SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
CIÊNCIAS CONTÁBEIS
ADRIANA DE OLIVEIRA SANTOS
MARIA MIRIAN VIEIRA SANTIAGO
RAILEIDE...
ADRIANA DE OLIVEIRA SANTOS
MARIA MIRIAN VIEIRA SANTIAGO
RAILEIDE MAIA DE LIMA
ROSÉLIA Mª DA SAÚDE AVELINO MARINHO
SILVANEI...
SUMÁRIO
1 INTRODUÇÃO ........................................................................................................
3
1 INTRODUÇÃO
Com base nos fatos, o presente trabalho foi elaborado, com objetivo de
apresentar alguns processos contábei...
4
2 DESENVOLVIMENTO
2.1 RESGATE DA APLICAÇÃO FINANCEIRA
Neste tópico deve ser calculado o valor da aplicação a ser resgata...
Mesa Executiva Job 9000
Inventário Permanente – Custo Médio Ponderado Móvel
Data Histórico
Entrada Saída Saldo
Quant. Valo...
07-03-13 Fornecedores Devolução
Vr. Ref. devolução de
compras
2.250,00
07-03-13 Estoques para Revenda Pis a Recolher
Vr. R...
TOTAL 37.240,00 32.920,00 4.320,00
Conta: Contas a Receber
Data Histórico Débito Crédito Saldo
28-02-13 Vr. Ref. Contas a ...
9
Conta: Móveis e Utensílios
Data Histórico Débito Crédito Saldo
28/02/2013 Vr. Ref. Compra de Moveis e Utensilio 7.890,00...
mercadorias
TOTAL 4.458,00
Conta: ICMS sobre Vendas
Data Histórico Débito Crédito Saldo
08-03-13 Vr. Ref. A ICMS s/vendas ...
12
2.4 BALANCETE DE VERIFICAÇÃO
Conta Débito Crédito
Caixa 27.687,00
Bancos Conta Movimento 4.320,00
Contas a Receber 4.11...
Despesas Administrativas 1.705,00
Rendimentos de Aplicação Financeira 285,95
TOTAL 232.381,33 148.359,07
13
2. 5 REGIONALI...
Ao realizarmos as entrevistas pudemos constatar que as empresas
consultadas, não sabem exatamente da importância da realiz...
15
3 CONCLUSÃO
Nem todas as empresas despertaram para a necessidade de planejar,
controlar e acompanhar as atividades oper...
16
REFERÊNCIAS
Matemática Financeira II; São Paulo; [Pearson Education do Brasil]; [2009]
Contabilidade intermediária; São...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Processo Contábil Empresa Comercial – 3º Semestre

4.621 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
2 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Tenho esse trabalho pronto individual e em grupo CONTABILIDADE COMERCIAL 3º Semestre 2015, se estiver alguem interessado entre em contato no e-mal: aleksbraw@gmail.com
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Tenho esse trabalho pronto individual e em grupo CONTABILIDADE COMERCIAL 3º Semestre, se estiver alguem interessado entre em contato no e-mal: aleksbraw@gmail.com
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.621
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
177
Comentários
2
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Processo Contábil Empresa Comercial – 3º Semestre

  1. 1. SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO CIÊNCIAS CONTÁBEIS ADRIANA DE OLIVEIRA SANTOS MARIA MIRIAN VIEIRA SANTIAGO RAILEIDE MAIA DE LIMA ROSÉLIA Mª DA SAÚDE AVELINO MARINHO SILVANEIDE DA SILVA SALES SILVIANA DA SILVA SALES CONTABILIDADE COMERCIAL “Produção textual interdisciplinar em grupo – 3º Semestre” Limoeiro do norte 2013
