Anda Lisboa! 
Plano de Acessibilidade Pedonal
fazer Lisboa 
para quem?
o problema?
foto: Flickr
foto: Ana Alves de Sousa
foto: Passeio Livre
foto: Passeio Livre
foto: Passeio Livre
foto: O Corvo
foto: Lisboa Inacessível
Ineficiência 
na gestão 
e fiscalização 
CML não dá o 
exemplo 
Peão tratado 
como 
personagem 
secundária 
Falta de 
comp...
porquê um 
Plano?
foto: chefegalo.blogspot
Esforço coordenado e sustentado.
Incidência (n.º de pessoas) dos diferentes tipos de dificuldade, 
na população residente no concelho de Lisboa (com idade ...
Lei 38/2004 não discriminação 
CRP Igualdade 
Lei 46/2006 prática discriminatória 
DL 163/2006 acessibilidade
como foi 
feito?
No passeio… 
55% já caiu 
92% costuma ter 
medo de cair 
93% acha desconfortável 
95% caminhou na estrada
Mapa Potencial Pedonal de Lisboa
CALDEIRA 1.01.1 
Incidente detectado 
Caldeiras abaixo do nível do passeio 
sem grelhas de protecção. 
Solução adequada à ...
estrutura? 
objetivos?
Impedir a Criação de Novas Barreiras
Adaptar as Edificações Existentes
Mobilizar a Comunidade
Exigências Legais
Exigências Legais 
CML
Exigências Legais 
Dep. X 
CML 
Dep. Y Dep. Z
Exigências Legais 
Dep. X 
CML 
Dep. Y Dep. Z 
Orientações e Ações do Plano
1 
Via 
Pública
2 
Equipamentos 
Municipais
3 
Transporte 
Público
4 
Fiscalização 
Particulares
5 
Desafios 
Transversais
QC
QC QC 
QC QC 
QC QC
QC 
Diagnóstico 
Orientações 
Ações
Ação
Ação 
Responsável
Ação 
Responsável 
• Calendário 
• Recursos 
• Orçamento 
• Execução 
• Reporta
Ação 
Responsável 
• Calendário 
• Recursos 
• Orçamento 
• Execução 
• Reporta 
Equipa 
Plano
Indicadores 
Execução 
Produção 
Impacto 
Contexto
Proposta 
Global do 
Plano 
PPGGP 
Propostas 
Anuais de 
Execução 
PAE 
2014 
PAE 
2015 
PAE 
2016 
PAE 
2017 
RAE 
2014 
...
2013 – 2017
Consultoria
MaPPe 
Mapa de Potencial Pedonal
Metodologia 
Base de dados 
Título e Afins mudar aqui 
Análise de Redes 
Análise Multicritério 
Mapa de Potencial 
Pedonal
Rede Viária
Densidade Populacional
Isométricas
Categoria Comércio
Categoria Transportes Públicos
Mapa Potencial Pedonal de Lisboa
Selecção
SIGA 
Sistema de Informação para 
Gestão da Acessibilidade
PRAÇA DE LONDRES 
Componentes Espaço Público 
Passeios 
Passadeiras 
Ilhas Pedonais 
Rampas 
Escadas 
Passagem Desnivelada...
PRAÇA DE LONDRES 
Elementos Espaço Público 
Conforto Urbano 
Gestão de Tráfego 
Gestão de Infraestruturas 
Componentes Esp...
CALDEIRA 1.01.1 
Incidente detectado 
Caldeiras abaixo do nível do passeio 
sem grelhas de protecção. 
Solução adequada à ...
S NAL 
Sistema de Informação sobre 
Atropelamentos em Lisboa
1. Análise 
Estatística
Idosos ( ≥ 65 ) 
29 % total Vítimas 
36 % dos feridos Graves 
35,4 % dos Mortos
2. Análise Espacial
2004-2007 + 2010-2011 
Base de Dados Espacial 
Mapas para Visualização da Informação
Todas as Ocorrências
Densidade + Gravidade 
2010 + 2011 
8M + 4G + 1L
Tipologias 
2004-2007 + 2010-2011 
Densidade
Passagens de Peões de Superfície
Alerta (mín. 80cm) 
Direcção (encaminhamento)
Passeios com Largura Insuficiente
TRANSPORTE 
PÚBLICO
Diagnóstico das condições de acessibilidade 
134 
ao longo da cadeia da viagem 
Factores que condicionam a acessibilidade ...
135 
Antes e Depois 
da Viagem 
Deficiente articulação 
entre operadores 
(Transporlis limitado aos 
operadores associados...
136 
Acesso à rede 
Rede pedonal descontínua 
Percursos ≠ linhas desejo 
Passadeiras com barreiras 
Passeios reduzidos 
Pa...
Obrigado! 
http://acessibilidade.cm-lisboa.pt 
equipa.acessibilidade@cm-lisboa.pt
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM

