SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 28
A IMPORTÂNCIA DO




ROSANA DE ROSA
   2012-5-6
O perdão é um processo
 mental ou espiritual de
cessar o sentimento de
ressentimento ou raiva
contra outra pessoa ou
   contra si mesmo.
O Perdão


     Muito frequentemente
     interpretamos o perdão
     como sendo simples
     ato de virtude e
     generosidade, em
     auxílio do ofensor, por
     parte da vítima.
POSSÍVEIS
 CONSEQUENCIAS
NA FALTA DO PERDÃO
Sentimento de Mágoa
Mágoa retida é doença
para o Espírito, a quem
corrói as forças físicas e
envenena a alma.
É necessário, para a
própria paz, ante
quaisquer ofensa, perdoar
sempre.
Eis por que Jesus disse
que não se deveria
perdoar apenas sete
vezes, mas setenta vezes
sete vezes.
 FORÇA DO PERDÃO
Sentimento de
Arrependimento & Remorso
  O arrependimento é a auto
  confissão da violação das
  leis morais, repensando no
  ato que praticou, e
  empenhando-se em repará-lo
  e não mais repetir o mesmo
  erro.
  O remorso é a postura
  doentia do arrependimento
  mal compreendido, que nada
  constrói. Gera auto
  destruição e paralisa ao
  invés de promover
  aprendizado.
  ACEITE QUE VOCÊ/OUTRO
           ERRA
"O bom pai deixa sempre aberta a
   seus filhos uma porta para o
        arrependimento.”
         "O Evangelho Segundo o Espiritismo”
Sentimento de Culpa
A culpa como o
remorso não tem fins
produtivos.

Vai levar a si mesmo
ou o outro a
repressão e medo e
não a correção e
consciência.

O recurso da culpa é
largamente utilizada
para manipulação e
domínio nas
Aprisionamento Psíquico

o Enquanto não
  perdoamos o outro, a
  energia criada pelos
  sentimentos
  desencadeados, ficam
  ocupando lugar na
  nossa mente.

o Ficamos sintonizados,
  inconformados, e tudo
  que ela/ele faz chama
  nossa atenção, parece
POSSÍVEIS
CONSEQUENCIAS
 QUE GERAM A
NECESSIDADE DO
    PERDÃO
Excesso de Expectativas
o Agrava nosso sentimento de
  ressentimento, raiva, magoa, as
  expectativas que criamos nas
  relações com o outro.
o Fiz tudo por ela e quando
  precisei ela nao
  correspondeu.....

o Pela minha necessidade de
  muito receber muito resolvo dar,
  e depois cobro a altura do que
  dei.

  Volte-se para si e analise seu
  nível de carência e expêctativas
O Inimigo e as Projeções
 O inimigo mora dentro do Ser, embora teime
 em acreditar que são aqueles que se
 interpõem em seu caminho contrariando-o.
 Os inimigos externos que encontra
 geralmente servem para sinalizar aqueles
 pontos obscuros no Ser, dificilmente
 percebidos fora da presença deles.
 Geralmente aponta nos outros os erros que
 existem em si mesmo.
Perdoar aos inimigos é pedir perdão para si
próprio; perdoar aos amigos é dar lhes uma
             prova de amizade.
             Evangelho cap X
Reconhecimento
Nunca conseguimos a
real satisfação vinda
do reconhecimento do
outro sobre o nosso
verdadeiro Eu.
                         Por que
O que conseguimos é     buscam
um feedback positivo    os?
ou negativo sobre o
que mostramos ao
outro.
Desejos Irracionais
o   Queremos muitas vezes que ele
    sofra, passe a mesma dor e
    iniciamos uma perseguição mental
    e fisica.

