Higiene saúde e segurança no trabalho

374 visualizações

Publicada em

Higiene saúde e segurança no trabalho

Publicada em: Estilo de vida
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Higiene saúde e segurança no trabalho

  1. 1. Higiene saúde e segurança no trabalho
  2. 2. Quando os acidentes acontecem... Quando é considerado um Acidente de trabalho ? Aquele que se verifique no local e tempo de trabalho, produzindo, directa ou indirectamente, lesão corporal, perturbação funcional ou doença de que resulte redução na capacidade de trabalho ou de ganho, ou a morte (em casos excepcionais). O local de trabalho é o local onde possa ocorrer o acidente de trabalho. No caso de ocorrer acidente no trajecto casa-trabalho, considera-se acidente de trabalho.
  3. 3. Para o trabalhador, essas consequências podem manifestar-se quer a nível pessoal, quer a nível laboral (do trabalho) Psicológicas: alterações do comportamento e de hábitos de vida, diminuição da qualidade de vida, por exemplo. Físicas: repercussões permanentes, tais como deficiências motoras. Interrupção ou redução da actividade física. Económicas: custos não suportados pelas seguradoras ou sistemas de comparticipação de acidentes. Perda de parte da remuneração durante o período de ausência do posto de trabalho. Para a entidade empregadora (empresa), os acidentes de trabalho podem ter as seguintes consequências: • Perda do trabalhador em termos provisórios ou permanentes; • Diminuição da produção; • Acréscimo de contribuição para o regime de protecção social;
  4. 4. Normas e regras de segurança Algumas normas e regras de segurança no trabalho são: • Manter sempre limpo o local de trabalho; • Organizar o espaço de trabalho; • Manter as ferramentas organizadas e em bom estado de conservação; • Utilizar as ferramentas adequadas à função que desempenham; • Conhecer o funcionamento das ferramentas, máquinas e utensílios; • Manipular corretamente as ferramentas, máquinas e utensílios; • Executar o trabalho atentamente; • Manter uma postura correta;
  5. 5. Equipamentos de Proteção Individual (E.P.I) O capacete de segurança. Botas com palmilha e biqueira de aço, para evitar ferimentos e esmagamento dos pés. Luvas apropriadas para os trabalhos a realizar. Óculos de protecção apropriados a cada caso. Máscaras respiratórias apropriadas nos locais onde existem riscos de emanações nocivas. Protectores auriculares e tampões auditivos para protecção dos ouvidos, principalmente em locais onde o ruído é intenso.
  6. 6. Sinalização A sinalização é um conjunto de símbolos e chamadas de atenção que condicionam a actuação do indivíduo perante os riscos que podem ocorrer. A sinalização é, de facto, uma medida de prevenção do risco e do acidente profissional. Existem vários tipos de sinalização utilizadas em higiene e segurança: • Sinalização de segurança e saúde • Sinalização de proibição • Sinalização de aviso • Sinalização de obrigação • Sinalização de salvamento ou de socorro • Sinalização de indicação
  7. 7. Sinalização por cores Proibição; Paragem; Combate ao fogo; Alarme. Aviso de perigo; Atenção. Ausência de perigo; Refugio; Socorros. Informação a seguir; Cumprimento do dever.
  8. 8. Noções de Socorrismo Proteger • Afastar o perigo da vítima ou a vítima do perigo. Alertar • Chamar os socorros de emergência o mais rapidamente possível, marcando o 112: • Informar o local do acidente. • Informar o número de vítimas. Socorrer • Estabilizar as vítimas no local do acidente, dando prioridade ao suporte básico de vida. • Evacuar as vítimas para o hospital, continuando os tripulantes da ambulância a aplicar as técnicas de suporte básico de vida.
  9. 9. Higiene no trabalho (cuidados) • Manutenção da saúde; • Eliminação das causas das doenças profissionais; • Prevenção do agravamento de doenças e lesões; • Aumento da produtividade pelo controle do ambiente de trabalho; • Exames admissionais; • Primeiros socorros; • Registros médicos; • Controle de áreas insalubres; • Exames periódicos; • Atenção às doenças ocupacionais.

×