:...,"         -            :     ..i                      PROTOCOLO GERAL,t,.i                                           ...
MINISTÉRIO EXÉRCITO                                       DO                              DEP      -    DFA               ...
NN Eacrlvôo                                     PORTARIA                    Tendo-me sidodelegadas peloExmoSr Comandante E...
MINISTÉRIODO EXÉRCITO                                      .           DFA                                             rnÉ...
7   ôfinia-ca   an   er   ôhafa   /{ô   oa c^^Ã^   ,r^   E^cr^                                               -N           ...
RECEBIMENTO                    Aos cincodias do mê9de marçodo ano de mil e novecentos noventa                             ...
-l                                           l--;:mtil jl.r.-:a                                      MtrrIsrÉFJo ExÉncrro ...
1l4ìt,                                                                                               ffi:Jïï-J4,:,ô4l     ...
:                                        DE         DE        I.                                    TERMO INQUIRIÇÃO TESIE...
{9 45 e @sI                              hoú,fI                    ni ts:ts         osteriormente  súaÍn Àrir- oi<ããirl ca...
FL ..                                                                                                                   Íl...
_1:lìi 1t,                                     TERMO INQUIRÌÇÃO TESTEMUNHA                                          DE    ...
:                             TERMODE INQTJUìIÇÃO TESTAMU:..                                               DE             ...
f,Ì  ,]                                               Ewl?                                                   N--I         ...
:::                                               N                                    TEIìMO tÌ.1(]llìi!AODrjtESTËMt.lNI1...
FrHr0Zrí I                                           wl                                                                   ...
B24+sa                            TERMODE INQI]IRIÇÃO DE TESTEMLINHA.9ry              Aos vinteum dias do mesde maiodo ano...
,.-:                            TERMODE INQUIRIÇÃODE TESTEMTNHA:.,                 Aos vintèum dias do mesde maiodo anode ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Vaginha 01

1.357 visualizações

Publicada em

Vejam mais no blog
http://ufosanonimos.blogspot.com.br/

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.357
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
596
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Vaginha 01

  1. 1. :...," - : ..i PROTOCOLO GERAL,t,.i ASSUNTO ::,*"5t N.o N.o MINISTÉRIO DO EXÉRCITO -,D-4,T.sEcçÃo re:9-2.". 4ryg;169 Auios com FÌs: i l 0 v t f t t E i l ï 00 P n 0 c E s s 0 D DESTINO DAT.d 03ì OB 09 10 AUDTTORTA CORRETÇÁO DE DAJUSïrçAMTLTTAR 1 Q Autos Findos No 908/1997 14 ,i ! : t.4, 15 16 l t 18
  2. 2. MINISTÉRIO EXÉRCITO DO DEP - DFA ESCOLA SARGENTOS ARMAS DE DAS Escrivão IPM do VINICIUS PROBA DOS - SANTOS3" Saroerúo{--e AUTUAçÃO Aos trezediasdo mêsde fevereiro ano de mil e novecentos noventa do e e sete,nestaCidade TrêsCoraçôes, de Estado MinasGerais, euartelda Escola de no de Sargentos Armas- ESSA, das autuoa portãria demais e que documentos a este junto e me foram entregues pelo Encarregado presenteInquérito, que, para do do constar,lavrei. presente o termo. ìs s ru, <ÈS pRoBA , vtNtctus Dos - SANTOS 30Sargento, que servindo Escrivão, o escreví suDscrevo. de e ç !-ffFt -{ FtSlçf Escrivão