    Fazemos o julgamento que ele não
    merece que nada de bom lhe
    aconteça, depois do que fez para
    nós.

o   Sofremos se ele for promovido,
    casar... Pois achamos que a
    Justiça divina deve estar conosco.
PASSOS
   PARA A
RECONCIALIÇÃO
O Perdão
Quando
conseguimos
desculpar o erro ou
a provocação de
alguém,
exoneramos o mal
de qualquer
compromisso para
conosco, ao mesmo
tempo que nos
desvencilhamos de
todos os laços que
poderiam nós
aprisionar.
Há duas maneiras bem
diferentes de perdoar:

            Uma, grande, nobre,
            verdadeiramente
            generosa, que evita,
            com delicadeza, ferir o
            amor-próprio do
            adversário, ainda
            quando este último
            nenhuma justificativa
            possa ter.
Há duas maneiras bem
diferentes de perdoar:
A outra é aquela em que
o ofendido, impõe ao
outro condições
humilhantes e lhe faz
sentir o peso de um
perdão que irrita, em vez
de acalmar.

Se estende a mão ao
ofensor, não o faz com
benevolência, mas com
ostentação, a fim de
poder dizer a toda gente:
Reconciliação

Nessas circunstâncias, é
impossível uma
reconciliação sincera de
parte a parte. Não há
nesse modo de perdoar
qualquer generosidade;
há tão somente uma
forma de satisfazer ao
orgulho.
Família
No convívio familiar
somos,
constantemente,
chamados a perdoar,
porque estamos,
muitas vezes, diante
de antigos desafetos.

Precisamos, por isso,
de muito perdão no
ambiente familiar, para
alcançar a máxima da
reparação e
desenvolvimento de
todos.
Reconcilia-se depressa com o
         adversário
          Por que depressa:

o   Por que aquele que não
    perdoa, adoece

o   Perde a alegria de viver

o   Leva o sentimento de
    vingança para outras
    encarnações

o   Pode tornar-se um obsessor
    ou um obsediado.
UMA NOVA
CONDUTA
Afaste-se por um tempo para
  facilitar a quebra da sintônia
     enquanto trabalha seus
            sentimentos.
Desintenfique a convivência para ir
 amenisando suas emoções, para
    um retorno forte e seguro.
Conduta

Precisamos cultivar
compreensão e apoio
construtivo, no amparo a
todos que nos
relacionamos, com
paciência e entendimento
diante de quaisquer
ofensas que nos façam.
Auto Perdão
 A vida do Ser nada mais é do
 que a expressão de quem ele
 é.

 O auto perdão é assumir quem
  você é, nem melhor nem pior
        do que ninguém.

É a capacidade de Auto
       Aceitação
Perdão
 Quando somos
 capazes de nos
   Auto Aceitar
temos facilidade
   de Aceitar o
Outro e cada vez
   menos nos
  indispormos.
Perdoar
    é ato de amor
Quem perdoa cresce
Quem recebe o perdão
     renova-se
BOA SEMANA
  A TODOS

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Palestra a poder da oração
Palestra a poder da oraçãoPalestra a poder da oração
Palestra a poder da oraçãoÂngela Moraes
 
Palestra Sobre O Amor
Palestra Sobre O AmorPalestra Sobre O Amor
Palestra Sobre O Amorguestaa6f1b
 
Indulgencia www.forumespirita.net
Indulgencia www.forumespirita.netIndulgencia www.forumespirita.net
Indulgencia www.forumespirita.netFórum Espírita
 
Cap 15 Fora da caridade não há salvação
Cap 15 Fora da caridade não há salvaçãoCap 15 Fora da caridade não há salvação
Cap 15 Fora da caridade não há salvaçãogmo1973
 
Cap.15 evangelho segundo espiritismo
   Cap.15 evangelho segundo espiritismo   Cap.15 evangelho segundo espiritismo
Cap.15 evangelho segundo espiritismorodrigo ariola
 
Palestra Espírita - Bem aventurados os misericordiosos
Palestra Espírita - Bem aventurados os misericordiososPalestra Espírita - Bem aventurados os misericordiosos
Palestra Espírita - Bem aventurados os misericordiososDivulgador do Espiritismo
 
O homem de bem, grande desafio
O homem de bem, grande desafioO homem de bem, grande desafio
O homem de bem, grande desafioGraça Maciel
 
Capítulo 1 do Evangelho Segundo o Espiritsmo - Não vim destruir e lei
Capítulo 1 do Evangelho Segundo o Espiritsmo - Não vim destruir e leiCapítulo 1 do Evangelho Segundo o Espiritsmo - Não vim destruir e lei
Capítulo 1 do Evangelho Segundo o Espiritsmo - Não vim destruir e leiEduardo Ottonelli Pithan
 
