Eucariontes Domínio
Animais Reino
Cordados Filo
EMEF Carlos Osmarinho de Lima
Ciências – Prof. Rosana
Características gerais:
NOTOCORDA - (ao menos na fase embrionária) sendo
que nos euvertebrados, a notocorda é substituída ...
•
Cordados – características gerais
Objetivos: reconhecer as características comuns a todos os representantes
dos CORDADOS
•
Cordados – características gerais
Objetivos: reconhecer as características comuns a todos os representantes
dos CORDADOS
Cordados – características gerais
Objetivos: reconhecer as características comuns a todos os representantes
dos CORDADOS
Sistema respiratório
Respiração branquial :
Peixes e larvas de anfíbios
Respiração pulmonar :
Anfíbios adultos, répteis, a...
Classificação taxionômica
Domínio – Eucaria
Reino – Animal
Filo – Cordado
Sub-filo
• Protocordados ou Cordados primitivos
...
Urocordados – ex.: ascídia
Notocorda – na cauda na fase de larva
Exclusivamente marinhos
Maioria fixa às rochas - sésse...
Urocordados
Ascidia
Cefalocordados
Exemplo: Anfioxo
Animal marinho e vive quase sempre enterrado na
areia
Notocorda persiste por toda a vid...
ANFIOXO
Cefalocordados
Anfioxo
Branchiostoma anfioxus lanceolatum
Cordados - Vertebrata ( craniata)
 Boca circular e sem maxila
 Nadadeiras ímpares
 Endoesqueleto cartilaginoso
 Pele lisa e sem escamas
Agnatas ou Ciclostomados
LAMPRÉIA
FEITICEIRA
• TUBARÃO
Peixes cartilaginosos
Peixes cartilaginosos
ARRAIA
Peixes Ósseos
Anfíbios
Abraço nupcial ( fecundação externa)
Reprodução dos Anfíbios
SALAMANDRA SAPO
AXOLOTLE
Anfíbios
PERERECA COBRA-CEGA ( CECÍLIA )
Anfíbios
Anfíbios - classificação
Répteis
• Habitat – terrestre e aquático
• Pele seca e queratinizada (coberta de
placas ou escamas)
• Pecilotérmicos
• Respiração ...
Pele seca e queratinizada
Ovo com casca
Reprodução não depende da
água
Répteis – fatores que adaptam os
répteis ao meio te...
JABUTI TARTARUGA
CÁGADO
Répteis - quelônios
LEPIDOSAURIA (SQUAMATA)
JIBÓIA LAGARTO
CROCODILIANOS
CROCODILO JACARÉ
GAVIAL
Aves
.Vertebrados endotérmicos e bípedes
. Penas (manutenção da temperatura e vôo)
.Maxilares transformados em bicos e des...
Ossos pneumáticos ( ossos ocos e leves )
Sacos aéreos
( bolsas pulmonares ligadas aos ossos) tornando o animal mais leve
A...
Aves são adaptadas para o voô
Anatomia das aves
CIRCULAÇÃO : dupla como nos humanos , sangue passa duas vezes pelo coração,
ou seja, passam dois tipos de sangue no coraçã...
Dióicos - sexos separados
Dimorfísmo sexual - macho e fêmea diferente
Fecundação interna - por atrito entre as cloacas
Mac...
Mamíferos
.Presença de glândulas mamárias
.Corpo coberto de pelos (ajuda manter temperatura)
.Endotérmicos
.placenta
.Circ...
Classificação dos mamíferos
Mamíferos monotremados
ÉQUIDNA ORNITORRINCO
Mamíferos marsupiais
Mamíferos eutérios
Humanos – evolução
Vertebrados - protocordados - cordados - 7º ano ensino fundamental
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Vertebrados - protocordados - cordados - 7º ano ensino fundamental

921 visualizações

Publicada em

Classificação, características, evolução, comprativo

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
921
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
40
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Vertebrados - protocordados - cordados - 7º ano ensino fundamental