  2. 2. ADRIANA DE OLIVEIRA SANTOS MARIA MIRIAN VIEIRA SANTIAGO RAILEIDE MAIA DE LIMA ROSÉLIA Mª DA SAÚDE AVELINO MARINHO SILVANEIDE DA SILVA SALES SILVIANA DA SILVA SALES CONTABILIDADE COMERCIAL “Produção textual interdisciplinar em grupo – 3º Semestre” Trabalho de produção textual interdisciplinar em grupo apresentado à Universidade Norte do Paraná − UNOPAR, 3º semestre. Orientadores: Prof. Fabio Rogério Proença, Regiane Alice B. Moraes, Valdeci da Silva Araujo, Joenice Leandro Diniz dos Santos, Sergio de Goes Barboza, Rodrigo de Menezes Trigueiro. Limoeiro 2013
  3. 3. SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO .......................................................................................................03 2 DESENVOLVIMENTO ...........................................................................................04 2.1 PROJEÇÃO DE RESGATE DA APLICAÇÃO ....................................................04 2.2 INVENTÁRIO PERMANENTE − CONTROLE DE ESTOQUE............................05 2.3 CONTABILIZAÇÃO − LIVRO DIARIO E LIVRO RAZÃO.....................................06 2. 3. 1 Livro Diário......................................................................................................06 2. 3. 2 Livro Razão.....................................................................................................07 2. 4 BALANCETE DE VERIFICAÇÃO.......................................................................12 2. 5 REGIONALIZANDO............................................................................................13 2. 5. 1 Entrevista Empresário / Contador ..................................................................13 2. 5. 2 Respostas Obtidas .........................................................................................14 3 CONCLUSÃO........................................................................................................ 15 4 REFERÊNCIAS......................................................................................................16
  4. 4. 3 1 INTRODUÇÃO Com base nos fatos, o presente trabalho foi elaborado, com objetivo de apresentar alguns processos contábeis essenciais dentro de uma empresa e mostrar que a contabilidade não é, e não deve ser usada só como instrumento de informações tributarias, mas também para ajudar os administradores nas tomadas de decisões e no processo de gestão, planejamento, execução e controle.
  5. 5. 4 2 DESENVOLVIMENTO 2.1 RESGATE DA APLICAÇÃO FINANCEIRA Neste tópico deve ser calculado o valor da aplicação a ser resgatada em 30/12/2013, com os valores dos juros mensalmente, referente a aplicação financeira realizada no Banco RVA S/A. Tabela Aplicação Financeira Mês Juros Mensais Valor 21.500,00 Março 285,95 21.785,95 Abril 289,753135 22.075,70314 Maio 293,6068517 22.369,30999 Junho 297,5118229 22.666,82180 Julho 301,4687301 22.968,29053 Agosto 305,4782641 23.273,76879 Setembro 309,541125 23.583,30992 Outubro 313,6580219 23.896,96794 Novembro 317,8296736 24.214,79761 Dezembro 322,0568083 24.536.85 5 2.2 INVENTÁRIO PERMANENTE – CONTROLE DE ESTOQUES FICHA DE CONTROLE DE ESTOQUE