  3. 3. NN Eacrlvôo PORTARIA Tendo-me sidodelegadas peloExmoSr Comandante Escola Sargen- da de.!íçÀ tos das Armasas atribuiÉespoliciais que lhe competem paraapuraros fatos a que se referea ParteNr 006-E2, 27 Jan97, inclusa de nos presentes que autos,determino se procedam necessários os para exames diligências o esclarecimento aludidos e dos fatos. Recomendo, outrossim, Sr Escrivão autuêa presente ao que Poriaria comos documentos juntando, inclusos, sucessivamente, demais as peçasque foremacrescendo, e intimê pessoas tiverem as que conhecimento fatosem questão suascircunstâncias dos e a comparecerem diaê horaqueforêmdesignados, fim de sereminquiridos, forma em a na da Iegislação vigente. Quartelem Três Corações,MG, 13 de fevereirode 1997.,.1* OS FINHOLDT - PEREIRA Tenente-Coronel Encarregadodorr* É Z u,^^.4 J$Fr6}eeês6 AÀrtcs
  4. 4. MINISTÉRIODO EXÉRCITO . DFA rnÉscouçÕusMq 2eJaneTPoftarir üe009-Ajc.2 Ilo Comaadante Escolade Sargurtos da dasÁrmas Ao Sr TenCelComLUCIO CARLOS FINHOLDTPEREIRA Assunto:Instauração IPM de (det€rminâ) Anero: - Parte 00GEl2,de27 lat97, no do Chefeda 2Y3"Seção Tendo tomado coúecimento pâÍtearexa,dsteÍÍüÍosej4coma possível da urgênci4instauÍado respeito devido a o Inçérito Policiat pata Mlitar, delegandovog esse asatribuições fmpolioiais mecompetêrn. que COELHOLIMA .ruÍíbeaoeAÜhs t tftr oot otV
  5. 5. 7 ôfinia-ca an er ôhafa /{ô oa c^^Ã^ ,r^ E^cr^ -N DESPACHO1. Oficie-se Sr Comandante Escola Sargentos Armas( EsSA) inÍormando ao da de das adesignação Escrivão. do2. Oficie-se Sr Comandante Batalhão Comando ServiÇos EsSAinformando ao do de e da adesignação Escrivão. do3. Oficie-se Sr Comandant€ 13a.Circunscrìção Serviço ao da do Militar solicitando seu ocomparecimento quartel Escola Sargentos Armaspãrâ prestar ao da de das depoimentocomotestemunha, designando dia í0 (dez) Março 14:00 o de às horasparaa inquirição.4. OficÍe-se Sr Tenente-Coronel ao Policial Militar MAURÍCIO, Comandante Batalhão do daPolíciaMilitar sediado Cidade VARGINHA-MG, na de solicitando sêucompaÍecimento o aoquartelda ESSA paraprestar dêpoimênto comotestemunha, designando dia 1í (onze) ode Maço às 14:00horasparaa inquirìção.5. Ofici+sêao Sr MajorBombeiro Militar MACIEL, Comandante Unidadê Corpode dâ doBombeiros Militarsediadana Cidadedê POÇOSDE CALDAS-MG, solicitando seu ocomparecimento quartel da EsSA para prestar depoimento ao como testemunha,designando dia 13 (treze) Mârço 14:oo o de às horasparaa inquirição.6. Oficie-se Sr Comandantê Batalhão Comando Serviços EsSAsolicitando ao do de e da ocomparecimento militares doi abaixociiados,nos dias e horáriosestabelecidos, parapreslarem depoimentocomotestemunhas: a. Em 12de Março 1997 de - SoldadoCIRILO MART|NS........................ ....14:00 horas; - sordado RrcARDo . 1s:30 srLVÉR;;;;;t;....:..:...............,..... horas;e -CaboRENATOVASSALO FERNANDES..... .17:00horas. Em 14de Março 1997 de - Sargento VALDIR PEDROSA CABRAL horas; .........08:oo - Sargento CAUBIFRANCISCO VALÉR|O horas; ...............................09:00 - Sargento VALDIRERNESTO DOSSANTOS MENDES 10:00 .......... horas;e - Sargento DANILORENATO LORENZO DE .. 11:00hoÍas. .runíÈe ê06Autog â,4 g t1/t @1 a 0!Q
  6. 6. RECEBIMENTO Aos cincodias do mê9de marçodo ano de mil e novecentos noventa ê ê estesautosdo Sr Encanegado Inquérito sete,recêbí do Policial Militar. Escrivão CERTIDAO.Lã.. Certifico que foi providenciado acordo com o despãcho do Sr dê Encaregado Inquérito do PolicialMilitar. Outrossim, certifico meforamentregues mãosos documentos Fls que êm de 0t2l a 043 , queaoSr Encarregado IPM do foram por remetidos ordem Exmo do sr Comandante EsSA;os de Fls A49 a -Iú da recebidos Ghefe Se$o de do da Informática Escola; os de Fls :lOÌ e- ÀJ.{r- , entregues Sr Chefedas 2a da e pelo e 3r Se@es Estâdo-Maior do Geralda EsSA. Quartel TrêsCora@es, 10de março 1997 em MG, de /@ Escrivão JUNTADA AoSdêzdiasdomêsdemarçodoanodemi|enovecentosenoventaesete autosdosdocumentos adiante seguem façojuntadâ prêsentes aos que se Jurtss aosAütÊs PROBA VINICIUS SANTOS - 3oSargento Escrivão
  7. 7. -l l--;:mtil jl.r.-:a MtrrIsrÉFJo ExÉncrro Do-i I}EP . DFÀ ESCOIÀ DE SÁRGENTOS DAS AR]VIASf TÍês CoÌações-MG, Mai 96 201] Oficio ín Do: Ccl CavRENEJÁÌROIrr,(ìIJNDEST Ao: Sr Cmt dâESSA AssurÌto: SirÌdicâìcia-:: Ancxo:Autode Sindicirrì.... i.tlÌas. Remeto:a corÌtida a portariano033-Aj V.Ef o documeÍüo âìexo,cumpíndo determinação em a C.2,de 10ìiÍai 96. AGUNDES- Cel Cav-.,+ia.;.1 Junleeo Auloo aos (t/r ?J?,a.{/3-)".:
