Anatomia dentária

575 visualizações

Publicada em

Anatomia dentária - CURSO DE ACD

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
575
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
31
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Anatomia dentária

  1. 1. AnatomiaAnatomia DentáriaDentária
  2. 2. Definição:Definição:  A parte visível do dente é a coroa que é feita deA parte visível do dente é a coroa que é feita de esmalte. Logo abaixo do esmalte está a dentina,esmalte. Logo abaixo do esmalte está a dentina, uma substância mais dura que osso. A gengivauma substância mais dura que osso. A gengiva envolve a base do dente. A raiz do dente comenvolve a base do dente. A raiz do dente com seus vasos sangüíneos e nervos se estendeseus vasos sangüíneos e nervos se estende para dentro do maxilar e fornece circulação epara dentro do maxilar e fornece circulação e sensibilidade ao dente. O alvéolo é a cavidadesensibilidade ao dente. O alvéolo é a cavidade na qual o dente está encaixado. O maxilarna qual o dente está encaixado. O maxilar (superior e inferior) é o osso que contém todos(superior e inferior) é o osso que contém todos os dentes e proporciona estabilidade mobilidadeos dentes e proporciona estabilidade mobilidade para a boca e dentes para a mastigação.para a boca e dentes para a mastigação.
  3. 3. DentesDentes::  Os dentes são orgãos calcificadosOs dentes são orgãos calcificados implantados nos alvéolos e gengivas deimplantados nos alvéolos e gengivas de ambos os maxilares. Sua principalambos os maxilares. Sua principal função consiste em triturar e converterfunção consiste em triturar e converter os alimentos em partículas diminutasos alimentos em partículas diminutas que possam ser ingeridas e digeridas.que possam ser ingeridas e digeridas. Auxiliam na formação das palavras eAuxiliam na formação das palavras e contribuem a dar expressão ao rosto.contribuem a dar expressão ao rosto.  São formados de sais minerais, cálcio,São formados de sais minerais, cálcio, fósforo, magnésio, flúor.fósforo, magnésio, flúor.
  4. 4. Estrutura dos dentes:Estrutura dos dentes:  esmalte, dentina, gengiva, polpa,esmalte, dentina, gengiva, polpa, ligamentos periodontais, canal radicularligamentos periodontais, canal radicular com vasos sangüíneos e nervos, alvéolocom vasos sangüíneos e nervos, alvéolo e maxilar.e maxilar.
  5. 5. Parte dos dentes:Parte dos dentes:  polpa:polpa: encerraencerra vasos sangüíneos, nervos e tecido conjuntivo pouco espesso, com células nervosas especializadas.  coroa: é a camada dura do revestimento, recoberto de esmalte que protege o dente, pode apresentar duas ou mais protuberâncias em sua superfície mastigatória.  esmalte: os materiais que formam o esmalte estão dispostos em prismas hexagonais microscópicos em sentido perpendicular à superfície do dente.
  6. 6.  Raiz:Raiz: é revestida por cemento, e sob ele a dentina internamente àé revestida por cemento, e sob ele a dentina internamente à cavidade pulpar. Os ligamentos alvéolo-dentais prendem o dente aocavidade pulpar. Os ligamentos alvéolo-dentais prendem o dente ao maxilar, onde o osso da mandíbula lhe proporciona suporte e localmaxilar, onde o osso da mandíbula lhe proporciona suporte e local para implantação.para implantação. Partes anatômicas da coroa dos dentesPartes anatômicas da coroa dos dentes  Cúspide- Ponta em forma de triangulo com base quadrangular.elasCúspide- Ponta em forma de triangulo com base quadrangular.elas tem função na oclusão e no articulado dentario.tem função na oclusão e no articulado dentario.  Sulco principal- Escavações profundas em forma de linha naSulco principal- Escavações profundas em forma de linha na superfície dos dentes que separa as cúspides.superfície dos dentes que separa as cúspides.  Sulco secundário- Não separa as cúspides.Sulco secundário- Não separa as cúspides.  Ponte de esmalte- Elevação de esmalte que une duas cúspidesPonte de esmalte- Elevação de esmalte que une duas cúspides opostas.opostas.  Cíngulo- Elevação de esmalte encontrado no terço cervical da faceCíngulo- Elevação de esmalte encontrado no terço cervical da face lingual dos incisivos e caninos.lingual dos incisivos e caninos.
  7. 7. As setas vermelhas indicam a ponte de esmalte
  8. 8. Nomenclatura:Nomenclatura:
  9. 9. Relações Interdentárias:Relações Interdentárias:  Ponto de contato:Ponto de contato: É a relação deÉ a relação de contato entre dois dentes contínuos docontato entre dois dentes contínuos do mesmo arco, através de suas facesmesmo arco, através de suas faces proximais. Tem importância naproximais. Tem importância na manutenção da integridade dasmanutenção da integridade das estruturas, principalmente a gengiva.estruturas, principalmente a gengiva.
  10. 10.  Ameia:Ameia: Entre as faces de contato de doisEntre as faces de contato de dois dentes da mesma arcadadentes da mesma arcada

×