  6. 6. Mesa Executiva Job 9000 Inventário Permanente – Custo Médio Ponderado Móvel Data Histórico Entrada Saída Saldo Quant. Valor Unit. Total Quant. Valor Unit. Total Quant. Valor Unit. Total 28/02/13 Estoque inicial 40 360,00 14.400,00 40 360,00 14.400,00 06-03-13 Compras á Prazo 40 450,00 18.000,00 80 405,00 32.400,00 07-03-13 Devolução de compras (5) 450,00 2.250,00 75 402,00 30.150,00 08-03-13 Vendas á vista 30 402,00 12.060,00 45 402,00 18.090,00 21-03-13 Compras á vista 30 440,00 13.200,00 75 417,20 31.290,00 22-03-13 Vendas á prazo 27 417,20 11.264,40 48 417,20 20.025,60 FICHA DE CONTROLE DE ESTOQUE Cadeira Presidente Executiva 2000 Inventário Permanente – Custo Médio Ponderado Móvel Data Histórico Entrada Saída Saldo Quant. Valor Unit. Total Quant. Valor Unit. Total Quant. Valor Unit. Total 28/02/2013 Estoque inicial 30 200,00 6.000,00 30 200,00 6.000,00 06-03-13 Compras a prazo 30 250,00 7.500,00 60 225,00 13.500,00 08-03-13 Vendas a vista 40 225,00 9.000,00 20 225,00 4.500,00 21-03-13 Compras a vista 25 260,00 6.500,00 45 244,44 11.000,00 22-03-13 Vendas 30 244,44 7.333,20 15 244,4446 3.666,80 26-03-13 Devolução Vendas (15) 225,00 3.375,00 30 234,72 7.041,80 6 2.3 CONTABILIZAÇÕES – LIVRO DIÁRIO E LIVRO RAZÃO 2.3.1 Livro Diário Data Conta Devedora Conta Credora Histórico Valor 01-03-13 Aplicação Financeira Bancos Conta Movimento Vr. Ref. Aplicação n/data, juros comp. 1,33% a. m 21.000,00 02-03-13 Caixa Contas a receber Vr. Ref. A rec. A vendas a prazo 1.250,00 06-03-13 Compra de Mercadoria Fornecedores Vr. Ref. Compra de Merc. A prazo 17.500,00 06-03-13 Pis a Recuperar Estoques para Revenda Vr. Ref. Pis sobre compras 288,75 06-03-13 Cofins a Recuperar Estoques para Revenda Vr. Ref. Cofins sobre compras 1.330,00 06-03-13 Icms a Recuperar Estoques para revenda Vr. Ref. ICMS sobre compras 3.150,00
  7. 7. 07-03-13 Fornecedores Devolução Vr. Ref. devolução de compras 2.250,00 07-03-13 Estoques para Revenda Pis a Recolher Vr. Ref. Pis sobre Devolução de compras 37,12 07-03-13 Estoques para Revenda Cofins a Recolher Vr. Ref. Cofins sobre Devolução de compras 171,00 07-03-13 Estoques para Revenda Icms a Recolher Vr. Ref. Icms sobre Devolução de compras 405,0 08-03-13 Caixa Vendas de Mercadorias Vr. Ref. A venda a vista 28.000,00 08-03-13 Pis s/ Vendas Pis a Recolher Vr. PIS sobre vendas 290,00 08-03-13 Cofins s/ Vendas Cofins a Recolher Vr. COFINS sobre vendas 1.300,00 08-03-13 Icms s/ Vendas Icms a Recolher Vr. ICMS sobre vendas 2.300,00 13-03-13 Fornecedores Bancos conta Movimento Pg. Ref. Compras de merc. Fev/2013 11.420,00 21-03-13 Compra de Mercadorias Caixa Vr. Ref. Compra de merc. A vista 19.760,00 21-03-13 Pis a Recuperar Estoques para Revenda Vr. Ref. Pis sobre compras a vista 326,04 21-03-13 Cofins a Recuperar Estoques para Revenda Vr. Ref. Cofins sobre compras a vista 1.501,00 21-03-13 Icms a Recuperar Estoques para revenda Vr. Ref. Icms sobre compras a vista 3.556,80 22-03-13 Contas a Receber Vendas de Mercadoria Vr Ref. Venda avista de mercadoria 21.810,00 22-03-13 Pis s/ Vendas Pis a Recolher Vr. Ref. Pis sobre vendas 359,00 22-03-13 Cofins s/ Vendas Cofins a Recolher Vr. Ref. Cofins sobre vendas 1.657,58 22-03-13 Icms s/ Vendas Icms a Recolher Vr. Ref. Icms sobre vendas 3.925,00 26-03-13 Devolução de Vendas Caixa Vr. Ref. Devolução de venda a vista em 08/03/2013 4.350,00 26-03-13 Pis a Recuperar Pis s/ Vendas Vr. Ref. Pis sobre Devolução de vendas 71,77 26-03-13 Cofins a Recuperar Cofins s/ Vendas Vr. Ref. Cofins sobre Devolução de vendas 330,60 26-03-13 Icms a Recuperar Icms s/ Vendas