  8. 8. 1l4ìt, ffi:Jïï-J4,:,ô4l TERMO TNQUTRIçÃO TESTEMTNHA DE DE::-; Aos trezediasdo mêsde maiocio ano de mìl novecerìli- .,.ì-,lta seis,na , e Escolade Sargôntos Armas das (EsSA),compareceu -r l.lel OLIMPIO a testemufr,r::..í3 VANDERLEI|SAMOS,Idt n"015980140-6 ÌvlinEx,filho w^rilli . l,í OLIVEIRA deryI qual cidade,o foi inquirido Centro,nesta sobre fato constante Portat n 033- Aj-G.z, o na iit. de 10 de Mai i96, o qual lhe foi lido e decÍarando que segue: o Que no dia únte e dois de* Janeúo, ,comparec€u 06:30 horas,naEscola de SaÍg€ntosdas Armaq às? exercsndoa função de Comandante Batalhãode Comandoe dory goal úriglu-se Serviços;que a formatura {pós para Pavilhão Comando partioipar o de paÍa rft dareuniãó o Comandante Escola após reunião col.n da ;que a para dirigiu-se asinstalações do BCSv ondê. às iunto com o TeneÍÌte iniciou seustrabalhosinerentes funçõesespecificasI ÌúiRCrO PASSOSTIBÉNO e com os sargentos ELIEZER MONTEIRO DE.? LIMA CABRAL PEDROSAe DANILO RENATODE LORENZOIque almoçouÌ1 no cassino diversos deioficiais,com desta militares permaneceu Escola;que durantêtodaa " ,) târde na para a sua residência volta das 19:00horas,onde ,retirando-se por 5È permàneceu retomou estâ no diaseguinte todaà noite;que a realizado Escola,tendo, $uas de Comaídante de Batalhão .Perguntado existe alguémque pode se nqé?i .)|. Respondeu siú ,o CetCavJOÃO sfa rotina trabatho? de que LyIí PEryHA.DP "o*p*. uoifnÀsut iCmtdaEsSAe o MajArt cEiSO Do o DA SILVÀ,Ajudante da Geral EsS setiúa conhecimento quêalguns de camiúõesda r:r!i :;edeslocariam ? - ,, , para VARGINHA -ÌvlG,para sofrerem mattirrrrr;) Ì t * s p o n d e q u e u no úa 25 Jan 96 a sim.queesta manutenção de rotina c e prevìstano Pllt,to , !"iiLrlütenção é das n poi Viaturas.Perguntado ordem de quem viaturas as foramlevadi; , : t nÌanutenidas que F: nãconcessio;ária frrlercedes-Beni,AI.lTÔMACo,em da VARCINIl^-1it;ÌÌitspondeu a 3 ordempartiubelemesmo(len VÀNDËRLEI),üsto naquela Cel que opcrt.nidade alémdo rÊr Comandodol Batalhãoìambémacumulava função de Ordenador Despesas a de da t :q]ry *q"-,t^"1:Ì .T quais foram os militares que compuseram- i_.Ì RÈNATO v,tÃónqne+rciRespondeuqueforamos cabos vAssALo r e WELBER NEUDÉS RoDRIGUES.Perguntado acontoceu algo se que nãoPerguntado que horas os a .3 destamissão?Respondeu dê VARGINHA-MG naqueledia?Respondeuque O2(dois)camiúões saíramda sairammãs as 08:34 horas e retornaramàs 15:41 horas,posteriormenle àç 15:41horas,tendo às os os retornado 18:00horas,sendo motoristas r-è# acima citados.Perzuntado coúece ou teve côntalo com os senhores se I RODNGIJES e VITõruO PACACCINI?Respondeu que não conhece tais )DRIGLJES se tem Ínais alguma coisa a declarar?Respondeu não que 3 rt sindicância findo o presente po! quat lido e achadocorfotrtte,vaiclevidamente depoimento,o 4ì assinado isseoficialsindicantepelatestemunha. poi e e RENE.IÀìR i: 2 ,1t íh €À tll ii:à 4i raa
  9. 9. : DE DE I. TERMO INQUIRIÇÃO TESIEMUNÌ Aos treze dias do rnès rle rtiai.r .i., iLltodc mìl nQvec.. .,la s scrs oa Escolade Sargentos Armas(EssA).compaÍeceu das a teste:ri:,:.: .r (av EDSON HENRIQUE RAMIRES, Idí n"018869942-5 Min.Ex,fiìhodü Ll..,^ RODzuGUES RAMIRES, residente RuaJosé na Vinagre 283-Apto NR 20l-Centfo.nesiiÌ oìdade,o foi qual inquirido sobre fato constante Portaria 033 o na no - Aj-G.2,de l0 de Mai 96 o quallhefoi:ì. segunda-tèita, compareeeu lido e declarandoquesegue: no diavirrte doisdejaneiro o Que e na Escola de Sargentosdas Armas, quartel onde trabalha exercendoa função de Comandante Companhia Manutenção Transportes.Como costume,por da de e de volta das.. l i 06:20 horas,lermanecendo em seu Posto de Comando (PC)atépor volta das 07:00 horas,quaado hirigiu-se pavilhão Comando Escola ao de da paraparticipar reunião da diária da DiüsãoAdministrativa (DA)entre chefes Seções os das Administlatì," c1 