O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

UXConfBr 2017 "In their Shoes" Sofia Ferrés

310 visualizações

Publicada em

Slides of my speaking at #UXConf Br 2017 in Porto Alegre on the subject: creating a broad-based empathy on a product team. (Portuguese only)

  • Hey guys! Who wants to chat with me? More photos with me here 👉 http://www.bit.ly/katekoxx
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui

UXConfBr 2017 "In their Shoes" Sofia Ferrés

  1. 1. In their shoes: como superar bloqueios de um time a dados trazidos de campo etnográfico. Sofia Ferrés @FlowConsultoria Patrocínio:
  2. 2. em 1949 nos ofereceu seis descobertas sobre 600 mil soldados durante e logo após a II Guerra Mundial, seguidos de comentários interpretativos The American Soldier Paul Lazarsfeld 1901-1976 - austríaco, fundador do depto de Ciências Sociais Aplicadas na Univ. de Columbia
  3. 3. Os soldados mais instruídos sofrem mais problemas de adaptação do que os soldados menos instruídos. (Os intelectuais estavam menos preparados para os estresses de batalha do que pessoas com maior vivência de rua) The American Soldier 1.
  4. 4. Os soldados do sul lidam melhor com o clima quente de Fiji do que os soldados do Norte. (Os sulistas estão mais acostumados ao clima quente) The American Soldier 2.
  5. 5. Os soldados brancos estão mais propensos a ser promovidos a suboficiais do que os soldados negros. (Anos de opressão prejudicam a auto-motivação e realização) The American Soldier 3.
  6. 6. Os negros sulistas preferem oficiais brancos do Sul aos do Norte. (Já que os oficiais do sul eram mais experientes e hábeis na interação com os negros). The American Soldier 4.
  7. 7. Enquanto os combates ocorriam, os soldados estavam mais ansiosos para voltar para casa do que depois que a guerra terminou. (Durante a guerra os soldados sabiam que estavam em perigo de morte). The American Soldier 5.
  8. 8. Homens de origem rural se mantêm num melhor estado de ânimo durante a vida militar se comparado aos soldados de origem urbana. (Os homens rurais estão acostumados a condições de vida pesada). The American Soldier 6.
  9. 9. The American Soldier 1. Os soldados mais instruídos sofrem mais problemas de adaptação do que os soldados menos instruídos. 2. Os soldados do sul lidam melhor com o clima quente de Fiji do que os soldados do Norte. 3. Os soldados brancos estão mais propensos a ser promovidos a suboficiais do que os soldados negros. 4. Os negros sulistas preferem oficiais brancos do Sul aos do Norte. 5. Enquanto os combates continuassem, os soldados estavam mais ansiosos para voltar para casa do que depois que a guerra terminou. 6. Homens de origem rural se mantêm num melhor estado de ânimo durante a vida militar se comparado aos soldados de origem urbana. Depto de Defesa do Governo Americano: todas estas afirmações me parecem óbvias, precisávamos de um estudo tão vasto e tão caro para dizer o que poderíamos ter concluído sozinhos? Paul Lazarsfeld: “every one of these statements is the direct opposite of what was actually found”
  10. 10. num campo etnográfico percorro diferentes realidades, comportamentos, contextos de uso...
  11. 11. cliente feliz paz mundial design para todos agora vai!! justiça social dados de campo
  12. 12. mas ao voltar me deparo com: ambiente de escritório Dia-a-dia indoor Cultura própria Círculos de convívio restritos Baixa circulação de ideias/posturas
  13. 13. equipes e processos mas ao voltar me deparo com: Processos ágeis Time-to-market Pipeline interno As “boas novas” do campo parecem não encontrar recepção no ritmo de agile: continuous, lightweight, cross-functional collaborative process.
  14. 14. mindsets mas ao voltar me deparo com: Pouca flexibilidade Apego à ideia inicial de serviço Descrença na info Certa alienação social
  15. 15. não sou capaz de opinar aff fudeu... minha ideia! R$? são diferentes bloqueios em meio ao time
  16. 16. “Isso é preguiça! Como podemos fazer com que sejam menos preguiçosos?” “Essa participante é alfabetizada? Ela tem cara de analfabeta.” “We can set her as “The Controller Bitch” persona, right? lol” “Que absurdo, o sonho dele é ir no McDonald’s de Buenos Aires, é isso?” ~um certo desânimo~
  17. 17. não tem funcionado: sermão textão sobre luta de classes xororô apontar dedos falar sobre paz desaparecer
  18. 18. por que esse bloqueio ocorre?
  19. 19. Ciência Social formar uma opinião capacidade lógica senso comum ~conclusões que uma pessoa inteligente poderia concluir sozinha~ a falência da ciência...
  20. 20. a falência da ciência… social! Chegamos ao ponto de que nossa sociedade é muito melhor planejando a rota de voo de um foguete interplanetário e pousar uma máquina do tamanho de um carro pequeno em outro planeta do que: -erradicar a pobreza -diminuir o número de fumantes -entender por que pessoas em situação de rua não querem ir para abrigos ((muitos governos ou instituições nem reconhecem problemas sociais como problemas científicos))
