
  5. 5. A ALIANÇA COM NOÉ ALIANÇA NATURAL OU ALIANÇA DA GRAÇA COMUM Gn.8:20 a 9:19
  6. 6. 2º. Pacto: O PACTO DA GRAÇA COMUM a) Preservação da raça humana b) Manter as estações do ano para semear, colher, etc. c) Conter as forças da natureza d) Proteger o homem da violência do próprio homem para este não se auto-destruir e) A sucessão da raça (procriar, crescer, multiplicar) e povoar a terra (ordem inicial) DEUS FEZ COM NOÉ A ALIANÇA DE NATUREZA GERAL: IMPLICA:
  7. 7. 2º. Pacto: O PACTO DA GRAÇA COMUM - Esta aliança reflete as bençãos naturais e colocou como sinal o arco da aliança, sob a promessa de que nunca mais destruiria a terra com dilúvio - Deus mantém com os homens e os animais a aliança da graça comum: o sol, a chuva, as estações, casamento, cuidados gerais – estes cuidados são para todos: justos e ímpios – é graça comum: para todos. DEUS FEZ COM NOÉ A ALIANÇA DE NATUREZA GERAL: IMPLICA:
  8. 8. 2º. Pacto: O PACTO DA GRAÇA COMUM a) O novo começo do homem na terra (Gn.9) - O Dilúvio: 40 dias e 40 noites – chuva, as águas inundaram a terra - Após o Dilúvio Noé voltou ao trabalho normal (plantou uma vinha e bebeu dela) - Noé proferiu benção e maldição sobre a sua família (as duas linhagens continuam na terra) - Seus filhos: Sem, Cam e Jafé (Povos diferentes) - Depois de um período de unidade racial sobre a terra, veio o problema da torre de Babel e dispersão voluntária da raça humana... Gn.11;
  9. 9. 2º. Pacto: O PACTO DA GRAÇA COMUM 1) Jafé e seus filhos (Gn.10:2-5) - Estabeleceram-se nas vizinhanças dos mares Negro e Cáspio, e se estenderam até o Oeste da Espanha - Provavelmente os gregos e os Indo-Germânicos e grupos correlatos – vieram de Jafé
  10. 10. Mesopotâmia - os filhos de Jafé
  11. 11. 2º. Pacto: O PACTO DA GRAÇA COMUM 2) Cam (Cão) e seus filhos (Gn.10:6-20) -Os três filhos de Cão (Cuxe, Mizraim e Canaâ), desceram e entraram na África. - Povoaram a terra de Sinear pela Assíria e construíram Cidades como: Nínive, Calá, Babel, Acade e outras - Canaã é amaldiçoado por Noé e ocupou as terras às margens do Mediterrãneo – de Sidom a Gaza (Palestina)
  12. 12. África - os filhos de Cam
  13. 13. 2º. Pacto: O PACTO DA GRAÇA COMUM 3) Sem e seus filhos (Gn.10:21-31) - A Descendência de Sem ocupou o Golfo Pérsico (Atual Turquia e Iraque, às margens dos Rios Tigre e Eufrates, as terras de Ur - Após o ano 2.000 a.C. as cidades de Naor e Mari eram centros fortes da cultura Semita - Daqui em diante a narrativa Bíblica paira sobre a família de Sem, foram 10 gerações até Terá, pai de Abraão, nesta região de Ur dos Caldeus, como ficou conhecida. (Gn.11)
  14. 14. Ur – os filhos de Sem
  15. 15. A ALIANÇA COM NOÉ ALIANÇA NATURAL OU ALIANÇA DA GRAÇA COMUM Gn.8:20 a 9:19

×