Desejos Banais
Parte II
Luiza cresce, amadurece e a
rebeldia toma conta de si. Junto
de sua mãe, ela resolve
comemorar seus 15 anos com
uma festa....
E num momento mais sensível, ela fez um desejo banal,
feito de cabeça quente...
Luiza finalmente namora Bernardo, o rapaz com quem
sonhava desde a infância, porém, sua mãe não aprova.
Bernardo faz juras de amor e promessas para o futuro à
Luiza.
Sempre...
Sempre...
Safada!
Vish, tô
frita.
Ingrat
a!
Pra casa,
agora!
E ela é
uma
criança.
Solta a
minha
mina, tia.
Então
case-se
comigo
Luiza!
Deixe-me
a sós
com ela.
Valeu,
falou, me
manda um
whats
depois.
Não
precisa
ir amor.
Você tá
estragand
o a minha
vida!
Mas é para
o seu bem
filha.
Vai embora
mesmo. Me
deixa em
paz!
O que eu
fiz para
merecer
isso?
Logo hoje
minha mãe
resolve
complicar
minha vida.
Feliz
Aniversári
o!
Ain gente! Eu
amo vocês.
Faz um
desejo amiga!
Eu quero ser
independente!
ZzZzZ..
Tem algo errado
aqui.
What’s?
Manhê!
Oo
manhêe!
Que que foi
menina? Tá
gritando por
quê? Sonhou
com a véia?
Minha mãe...
Ela está por
aqui?
Luiza, para de
doideira! Sua mãe
morreu faz 3
meses, e nem no
velório você foi.
Ahn.. E
quantos
anos eu
tenho
agora?
Aah Luiza, para
de brincar.
Você fez 25
ontem. Ou você
não lembra do
stripper gato
qu...
Eu hein, que
que te deu
hoje amiga?
Você tá
estranha.
É que ela
bebeu
demais
ontem, não
deve estar
se
lembrando.
Tá, agora vai se
arrumar porque
você está
atrasada para o
trabalho!
Ok, mas minha roupa
já está passada?
Hahaha
h
Do que estão
rindo?
Luiza, sua
empregada já
morreu. Agora é
você que faz suas
coisas.
Você não está se
referindo a minha
mãe não, né?!
Tô, por quê? Olha, nem
vem reclamar comigo
não. Porque sua mãe,
minha querida, morreu
por sua causa,
enquanto ela esteve
d...
Eu não posso ter
feito isso.
Mas fez! Agora vai
trabalhar, que eu me
sustento com o seu
dinheiro.
Táaaa!
Então, atordoada, Luiza põe a roupa sem passar...
Não acredito que a
causa da morte da
minha mãe, foi por
eu preferir um
g...
Pega o endereço...
Será que valeu
a pena? Será
que ainda
estamos
juntos?
Beijo pri.
Tchau Beca,
Tchau
Talita.
Você está
atrasada
Luiza
Fernandes!
Em seu trabalho, Roberto seu
sócio á repreende por sua
demora!
O que foi
Luiza?
Minha
mãe
morreu...
É, ela morreu. Você
até fez uma festa
de comemoração
pela morte dela!
Eu vou
embora mais
cedo, ok?
Ok, tudo
bem...
Luiza sai mais cedo do trabalho como havia combinado
com seu sócio Roberto. Ela passa em casa e põe um traje
de praia.
Eu ...
A minha
vida era
muito boa...
Eu tinha tudo,
tinha a minha
mãe, meus
amigos...
Por que eu
queria ser
independente
? Eu era
independente
até demais.
E por causa de
um desejo
banal, eu acabei
perdendo a
minha mãe.
Era tudo tão mais
fácil quando eu
tinha 11 anos e só
precisava pensar
em princesas e
varinhas.
Luiza deixa sua sandália na areia e segue em encontro
ao mar.
Tomara que
essa água
afogue meus
problemas.
Por favor
Senhor, último
desejo, me
ouça.
Eu quero a minha
vida de volta.