  1. 1. Eucariontes Domínio Animais Reino Cordados Filo EMEF Carlos Osmarinho de Lima Ciências – Prof. Rosana
  2. 2. Características gerais: NOTOCORDA - (ao menos na fase embrionária) sendo que nos euvertebrados, a notocorda é substituída pela coluna vertebral. FENDAS FARINGEANAS - (ao menos na fase embrionária) TUBO NERVOSO DORSAL Cordados – características gerais Objetivos: reconhecer as características comuns a todos os representantes dos CORDADOS
  3. 3. • Cordados – características gerais Objetivos: reconhecer as características comuns a todos os representantes dos CORDADOS
  4. 4. • Cordados – características gerais Objetivos: reconhecer as características comuns a todos os representantes dos CORDADOS
  5. 5. Cordados – características gerais Objetivos: reconhecer as características comuns a todos os representantes dos CORDADOS
  6. 6. Sistema respiratório Respiração branquial : Peixes e larvas de anfíbios Respiração pulmonar : Anfíbios adultos, répteis, aves e mamíferos Respiração cutânea: Anfíbios adultos Cordados – características gerais Objetivos: reconhecer as características comuns a todos os representantes dos CORDADOS
  7. 7. Classificação taxionômica Domínio – Eucaria Reino – Animal Filo – Cordado Sub-filo • Protocordados ou Cordados primitivos Urochordata – (tunicata) Cephalochordata • Cordados - Vertebrata ( craniata) Cordados – características gerais Objetivos: reconhecer as características comuns a todos os representantes dos CORDADOS
  8. 8. Urocordados – ex.: ascídia Notocorda – na cauda na fase de larva Exclusivamente marinhos Maioria fixa às rochas - sésseis Desenvolvimento indireto São animais filtradores (água entra pelo sifão inalante e sai pelo sifão exalante) Corpo revestido por uma estrutura denominada túnica Reprodução sexuada(maioria monóica) ou assexuada por brotamento formando colônias Cordados – características gerais Objetivos: reconhecer as características comuns a todos os representantes dos CORDADOS
  9. 9. Urocordados Ascidia
  10. 10. Cefalocordados Exemplo: Anfioxo Animal marinho e vive quase sempre enterrado na areia Notocorda persiste por toda a vida do animal Fendas branquiais filtram o alimento e realizam a respiração Dióicos, fecundação externa e desenvolvimento indireto Cordados – características gerais Objetivos: reconhecer as características comuns a todos os representantes dos CORDADOS
  11. 11. ANFIOXO Cefalocordados
  12. 12. Anfioxo Branchiostoma anfioxus lanceolatum
  13. 13. Cordados - Vertebrata ( craniata)
  14. 14.  Boca circular e sem maxila  Nadadeiras ímpares  Endoesqueleto cartilaginoso  Pele lisa e sem escamas
  15. 15. Agnatas ou Ciclostomados
  16. 16. LAMPRÉIA
  17. 17. FEITICEIRA
  18. 18. • TUBARÃO Peixes cartilaginosos
  19. 19. Peixes cartilaginosos ARRAIA
  20. 20. Peixes Ósseos
  21. 21. Anfíbios
  22. 22. Abraço nupcial ( fecundação externa) Reprodução dos Anfíbios
  23. 23. SALAMANDRA SAPO AXOLOTLE Anfíbios
  24. 24. PERERECA COBRA-CEGA ( CECÍLIA ) Anfíbios
  25. 25. Anfíbios - classificação
  26. 26. Répteis
  27. 27. • Habitat – terrestre e aquático • Pele seca e queratinizada (coberta de placas ou escamas) • Pecilotérmicos • Respiração pulmonar • Dióicos, fecundação interna e desenvolvimento direto Répteis – características gerais
  28. 28. Pele seca e queratinizada Ovo com casca Reprodução não depende da água Répteis – fatores que adaptam os répteis ao meio terrestre
  29. 29. JABUTI TARTARUGA CÁGADO Répteis - quelônios
  30. 30. LEPIDOSAURIA (SQUAMATA) JIBÓIA LAGARTO
  31. 31. CROCODILIANOS CROCODILO JACARÉ GAVIAL
  32. 32. Aves .Vertebrados endotérmicos e bípedes . Penas (manutenção da temperatura e vôo) .Maxilares transformados em bicos e desprovidos de dentes .Sistema digestório completo : presença de pâncreas, fígado e vesícula biliar; esôfago com dilatação ( PAPO ) onde o alimento é armazenado e amolecido; estômago dividido em proventrículo ( estômago químico ) e moela ( estômago mecânico ) ; intestino termina em cloaca .Respiração pulmonar .Siringe : órgão do canto ( na bifurcação da traquéia )
  33. 33. Ossos pneumáticos ( ossos ocos e leves ) Sacos aéreos ( bolsas pulmonares ligadas aos ossos) tornando o animal mais leve Ausência de bexiga urinária Osso esterno em forma de quilha (onde se prendem os músculos que atuam no vôo) .Corpo coberto por penas
  34. 34. Aves são adaptadas para o voô
  35. 35. Anatomia das aves
  36. 36. CIRCULAÇÃO : dupla como nos humanos , sangue passa duas vezes pelo coração, ou seja, passam dois tipos de sangue no coração ( venoso e arterial ), que não se misturam Coração possui ( 4 cavidades ) : 2 átrios e 2 ventrículos Hemácias nucleadas EXCREÇÃO : igual aos répteis, excretam ácido úrico. Por ser pouco tóxico e insolúvel em água representa adaptação ao meio terrestre Glândula uropigiana : produz óleo que impermeabiliza as penas Anatomia das aves
  37. 37. Dióicos - sexos separados Dimorfísmo sexual - macho e fêmea diferente Fecundação interna - por atrito entre as cloacas Macho não possui pênis (exceto :pato, marreco, ganso, ema e avestruz) .Ovíparos .Desenvolvimento direto
  38. 38. Mamíferos .Presença de glândulas mamárias .Corpo coberto de pelos (ajuda manter temperatura) .Endotérmicos .placenta .Circulação dupla e completa .Coração tetracavitário .Hemácias anucleadas ( quando nascem possuem núcleo, porém no período de maturação perdem o núcleo ) .Respiração pulmonar
  39. 39. Classificação dos mamíferos
  40. 40. Mamíferos monotremados ÉQUIDNA ORNITORRINCO
  41. 41. Mamíferos marsupiais
  42. 42. Mamíferos eutérios
  43. 43. Humanos – evolução

×