Revista Leque 3

2.471 visualizações

Publicada em

Revista Leque de Ribeirão Preto

Publicada em: Estilo de vida
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.471
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.327
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Revista Leque 3

  1. 1. CTR NOVA TECNOLOGIA EM RADIOTERAPIA Ano 1 Edição 3 2015 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 1Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 1 26/03/2015 11:54:2326/03/2015 11:54:23
  2. 2. Por que personalizar ambientes? As pessoas são únicas, com desejos únicos. Ninguém quer ser igual ao outro. Por isso, a personalização de ambientes, principalmente, quando falamos de móveis, é essencial. Há 30 anos eu personalizo a casa das pessoas e nen- huma fica igual a outra, pois a casa tem que ter o espírito de quem as habita. Ge Carolo Arquiteta e Design Rua São José, 1841 I Jardim Sumaré I Ribeirão Preto (16) 3623.9200 I (16) 3621.1610 www.carpetline.com.br A Aluminas, empresa do grupo Carpetline, possui o que ex- iste de melhor em qualidade e acabamento, em MÓVEIS e DESIGN DE AMBIENTES, seja para área externa ou interna. A Aluminas permite a PERSONALIZAÇÃO dos móveis. PraƟ- camente todo o revesƟmento pode ser mudado, para ficar exatamento como você desejar. Na compra de um novo móvel, o seu anƟgo móvel de alumínio entra como forma de pagamento, proporcio- nando até 30% de desconto nos produtos Aluminas e uma ação sustentável. “Se eu pensar que eu revitalizo tudo que é seu e que não existe no mundo um depósi- to de tudo o que você não quer mais, a id- eia de ter onde deixar o seu anƟgo móvel é fantásƟca”, Ge Carolo. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 2Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 2 26/03/2015 11:54:4926/03/2015 11:54:49
  3. 3. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 3Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 3 12/03/2015 07:37:5512/03/2015 07:37:55
  4. 4. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 4Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 4 12/03/2015 07:37:5612/03/2015 07:37:56
  5. 5. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 5Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 5 12/03/2015 07:37:5612/03/2015 07:37:56
  6. 6. 6 | EDITORIAL Diretoria Responsável Poliana Spadaro Profeta - poliana@revistaleque.com.br Juliana Spadaro - juliana@revistaleque.com.br Jornalista Responsável Mariana Nakane - MTB 42.692 jornalismo@revistaleque.com.br Fotos Simone Meirelles Editor de Moda JP Trovó - jp@revistaleque.com.br Arte Helena Zanni design@revistaleque.com.br Rua Rui Barbosa, 1145 sl 91- CEP 14015-904 - Ribeirão Preto-SP | 16. 99191-4422 - 16. 99154-2249 www.revistaleque.com.br I fb.com/LequeRevista Esperança para quem precisa de radioterapia Você sabia que em Ribeirão Preto existe um lu- gar no qual o tratamento oncológico, que necessita de radioterapia é feito de forma muito mais branda, ao minimizar aqueles efeitos colaterais sofridos du- rante tratamentos convencionais? Pois é. O CTR - Centro de Tratamento em Radio-Oncologia, possui uma poderosa arma contra cânceres, entre eles o de pele, proporcionando qualidade de vida aos pa- cientes. Trata-se do acelerador linear Elekta Synergy Platform, do qual você, leitor, pode saber mais ao ler a nossa matéria de capa, dedicada exclusivamente ao tema, um assunto de grande importância e relevân- cia para toda a sociedade. Ainda no campo da saúde também trazemos nesta edição, outra super novidade que promete revolucionar os tratamentos estéticos voltados à face. Estamos falando da Reabilitação Orofuncional, que trata rugas e outros defeitos que surgem no ros- to por causa da perda de musculatura, reabilitando, primeiro, problemas na cavidade bucal, como disfun- ções temporomandibulares, oclusões, falta de den- tes, entre outros. Leia a matéria e descubra o que dentes e mandíbula têm a ver com flacidez e rugas! E para quem está planejando viajar também te- mos dicas pra lá de interessantes como uma tradicio- nal viagem rumo a Roma e Paris, ou então algo mais rústico como visitar o Vale dos Vinhedos, na cidade sulista de Bento Gonçalves. Esta edição tem muito mais. Vamos deixá-los de- gustarem das páginas que seguem, as quais foram pre- paradas com muito prazer! Poliana Spadaro Profeta e Juliana Spadaro Os textos assinados na revista são de exclusiva responsabilidade dos autores. Assessoria Administrativa Antônio Carlos Frederico Assessoria Jurídica Caetano Miguel Barillari Profeta - OAB 144.173-SP Impressão: São Francisco Gráfica e Editora Tiragem: 10.000 exemplares Distribuição: Ágil Logística I (16) 3043-4627 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 6Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 6 12/03/2015 07:37:5712/03/2015 07:37:57
  7. 7. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 7Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 7 12/03/2015 07:37:5812/03/2015 07:37:58
  8. 8. ¸NDICE 23. CAPA CTR. Precisão no tratamento radioterápico. 38. ENTREVISTA João Naves. Uma trajetória de sucesso. 42. TURISMO Vale dos Vinhedos. Um dos destinos mais belos da Serra Gaúcha. 56. SAÚDE Reabilitação Orofuncional. Conheça o tratamento facial realizado a partir da função mastigatória. 58. BELEZA Wanderley Nunes e Rosângela Barchetta. Sucesso no mundo da beleza. 62. MODA Malhação. JP Trovó traz modelitos de dar inveja dentro e fora da academia. 23 38 58 62 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 8Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 8 12/03/2015 07:37:5912/03/2015 07:37:59