Então ela fecha os olhos, e com muita, muita fé,
deseja:
Luiza aparece em seu quarto dormindo
ZzZzZz.
.
Espera,
eu
conheço
esse
lugar!
É o meu
quarto, é a
minha
casa!
Obrigad
a Deus!
Preciso
falar com
ela.
Luiza vê sua mãe na cozinha fazendo docemente o café da manhã e
sente alívio e gratidão por Deus ser tão piedoso e bom com...
Mãaae! Você
está viva!
Estou (?)
Não precisa se
desculpar mamãe, eu
quero ser criança, e
quero que você cuide de
mim por muito... Muito
tempo! Te amo.
ter ...
Na escola...
Putz..
Oi! “Amor”.
Oi Gatinha!
O que tá
fazendo aqui
tão cedo?
Você quer
mesmo
saber?
AI!
Coé
garota!
Isso!
E então ela sai desfilando, e, por incrível que pareça, ela sai
feliz e agradecida.
Coé Amor,
e o nosso
“sempre”,
como fic...
Fim!
Moral da história: Trate sua mãe como
uma rainha, pois ela merece. Procure
sempre demonstrar muito amor por ela.
As m...
8 º C
Integrantes do
grupo:
Aymêe
Stefani
Thábata
Camila
Alex
Emanuele
João Victor
8º B
Integrantes do
grupo:
Lorrayne
Ari...
Desejos banais 2 pen
Desejos banais 2 pen
Desejos banais 2 pen
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Desejos banais 2 pen

737 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Desejos banais 2 pen

  1. 1. Desejos Banais Parte II
  2. 2. Luiza cresce, amadurece e a rebeldia toma conta de si. Junto de sua mãe, ela resolve comemorar seus 15 anos com uma festa. Nesses últimos 4 anos muitas coisas aconteceram. Os pais de Luiza se separaram, o que tem causado angustia e brigas constantes no lar de Luiza.
  3. 3. E num momento mais sensível, ela fez um desejo banal, feito de cabeça quente...
  4. 4. Luiza finalmente namora Bernardo, o rapaz com quem sonhava desde a infância, porém, sua mãe não aprova.
  5. 5. Bernardo faz juras de amor e promessas para o futuro à Luiza.
  6. 6. Sempre... Sempre...
  7. 7. Safada!
  8. 8. Vish, tô frita.
  9. 9. Ingrat a!
  10. 10. Pra casa, agora! E ela é uma criança. Solta a minha mina, tia.
  11. 11. Então case-se comigo Luiza! Deixe-me a sós com ela.
  12. 12. Valeu, falou, me manda um whats depois. Não precisa ir amor.
  13. 13. Você tá estragand o a minha vida! Mas é para o seu bem filha.
  14. 14. Vai embora mesmo. Me deixa em paz! O que eu fiz para merecer isso?
  15. 15. Logo hoje minha mãe resolve complicar minha vida.
  16. 16. Feliz Aniversári o!
  17. 17. Ain gente! Eu amo vocês.
  18. 18. Faz um desejo amiga! Eu quero ser independente!
  19. 19. ZzZzZ..
  20. 20. Tem algo errado aqui.
  21. 21. What’s?
  22. 22. Manhê!
  23. 23. Oo manhêe!
  24. 24. Que que foi menina? Tá gritando por quê? Sonhou com a véia?
  25. 25. Minha mãe... Ela está por aqui? Luiza, para de doideira! Sua mãe morreu faz 3 meses, e nem no velório você foi.
  26. 26. Ahn.. E quantos anos eu tenho agora? Aah Luiza, para de brincar. Você fez 25 ontem. Ou você não lembra do stripper gato que contratamos?
  27. 27. Eu hein, que que te deu hoje amiga? Você tá estranha.
  28. 28. É que ela bebeu demais ontem, não deve estar se lembrando.
  29. 29. Tá, agora vai se arrumar porque você está atrasada para o trabalho!
  30. 30. Ok, mas minha roupa já está passada?
  31. 31. Hahaha h
  32. 32. Do que estão rindo?