O centro espírita
O centro espíritaO centro espírita
O centro espíritanelmarvoc
 
Nao Julgues Compreenda
Nao Julgues CompreendaNao Julgues Compreenda
Nao Julgues CompreendaGraça Maciel
 
Dores da Alma, a psicologia das dores humanas
Dores da Alma, a psicologia das dores humanasDores da Alma, a psicologia das dores humanas
Dores da Alma, a psicologia das dores humanasEduardo Ottonelli Pithan
 
Cap 13 Não saiba a vossa mão esquerda o que dê a vossa mão direita
Cap 13 Não saiba a vossa mão esquerdao que dê a vossa mão direitaCap 13 Não saiba a vossa mão esquerdao que dê a vossa mão direita
Cap 13 Não saiba a vossa mão esquerda o que dê a vossa mão direitagmo1973
 
Respeito a crença alheia
Respeito a crença alheiaRespeito a crença alheia
Respeito a crença alheiaGraça Maciel
 

Mais procurados (20)

A lei de amor ppt
A lei de amor pptA lei de amor ppt
A lei de amor ppt
 
ReconciliaçãO Com Os AdversáRios
ReconciliaçãO Com Os AdversáRiosReconciliaçãO Com Os AdversáRios
ReconciliaçãO Com Os AdversáRios
 
Palestra a poder da oração
Palestra a poder da oraçãoPalestra a poder da oração
Palestra a poder da oração
 
Palestra Sobre O Amor
Palestra Sobre O AmorPalestra Sobre O Amor
Palestra Sobre O Amor
 
Indulgencia www.forumespirita.net
Indulgencia www.forumespirita.netIndulgencia www.forumespirita.net
Indulgencia www.forumespirita.net
 
Cap 15 Fora da caridade não há salvação
Cap 15 Fora da caridade não há salvaçãoCap 15 Fora da caridade não há salvação
Cap 15 Fora da caridade não há salvação
 
Pedi e Obtereis 2016
Pedi e Obtereis 2016Pedi e Obtereis 2016
Pedi e Obtereis 2016
 
Cap.15 evangelho segundo espiritismo
   Cap.15 evangelho segundo espiritismo   Cap.15 evangelho segundo espiritismo
Cap.15 evangelho segundo espiritismo
 
Palestra Espírita - Bem aventurados os misericordiosos
Palestra Espírita - Bem aventurados os misericordiososPalestra Espírita - Bem aventurados os misericordiosos
Palestra Espírita - Bem aventurados os misericordiosos
 
Honrai a vosso pai e a vossa
Honrai a vosso pai e a vossaHonrai a vosso pai e a vossa
Honrai a vosso pai e a vossa
 
O homem de bem, grande desafio
O homem de bem, grande desafioO homem de bem, grande desafio
O homem de bem, grande desafio
 
Capítulo 1 do Evangelho Segundo o Espiritsmo - Não vim destruir e lei
Capítulo 1 do Evangelho Segundo o Espiritsmo - Não vim destruir e leiCapítulo 1 do Evangelho Segundo o Espiritsmo - Não vim destruir e lei
Capítulo 1 do Evangelho Segundo o Espiritsmo - Não vim destruir e lei
 
O centro espírita
O centro espíritaO centro espírita
O centro espírita
 
Nao Julgues Compreenda
Nao Julgues CompreendaNao Julgues Compreenda
Nao Julgues Compreenda
 
Casamento & Divórcio na Visão Espírita
Casamento & Divórcio na Visão EspíritaCasamento & Divórcio na Visão Espírita
Casamento & Divórcio na Visão Espírita
 
Dores da Alma, a psicologia das dores humanas
Dores da Alma, a psicologia das dores humanasDores da Alma, a psicologia das dores humanas
Dores da Alma, a psicologia das dores humanas
 
Causas anteriores das aflições
Causas anteriores das afliçõesCausas anteriores das aflições
Causas anteriores das aflições
 
Motivos de Resignação
Motivos de ResignaçãoMotivos de Resignação
Motivos de Resignação
 