Vr. Ref. Icms sobre Devolução de vendas 783,00 27-03-13 Fornecedores Caixa Pg. Ref. Compra avista de 06/03/2013. Desc. 0,8% 140,00 29-03-13 Aplicação Financeira Rend. Aplic. Financeira Vr. Ref. Aplicação financeira 01/03/2013 285,95 2.3.2 Livro Razão Conta: Caixa Data Histórico Débito Crédito Saldo 28-02-13 Saldo Inicial 4.447,00 4.447,00 02-03-13 Vr. Ref. A contas a receber 19.250,00 23.697,00 08-03-13 Vr. Ref. A venda de mercadorias 28.100,00 51.797,00 21-03-13 Vr. Ref. A compra de mercadorias 19.760,00 32.037,00 26-03-13 Vr. Ref. A devolução 4.350,00 27.687,00 TOTAL 51.797,00 24.110,00 27.687,00 Conta: Bancos Conta Movimento Data Histórico Débito Crédito Saldo 28-02-13 Vr. Ref. Saldo Inicial 37.240,00 37.240,00 01-03-13 Vr. Ref. Aplic. financeira 21.500,00 15.740,00 13-03-13 Vr. Ref. Pagamento de conta 11.420,00 4.320,00
  8. 8. TOTAL 37.240,00 32.920,00 4.320,00 Conta: Contas a Receber Data Histórico Débito Crédito Saldo 28-02-13 Vr. Ref. Contas a Receber 25.340,00 25.340,00 02-03-13 Vr. Ref. A venda de mercadoria 21.810,00 47.150,00 22-03-13 Vr. Ref. Contas a receber 19.250,00 27.900,00 TOTAL 23.361,81 19.250,00 4.111,81 8 Conta: Aplicação Financeira Data Histórico Débito Crédito Saldo 01-03-13 Vr. Ref. Aplicação financeira 21.500,00 21.500,00 31-03-13 Vr. Ref. Rendimento da aplicação em 01/032013 285,95 285,95 TOTAL 21.785,95 21.785,95 Conta: ICMS a Recuperar Data Histórico Débito Crédito Saldo 06-03-13 Vr. Ref. A ICMS a Recuperar 3.150,00 3.150,00 21-03-13 Vr. Ref. A ICMS a Recuperar 3.556,80 6.706,80 26-03-13 Vr. Ref. A ICMS a Recuperar 783,00 7.489,80 TOTAL 7.489,80 7.489,80 Conta: Pis a Recuperar Data Histórico Débito Crédito Saldo 06-03-13 Vr. Ref. A PIS á Recuperar 288,75 288,75 21-03-13 Vr. Ref. A PIS á Recuperar 326,04 614,79 26-03-13 Vr. Ref. A PIS á Recuperar 71,77 686,56 TOTAL 686,56 686,56 Conta: Cofins a Recuperar Data Histórico Débito Crédito Saldo 06-03-13 Vr. Ref. A COFINS á Recuperar 1.330,00 1.330,00 21-03-13 Vr. Ref. A COFINS á Recuperar 1.501,76 2.831,76 26-03-13 Vr. Ref. A COFINS á Recuperar 330,60 3.162,36 TOTAL 3.162,36 3.162,36 Conta: Estoques para Revenda Data Histórico Débito Crédito Saldo 28-02-13 Vr. Ref. Saldo Inicial 36.280,00 36.280,00 06-03-123 Vr. Ref. Comp. de mercadoria 17.500,00 53.780,00 21-03-13 Vr. Ref. Comp. A vista 19.760,00 73.540,00 TOTAL 73.540,00 73.540,00 Conta: Veículos de Uso Data Histórico Débito Crédito Saldo 28-02-13 Vr. Ref. Compra de veiculo 45.000,00 45.000,00 TOTAL 45.000,00 45.000,00
  9. 9. 9 Conta: Móveis e Utensílios Data Histórico Débito Crédito Saldo 28/02/2013 Vr. Ref. Compra de Moveis e Utensilio 7.890,00 7.890,00 TOTAL 7.890,00 7.890,00 Conta: Depreciação Acumulada Data Histórico Débito Crédito Saldo 28-02-13 Vr. Ref. Depreciação 9.450,00 9.450,00 TOTAL 9.450,00 9.450,00 Conta: Fornecedores Data Histórico Débito Crédito Saldo 28-02-13 Saldo Inicial 22.740,00 22.740,00 06-03-13 Vr. Ref. A Compras 17.500,00 5.240,00 07-03-13 Vr. Ref. A Devolução 2.250,00 7.490,00 13-03-13 Vr. Ref. A Compras 11.420,00 18.910,00 TOTAL 13.670,00 40.240,00 26.570,00 Conta: ICMS a Recolher Data Histórico Débito Crédito Saldo 07-03-13 Vr. Ref. A ICMS a recolher de devolução 405,0 405,00 08-03-13 Vr. Ref. A ICMS a recolher de vendas 2.300,00 1.895,00 22-03-13 Vr. Ref. A