Gestão de Condomínios
Partindo de um dos princípios da economia se referindo aos recursos que são difíceis e escassos,
adq...
encargos sociais gerados por esta prestação de serviços.
Mas para as pessoas isso já vem discriminado no balancete do mês....
Esse trabalho foi desenvolvido pelos Contadores Cesar Vieira e Karina Vieira
Preencha o formulário e faça peça um orçament...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Condomínio

255 visualizações

Publicada em

Administre seu Condomínio

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
255
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Condomínio

  1. 1. Gestão de Condomínios Partindo de um dos princípios da economia se referindo aos recursos que são difíceis e escassos, adquirir crédito no Brasil para empreender é muito caro e olhando pelo lado do governo, os quais os investidores são cautelosos em investir no Brasil, inibindo, assim, o desejo dos investidores de empregar seu capital. Outro ponto é a falta de mão de obra especializada em administrar bens e recursos financeiros. Temos observados no mercado escritório fazendo a contabiliade de um condomínio e adminsitração também, confundindo muitas vezes o objetivo principal das duas atividades, onde no contrato de prestação de serviço celebrado afirma somente executar serviços voltados à contabilidade e na prática adminsitrando o condomínio, assumindo toda a parte de contas a pagar, a receber, contratação de prestadores terceirizados, muitas das vezes não fazendo tomada de preço e toda a função de uma administradora, mas com falhas em vários processos. Todo esse serviço seria de resposabilidade do síndico. Estudando estatutos e leis, o síndico deve ser responsável pelo regulamento do condomínio e os apontamentos de obras e contratações através de votação e não ter plenos poderes para assinar documentos isoladamente, sem estudos técnicos e financeiros junto ao escritório contábil ou administradora. Geralmente a pessoa não entende de finanças e até por uma boa vontade, mas por falta de conhecimento acumula obrigações financeiras sem devida urgência comprometendo o caixa do condomínio. Separamos alguns fatores relavantes para uma boa administração aliada com a tecnologia. Propomos que as contas fiquem online e disponíveis em nosso site balanços, balancetes, e todos os relatórios acessórios que possam esclarecer ao morador o que está acontecendo com as contas de seus respectivos condomínios. Isto é Transparência e Clareza da administração. Não há o que esconder devemos apresentar os balancetes reais do condomínio . Pois ao perceber que as contas não estão em harmonia o prórpio morador pode pedir explicações das contas, despesas e fatos contábeis. Podemos economizar tempo e fazer as reuniões com mais acertos, pois ganhamos tempo com isso muitos moradores não podem comparecer nas reuniões mas da maneira que fornecemos as informações fica transparente aos moradores tudo o que está sendo feito na contabilidade e gestão do condomínio. Outro ponto Relevante a destacar a tomada de preços feita a fornecedores no qual os regimentos internos são claros na hora de contratar prestadores ou empresas que fornecem materiais, para que não seja beneficiado tal forncedor e que tenha uma tomada de preços e compra de produtos com valores bons e de qualidade objetivando economia ao condomínio. No processo de tomada de preços muitas administradoras estão adquirindo produtos e serviços além do preço que o mercado pratica. Assim , não há como tomar todas as ações para que garantam que aquele fornecedor tenha capacidade de cumprir um contrato e fornecer material. Existe como avaliar este fornecedor ou prestador através de consultas as certidões negativas de débitos em vários órgãos governamentais, garantindo assim que estas empresas estejam regulamentadas e pagando seus impostos. Observar como é séria a informação, no caso de um prestador de serviço de portaria e limpeza, onde a prestadora que não recolher os impostos, o condomínio é responsável pelos recolhimentos e
  2. 2. encargos sociais gerados por esta prestação de serviços. Mas para as pessoas isso já vem discriminado no balancete do mês. Fazemos a guia deve estar recolhida e a certidão negativa de débitos junto ao INSS e FGTS deve estar em situação regular. Outro fato relevante é que vimos acontecer anteriormente a gestões de administrador, é o aumento do valor do preço acordado em contrato, ao celebrar o contrato de vigência de um ano o prestador é que deve analisar se vai conseguir honrar o contrato o estudo e proposta de preços deveria ser elaborado com maiores informações. No meio da vigência do contrato de prestação de portaria a prestadora chega e afirmar que os valores não cobrem os custos, que tudo teve aumento de preço. Isso não pode ocorrer pois existe um contrato celebrado e com vigência e a renovação deve seguir após o vencimento. Uma boa administração do condomínio faz valer o contrato celebrado até o fim do mesmo. Percebemos que administradores e síndicos a cada renovação trazem prestadores melhores, que trazem brindes bens ao condomínio e quando saem levam tudo e os valores de seus contratos já estão previstos nos custos. É necessário uma boa administração e forte negociadores para que os bens e direitos dos moradores sejam preservados. Existe caso que a prestadora deu supostamente de presente todo equipamento de segurança e cameras e ao sair deixou o condomínio na mão. Sem pedir um prazo para a adequação ou troca do equipamento. Outro ponto abordado pela nossa administração é o controle financeiro. Arrecadações frequentes sem critérios, se já houve um estudo das contas e uma aprovação orçamentária. Poque motivos as contas não fecham. O Sindico ou a Administradora não se preocupa em receber os cotas em atrasos e recorrem frequentemente a arrecadações e a composição de caixa. Adiantamentos de salários, honorários a fornecedores a funcionários isso somos contra a não ser que for um caso de saúde e que o conselho se reúna e tome a decisão naquele momento de existe a possibilidade de uma ajuda. Já foram relatado ao nosso escritório de que os honorários de uma prestadora estava adiantada um mês e a empresa não tinha pago os funcionários do próprio condomínio. Fica claro a falta de conhecimento e de gestão isso não pode ocorrer. E, se ocorrer que exista uma vantagem para o condomínio um desconto nos honorários, devem ser negociadores experientes nesta questão pois com recursos financeiros não se brinca. Seguir o dissído coletivo e observar todas as Leis trabalhistas de prestadores internos do coondomínio evitando multas e outors problemas com síndicatos. Promover um equilibrio entre serviços e e número de funcionários, hoje sabemos que não é possível acumular funções e também somos experiêntes em saber que não é necessário um jardineiro 8 horas por dia este serviços pode ser quizenal por uma prestadora. E que o equilibrio seja feito que não comprometa os serviços e nem a capacidade física de um prestador de serviço. Por último com todos os problemas sanados ou regras bem específicas com metas cobradas diariamente a todos os envolvidos prestadores e administração. Isso causará um certo conforto aos moradores vindo o exemplo do Sindico, Adminstradora, Escritório Contábil e colocaboradores.
  3. 3. Esse trabalho foi desenvolvido pelos Contadores Cesar Vieira e Karina Vieira Preencha o formulário e faça peça um orçamento, estudo de cotenção de despesas, terceirização da contabilidade a administração do condomínio. Maiores informações: Nosso Site: http:www.sarticontabilidade.com.br Contatos: (19)3524-3244 (19) 9 9752-4080 Skype SartiContabilidade Redes Sociais Twitter @sarticontabil

×