Cap 13 Não saiba a vossa mão esquerda o que dê a vossa mão direita
Cap 13 Não saiba a vossa mão esquerdao que dê a vossa mão direitaCap 13 Não saiba a vossa mão esquerdao que dê a vossa mão direita
Cap 13 Não saiba a vossa mão esquerda o que dê a vossa mão direita
 
Respeito a crença alheia
Respeito a crença alheiaRespeito a crença alheia
Respeito a crença alheia
 

Semelhante a 2012-5-6-Palestra-A Importância do Perdão-Rosana De Rosa

Semelhante a 2012-5-6-Palestra-A Importância do Perdão-Rosana De Rosa (20)

As fases do perdão
As fases do perdãoAs fases do perdão
As fases do perdão
 
Casamento com propósito
Casamento com propósitoCasamento com propósito
Casamento com propósito
 
Conflitos psicológicos
Conflitos psicológicosConflitos psicológicos
Conflitos psicológicos
 
Perdao
PerdaoPerdao
Perdao
 
TCC - Perdão
TCC - Perdão TCC - Perdão
TCC - Perdão
 
LiçãO 09 A Arte Do PerdãO
LiçãO 09 A Arte Do PerdãOLiçãO 09 A Arte Do PerdãO
LiçãO 09 A Arte Do PerdãO
 
Lição 01 adeus a culpa
Lição 01  adeus a culpaLição 01  adeus a culpa
Lição 01 adeus a culpa
 
Lição 01 adeus a culpa
Lição 01  adeus a culpaLição 01  adeus a culpa
Lição 01 adeus a culpa
 
Lição 01 adeus a culpa
Lição 01  adeus a culpaLição 01  adeus a culpa
Lição 01 adeus a culpa
 
Perdão.pptx
Perdão.pptxPerdão.pptx
Perdão.pptx
 
Perdao
PerdaoPerdao
Perdao
 
Vantagem do perdao
Vantagem do perdaoVantagem do perdao
Vantagem do perdao
 
Perdo 130429173017-phpapp01
Perdo 130429173017-phpapp01Perdo 130429173017-phpapp01
Perdo 130429173017-phpapp01
 
Relações sociais
Relações sociaisRelações sociais
Relações sociais
 
BEM AVENTURADOS OS MISERICORDIOSOS
BEM AVENTURADOS OS MISERICORDIOSOSBEM AVENTURADOS OS MISERICORDIOSOS
BEM AVENTURADOS OS MISERICORDIOSOS
 
Fora Da Caridade NãO Há SalvaçãO
Fora Da Caridade NãO Há SalvaçãOFora Da Caridade NãO Há SalvaçãO
Fora Da Caridade NãO Há SalvaçãO
 
O exercício do perdão
O exercício do perdãoO exercício do perdão
O exercício do perdão
 
O Perdão,lei de Evolução e Progresso
O Perdão,lei de Evolução e ProgressoO Perdão,lei de Evolução e Progresso
O Perdão,lei de Evolução e Progresso
 
49399532 servindo-a-deus
49399532 servindo-a-deus49399532 servindo-a-deus
49399532 servindo-a-deus
 
A cola infalível
A cola infalívelA cola infalível
A cola infalível
 

Mais de Rosana De Rosa

Palestra - Pense Green - Rosana De Rosa
Palestra - Pense Green - Rosana De RosaPalestra - Pense Green - Rosana De Rosa
Palestra - Pense Green - Rosana De RosaRosana De Rosa
 
Aula - Reencarnação como Processo Educativo - Rosana De Rosa
Aula - Reencarnação como Processo Educativo - Rosana De Rosa Aula - Reencarnação como Processo Educativo - Rosana De Rosa
Aula - Reencarnação como Processo Educativo - Rosana De Rosa Rosana De Rosa
 
Palestra Evangelho - Não se pode servir a Deus e a Mamon - Rosana De Rosa
Palestra Evangelho - Não se pode servir a Deus e a Mamon - Rosana De Rosa Palestra Evangelho - Não se pode servir a Deus e a Mamon - Rosana De Rosa
Palestra Evangelho - Não se pode servir a Deus e a Mamon - Rosana De Rosa Rosana De Rosa
 