EsSA;que as aoij sairda reunião chamado salado chefeda Divisãode Ensìrro(D[),l Cel LEALo fioi na en qual solicitou:lhea Íestituiçãode combustível adqürido por aqueleoÍìcial para abastecer viaturamilitar,utilizada em reptesentação Comando EsSA na Guarnição Rio de do da do Janeirqoqualifoi proüclenciado;que tal fato ,retomouao seuPC paracumprimento após d€:) suas átiüdades normais,tendo participado uma outra reuniãojunto de com os demais comandantes subunidades e o comandante Bcsv ao tlrrirlc.,tiisLrbordinado;que de (SU) do : essa reunião ihiciou por volta das09:30horas,estendendo-se " ir:iO atéceri: horas;que ao términodo expediente da manhã,dirìgiu-se refeitóricLr r i:iis,almoçou ao e pennaneceu sali de na jogos até o ìnici-, expedienüe taLl: do cla ,rr;ricipadda ",apÍesentou iormatura realìzada 13:15 às horas quattclo sero oÍicialmais L:,)r air " a tropaao seÌlComandante;que .ì d,ir lbrÍÌatuÍacondtziir ; após as garagens 4:1 cooráenando atividades manutenção as úe ate por volta das l{: ;rJÌtur-ris;que a após manutsnção permaneceu seuPC atéàs 16:20horas em quando cottduziu pesSOaLmente o 3 expediente,dirigìu+e para Treinaménto FisicoMilitar de suaCompaúia;que téÍmino__do ao suaresidêncialonde permaneceu suaesposa seus com e doisfilhos;queentre_20:00 e 23:00 hãras permaneceu seues"ritório,estudando o concursoda Escolade Comandoe em paÍâ Estado-Maior Exército,cujas do provasrealizaria mêsde maio ;queapósesse no horiíriofoi paÍasqr quaÍg ondepermaneceu suaesposa;que dia seguinte com no conforme hábito seu acordouâs o!:45 hoìas dirigindo-se para o expediente EsSA por volta das.06:15 da horas;que participou formatura sua SU por volia das 07:00 horascumprindo da de o daEsSAatéàs l?:15 horâs dirigindo-se suartsì4êçìa cumprinclo para e "*"diàot"ï-*a seuhoráÍiohabitual estudosde Pêrguntado existealguém se que podecolnprovar sua a ". rotina de trúalho?Respondeu sim,oTenCel CavJOSEALBERTOLEAL,chefe que da DE e o Maj ert.er.{Dú LúS MARTINS,Fisc Adm.PerËirntado se-1n11 c91{ecim*Ag deslocaríento camiúões idos parafazeremÉ@@l"t VARGINHA-M9nos{SliAS*l/ Jan96?Respondeu sim,que manutedçãode rotinae estava I que esta é l)iPfìs1x desde quanoo elesforamrecebidos incluídos cargaclaEscola.Perguntadoì)"1 r e na (lJquemestâs viaiuras seguiram dia,no 25 jan 9ó,paì-a serem tnanutenidas r".- nÍi i ia Mercedes- Benz em VARGINHA-MG?Responil.;tr (ÌrleestasmanutençÕìi : rrìiissionária da Mercedes-Benz VARGINHA-Ìr4G de s:ì obrigatólias estão r" : e r:: contrÍltod€ venda üaturasparao Exército,e das c{tlili;tttte tempode itsot ó lgemaquela queaconteceÍ primeiro,develevat se rs r:rnittìtòes q{1:o1t:1": rJrrçi oÍicinas rìri:: nas Jredenciadus,nò caso,náo existe ninguém cr TRÈSCORÁçOES-Ìy1G habilit.Ìdo estes para otHero,not bbtigando a deslocai os caminhões até VARGINHA-MGonde a firma ÀúOúCO eíá autorizada e habilitada pela MercedesBenz a realizar tars que .*otãçf -os tt.perguntado quaìs foram os motoÍistasque oompuseÍam equipe e -a tevaram caminhoes para a manutenção VARGINHÁ-MGlRespondeu em quefor111t-9s úNaro vAssALo FERIÍANDES e WELBER NEUDES RoDzuGUES ""tor
  10. 10. {9 45 e @sI hoú,fI ni ts:ts osteriormente súaÍn Àrir- oi<ããirl caminhões t5:41 às JdoÍ,n:raT-â noÍÍRtendo ritoÍnado às 18:00horas,sendo motodstas mesrnos os os militaresacima qados.Pergu4-tadose conhece ou tevè contato com os senhores UBIRA.IÀRAI RODNGttESje VITóRIO pAcACCIM?Respondeu não que ,r, p.rrour..4à E colno nada mais dissenem lhe foi perguntado,deu c encarregado "áo1ì"". desta pór. fi1do o presente depoimento, q;t Iúj à acr:rito conforme,vai o".3 *"dj$.i" devidamente assinado esse pors oficial sindicante pebìestemunha ef.4 /..:,-"--.Õ f . -", ,* ,. í,a RENEJAI{O FÀGIÌNDES: CAV- CEII Sindicânte ,+Ies.?3s.,q.e,9343t}:9P^,4;qxtr+Àfta*3..:.4:."ryr-Ir3