356 visualizações

Publicada em

Apresentação “O Acesso: A Arquitetura da Cidade” no XI Congresso Nacional da SPEM, a 6 de Dezembro de 2014.

www.spem.pt

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
356
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

“O Acesso: A Arquitetura da Cidade” - Jorge Falcato, XI Congresso Nacional da SPEM

  1. 1. Anda Lisboa! Plano de Acessibilidade Pedonal
  2. 2. fazer Lisboa para quem?
  3. 3. o problema?
  4. 4. foto: Flickr
  5. 5. foto: Ana Alves de Sousa
  6. 6. foto: Passeio Livre
  7. 7. foto: Passeio Livre
  8. 8. foto: Passeio Livre
  9. 9. foto: O Corvo
  10. 10. foto: Lisboa Inacessível
  11. 11. Ineficiência na gestão e fiscalização CML não dá o exemplo Peão tratado como personagem secundária Falta de compromisso político
  12. 12. porquê um Plano?
  13. 13. foto: chefegalo.blogspot
  14. 14. Esforço coordenado e sustentado.
  15. 15. Incidência (n.º de pessoas) dos diferentes tipos de dificuldade, na população residente no concelho de Lisboa (com idade igual ou superior a 5 anos), por grupos etários (fonte: Censos 2011)
  16. 16. Lei 38/2004 não discriminação CRP Igualdade Lei 46/2006 prática discriminatória DL 163/2006 acessibilidade
  17. 17. como foi feito?
  18. 18. No passeio… 55% já caiu 92% costuma ter medo de cair 93% acha desconfortável 95% caminhou na estrada
  19. 19. Mapa Potencial Pedonal de Lisboa
  20. 20. CALDEIRA 1.01.1 Incidente detectado Caldeiras abaixo do nível do passeio sem grelhas de protecção. Solução adequada à ocorrência Regularizar desnível com revestimento em "Terraway Trabalhos a Efectuar Colocação de camadas de gravilha com granulometria de 2-5mm, numa espessura de 3cm, aglomerada com ligante PPA, incluindo movimento de terras, abertura de caixa, compactação do terreno, colocação de camada de brita, aplicação de material compressível junto ao tronco das árvores, e todos os trabalhos e materiais necessários ao perfeito acabamento das superfícies. Custo 48,45€/m2
  21. 21. estrutura? objetivos?
  22. 22. Impedir a Criação de Novas Barreiras
  23. 23. Adaptar as Edificações Existentes
  24. 24. Mobilizar a Comunidade
  25. 25. Exigências Legais
  26. 26. Exigências Legais CML
  27. 27. Exigências Legais Dep. X CML Dep. Y Dep. Z
  28. 28. Exigências Legais Dep. X CML Dep. Y Dep. Z Orientações e Ações do Plano
  29. 29. 1 Via Pública
  30. 30. 2 Equipamentos Municipais
  31. 31. 3 Transporte Público
  32. 32. 4 Fiscalização Particulares
  33. 33. 5 Desafios Transversais
  34. 34. QC
  35. 35. QC QC QC QC QC QC
  36. 36. QC Diagnóstico Orientações Ações
  37. 37. Ação
  38. 38. Ação Responsável
  39. 39. Ação Responsável • Calendário • Recursos • Orçamento • Execução • Reporta
  40. 40. Ação Responsável • Calendário • Recursos • Orçamento • Execução • Reporta Equipa Plano
  41. 41. Indicadores Execução Produção Impacto Contexto
  42. 42. Proposta Global do Plano PPGGP Propostas Anuais de Execução PAE 2014 PAE 2015 PAE 2016 PAE 2017 RAE 2014 Relatórios Anuais de Execução RAE 2015 RAE 2016 RAE 2017
