Escola Básica e Secundária de Artur GonçalvesTorres Novas          ACTIVIDADE LABORATORIAL 1.2          SÍNTESE DO SULFATO...
Questão - ProblemaO que se pode fazer com amoníaco?O amoníaco é uma substância utilizada mundialmente em larga escala para...
Questões propostas:   1. «Os cristais de sulfato de cobre (II) penta-hidratado devem ser reduzidos a pó»       Apresente u...
4. “Sabe-se que os cristais obtidos se decompõem facilmente a temperaturas baixas.”        Sugira um processo de secar os ...
6. Explicar todas as observações efectuadas ao longo do trabalho, nomeadamente:                                           ...
CUIDADOS A TER COM O AMONÍACO Na presença de amoníaco devem-se ter alguns cuidados, nomeadamente: - Não ingerir: Perigoso....
CUIDADOS A TER COM O SULFATO DE COBRE PENTA-HIDRATADO                                                                     ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Actividade laboratorial 1.2 SÍNTESE DO SULFATO DE TETRAAMINACOBRE (II) MONO-HIDRATADO

32.213 visualizações

Publicada em

SÍNTESE DO SULFATO DE TETRAAMINACOBRE (II)
MONO-HIDRATADO

Publicada em: Educação
0 comentários
16 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
32.213
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
63
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
16
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Actividade laboratorial 1.2 SÍNTESE DO SULFATO DE TETRAAMINACOBRE (II) MONO-HIDRATADO