  11. 11. FL .. Íl)1{ --a--- TERMO Aos treze dias do mês de maio do ano de mii novêcentos noventae seis.na e Escolade Sargentos Armas@sSA),compareceu das a testemunha,lo tnf MÁRôIO ten LUIZ PASSOSTIBERIO ,Idt .043753693-1 Mn.E:;filho de MAURO CARVALHO TIBERIOe IL,MAPASSOS TIBERIO,residente à Rua Sagrada Familirno67_Bairro Sarra Terezanestacidade,o qualfoi inquiridosobreo fato constante portarian033-Ai-GZ-de na 10 Mai 96,0 qual lhe foi lido e declarando que segue:eue dia vinte e dois de janeiro, o no segunda-feir4èompaf,ecêu na Escolade Sargentos Armas,às d=as 07:00 horas.quarÈl onde trabalhao<ercèndo firngãode chefe da 3 seçãodo BCSv e comanclante pelotão de a do Policiado Exército_ PE) para a formaturamatinaldo BCSv,comanr{ando pE,logo (Pel o pel após realizandotrabalhos 3oSeção BCSvatéporvoltadasI l: i - . i.j:irLle na do logo aús dirigiu-separao almoço cassino otir:iais,retornandol3:ì: , . no de às . ,, a foimatura da tardecom o Pel PE;que desde e:rtilc; as 16:00horasçr,._., ate -:,:,-sc realizando trabalhos 3âSeção BCSv;que pariirdeste aa do a momento r.eali.... . ,:,jÌlentoFisico Militar até por volta das I7:15 horastclue logo após dirigiLr-s.:,:..i, jiÌa casa,onde encontrava-se esposa,a CLEIDh ÀLVESDE OLIVEIfu l iì.1i:ìiiü;que volta sua S/ por das 19:30horasdeslosou-se juntamente com suaesposa,para uma visitanâ casado Sr ".: ENIO CtlPoHllO,residente à Rua Paraguain" 266-baino Jardim Améric4retomando pÍìra$ra casapor volta de 22:00horas;que dia 23 Jan96,terça-feira,compareceu no à EsSA paraa formatuÍarrratinal,e também que realizoutrabalhos 3" Seção BCSv,alÍnoçando rìa do,] na. Escola;què 13:15 horas tambémparticipouda formaturada tarde com o as BCSv,realizando trabalhos mesma na seção às 16:00 até horas;que I 7:30horas às dirigiu-se parasuacasa:ondesuaesposa esperava por volta das20:30horasdeslosou-se o ;que*.. Juntaínente susesposaparaa residência Sr ILDOVAN AUGUSTO,residenteAv. com do à Chico Tima n" 139-BainoVila Lim4retornando sua casa por volta das 22:00 à horas.Perguntàdo seexiste alguém podecomprovar suarotinade trabalho?Respondeu que a:i que si4o lo ifen Cav LUIS I{ENRIQUE AMORM,CÍIìt da CCsv.perguntado tiúa se coúecimmto j de que camiúões da EsSA iriam para VARGINHA-MG sofrerem., marutenção?Respondeu não,poisêsteassunto que não lhe estáafeto,eque não soubede nada.Perguntado sêcoúece ou têvecontato comos seúoresUBIRÂ::"iiÌ.{Í{ODRIGUES": e VITORIOPACACCINI?Resporideu não,pois conhece que não tai.. - ... E como nadamais dissee nenrlhe foi perguntado,riur....r..,t:gado desta por sindicância findoo presente qual depoineni.,,o lido e achado c,..,;. . ,...:devidamente assinado esse por oficialsindicantepelarestemunha. e ":iï Sindicante
  12. 12. _1:lìi 1t, TERMO INQUIRÌÇÃO TESTEMUNHA DE DE? i Aos sitorze cliasdo mêsde maio do anode mil novecentos noventa seis,na Escolade e e Sargeirtos Anaas (EsSA),mmpareceutestemunh4 SgtVALDIR CABRAL íEDROSA, Idt das a l" rf 02012E203-J,cxpcdida Ministério Excrcito,fitho JOSÉ!ìRANQSCO PEDROSA pelo do ae c JOqEIA CABBAI PEDROSA, residente RUA 6 NR 33-BairroSarúa.:l na eÍcza,nesta cidadqo,aì. qualfoi inquiddosobrÊ frto conslante Portarian 033 - Aj{.2, de l0 de Mai 96, o qual lhe fòi o !a Ido : dïlaJar$o o que segue:Que no dia vinte e dois Oejaueiro, scgunda-feira, nu Escolade sargentosdas Arfiìas, guartel ondetrabalha qrercendoas funçõcs de"o-iar""eu lu auxiÍiar da} seçãorBcsvdüÌante exp€dieÍfe maúã ê tarde.Fez o da suasrefei@s no cassinoclcsubtenentes e,Õ 9gqqqt r reàlizou esse expedieúe com a participaçãodo 3" Sgt DANILO RENATO DE LORENZO,Cb|KLEBERDOS REIS DOMINGOS e Sd MARCELO EzEeUÌEL:queno período? notumoficou em sua residência esfudando.Que dia vinte e três de janeiro de mil novecentos no er: nov€nta e seis;terça-feir4retomou EsSA no mesmohonirio do dia anrurior,participando à da./Â! formaturamaünal,expediente I" Seçãodo BCSv e almoço;à t;rri. da ..ii.,;:Lunomul na seção,atendendo diÍctamentco Conranclantc Batalhão c Sc, do . Jl OÍ-iMplO VANDERLEI SANTOS,coma finalirìatlc ile despachar os ú,_.. .. .,,Ìì,rntcsà l, Seção.Perguntado existealguémque podi comprovara suaroti)ii .,. . ..,.:rji)?Respondeu se