Atribuições do professor conselheiro com a turma de sua responsabilidade

3.827 visualizações

Publicada em

Atribuições do professor conselheiro com a turma de sua responsabilidade

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.827
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
79
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Atribuições do professor conselheiro com a turma de sua responsabilidade

  1. 1. ATRIBUIÇÕES DO PROFESSOR CONSELHEIRO COM A TURMA DE SUA RESPONSABILIDADE SÉRIE: 8ª PROFESSORES PADRINHOS DE TURMA: · Analisar e conhecer o perfil da turma no que ser refere ao aproveitamento, disciplina, frequência. · Estabelecer diálogo junto a turma de sua responsabilidade no sentido de incentivá-la, sensibilizá-la, proporcionando momento de reflexão e discussão que favoreça a melhoria do perfil da turma. · Receber informações dos colegas sobre a turma, registrar os problemas e encaminhá-los oficialmente a direção e a supervisão. · Encaminhar alunos com problemas de aprendizagem indisciplina para a direção e coordenação através da ficha de advertência. · Desenvolver a capacidade de perceber as dificuldades existentes na turma e/ou de · Algum aluno, para que possam ser discutidas, analisadas e sanadas. · Cumprir plantão pedagógico bimestralmente para atendimento aos pais dos alunos que estão sob sua responsabilidade. · Representar a turma sob sua responsabilidade. · Favorecer a criação de ambiente social relacional, favorável ao processo pedagógico. · Dialogar com a turma sobre as dificuldades encontradas, em busca de soluções. · Aconselhar a turma quanto ao comportamento, compromisso e responsabilidade com os estudos. · Trabalhar a autoestima dos alunos. · Defender os interesses da turma, sendo o “elo” entre a turma e a direção e equipe pedagógica. · Colaborar com eventos ou campanhas realizadas na Unidade de ensino através do incentivo aos alunos e colegas de trabalho. · Observar os alunos faltosos junto à equipe para acompanhamento junto à família. · Dialogar com a turma e com os colegas professores sobre as dificuldades encontradas, visando à procura de soluções. · Sempre lembrar a turma sobre a conservação e limpeza da sala de aula. Ser educado com todos, dando este exemplo aos alunos. · Ser o porta voz da turma para transmitir sugestões e reivindicações. · Acompanhar a turma em atividades gerais da escola.
  2. 2. · Incentivar para o estudo diário, bem como auxiliar a desenvolver bons hábitos (leitura, produções, envolvimento em campanhas e atividades complementares, quando possível). COMO? ATRAVÉS DE... · Momento reflexivos semanais, quinzenais ou mensais sobre valores; · Diálogos/debates/ leituras de mensagens; · Socialização dos resultados; · Solicitação de auxílio da direção ou supervisão, quando a turma apresentar problemas; · Convocação dos pais quando houver necessidade; · Participação em conselhos de classe e condução das reuniões de pais. O PROFESSOR CONSELHEIRO POR QUÊ? A escola é espaço de construção, sistematização, apropriação e socialização do conhecimento. Ao mesmo tempo pela pluralidade de ideias, valores e as múltiplas formas de expressar os mesmos, torna-se também espaço de conflitos, oposições. Toda essa complexidade pode ser fator de crescimento profissional, institucional e humano, mas ao mesmo tempo se não bem gestada pode ser entrave aos processos de aprendizagem e geradores de angústia, insatisfação, intolerância. Conflitos, agressividade mútua, gera insatisfação, angústia, compromete a aprendizagem. Sem um entendimento mínimo e tolerância é impossível se estabelecer um ambiente uma relação que favoreça o aprender. Acredita-se que o diálogo, a compreensão, o compromisso são elementos indispensáveis para que se consiga terra fértil... Entendendo que o professor, por ser o profissional dentro da escola que mantém o maior tempo de contato com o aluno e que possui uma relação direta com o mesmo, este é o elemento chave. Assim faz-se necessário o investimento no sentido de se construir boas relações, procurando minimizar a
  3. 3. indisciplina, expressa através da indiferença, agressividade, resistência às atividades, palavrões.... Diante do exposto propõe-se a implantação de um mecanismo de representatividade dos professores junto aos alunos e comunidade escolar, o PROFESSOR CONSELHEIRO, que será elemento de ligação/mediação entre alunos e demais comunidade escolar. PARA QUE? · Aumentar níveis de aproximação entre professores, alunos e toda a comunidade escolar; · Estabelecer estratégias de luta contra a indisciplina e os desestímulos entre alunos e educadores; · Compreender o perfil da cada turma, seus problemas, limites e possibilidades; · Melhorar o nível de aprendizagem dos alunos; · Favorecer a criação de ambiente social relacional, favorável ao processo pedagógico.

×