  33. 33. Luiza, sua empregada já morreu. Agora é você que faz suas coisas.
  34. 34. Você não está se referindo a minha mãe não, né?!
  35. 35. Tô, por quê? Olha, nem vem reclamar comigo não. Porque sua mãe, minha querida, morreu por sua causa, enquanto ela esteve doente você não deu a mínima. Não venha de arrependimento depois que a velha morreu!
  36. 36. Eu não posso ter feito isso.
  37. 37. Mas fez! Agora vai trabalhar, que eu me sustento com o seu dinheiro. Táaaa!
  38. 38. Então, atordoada, Luiza põe a roupa sem passar... Não acredito que a causa da morte da minha mãe, foi por eu preferir um garoto do que ela...
  39. 39. Pega o endereço... Será que valeu a pena? Será que ainda estamos juntos?
  40. 40. Beijo pri. Tchau Beca, Tchau Talita.
  41. 41. Você está atrasada Luiza Fernandes! Em seu trabalho, Roberto seu sócio á repreende por sua demora!
  42. 42. O que foi Luiza? Minha mãe morreu...
  43. 43. É, ela morreu. Você até fez uma festa de comemoração pela morte dela!
  44. 44. Eu vou embora mais cedo, ok? Ok, tudo bem...
  45. 45. Luiza sai mais cedo do trabalho como havia combinado com seu sócio Roberto. Ela passa em casa e põe um traje de praia. Eu só não entendo o que está acontecendo...
  46. 46. A minha vida era muito boa...
  47. 47. Eu tinha tudo, tinha a minha mãe, meus amigos...
  48. 48. Por que eu queria ser independente ? Eu era independente até demais.
  49. 49. E por causa de um desejo banal, eu acabei perdendo a minha mãe.
  50. 50. Era tudo tão mais fácil quando eu tinha 11 anos e só precisava pensar em princesas e varinhas.
  51. 51. Luiza deixa sua sandália na areia e segue em encontro ao mar.
  52. 52. Tomara que essa água afogue meus problemas.
  53. 53. Por favor Senhor, último desejo, me ouça.
  54. 54. Eu quero a minha vida de volta. Então ela fecha os olhos, e com muita, muita fé, deseja:
  55. 55. Luiza aparece em seu quarto dormindo ZzZzZz. .
  56. 56. Espera, eu conheço esse lugar!
  57. 57. É o meu quarto, é a minha casa!
  58. 58. Obrigad a Deus!
  59. 59. Preciso falar com ela.
  60. 60. Luiza vê sua mãe na cozinha fazendo docemente o café da manhã e sente alívio e gratidão por Deus ser tão piedoso e bom com ela.
  61. 61. Mãaae! Você está viva! Estou (?)
  62. 62. Não precisa se desculpar mamãe, eu quero ser criança, e quero que você cuide de mim por muito... Muito tempo! Te amo. ter te tratado como criança ontem, mas eu não admito que minha princesinha esteja crescendo.
  63. 63. Na escola...
  64. 64. Putz.. Oi! “Amor”.
  65. 65. Oi Gatinha! O que tá fazendo aqui tão cedo? Você quer mesmo saber?
  66. 66. AI! Coé garota! Isso!
  67. 67. E então ela sai desfilando, e, por incrível que pareça, ela sai feliz e agradecida. Coé Amor, e o nosso “sempre”, como fica? Que vacilo em cara!
  68. 68. Fim! Moral da história: Trate sua mãe como uma rainha, pois ela merece. Procure sempre demonstrar muito amor por ela. As mães são anjos do Céu. E principalmente, nunca deseje nada de cabeça quente, desejos podem, SIM, ser realizados através de sonhos, e sonhos podem servir como aviso!
  69. 69. 8 º C Integrantes do grupo: Aymêe Stefani Thábata Camila Alex Emanuele João Victor 8º B Integrantes do grupo: Lorrayne Ariani Miguel João Victor Matheus Sellos Daniel Dias Allan Henrique

×