que sinr"o 3" Sgt DANILO RENATO DE LORENZO e o ( - ,,. . ,r,,rr DOS REIS3 DOMINGOS. Perguntadose tinha conhecimento que caminhões i::s:jA iriam para de rj:r: ! VARGINHA-MG sofrerem marìutenção?tìespondeu que não, pois trabalhava na CCiv e não tinha coúecimento das atMdades da Cia Mnt e Tmsp.Perguntado se coúece ou teve Contato com os seúores UBIRAJARA RODRIGUES e VIToRTo PACACCIM?Respondeu que não ooúece tais pessoas.E como nada mais dissenem lhe foi perguntado, deu o encarregadodesta sindicânciapor findo o pÍesente depoimento, o qual l lido e achado confome, vai devidamente assinado por esse oficial sindicante e oela.: testemuúe. l FAGUNDES- Cel Cav . r " / : ,i r!, .i-Ìl .. -._-_Ì___. i -: VALDIR ( Al]i. L PÊDROSA-I. Sgr TcstcnìunlÌn
  13. 13. : TERMODE INQTJUìIÇÃO TESTAMU:.. DE Aos qpatorze do mesde rnaiodo anode mil noveccnLosrìovctìla seis, dias . e na Escola Sargentosdas Armas (EsSA),compareceu testemurÌha, Cabo RENATO de a VASSALO FERNANDES, Idt n" 042.035.034-0 Min Ex, filho de NED JOAQIJIM: iS e INESIA VASSALOFERNÀNDES. residente Av Francisco à Paulineli.no I t< o qual foi inquirido sobreo fato constante Portariano 033 - Aj- na G.2,de 10de Mai 96, o quallhefoi lido e declarandoquesegue: nosdias24 e 25 Jan o Que,:Ì oÁ na Escola de Sargentos Armas, quartel onde trabalhaexercendo das as f:nções de caboMotorista de üatura militar até 5 (cinco) toneladas; que por volta das e1l 06:30 horas da manhãfoi diretamente paÌa o local de formatura de sua companhi4af Compaúia de Manutenção TÍansporte,onde se apresentou e parâ o 3" Sgt VALDIR ERNESTOMENDES DOS SANTOS,para o início do expediente, logo apósfoi que realizara manütenção caminhãoque lhe foi distribúdo,junto com seuscompaúeiÍos, do degaragem, comoo Cabo WELBER e quenesta manhã integrou uurcorrrboi<l 2 (dois) a dc caÍninhões, jrintamente com o Cb WELBER para se deslocalcrìì.ilé a cidade de VARGINHA-MG, onde foi realizada a manutenção periódica dc balânceamento e r únhamentodasrodasdianteiras, firma AUTOMACO, concessÌt-,niii.:r na ÌVercedes Benz, retornando almoçaÍ que,no expediente tarde, realiza(Lì. ,,iuviagem para e da foi :ì Ì:..,. como mesmo propósito, com outrasviaturas, .lue,no final do expeili:..i,: L:irde. e dirigiu-se parasua"república", dividecom o entãoCb VANDERLAN . ,... ..,i.,.ente que trabalha comuma€mpr€sa prejtadora sewiços TRËSCORAçÕES, qi,; ,io l-, Janrealizou de enr c :, as mesnlasüagens do dia anterior, com o mesmopropósito, conÌ outras viaturas da EsSA.Perguntado seexistealguém podecomprovar suarotinade trabalho?Respondeu que a que sinqo 3Sgt VALDIR ERNESTOMENDES DOS SANTOS,FunCiv ORLANDO,ex Cb WELBER e ex Cb VANDERLAN. Perguntado aconteceu se algumacoisa ou fato diferenteduranteo cumprimento missão,respondeu da que não notou nadade anormal duranteo movìmento oamiúõesparaVARGINIIA-MGPergunJado quehorasvocês dos a re8Íessaram VARGINHA-MG, no dia 25 de Janeiro 1996, dp de que respondeu no final da tardePerguntatlo coúece ou teve contatocom os senhores se UBIRAIARA RODRIGUES e ROGERIOFACACCIM?Respondeu nãocoúece taispessoas. que E como Ìrada mais disse nem lhe foi peÍgÈntado, deu o encarregado desta sindicânoiapôr findo o presentedepoimento,o qual lido. e achado conforme, vai deüdamente por dssinado esse oficial sindicante pelatestemuúa. e - VASSALOFERNANDES Cb Testemuúa
  14. 14. f,Ì ,] Ewl? N--I TERMODE INQUIRÌ(,:ÃO TESTEMUNTi DE Aos quatorze do mêsde nrair, anode mil novecri. dias .lo , ..,.:rrta seis, e na Escolade Sargentos Armas (fjss/;,rÍesmo férias,c.,.. das de ... , testemunlÌa, SOIdAdO RICARDO SILVÉRIO DE 1"I tdt 043412704-,I,Ji;,,. :JIìBASTIÃO ELO, JÉ PEREIRÂ MELO e MARIA PAULINA SILVA DE MElo,residente RuaCarmodo DE à Rio Verde n%34,Centro,CARMO DE MINAS-MG,o qual foi inquirido sobre o fato constante PoÍtaria 033 - Aj-G.2,de l0 de Mai 96, o quallhe foi lido e declarando na n: o quesegue: Qubdo dia 22 ao dia25 Jan96 permaneceu aquartelamento no executândo seus afazeres Còmpanhia Manutengão na de ,inclusiveno dia 25 Jan.96 estavade serviçode motorista de rdia à úatura da PE.Perguntado integrou a equipe de motoristasque se conduziu çamiúõesà VARGINïIA-MG, paÍafazeÍmanutenção viaturasMercedes- os das Benz,respondeu que sinr"queno dia 26 Jan 96 junto com o Cb DAVID conduziu para 02(dois)camiúões serem manutenidos AUTOMACO,isto tarde,e na pela chegando lâ as üaturas não sofreram manutenção pelo fato de que a máquina Ìària o alinharnento que .