Aula - Perispírito e suas propriedades - Rosana De Rosa
Aula - Perispírito e suas propriedades - Rosana De RosaAula - Perispírito e suas propriedades - Rosana De Rosa
Aula - Perispírito e suas propriedades - Rosana De RosaRosana De Rosa
 
Aula - A Gênese - Rosana De Rosa
Aula - A Gênese - Rosana De Rosa Aula - A Gênese - Rosana De Rosa
Aula - A Gênese - Rosana De Rosa Rosana De Rosa
 
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De Rosa
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De RosaAula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De Rosa
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De RosaRosana De Rosa
 
Aula - Os Três Reinos - Rosana De Rosa
Aula - Os Três Reinos - Rosana De RosaAula - Os Três Reinos - Rosana De Rosa
Aula - Os Três Reinos - Rosana De RosaRosana De Rosa
 
Palestra - Hábito - Rosana De Rosa
Palestra - Hábito - Rosana De RosaPalestra - Hábito - Rosana De Rosa
Palestra - Hábito - Rosana De RosaRosana De Rosa
 
Rosana De Rosa Bem Aventurados os Pobres de Espirito
Rosana De Rosa  Bem Aventurados os Pobres de Espirito Rosana De Rosa  Bem Aventurados os Pobres de Espirito
Rosana De Rosa Bem Aventurados os Pobres de Espirito Rosana De Rosa
 
Aula - Reencarnação e Lei de Causa e Efeito - Rosana De Rosa
Aula - Reencarnação e Lei de Causa e Efeito - Rosana De Rosa Aula - Reencarnação e Lei de Causa e Efeito - Rosana De Rosa
Aula - Reencarnação e Lei de Causa e Efeito - Rosana De Rosa Rosana De Rosa
 
Aula Perispirito e Enfermidade -Rosana De Rosa
Aula Perispirito e Enfermidade -Rosana De RosaAula Perispirito e Enfermidade -Rosana De Rosa
Aula Perispirito e Enfermidade -Rosana De RosaRosana De Rosa
 
Magnetismo-fluidos e Perispírito - Rosana De Rosa
Magnetismo-fluidos e Perispírito - Rosana De RosaMagnetismo-fluidos e Perispírito - Rosana De Rosa
Magnetismo-fluidos e Perispírito - Rosana De RosaRosana De Rosa
 
Palestra - O Despertar da Consciência Espiritual - Rosana De Rosa-Palestra
Palestra - O Despertar da Consciência Espiritual  - Rosana De Rosa-PalestraPalestra - O Despertar da Consciência Espiritual  - Rosana De Rosa-Palestra
Palestra - O Despertar da Consciência Espiritual - Rosana De Rosa-PalestraRosana De Rosa
 
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De Rosa
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De RosaRosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De Rosa
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De RosaRosana De Rosa
 
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De Rosa
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De RosaRelacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De Rosa
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De RosaRosana De Rosa
 
Dor vs Sofrimento - Rosana De Rosa
Dor vs Sofrimento - Rosana De RosaDor vs Sofrimento - Rosana De Rosa
Dor vs Sofrimento - Rosana De RosaRosana De Rosa
 
Reclamar Resolve?- Rosana De Rosa
Reclamar Resolve?- Rosana De RosaReclamar Resolve?- Rosana De Rosa
Reclamar Resolve?- Rosana De RosaRosana De Rosa
 
Rosana De Rosa -Palestra -Visão Espírita da Paternidade
Rosana De Rosa -Palestra -Visão Espírita da PaternidadeRosana De Rosa -Palestra -Visão Espírita da Paternidade
Rosana De Rosa -Palestra -Visão Espírita da PaternidadeRosana De Rosa
 
Rosana De Rosa -Palestra-Quando Escolhemos o Acolhimento
Rosana De Rosa -Palestra-Quando Escolhemos o AcolhimentoRosana De Rosa -Palestra-Quando Escolhemos o Acolhimento
Rosana De Rosa -Palestra-Quando Escolhemos o AcolhimentoRosana De Rosa
 