ICMS a recolher de vendas 3.925,80 5.820.80 TOTAL 5.820.80 Conta: PIS a Recolher Data Histórico Débito Crédito Saldo 29-02-12 Vr. Ref. A PIS a recolher de devolução 37,12 37,12 06-03-12 Vr. Ref. A PIS a recolher de venda 290,00 252,88 07-03-12 Vr. Ref. A PIS a recolher de venda 359,86 612,74 TOTAL 612,74 Conta: Cofins a Recolher Data Histórico Débito Crédito Saldo 07-02-13 Vr. Ref. A COFINS a recolher de devolução 171,00 171,00 08-03-13 Vr. Ref. A COFINS a recolher de venda 1.300,00 1.129,00 22-03-13 Vr. Ref. A COFINS a recolher de venda 1.657,00 2.786,58 TOTAL 2.786,58 10 Conta: Capital Social Data Histórico Débito Crédito Saldo 28-02-13 Vr. Ref. A Capital Social 98.375,00 98.375,00 TOTAL 98.375,00 Conta: Receita de Vendas Data Histórico Débito Crédito Saldo 28-02-13 Vr. Ref. A receita de venda 45.452,00 45.452,00 08-03-13 Vr. Ref. A receita de venda de mercadorias 28.100,00 17.352,00 22-03-13 Vr. Ref. A receita de venda de 21.810,00 4.458,00
  10. 10. mercadorias TOTAL 4.458,00 Conta: ICMS sobre Vendas Data Histórico Débito Crédito Saldo 08-03-13 Vr. Ref. A ICMS s/vendas 2.300,00 2.300,00 22-03-13 Vr. Ref. A ICMS s/vendas 3.925,80 6.225,80 26-03-13 Vr. Ref. A ICMS s/vendas 783,00 5.442.80 TOTAL 6.225.80 783,00 5.442,80 Conta: PIS sobre Vendas Data Histórico Débito Crédito Saldo 08-03-123 Vr. Ref. A PIS s/vendas 290,00 290,00 22-03-13 Vr. Ref. A PIS s/vendas 359,86 649,86 26-03-13 Vr. Ref. A PIS s/vendas 71,79 578,07 TOTAL 649,86 71,79 578,07 Conta: COFINS sobre Vendas Data Histórico Débito Crédito Saldo 08-03-13 Vr. Ref. A COFINS s/vendas 1.300,00 1.300,00 22-03-13 Vr. Ref. A COFINS s/vendas 1.657,58 2.957,58 26-03-13 Vr. Ref. A COFINS s/vendas 330,60 2.626,98 TOTAL 2.957,58 330,60 2.626,98 Conta: Devolução de Vendas Data Histórico Débito Crédito Saldo 26-03-13 Vr. Ref. A devolução de vendas 4.350,00 4.350,00 TOTAL 4.350,00 Conta: Custo das Vendas Data Histórico Débito Crédito Saldo 28-02-13 Vr. Ref. A custos da mercadorias 2.005,00 22.005,00 TOTAL 22.005,00 Conta: Despesas Administrativas Data Histórico Débito Crédito Saldo 28-02-13 Vr. Ref. A despesas administrativas 1.705,00 1.705,00 TOTAL 1.705,00 Conta: Rendimentos Aplicação Financeira Data Histórico Débito Crédito Saldo 29-03-13 Vr. Ref. A rend. Aplic. Financeira 285,95 285,95 TOTAL 285,95
  11. 11. 12 2.4 BALANCETE DE VERIFICAÇÃO Conta Débito Crédito Caixa 27.687,00 Bancos Conta Movimento 4.320,00 Contas a Receber 4.111,81 Aplicação Financeira 21.785,95 ICMS a Recuperar 7.489,80 Pis a Recuperar 686,56 Cofins a Recuperar 3.162,36 Estoque para Revenda 73.540,00 Veículos de Uso 45.000,00 Móveis e Utensílios 7.890,00 Depreciação Acumulada 9.450,00 Fornecedores 26.570,00 ICMS a Recolher 5.820,80 Pis a Recolher 612,74 Cofins a Recolher 2.786,58 Capital Social 98.375,00 Receita de Vendas 4.458,00 ICMS sobre Vendas 5.442,80 Pis sobre Vendas 578,07 Cofins sobre Vendas 2.626,98 Devolução de Vendas 4.350,00 Custo das Vendas 22.005,00