ì estavaestrag4da,e retornamosimediatamente chegando aquartelâmento final do no no : expediente daitarde.Perguntado quemfoi na missão alémdelee o Cb DAVlD,respondeu que arnbosfoiam ohefiados pelo FuncionárioCiül ORLANDO.Perguntado aconteceu se alguma coisa fato diferente òu durante cumprimento missão, o da que respotrdeu nãonotou nada de anormal.Perguntado conheceou teve algum colìi:.ìi, ,.)!ìì os senhores se UBIRAJARA RODRIGUES VITORIO PACÂCCINI,respor;.,.. i.i,ìr,que os e ..... só pela conhece televisão. E como nadamais disle nem lhe foi perguntado, tì,.. -.rrrcgado desta sindicância por findo o presente depoimento, qual lido o devidamente por assìnado esse oÍicial sindicantepela c testenÌunha - FAGUNDES Cel Cav 1 RICARDOSILVERIO MEL DE Testemunha 4-:
  15. 15. ::: N TEIìMO tÌ.1(]llìi!AODrjtESTËMt.lNI1,, DE Àos oatoíze dias do mês de maio tlo ano de mil novecci,r. ,i.rentae seis,na Escola de SaÍgeÌúos das Armas (EsSA),compareceua rr:srurr.rllra,sd CIRILO MARTINS,Idt Ít042034574-6 MinEx,tìlho de CIDALIA MARTA MAti f tNS,residente na AV 2 n 346-BairroNossaSeúora Aparecida,nesta cidade,oqual foi incluiridosobreo fato 6!ì constable na Portaria no 033 - Aj-G.2, de i0 de Mai 96, o qual lhe foi lido e declarando o Ft que segue: Que na semana de 22 à 26 Jan gí,realizou seus tÍabalhos normais na EsSdfrzendolmanutenção üaturasda suaCompaúia"onde apresentava nas s9 todosos dias 3 ao 3 SgÍ VALDIR ERNESTO MENDES DOS SANïOS,para o início e fim do ? expediente;que o final do expediente após para deslocava-sê suacas4delá ìa paraa casade a suanamorada |,JIJLIANA APÁRECIDA SILVÀe depoisretomavaparaa sua residência, penuanecendo.até de sedeslocar a EsSA.Perguntadointegrou equipe a hora para se a que ,: levou os carniúões para VARGINIIA-MG?,Respondeu que não,por não ter sido êscelado.Pergúntado coúece ou teve contato com os senhores UBIRAJARA . se : RODRIGÌJESie VITORIO PACACCINI?Respondeu nãocoúece taispessoas. que : E co4o nada mais disse e nem lhe foi perguntado,deu encaregadodesta o poi sindicância findoo presente qual depoimento,o üdo e achado corrfo,rrt:,yai devidamente asiinadopor esse oficial sindicante pelatestemunha. e -pem .,7:- t - ! - - cel ca,, -ì taLrlcii"iõÜNpns Sirdicante ri I
  16. 16. FrHr0Zrí I wl FL ll.ì t? ÏERMO DE INQIIIRIÇÃO DE TESTEMUNHA Aos vinteum dias do mesde maiodo anode mil novecentosnÒvcnta seis, e e na Escola SaÍgentos Armas@sSA),compareceu de das a testemunha, o LlelCav JOÃO fìlho LUIZ PEì]IIADE MOURA SubCmt da EsSA ldt n 010.197.901-1, de JOSE LUIZ2 AMADOR DE MOIIRÀ e de CARMEM PENIIA DE MOUR,Aresidente Rua SagÍado na coú:jtante Portarian Coração Jeius,51, nestacidadgoqualfoi inquiridosobreo fato : de na 033 - .d-G.2, de 10 de Mai 96, o qual lhe foi perguntado ô -:. .1 se aos dos "ANDERLEI, compaf,eceu expedientes diasvintc- doisatévintee cincc.. . .... ..: ,,ineiro mil de:ì novecentosnoventa seis? e e RespoDduu siÍÌì,queoien Ccl .jl.c ... jjl participou dasformaturas reuniões e junto comos demais matinais membros . , .-ilrode Ensino, ,.r,:1 parareceberem diretrizes Cornandante EscolaPerguntado cotthcce teve as do da sc ou contato cotn os seúores UBIRJUAITÁ RODRIGUES e VITONO PACACCIM?B.espondeunãocoúecetaispessoas. que? E como padamaisdissenemlhe foi perguntado, o encarregado deu destasindicância por findo o presente depoimento, qualüdo e achado o conforme, devidamente vai assinado por esseofioial sindicante pelatestemuúa. e:, Sindicante -l, .-:32 DE MOIIRA - Cel Car -l ..ì "e 3 ,1 ,:, : 1: -. .
