Texto Aveztruz - Mario Prata

241 visualizações

Publicada em

Publico Alvo: 5ªSérie 6ºAno
Apreciar a leitura;
Decodificar os elementos presente no texto;
Contextualizar o tema abordado.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
241
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
18
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Texto Aveztruz - Mario Prata

  1. 1. 1. IDENTIFICAÇÃO DO GRUPO (GRUPO 01) Adriana C. F. Ferezin Adriana de Cássia Neves Adriana Tamires Lopes Angelita Ap. de Carvalho Cássia Baldinotti Cátia F. N. S. Alves Cleidimar Dalben Rastelli
  2. 2. 2. TEXTO “AVESTRUZ” (FONTE: PRATA, Mário. Avestruz. 5ª. Série 6º Ano - Caderno do Aluno – Pág. 9 Volume 2)
  3. 3. 3. OBJETIVO 3.1 Apreciar a leitura; 3.2 decodificar os elementos presentes no texto; 3.3 contextualizar o tema abordado; 3.4 reconhecer o gênero - Crônica; 3.5 possibilitar o contato do aluno com diversos gêneros textuais.
  4. 4. 4. PÚBLICO ALVO 5ª. SÉRIE / 6º ANO 4.1 NÚMERO DE AULAS PREVISTAS: 06 AULAS
  5. 5. 5. PROPOSTA DE TRABALHO ANTES DA LEITURA • organizar os alunos em grupos; • apresentar o título e a biografia do autor; • pedir que levantem hipóteses sobre ele; • perguntar aos alunos se conhecem a ave; seus hábitos, habitat; se já tiveram a oportunidade de conhecê-lo de perto; se acham que é possível ter um animal deste porte em um apartamento; como é viver em um apartamento; se eles têm algum animal de estimação.
  6. 6. 6. Durante a leitura • O professor fará, inicialmente, uma leitura de fruição. • Pedirá aos alunos que chequem se a leitura condiz ou não com o título; • Solicitará aos alunos que façam uma leitura silenciosa, com levantamento do vocabulário desconhecido.
  7. 7. 6. DURANTE A LEITURA 6.1 o professor faz uma leitura de fruição, sem mencionar o final; 6.2 possibilitar levantamento de hipóteses para o desfecho do texto; 6.3 pedir que os alunos façam uma leitura silenciosa, com levantamento do vocabulário desconhecido; 6.4 apresentar outros tipos de texto que tenham animais como personagens (fábulas, músicas, contos
  8. 8. 7. DEPOIS DA LEITURA • 7.1 Apresentar as características do gênero crônica; • 7.2 retomar os elementos da narrativa; pedindo que identifique-os. • 7.2 questionar se o desfecho está compatível com o título; • 7.2 socializar o vocabulário pesquisado; • 7.3 propor a produção de um texto narrativo individual, cujo tema esteja relacionado com um animal de estimação; • 7.4 socializar os textos produzidos.
  9. 9. 8. REFERÊNCIAS TEXTOS: 1. PRATA, Mário. Avestruz. 5ª. Série 6º Ano - Caderno do Aluno – Pág. 9 Volume 2) 2. O Menino-Avestruz (Contos do Oriente). 3. A Menina do Ovo de Avestruz (Contos Africanos) MÚSICA: de-di-paula-ze-henrique.musicas.mus.br/letras FOTOS: culturamix.com
  10. 10. MÚSICA AVESTRUZ (Dé Di Paula & Zé Henrique) Tava cansado de viver lá na roça De andar só de carroça, resolvi então mudar Vendi meu sítio, vendi vaca e galinha E peguei tudo que eu tinha na cidade fui morar O meu dinheiro tava num banco guardado Veio um cara engomado disse vou te dar uma luz Mais que depressa peguei o meu capital Fiz um negocio legal comprei tudo em avestruz O paladar desse bicho é aguçado Ta no seu papo guardado o dinheiro que eu pus Avestruz hoje eu to enrolado Avestruz que bichinho esfomeado Avestruz come terra e come gado Avestruz realmente to quebrado Pra me ajudar a tocar este negocio Arrumei foi muito sócio veja só no que foi dar Cabeleireira empenhou sua tesoura Diarista a vassoura hoje vive a reclamar Tinha um amigo que dizia ser esperto Teve prejuízo certo hoje ta desesperado Foi a motoca, foi a égua e a poupança Realmente foi lambança, só deu cheque carimbado Até o vovô que guardava um dinheirinho Comprou quatro filhotinhos lá se foi seu ordenado Avestruz hoje eu to enrolado Avestruz que bichinho esfomeado Avestruz come terra e come gado Avestruz realmente to quebrado Neste negócio de comprar este bichinho Fiquei falando sozinho e agora o que fazer Comeu o carro, foi também a camioneta Só não foi a bicicleta pois não consegui vender Era feliz e vivia controlado Com a família do lado não devia pra ninguém Na quebradeira que esse bicho me deixou Minha mulher me abandonou e meus amigos também To apertado igual um pinto no ovo Este bicho é um estorvo, nem me fale nesse trem Avestruz hoje eu to enrolado Avestruz que bichinho esfomeado Avestruz come terra e come gado Avestruz realmente to quebrado Avestruz, comeu até minha aposentadoria!!!
  11. 11. FELIZ DIA DAS MÃES!!!!!!

×