  1. 1. Escola Básica e Secundária de Artur GonçalvesTorres Novas ACTIVIDADE LABORATORIAL 1.2 SÍNTESE DO SULFATO DE TETRAAMINACOBRE (II) MONO-HIDRATADODisciplina: Física e Química AProfessora: Maria de Jesus OliveiraAno Lectivo: 2010/2011Ano/Turma: 11.ºB Liliana Narciso Maria João Costa Rute Antunes Rui Oliveira Torres Novas, 10 de Março de 2010
  2. 2. Questão - ProblemaO que se pode fazer com amoníaco?O amoníaco é uma substância utilizada mundialmente em larga escala para a síntesede muitas outras, usadas como fertilizantes, monómeros para polímeros, produtos delimpeza, refrigeração (no estado líquido), explosivos e corantes. A actividade propostaé a síntese de um sal que é usado em estamparia têxtil e como fungicida - o sulfato detetraaminacobre (II) monohidratado. Actividade Laboratorial 1.2 – Síntese de Tetraaminacobre (II) Mono-HidratadoOrganização dos resultados: Medições Observações MASSAS m(CuSO45H2O) 5.00 Azul-escuro (g) m(papel de filtro) 0.50 ------------------------- m(papel de filtro + 4.32 ------------------------- [Cu(NH3)4]SO4H2O) VOLUMES V(NH3 a 24%) 8.0 Incolor (mL) V(H2O) 5.0 Incolor V(C2H5OH a 96%) 8.0 Incolor V(NH3 a 25%) (lavagem) 5.0 Incolor V(C2H5OH a 96%) (lavagem) 5.0 IncolorCalcular a massa de CuSO45H2O CuSO45H2O (s) M(CuSO45H2O)= 249.72g/mol n(CuSO45H2O)= 0.02mol m(CuSO45H2O)= (1)(1)Página 2 de 7
  3. 3. Questões propostas: 1. «Os cristais de sulfato de cobre (II) penta-hidratado devem ser reduzidos a pó» Apresente uma explicação para este procedimento. Para aumentar a eficácia do sulfato de cobre(II) penta-hidratado se dissolver na água. 2. Identificar o reagente limitante desta reacção. CuSO45H2O (s) + 4NH3 (aq)[Cu(NH3)4]SO4H2O (s) + 4H2O(l) Actividade Laboratorial 1.2 – Síntese de Tetraaminacobre (II) Mono-Hidratado CuSO45H2O (s) 4NH3 (aq) M(CuSO45H2O)= 249.72g/mol M(NH3)= 17.04g/mol n(CuSO45H2O)= 0.02mol V(NH3)=8.0 cm3 m(CuSO45H2O)= 5g n(NH3)= (3) ρ (CuSO45H2O) = 0.9 g/cm3 m(NH3)= (2)   (2) – Determinar a massa (3) – Determinar a quantidade de moles Reagente limitante - CuSO45H2O (s) Reagente excesso - 4NH3 (aq) 3. “Os cristais obtidos por síntese são muito finos.” Indique o tipo de filtração mais adequado. O tipo de filtração utilizada é através de pressão reduzida (por sucção) porque as partículas são muito pequenas, e por um questão de tempo e também permite a filtração do líquido em excesso sem permitir a passagem do precipitado.Página 3 de 7
  4. 4. 4. “Sabe-se que os cristais obtidos se decompõem facilmente a temperaturas baixas.” Sugira um processo de secar os cristais sem correr o risco da sua decomposição. Devem lavar-se os cristais com álcool etílico e depois devem ser deixados em repouso, no fim de seco o filtro até evaporar o restante produto secundário e álcool etílico. Este repouso deve ser feito dentro de uma caixa de Petri, dentro de uma Actividade Laboratorial 1.2 – Síntese de Tetraaminacobre (II) Mono-Hidratado estufa. 5. Calcule o rendimento desta reacção de síntese. CuSO45H2O (s) + 4NH3 (aq)[Cu(NH3)4]SO4H2O (s) + 4H2O(l) Reagente limitante CuSO45H2O (s) M(CuSO45H2O)= 249.72g/mol n(CuSO45H2O)= 0.02mol m(CuSO45H2O)= 5g ρ (CuSO45H2O) = 0.9 g/cm3   Número de moles – teórica 1mol CuSO45H2O ___________ 1 mol [Cu(NH3)4]SO4H2O 0.02 mol CuSO45H2O ___________ x x= 0.02 mol [Cu(NH3)4]SO4H2OMassa de [Cu(NH3)4]SO4H2O = m(papel de filtro + [Cu(NH3)4]SO4H2O) - m(papel de filtro) = 4.32 - 0.50 =3.82 gNúmero de moles – realM([Cu(NH3)4]SO4H2O)= 63.55 + 4x 14.01 + 12 x 1.01 + 32.07 + 16.0 x 4 + 2 x 1.01 + 16.0 = 245.8 g/molPágina 4 de 7
  5. 5. 6. Explicar todas as observações efectuadas ao longo do trabalho, nomeadamente: Actividade Laboratorial 1.2 – Síntese de Tetraaminacobre (II) Mono-Hidratado -cor do sulfato de cobre antes e depois de triturado: inicialmente ao colocar o sulfato de cobre no vidro de relógios para eventuais pesagens, este tinha uma cor azulada, e após a sua trituração no almofariz a cor tornou-se num azul mais claro relativamente ao inicial -cor da mistura após a filtração de amoníaco a 24% 7. Justificar o uso de solução aquosa de amoníaco a 24% e de álcool etílico a 96% para lavagem dos cristais. O líquido mais adequado para lavar os cristais é o álcool, porque, ao contrário da água, não dissolve os cristais. 8. Justifica o uso de exsicador na secagem dos cristais. Se os cristais se decompoem em contacto com o calor excessivo e por exposição prolongada ao ar então, uma forma de secar os cristais, sem estes estarem nem em contacto com o calor nem em contacto com o ar, seria a utilização de um exsicador. Este permite a secagem pois os cristais de sílica gel que possui no seu interior absorvem a humidade e tem uma tampa isolante que não permite a entrada de ar. ESQUEMA SINTESE H20 (l) NH3(aq) 24% CUSO45H2O(s) 5.0mL 8.0mL 0.02mol [Cu(NH3)4]+2 (aq) C2H5OH (l) 96% 8.0mLFiltração [Cu(NH3)4]SO4H2O(s)Lavagem [Cu(NH3)4]SO4H2O(s) +Secagem Fase Líquida Página 5 de 7
  6. 6. CUIDADOS A TER COM O AMONÍACO Na presença de amoníaco devem-se ter alguns cuidados, nomeadamente: - Não ingerir: Perigoso. Os sintomas incluem náusea e vómitos, causando danos aos lábios, boca e esófago. - Não inalar: Os vapores são extremamente irritantes e corrosivos. - Usar luvas: Soluções concentradas podem produzir queimaduras severas e necroses. Actividade Laboratorial 1.2 – Síntese de Tetraaminacobre (II) Mono-Hidratado - Nos olhos: Pode causar danos permanentes, inclusive em quantidades pequenas. O amoníaco é corrosivo, nocivo e ainda perigoso para o ambiente, sendo estes os símbolos de segurança: Ao estar em contracto com o amoníaco na realização de uma actividade que o envolva é muito importante a utilização de luvas, bata, máscara, óculos e da hotte.CUIDADOS A TER COM O ALCOOL ETÍLICOR 11 Facilmente inflamável.S 2 Manter fora do alcance das crianças.S 7 Manter o recipiente bem fechado.S 16 Manter afastado de qualquer chama ou fonte de ignição. – Não fumar.S 46 Em caso de ingestão consultar imediatamente um medico e mostrar-lhe a embalagemou o rótulo.Página 6 de 7
  7. 7. CUIDADOS A TER COM O SULFATO DE COBRE PENTA-HIDRATADO Actividade Laboratorial 1.2 – Síntese de Tetraaminacobre (II) Mono-Hidratado Nocivo por ingestão. Irritante para os olhos e pele. Muito tóxico para os organismos aquáticos, podendo causar efeitos nefastos a longo prazo no ambiente aquático. Não respirar as poeiras. Este produto e o seu recipiente devem ser eliminados como resíduos perigosos. Evitar a libertação para o ambiente. Obter instruções especificas - fichas de segurança.Página 7 de 7

×