Vulcões

6.123 visualizações

Publicada em

Trabalho realizado por Diana e Gabriela.

Publicada em: Tecnologia, Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.123
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
71
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
111
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Vulcões

  1. 1. Catástrofes Naturais Vulcões
  2. 2.   “ Um vulcão, situado a 150 quilómetros a noroeste de Tóquio, entrou em erupção ao início da manhã de segunda-feira e neste momento é possível distinguir colunas de fumo na região. Segundo a agência meteorológica japonesa não há registo de vítimas. O vulcão encontra-se no cume nevado do Monte Asama, de 2.568 metros de altitude. A agência alertou para a possibilidade de emissão de rochas num perímetro de quatro quilómetros em torno do vulcão. Cinzas vulcânicas já estão a chegar a várias cidades vizinhas e atingiram já o centro de Tóquio. A última erupção do vulcão Asama remonta a Agosto de 2008.” Notícia Vulcão a 150 quilómetros de Tóquio entrou em actividade 02 FEV 09 às 06:36
  3. 3. O Que É Um Vulcão? <ul><li>O Vulcão é uma estrutura geológica criada quando o magma, gases, partículas quentes (como as cinzas) e materiais sólidos (piroclastos-lapilli e bombas) escapam para a superfície terrestre, em altas quantidades (para a atmosfera), podendo causar resfriamento climático temporário. </li></ul><ul><li>As erupções podem ser subdivididas em 4 tipos: efusiva, mista, catastrófica e explosiva. </li></ul><ul><li>Tipicamente, os vulcões apresentam formato cónico e montanhoso e, tendem a formar-se junto das margens das placas tectónicas. No entanto, existem excepções, quando os vulcões aparecem em zonas chamadas de hot spots (pontos quentes). </li></ul><ul><li>A ciência que estuda os vulcões designa-se por vulcanologia. </li></ul>
  4. 5. Caldeiras, como se formam? As caldeiras são geralmente uma grande estrutura vulcânica de colapso localizadas sobre uma câmara magmática. As caldeiras apresentam formas circulares a elípticas com diâmetros que podem ultrapassar dezenas de quilómetros Um dos exemplos mais conhecidos em Portugal é a Lagoa das Sete Cidades, nos Açores.
  5. 6. Como Se Previne? <ul><li>Os microssismos e sismos de baixa magnitude ocorrem sempre que um vulcão &quot;acorda&quot; e a sua entrada em erupção se aproxima no tempo. </li></ul><ul><li>Alguns vulcões possuem normalmente actividade sísmica de baixo nível, mas um aumento significativo desta mesma actividade poderá preceder uma erupção. </li></ul><ul><li>Outro sinal importante é o tipo de sismos que ocorrem. </li></ul><ul><li>A sismicidade vulcânica divide-se em três grandes tipos: tremores de curta duração, tremores de longa duração e tremores harmónicos. </li></ul>
  6. 7. Vantagens Consequências Solos férteis Catástrofes Naturais Exploração de minério Alterações climáticas Alterações climáticas Alterações climáticas Produção de energia eléctrica Utilização para fins medicinais
  7. 8. O monte Santa Helena é um vulcão activo que fica no sudoeste do estado norte-americano de Washington, 160 quilómetros ao sul de Seattle. Após 127 anos de inactividade o vulcão entrou violentamente em erupção no dia 18 de Maio de 1980, às 8h30min, matando 57 pessoas.
  8. 10. O Ojos del Salado é um vulcão com 6.893 metros de altitude, considerado o mais alto vulcão do mundo. É também a segunda mais alta montanha da América do Sul. Está localizado numa região bastante selvagem e muito pouco explorada da fronteira entre Argentina e Chile. Faz parte do Círculo de fogo do Pacífico.
  9. 11. A ilha de Krakatoa , na Indonésia, reduziu para um terço de seu tamanho,quando o vulcão do monte Perboewatan, supostamente extinto, entrou em erupção no dia 27 de Agosto de 1883. A sucessão de erupções e explosões durou 22 horas e houve 36 mil mortos.A sua explosão foi ouvida a mais de 5.000 km.
  10. 13. Pico
  11. 15. Pompeia-Itália Vulcão Vesúvio
  12. 17. H A M I E E F U S I V A B O R S B A R L L A C R A T R V A O T S A P C A - N T M E D E E N U I S T A C S A T R O F I C A O 1 4 5 3 6 8 7 2
  13. 18. Trabalho realizado por: Gabriela Batista,nº11 Diana Ferreira,nº8

×