2015 02-26-Palestra-O Cristo Consolador Rosana De Rosa - KSSF
2015 02-26-Palestra-O Cristo Consolador Rosana De Rosa - KSSF2015 02-26-Palestra-O Cristo Consolador Rosana De Rosa - KSSF
2015 02-26-Palestra-O Cristo Consolador Rosana De Rosa - KSSFRosana De Rosa
 

Mais de Rosana De Rosa (20)

Palestra - Pense Green - Rosana De Rosa
Palestra - Pense Green - Rosana De RosaPalestra - Pense Green - Rosana De Rosa
Palestra - Pense Green - Rosana De Rosa
 
Aula - Reencarnação como Processo Educativo - Rosana De Rosa
Aula - Reencarnação como Processo Educativo - Rosana De Rosa Aula - Reencarnação como Processo Educativo - Rosana De Rosa
Aula - Reencarnação como Processo Educativo - Rosana De Rosa
 
Palestra Evangelho - Não se pode servir a Deus e a Mamon - Rosana De Rosa
Palestra Evangelho - Não se pode servir a Deus e a Mamon - Rosana De Rosa Palestra Evangelho - Não se pode servir a Deus e a Mamon - Rosana De Rosa
Palestra Evangelho - Não se pode servir a Deus e a Mamon - Rosana De Rosa
 
Aula - Perispírito e suas propriedades - Rosana De Rosa
Aula - Perispírito e suas propriedades - Rosana De RosaAula - Perispírito e suas propriedades - Rosana De Rosa
Aula - Perispírito e suas propriedades - Rosana De Rosa
 
Aula - A Gênese - Rosana De Rosa
Aula - A Gênese - Rosana De Rosa Aula - A Gênese - Rosana De Rosa
Aula - A Gênese - Rosana De Rosa
 
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De Rosa
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De RosaAula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De Rosa
Aula - Fluido Cósmico Universal - Rosana De Rosa
 
Aula - Os Três Reinos - Rosana De Rosa
Aula - Os Três Reinos - Rosana De RosaAula - Os Três Reinos - Rosana De Rosa
Aula - Os Três Reinos - Rosana De Rosa
 
Palestra - Hábito - Rosana De Rosa
Palestra - Hábito - Rosana De RosaPalestra - Hábito - Rosana De Rosa
Palestra - Hábito - Rosana De Rosa
 
Rosana De Rosa Bem Aventurados os Pobres de Espirito
Rosana De Rosa  Bem Aventurados os Pobres de Espirito Rosana De Rosa  Bem Aventurados os Pobres de Espirito
Rosana De Rosa Bem Aventurados os Pobres de Espirito
 
Aula - Reencarnação e Lei de Causa e Efeito - Rosana De Rosa
Aula - Reencarnação e Lei de Causa e Efeito - Rosana De Rosa Aula - Reencarnação e Lei de Causa e Efeito - Rosana De Rosa
Aula - Reencarnação e Lei de Causa e Efeito - Rosana De Rosa
 
Aula Perispirito e Enfermidade -Rosana De Rosa
Aula Perispirito e Enfermidade -Rosana De RosaAula Perispirito e Enfermidade -Rosana De Rosa
Aula Perispirito e Enfermidade -Rosana De Rosa
 
Magnetismo-fluidos e Perispírito - Rosana De Rosa
Magnetismo-fluidos e Perispírito - Rosana De RosaMagnetismo-fluidos e Perispírito - Rosana De Rosa
Magnetismo-fluidos e Perispírito - Rosana De Rosa
 
Palestra - O Despertar da Consciência Espiritual - Rosana De Rosa-Palestra
Palestra - O Despertar da Consciência Espiritual  - Rosana De Rosa-PalestraPalestra - O Despertar da Consciência Espiritual  - Rosana De Rosa-Palestra
Palestra - O Despertar da Consciência Espiritual - Rosana De Rosa-Palestra
 
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De Rosa
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De RosaRosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De Rosa
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De Rosa
 
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De Rosa
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De RosaRelacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De Rosa
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De Rosa
 
Dor vs Sofrimento - Rosana De Rosa
Dor vs Sofrimento - Rosana De RosaDor vs Sofrimento - Rosana De Rosa
Dor vs Sofrimento - Rosana De Rosa
 