  43. 43. 2013 – 2017
  44. 44. Consultoria
  45. 45. MaPPe Mapa de Potencial Pedonal
  46. 46. Metodologia Base de dados Título e Afins mudar aqui Análise de Redes Análise Multicritério Mapa de Potencial Pedonal
  47. 47. Rede Viária
  48. 48. Densidade Populacional
  49. 49. Isométricas
  50. 50. Categoria Comércio
  51. 51. Categoria Transportes Públicos
  52. 52. Mapa Potencial Pedonal de Lisboa
  53. 53. Selecção
  54. 54. SIGA Sistema de Informação para Gestão da Acessibilidade
  55. 55. PRAÇA DE LONDRES Componentes Espaço Público Passeios Passadeiras Ilhas Pedonais Rampas Escadas Passagem Desnivelada Espaços Verdes Ciclovia Estacionamento
  56. 56. PRAÇA DE LONDRES Elementos Espaço Público Conforto Urbano Gestão de Tráfego Gestão de Infraestruturas Componentes Espaço Público Passeios Passadeiras Ilhas Pedonais Rampas Escadas Passagem Desnivelada Espaços Verdes Ciclovia Estacionamento
  57. 57. CALDEIRA 1.01.1 Incidente detectado Caldeiras abaixo do nível do passeio sem grelhas de protecção. Solução adequada à ocorrência Regularizar desnível com revestimento em "Terraway Trabalhos a Efectuar Colocação de camadas de gravilha com granulometria de 2-5mm, numa espessura de 3cm, aglomerada com ligante PPA, incluindo movimento de terras, abertura de caixa, compactação do terreno, colocação de camada de brita, aplicação de material compressível junto ao tronco das árvores, e todos os trabalhos e materiais necessários ao perfeito acabamento das superfícies. Custo 48,45€/m2
  58. 58. S NAL Sistema de Informação sobre Atropelamentos em Lisboa
  59. 59. 1. Análise Estatística
  60. 60. Idosos ( ≥ 65 ) 29 % total Vítimas 36 % dos feridos Graves 35,4 % dos Mortos
  61. 61. 2. Análise Espacial
  62. 62. 2004-2007 + 2010-2011 Base de Dados Espacial Mapas para Visualização da Informação
  63. 63. Todas as Ocorrências
  64. 64. Densidade + Gravidade 2010 + 2011 8M + 4G + 1L
  65. 65. Tipologias 2004-2007 + 2010-2011 Densidade
  66. 66. Passagens de Peões de Superfície
  67. 67. Alerta (mín. 80cm) Direcção (encaminhamento)
  68. 68. Passeios com Largura Insuficiente
  69. 69. TRANSPORTE PÚBLICO
  70. 70. Diagnóstico das condições de acessibilidade 134 ao longo da cadeia da viagem Factores que condicionam a acessibilidade global da rede Barreiras antes da viagem Barreiras no acesso à rede Barreiras nas interfaces Barreiras no acesso ao veículo Barreiras dentro do veículo Barreiras depois da viagem
  71. 71. 135 Antes e Depois da Viagem Deficiente articulação entre operadores (Transporlis limitado aos operadores associados) Incumprimento W3C nos sites operadores Falhas utilizadores com mobilidade reduzida
  72. 72. 136 Acesso à rede Rede pedonal descontínua Percursos ≠ linhas desejo Passadeiras com barreiras Passeios reduzidos Pavimentos desadequados Estacionamento ilegal Falta piso táctil
  73. 73. Obrigado! http://acessibilidade.cm-lisboa.pt equipa.acessibilidade@cm-lisboa.pt

×