Slide networking

1.512 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.512
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
46
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Slide networking

  1. 1. Ter um bom relacionamento com as pessoas, principalmente nomeio virtual, onde criação de relacionamentos e ensejos para conversassão mais fáceis e rápidos, é um dos pontos-chave rumo à consecuçãode um objetivo. Fazer contatos, trocar ideias, receber e enviar mensagens,essas e outras são maneiras de ter um bom relacionamento e gerir oscontatos. A importância disso, incontestavelmente, é a formação de umbom networking, uma boa rede de relacionamentos que, mais cedo oumais tarde, servirá para lhe trazer benefícios e, muito importante egratificante, criará oportunidades para que você ajude as pessoas e sejaajudado – benefícios mútuos.
  2. 2. Networking é uma rede de relacionamento que vocêconstrói em sua área de trabalho/atuação. Pode ser emqualquer profissão e/ou atividade, mesmo, semrestrições! Qualquer profissional ou atuante emdeterminada área de atividades pode montar uma redede contatos e relacionamentos, bastando, para isso,conhecer pessoas, relacionar-se com elas, estar emcontato constante e proveitoso, de modo que essasrelações sejam proveitosas para todas as partesenvolvidas.
  3. 3. O especialista em administração e gestão empresarial MaxGehringer, define “Networking” como uma espécie de “toma lá, dácá” em que você ajuda alguém já esperando o dia em que poderápedir a retribuição da “gentileza”. Será que é isso, mesmo? Será que este conceito reflete onetworking de forma correta e, no fim, tudo não passaria de umjogo de interesses para “se dar bem” na profissão ou área deatuação? Este conceito realmente extrai o que há por trás donetworking? Em algumas situações – para não dizer “na maioria” – apessoa se aproxima de seus pares e faz contatos a fim de obtervantagens futuras; entretanto, tenho absoluta certeza de queexistem aqueles que têm um bom networking, com bons contatos erelacionamentos em sua área, sem que para isso já tivesseantevisto ou previsto que necessitaria de certos favores.
  4. 4. “Tradicionalmente”, os networkings são montadosatravés de contatos pessoais, telefonemas,correspondências, e meios do gênero. Geralmente, é umamigo ou colega de trabalho que lhe apresentadeterminada pessoa e esta pessoa, depois de algumtempo, passa a fazer parte de seu grupo de contatos. Digo “depois de algum tempo”, porque para se agregarindivíduos em um networking são necessários váriospassos, e não é só porque você acaba de conheceralguém muito bom ou muito influente no que faz que vocêpossa considerá-lo como parte de sua rede de contatos.
  5. 5. O networking online é mais simples e mais fácil de ser formadodevido, dentre outros fatores:- Facilidade de contato com outras pessoas. Através da internet émuito fácil entrar em contato com outras pessoas, inclusive pessoasde outros países;- Facilidade de meios para o contato com outras pessoas. Comocitado, existem diversas maneiras de se entrar em contato com outrosindivíduos ou coletividades, tais como mensageiros instantâneos, e-mail, microbloging, fóruns, dentre outros; - Rapidez com que os contatos se dão, de forma praticamentegratuita. Devido a esta diversidade de maiôs de comunicação virtual eo grande número de pessoas que acessam a rede mundial, é possívelconhecer grande número de pessoas – gerenciar e manter osconhecidos é que é a questão. E uma grande vantagem é que os quese têm com isso são ínfimos, praticamente nulos, comparados àgrandiosidade e vantagens em se ter um bom networking.
  6. 6. Ter um bom networking, com os contatos certos, é trabalho que sefaz não da noite para o dia. Antes pelo contrário, é atividade que se fazno dia-a-dia, a fim de se conseguir bons contatos com boas pessoas,seja o contato inicial proposital ou não.Seja bom no que faz (ou, pelo menos, tente). Conseguir um “ponto de contato” no networking é tarefa mútua,que deve ser bom para ambas as partes envolvidas. Para alguémconsiderar “ser bom” ter você na rede de contatos, você deveapresentar características que façam de você bom em algo –especificamente, algo que seja, indireta Para iniciar sua networking, também não é obrigatório que vocêseja o maior expert numa área de atuação. O simples fato de você terinteresse legítimo em aprender sobre alguma coisa ou atividadechamará atenção para os mais consolidados naquilo e, sendo ativo emcomunidades e seguindo determinadas práticas, rapidamente vocêconsegue formar uma boa rede de relacionamentos.mente, bom para a pessoa, também.
  7. 7.  Comece com contatos já existentes Assim que se começa com a atividade online, rapidamente os novos contatos e amigos virtuais aparecem. Entretanto, neste primeiro momento, nem sempre se está pensando em um networking profissional. Os conhecidos diretos de seus contatos também são uma ótima pedida. É mais fácil e confiável se um seu contato fala para um amigo ou colega sobre suas qualidades e competências, ou sobre a vontade de iniciar um novo negócio ou atividade. Para a pessoa que recebe a indicação de um colega direto sobre você, é mais fácil de “abrir a cabeça” para a situação e, rapidamente, mais contatos entrarão em seu networking. Montar uma boa rede de relacionamentos é tarefa para vários meses, vários anos. Na verdade, é tarefa que não termina jamais, é infinita, já que sempre você conhece novas pessoas, tem novas ideias e atualiza seus conceitos.
  8. 8. Estatísticas mostram que cerca de 50% a 70% das pessoas têmseu último emprego graças a indicações de contatos de seu networkpessoal. Se tamanha porcentagem é válida para os empregos“tradicionais”, o mesmo vale para os trabalhos e atividades, em geral,na internet, principalmente na web. Ter uma boa rede de contatos virtuais é a melhor maneira delograr sucesso em atividades virtuais, principalmente as que envolvema intensa e primordial utilização de grande número de pessoas – amaioria das atividades online, diga-se de passagem. Entretanto, como comentado anteriormente, deve-se saber quepara se estruturar um bom networking é preciso tempo e dedicação e,também, de um pouco de “sorte”. Um networking de qualidadecertamente é superior a um networking de quantidade. O bom,mesmo, é unir ambos – ter um networking numeroso e de qualidade -,entretanto, quando isso não for possível, primar pela qualidade, emdetrimento à quantidade, é a melhor estratégia.
  9. 9. DÚVIDAS
  10. 10. COMPONENTES:José alberoneRodrigoAlexsonWelligtonRonei CoutoReflexão:Tecnologia é a habilidade de organizar o mundo de forma que nãotenhamos que senti-lo. Max Frisch

×