Reclamar Resolve?- Rosana De Rosa
Reclamar Resolve?- Rosana De RosaReclamar Resolve?- Rosana De Rosa
Reclamar Resolve?- Rosana De Rosa
 
Rosana De Rosa -Palestra -Visão Espírita da Paternidade
Rosana De Rosa -Palestra -Visão Espírita da PaternidadeRosana De Rosa -Palestra -Visão Espírita da Paternidade
Rosana De Rosa -Palestra -Visão Espírita da Paternidade
 
Rosana De Rosa -Palestra-Quando Escolhemos o Acolhimento
Rosana De Rosa -Palestra-Quando Escolhemos o AcolhimentoRosana De Rosa -Palestra-Quando Escolhemos o Acolhimento
Rosana De Rosa -Palestra-Quando Escolhemos o Acolhimento
 
2015 02-26-Palestra-O Cristo Consolador Rosana De Rosa - KSSF
2015 02-26-Palestra-O Cristo Consolador Rosana De Rosa - KSSF2015 02-26-Palestra-O Cristo Consolador Rosana De Rosa - KSSF
2015 02-26-Palestra-O Cristo Consolador Rosana De Rosa - KSSF
 

Último

GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 EGÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 EMicheleRosa39
 
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...silvana30986
 
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica DominicalLIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica DominicalAmaroJunior21
 
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptxLição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptxCelso Napoleon
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pãoSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pãoRicardo Azevedo
 
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns EsclarecedoresEvangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns EsclarecedoresAntonino Silva
 
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semanaLIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semanaWillemarSousa1
 
CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptx
CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptxCURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptx
CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptxWerquesonSouza
 
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024RaniereSilva14
 

Último (10)

GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 EGÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
 
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...
 
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica DominicalLIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
 
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptxLição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pãoSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
 
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns EsclarecedoresEvangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
 
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semanaLIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
 
CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptx
CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptxCURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptx
CURSO DE FORMAÇÃO DE OBREIROS, DIÁCONOS E PRESBÍTEROS.pptx
 
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.pptFluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
 
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024
AUXADO_1TRIM_2024.pdf ESCOLA SABATINA 2024
 

