Interdisciplinaridade

10.296 visualizações

Publicada em

Estes slides abordam a interdiscplinaridade, questão matemática interdisciplinar e sua resolução, sua aplicabilidade, dicionário interdisciplinar, introdução, conclusão.

Publicada em: Tecnologia, Imóveis
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
10.296
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
290
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Interdisciplinaridade

  1. 1. INTERDISCIPLINARIDADE<br />Compromisso com a totalidade.<br />(Ivani Fazenda)<br />
  2. 2. Interdisciplinaridade“Não há uma palavra que possa definir plenamente seu significado.”<br />
  3. 3. Pode ser considerada uma estratégia de flexibilização e integração das disciplinas, no campo do ensino e da cultura de novos conhecimentos. É ela quem articula os saberes e oferece a compreensão, olimite e a função exata e adequada das disciplinas.<br />
  4. 4.
  5. 5. PROBLEMA INTERDISCIPLINAR<br />Leia a tabela abaixo, sobre o número de habitantes do Município de Votolândia<br /> <br />
  6. 6. Com base nos dados da tabela, responda:<br />Quantos moradores tem na zona rural?<br />Quantos moradores tem na zona urbana?<br />Qual é o total de moradores do sexo feminino?<br />Qual é o total de moradores do sexo masculino?<br />Nesta cidade há mais moradores masculino na zona rural ou urbana? Qual a diferença?<br />Há mais mulheres na zona rural ou na zona urbana?<br />Aproxime para a unidade de milhar mais próxima o total de moradores:<br />- do sexo masculino da zona urbana: ..........................................................<br />- do sexo masculino da zona rural: .............................................................<br />- do sexo feminino da zona urbana:............................................................<br />- do sexo feminino da zona rural: ..............................................................<br />A quinta parte dos homens que mora em Votolândia tem mais de sessenta anos. Assim sendo, quantos habitantes do sexo masculino residentes nessa cidade estão na terceira idade?<br />Faça os gráficos de setores do problema, relacionando as zonas e outro relacionando os sexos.<br />
  7. 7. Resolução:<br />Há, na zona rural, um total de 110290 moradores.<br />Na zona urbana há 167627 moradores.<br />142782 são moradores do sexo feminino.<br /> 135135 são moradores do sexo masculino.<br />Na zona urbana há mais moradores masculinos com o total de 82134. A diferença é de 29133 moradores.<br />Há mais mulheres na zona urbana totalizando 85493.<br />82000 moradores masculinos aproximadamente na zona urbana.<br />53000 moradores masculinos aproximadamente na zona rural.<br />85000 moradores femininos aproximadamente na zona urbana.<br />57000 moradores femininos aproximadamente na zona rural.<br />1/5 de 135135 tem mais de 60 anos, assim 1/5 . 135135 = 27027 habitantes do sexo masculino com mais de 60 anos.<br />
  8. 8. Gráficos das zonas e dos sexos<br />
  9. 9. Conteúdos interdisciplinares utilizados:<br />Matemática: abordando os cálculos.<br />Geografia: relacionando as estatísticas da zona rural e urbana.<br />Biologia: definindo a quantidade dos sexos feminino e masculino da localidade. Ainda aborda a população da terceira idade, deixando subentendido que se 1/5 da população tem mais de 60 anos os outros 4/5 são de adultos até 59 anos, jovens e crianças.<br />Português: interpretação de texto. <br />
  10. 10. Interdisciplinaridade - dicionário<br />
  11. 11. APLICABILIDADE<br />Este tipo de problema pode ser aplicado com alunos do segundo segmento do Ensino Fundamental, em diferentes momentos, como por exemplo, uma estatística feita na comunidade de cada grupo de aluno. Dividi-os em grupos de acordo com os bairros e peça a eles que pesquisem, além da quantidade de pessoas do sexo feminino e masculino, a questão da quantidade e filhos, ou questão financeira, ou ainda, emprego/desemprego, ou fumantes e não-fumantes, ou o que faz para ajudar o meio ambiente etc. Para isso será necessário construir uma planilha com perguntas e respostas. Depois da colheita de dados, os alunos organizarão em diferentes gráficos e pesquisar livros, músicas e vídeos que abordem o assunto pesquisado. Junta todos os dados, cada grupo apresenta a sua conclusão à turma e o professor encerra com a sugestão de leituras sobre o tema (pode ser um livro inteiro sugerido ou ler uma poesia ou pensamento sobre), uma música para reflexão e um vídeo.<br />
  12. 12. AVALIAÇÃO<br />A avaliação é um diagnóstico, uma ferramenta para que o professor possa encontrar uma forma de ajudar o aluno a aprender e a si mesmo, ensinar. Além disso, pode determinar quanto e em que nível os objetivos estão sendo atingidos. Para isso é necessário o uso de instrumentos e procedimentos de avaliação adequados. Neste problema especificamente, o professor poderá avaliar o empenho dos alunos na realização da tarefa por completo, em quanto auxilia seus colegas (se sabe ou não trabalhar em grupo), o empenho em trazer informações que não foram pedidas, como interpretam as informações para desenharem gráficos, etc.O ensino fragmentado leva o professor a avaliar parcialmente o aluno mas considerar totalmente, o que gera o fracasso escolar. Quando disciplinas se integram, se completam e se contextualizam, o professor cumpre seu papel de mediador do conhecimento, o aluno, por sua vez, torna-se seguro e capaz pois entende as disciplinas como um todo e também suas particularidades.Enfim, avaliar interdisciplinarmente requer atitude política e pedagógica, que demanda coragem, afetividade e muita dedicação. "Educar é crescer. E crescer é viver. Educação é, assim, vida no sentido mais autêntico da palavra". (Anísio Teixeira) <br />
  13. 13. CONCLUSÃOOs desafios da educação começam no conceito e se estende por todos os seus aspectos. A interdisciplinaridade constitui uma forma de saber como se pode ou devemos entender o conceito de educação. Seus desafios são permanentes, próprios de cada situação social e histórica. O ato de educar, na sua origem e natureza, envolve processos de transformação e, por isso, implica numa concepção que pressupõe dificuldades naturais. Essa importante mudança e seus muitos aspectos não pode ser considerada um fim, algo que deva ser conquistada a qualquer custo, mas uma estratégia, uma razão instrumental, uma mediação entre o simples e o complexo, entre as partes e o todo.Quando a educação deixar de pensar particular e começar a considerar a totalidade, o progresso será muito superior ao esperado.“A principal meta da educação é criar homens que sejam capazes de fazer coisas novas, não simplesmente repetir o que outras gerações já fizeram. Homens que sejam criadores, inventores, descobridores. A segunda meta da educação é formar mentes que estejam em condições de criticar, verificar e não aceitar tudo que elas se propõe.” (Jean Piaget)<br />
  14. 14. Trabalho sobre Interdisciplinaridade, elaborado por Rosiany Moraes para a disciplina Tópicos em Aritmética, Álgebra e Geometria para o Ensino Médio, para o LANTE UFF.<br />Baseado em livros da autora Ivani Fazenda.<br />

×