  12. 12. Despesas Administrativas 1.705,00 Rendimentos de Aplicação Financeira 285,95 TOTAL 232.381,33 148.359,07 13 2. 5 REGIONALIZANDO 2.5.1 Entrevista Empresário / Contador Digital Micro − Controle de estoque: sim existe um controle de estoque eficiente, um sistema informatizado com entrada e saída de mercadorias. − Tributação da empresa: Simples nacional, pois ao realizamos nossas atividade vimos que era melhor optar pelo simples nacional que para nós é a melhor forma de d administração da empresa no momento. − Cumprimento dos princípios contábeis: são seguidos em parte. Poly Informática − Controle de estoque: sim existe um controle de estoque eficaz. − Tributação da empresa: simples nacional, não foi realizado nem uma forma de planejamento, a forma de tributação dessa empresa foi decidida pelo contador. − Cumprimento dos princípios contábeis: sim Claudio Informática −Controle de estoque eficiente: não existe −Tributação da empresa: Simples nacional. Escolhida através da indicação feita por parte do contador, devido ser a mais adequada para a empresa. −Cumprimento dos princípios contábeis: são seguidos em parte.
  13. 13. Ao realizarmos as entrevistas pudemos constatar que as empresas consultadas, não sabem exatamente da importância da realização de certos processos contábeis, e as que possuem mais conhecimento, não estão inteiramente interessadas em aplicá-los devido exigir mais compromisso e acompanhamento dos próprios donos. Todas as empresas entrevistadas utilizam o método da média ponderada para fazer o controle do estoque. No que diz respeito ao princípio da 14 entidade nem todas se adequam dentro dessa estrutura, pois alguns proprietários não diferenciam seus bens e compras pessoais da pessoa jurídica, afetando assim os relatórios e até mesmo o estoque real da loja. Já os demais princípios estão sendo mais aproveitados dentro das entidades. Quanto ao regime tributário, todas optam pelo Simples Nacional, pelo fato de serem empresas de pequeno e médio porte e terem o faturamento anual até R$ 1.800.000,00, e por que não trabalham em sociedades econômicas. Não havendo assim a necessidade de análises mais detalhadas por parte dos contadores, para a escolha da tributação. 2.5.2 Opinião sobre as Respostas Obtidas: De forma bem abrangente os contadores da região tem percepções sobre a ética na profissão contábil, bem parecidas. Estes contabilistas veem a ética profissional como um fator determinante para o crescimento deles mesmos e das empresas da qual eles prestam serviço, se tornando assim um fator indispensável na execução dessa profissão. Cumprindo assim, o zelo, a dedicação, a honestidade e a integridade na realização de seu trabalho.
  14. 14. 15 3 CONCLUSÃO Nem todas as empresas despertaram para a necessidade de planejar, controlar e acompanhar as atividades operacionais. A contabilidade é uma ferramenta fundamental para auxiliar em todo esse processo, pois uma organização que não possua um sistema contábil que possa lhe fornecer as informações necessárias, possivelmente não terá, de maneira transparente, comprovação de que está seguindo na direção certa ou desejada. Podemos concluir com o trabalho que, as informações corretas e oportunas é fator decisivo para as empresas manterem-se competitivas perante as constantes mudanças no cenário econômico mundial, que hoje é cada vez mais frequente.
  15. 15. 16 REFERÊNCIAS Matemática Financeira II; São Paulo; [Pearson Education do Brasil]; [2009] Contabilidade intermediária; São Paulo; [Pearson Education do Brasil]; [2009] Empresas Entrevistadas; Digital Micro; Poly informática e

×