  17. 17. B24+sa TERMODE INQI]IRIÇÃO DE TESTEMLINHA.9ry Aos vinteum dias do mesde maiodo anode mil novecentosnoventa seis, e e na Escolade Sar$entos ArÍnas(EssA),comparec€utestemuoha, Maj Art CELSODO Ó das a oI DA SILVÂ.Àj Geral da EsSA, ldt rf 011.278.522-5, filho de MÂNOEL PEREIRADAs SILVA,,g:de,SI-]IHDO Ô DÀ SILVd residçnte Av Presidente na Getúlio Vargas,,149,- nesfaoialldq ó qual foi inquiridosobÍeo fato constante PoÍtaÍiano033 - ,{-G.2, de 10 naa de Ìúai 96, 4 çal lhe foi perguntados€ o Ten Cel VANDERLEI. compareceu aos exp€dientes dias vinte e dois à únte e cinco do niês de janeiro :ìe üìil fiovecentos dòs ê|J noveota seis? e Respondeu sim, que o Ten Cel VANDERLEi 1;:rii.:iua reuniões que dasI matinaisjunto,com demais os membros (onselho Ensino, do de pafáì i.iïrernasdiÍetrizes f.:.{ê do Comandanteda Escola.Perguntado conhece ou teve colrllii, :,:rrn os senhores sea IJBIRAJARA RODRICUES eVIlOI{Ìi I l A(ACClN t?Rcspon(.. .. pessoaÍi. ., ($Íìhccetaise E como inda mais dissetreÍnlhe foi perguntado, o encanegado deu destasindicâncias por findo o prpsentedepoimento, qual lido e achado o confonne, devidamente vai assinado .:j por esse: sinücante pelatestemuúa. oficialn, e4õnl-@!t-4./I I , fu,- ,Ft._ l f f i I i SindicanteóIl9a?,e .,.9@@as*,q e a + ,3 49 2, :: {è e 4i P ry
  18. 18. ,.-: TERMODE INQUIRIÇÃODE TESTEMTNHA:., Aos vintèum dias do mesde maiodo anode mil novecenrosnovenÌa sers, c e na Escoladê Sar$urtos Amas (EssA),compaÍeceutestemuúa, o Ten Cel Cav fóSÉ das a ALBERTOLEAL , Ch daDiúsãodeEnsinodaEsSAldt n" 025.820.It -0, filho deJOSE I LEAL JIIMOR e de ANNA TRECCOLEAL, residente Rua Prof AÌDA ROSÀ 40, na nestb cidade, qualfoi inquirido ô sobre fato constante Portaria 033- Aj-G.2,de l0 o na n. de Mai 96,ondelhe foi perguntado o Maj RAMIRES, na maúã do dia vinte e dois do se mêsdejaneircide mil novecentos noventae seis,compareceu seugabinete,respondeu e em "a.t que srrr, {ue o Maj RAMIRES compaÍeceu para dirimìr dúvidas sobre combustíveis.Ferguntado se conhece teve contatocom os senhores ou (JBIRAJARA : RODRIGUES, TITORIOPACACCINt,respondeu os conìrt-r..ic rrorìciárìos e que da teÌevisão. ; E como rtada maisdissenemlhe lbi l)Èrguntado, o encar, . deu -...;iAsjndicância .. por findoo presente o conforme, ,.j!!,úxtnente depoimento, quallido e achado ,iii assinado por esse oficial sindicante pelatestenìunha. e .ì FAGUNDES- Cel Cav :* -. TO LEAL - TenCel Cav _a -. ...:

×