  21. 21. essa roupa não fica bem pra essa ocasião... o perigo do senso comum senso comum conjunto pouco organizado de: ● fatos ● observações ● experiências ● revelações ● conhecimento adquirido e acumulado ao longo da vida melhor não falar da minha dermatitis na palestra UXConf... Considerado universalmente algo bom, ele é apenas bom no âmbito pessoal do dia-a-dia. Ele não é “Comum”, ele é Pessoal e Intransferível.
  22. 22. nações mercados culturas empresas o vizinho meu senso comum o perigo do senso comum regras informais um emaranhado de práticas não ensinadas a essência da inteligência social senso comum O senso comum pode minar nossa habilidade de compreender o mundo. Um véu que funciona como grande opressão ao outro.
  23. 23. a nossa lo[ca]pacidade lógica desligiti mização desprezo generali zações opressão problema no âmbito social “eu tenho direito a opinião” aconteceu no passado normatividade ...sem evidências mas com convicção vontade locade ter razão senso comum E G O Cuidar de problemas que estão fora do alcance e entendimento é falsamente aceito como formar uma opinião | direito a opinião | liberdade de expressão. Senso Comum é confundido por Lógica humana. O resultado de uma Lógica racional é confundido por Verdade. Nem tudo que faz sentido é verdade, vide o estudo de Paul Lazarsfeld.
  24. 24. veja bem, não é que eu não goste do ferro. eu até tenho alguns itens de ferro em casa… mas ele podia se comportar de maneira mais tenaz, como o plástico, ser mais flexível, custa ser mais flexível? maldito elétron que não colabora uma questão muito emocional
  25. 25. how to transpass internal blockages? how to build a deeper, richer empathy with user, social stratas, differences? why people are soooo bad? how to legitimize other’s realities and keep that knowledge alive and up-to-date? Eu não estava pensando holisticamente em maneiras de apresentar os resultados. E qual discurso, abordagem, táticas usar. E estava justamente faltando empatia por aqueles a quem devo entregar os resultados.
  26. 26. “venha junto” getting out the building quanto mais o cliente for a campo (diferentes partes da equipe), mais chances de reconhecerem pacificamente outras realidades.
  27. 27. pesquisa ad infinitum living presentation trocar o conceito de pesquisa = evento a ~Grande Pesquisa de 2015~ por muitos ciclos pequenos de campo sem um fim determinado. menos ênfase a resultados finais mídia do campo disponível a toda a empresa
  28. 28. arsenal contra achismos fighting falsehoods “Absurdo gastar dinheiro com Osklen e ter a casa no reboque!” a população observada prioriza ícones de pertencimento social móveis e ‘usáveis’ frente a símbolos de status tradicionais como condições de fachada e bairro 1. análise limpa e direta sobre comportamentos
  29. 29. “Bolsa Família não incentiva a trabalhar. Só incentiva a ter mais filho.” arsenal contra achismos fighting falsehoods 2.estatísticas: os números que eles respeitam Entre 2003 e 2013, o número de filhos de até 14 anos caiu 10,7% no Brasil. No recorte das famílias 20% mais pobres do país, a queda foi de 15,7%. É justamente esse estrato social que inclui os quase 15 milhões de beneficiários do Bolsa Família. FONTE: Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio) IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística)
  30. 30. “Bolsa Família não incentiva a trabalhar. Só incentiva a ter mais filho.” arsenal contra achismos fighting falsehoods 2.estatísticas: os números que eles respeitam Entre 2003 e 2013, o número de filhos de até 14 anos caiu 10,7% no Brasil. No recorte das famílias 20% mais pobres do país, a queda foi de 15,7%. É justamente esse estrato social que inclui os quase 15 milhões de beneficiários do Bolsa Família. FONTE: Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio) IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) E se falarem do Nordeste…?! “A redução é ainda mais significativa no Nordeste, onde está mais da metade dos beneficiários do programa do governo federal. As famílias 20% mais pobres da região registraram queda de 26,4% no número de filhos, maior redução entre todos os estratos de renda do país.
  31. 31. arsenal contra achismos fighting falsehoods 3.teoría neles! Não há leis generalizantes (como na matemática e na física), mas igual a outros sistemas formais de conhecimentos há regras, teoremas e princípios. Arme-se deles! Trate a ciência como ciência. ...social practices x social patterns ...social norms enforcement ...grounded theory ...structural violence theory
  32. 32. “Essa moçada do rolezinho só quer aparecer.” arsenal contra achismos fighting falsehoods 4. foco na implicação do comportamento direto para o produto quais as implicações dos rolezinhos para o seu serviço? de qual maneira o produto vai refletir essa presença e nova cultura?
  33. 33. se nada funcionar: poesia mapas astrais música, mantras filosofia, orações energia positiva
  34. 34. vá pelo mundo como num bosque onde não importa se essa ou aquela árvore está torta entre a variedade de espécies e as múltiplas formas passeie pelo mundo como ele é (acho que é do Rumi mas não tenho certeza, mas faz sentido, então deve ser)
  35. 35. Referências

×