2012-5-6-Palestra-A Importância do Perdão-Rosana De Rosa

  • 1. A IMPORTÂNCIA DO ROSANA DE ROSA 2012-5-6
  • 2. O perdão é um processo mental ou espiritual de cessar o sentimento de ressentimento ou raiva contra outra pessoa ou contra si mesmo.
  • 3. O Perdão Muito frequentemente interpretamos o perdão como sendo simples ato de virtude e generosidade, em auxílio do ofensor, por parte da vítima.
  • 5. Sentimento de Mágoa Mágoa retida é doença para o Espírito, a quem corrói as forças físicas e envenena a alma. É necessário, para a própria paz, ante quaisquer ofensa, perdoar sempre. Eis por que Jesus disse que não se deveria perdoar apenas sete vezes, mas setenta vezes sete vezes. FORÇA DO PERDÃO
  • 6. Sentimento de Arrependimento & Remorso O arrependimento é a auto confissão da violação das leis morais, repensando no ato que praticou, e empenhando-se em repará-lo e não mais repetir o mesmo erro. O remorso é a postura doentia do arrependimento mal compreendido, que nada constrói. Gera auto destruição e paralisa ao invés de promover aprendizado. ACEITE QUE VOCÊ/OUTRO ERRA
  • 7. "O bom pai deixa sempre aberta a seus filhos uma porta para o arrependimento.” "O Evangelho Segundo o Espiritismo”
  • 8. Sentimento de Culpa A culpa como o remorso não tem fins produtivos. Vai levar a si mesmo ou o outro a repressão e medo e não a correção e consciência. O recurso da culpa é largamente utilizada para manipulação e domínio nas
  • 9. Aprisionamento Psíquico o Enquanto não perdoamos o outro, a energia criada pelos sentimentos desencadeados, ficam ocupando lugar na nossa mente. o Ficamos sintonizados, inconformados, e tudo que ela/ele faz chama nossa atenção, parece
  • 10. POSSÍVEIS CONSEQUENCIAS QUE GERAM A NECESSIDADE DO PERDÃO
  • 11. Excesso de Expectativas o Agrava nosso sentimento de ressentimento, raiva, magoa, as expectativas que criamos nas relações com o outro. o Fiz tudo por ela e quando precisei ela nao correspondeu..... o Pela minha necessidade de muito receber muito resolvo dar, e depois cobro a altura do que dei. Volte-se para si e analise seu nível de carência e expêctativas
  • 12. O Inimigo e as Projeções O inimigo mora dentro do Ser, embora teime em acreditar que são aqueles que se interpõem em seu caminho contrariando-o. Os inimigos externos que encontra geralmente servem para sinalizar aqueles pontos obscuros no Ser, dificilmente percebidos fora da presença deles. Geralmente aponta nos outros os erros que existem em si mesmo. Perdoar aos inimigos é pedir perdão para si próprio; perdoar aos amigos é dar lhes uma prova de amizade. Evangelho cap X
  • 13. Reconhecimento Nunca conseguimos a real satisfação vinda do reconhecimento do outro sobre o nosso verdadeiro Eu. Por que O que conseguimos é buscam um feedback positivo os? ou negativo sobre o que mostramos ao outro.
  • 14. Desejos Irracionais o Queremos muitas vezes que ele sofra, passe a mesma dor e iniciamos uma perseguição mental e fisica. Fazemos o julgamento que ele não merece que nada de bom lhe aconteça, depois do que fez para nós. o Sofremos se ele for promovido, casar... Pois achamos que a Justiça divina deve estar conosco.
  • 15. PASSOS PARA A RECONCIALIÇÃO
  • 16. O Perdão Quando conseguimos desculpar o erro ou a provocação de alguém, exoneramos o mal de qualquer compromisso para conosco, ao mesmo tempo que nos desvencilhamos de todos os laços que poderiam nós aprisionar.
  • 17. Há duas maneiras bem diferentes de perdoar: Uma, grande, nobre, verdadeiramente generosa, que evita, com delicadeza, ferir o amor-próprio do adversário, ainda quando este último nenhuma justificativa possa ter.
  • 18. Há duas maneiras bem diferentes de perdoar: A outra é aquela em que o ofendido, impõe ao outro condições humilhantes e lhe faz sentir o peso de um perdão que irrita, em vez de acalmar. Se estende a mão ao ofensor, não o faz com benevolência, mas com ostentação, a fim de poder dizer a toda gente:
  • 19. Reconciliação Nessas circunstâncias, é impossível uma reconciliação sincera de parte a parte. Não há nesse modo de perdoar qualquer generosidade; há tão somente uma forma de satisfazer ao orgulho.
  • 20. Família No convívio familiar somos, constantemente, chamados a perdoar, porque estamos, muitas vezes, diante de antigos desafetos. Precisamos, por isso, de muito perdão no ambiente familiar, para alcançar a máxima da reparação e desenvolvimento de todos.
  • 21. Reconcilia-se depressa com o adversário Por que depressa: o Por que aquele que não perdoa, adoece o Perde a alegria de viver o Leva o sentimento de vingança para outras encarnações o Pode tornar-se um obsessor ou um obsediado.
  • 23. Afaste-se por um tempo para facilitar a quebra da sintônia enquanto trabalha seus sentimentos. Desintenfique a convivência para ir amenisando suas emoções, para um retorno forte e seguro.
  • 24. Conduta Precisamos cultivar compreensão e apoio construtivo, no amparo a todos que nos relacionamos, com paciência e entendimento diante de quaisquer ofensas que nos façam.
  • 25. Auto Perdão A vida do Ser nada mais é do que a expressão de quem ele é. O auto perdão é assumir quem você é, nem melhor nem pior do que ninguém. É a capacidade de Auto Aceitação
  • 26. Perdão Quando somos capazes de nos Auto Aceitar temos facilidade de Aceitar o Outro e cada vez menos nos indispormos.
  • 27. Perdoar é ato de amor Quem perdoa cresce Quem recebe o perdão renova-se
  • 28. BOA SEMANA A TODOS