  9. 9. | 9 FRASES QUASE FILOSŁFICAS Carlos Carvalho Intenção menos ação é igual a zero. Padre Zezinho sobre pessoas que ficam colocando frases no facebook e não cuidam nem do próprio quarto Já estavam fazendo xixi de porta aberta. Sobre a maneira descarada com que se falava em propina na Petrobrás, de delator premiado Mais chato que chinelo de gordo. Sobre um assessor Palaciano Vendedor sem ambição e sem vontade de ficar rico, entrega no final do mês, resultados medíocres. Maurício Amorim em curso de vendas em BH Atualmente no Palácio Rio Branco, até os ratos são espiões. De um jornalista que acompanha o clima atual do palácio Essa jovem Pan já está envelhecendo. De uma pré-adolescente depois de ouvir uma música que fez sucesso o mês passado Relembrar é tão importante quanto aprender. Enoir Santos em uma teleconferência Nos últimos tempos, o único órgão do corpo humano que estava me dando prazer, era o estômago. André Marques explicando porque fez cirurgia do estômago no programa do Jô Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 9Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 9 12/03/2015 07:38:0212/03/2015 07:38:02
  10. 10. 10 | COSTA DA LUZ UMA VERDADEIRA SURPRESA EM TODOS OS SENTIDOS “...a beleza na sua essência é para nós tão mis- teriosa como a vida em si. Qualquer tentativa de defini-la resulta em insensatez”. Com essa citação de F.L. Wright exprimo o meu ponto de vista sobre a beleza da Costa da Luz. Cadiz em particular, cidade portuária, por muitos definida como uma meta turística desconhecida é uma verdadei- ra surpresa em todos os sentidos, pela sua beleza natu- ral, pela sua história e pela sua gastronomia inigualável. Fundada pela civilização fenícia em 1100 dc. foi cenário de eventos históricos inclusive na atual história espanho- la, sendo o local de declaração da primeira constituição. Quilômetros e quilômetros de costa que percor- rem a Andaluzia reluzem restaurantes e hotéis para todos os desejos e budgets. Recomendo em Cadiz, entre as tantas propostas que a cidade oferece, o restaurante Barrasiete, local cheio de charme e com uma vista de tirar o fôlego. O menu propõe as famosas tapas e pinchos para co- mer sozinho ou bem acompanhado. Pessoalmente o classificarei como muito divertido e inusitado pelas novas interpretações de pratos tradicionais espanhóis tais como o “Pulpo a la Gallega” em uma versão de tentáculos grelhados na brasa que emanam um gosto do cedro defumado que ao tocar na boca derrete pela morbidez, este sobre uma crema de batatas com uma textura única regadas com azeite aromatizado à páprica doce. Entre tantas opções, outra muito marcante é a de- gustação de mini-hambúrgueres de atum, a têmpora de bacalhau com molho Ali Oli, sempre muito bem acompanhados do excelente vinho da região de Cadiz com suas notas intensas cheias de sabores. Mais ao norte na Costa da Luz encontram-se praias incríveis de pouco acesso ao grande público em geral. A região é muito famosa pelas companhias de ma- nufaturação de atum, assim sendo, fui atrás da fonte. Nada como obter matéria prima de primeira quali- dade apenas pescada. Dessa forma, fui chegando a “Playa de los Alemanes” um pequeno “pueblo” com badalados restaurantes e Boutique Hotéis. La Taberna del el Campero é um local charmoso quase escondi- do nas pequenas vielas, um verdadeiro achado, com um menu-degustação com pratos à base de atum fresco servidos sempre com uma “cava” bem gelada. Se eu pudesse, o meu desejo seria o de que estes lugares nunca perdessem a sua identidade, sua tão amigável e calorosa acolhida e certamente a sua raiz gastronômica baseada no frescor e na qualidade de seus produtos exclusivamente mediterrâneos. Texto de Neto Carolo, chefe de cozinha. GASTRONOMIA Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 10Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 10 12/03/2015 07:38:0412/03/2015 07:38:04
  11. 11. 2011CabernetSauvignon PircasdeLiguai 2011Chaski PetitVerdot 2011 Liguai 2010Quelen SpecialSelection 2010Quelen SpecialSelection www.lojamuseudagula.com.br CAMPINAS Av.Norte/Sul,807 193327.1026 RIBEIRÃOPRETO Av.JoãoFiúsa,1436 163602.5640 95 “O talentoso enólogo Germán Lyon é o responsável por elaborar este expressivo 100% Cabernet Sauvignon, com estágio de 15 meses em barricas de carvalho francês. Surpreende pelo estilo austero e profundo, privilegiando as frutas vermelhas mais frescas, que trazem mais acidez e vivacidade ao conjunto. Os taninos são quase granulados e de ótima textura, dando estrutura, persistência e profundidade ao vinho. Percebe-se aqui o claro respeito à fruta, com a madeira muito bem integrada e uma busca por expressar uma origem, no caso o Maipo, o que é muito bom e que, diga-se de passagem, foi atingido.” “Possui bouquet que remete a um floral perfumado com notas balsâmicas, cheio de aromas de ervas do Mediterrâneo (lavanda, alecrim) e uma mistura de frutas vermelhas e pretas. Tem uma textura aveludada, macio, sendo enfim um impressionante Petit Verdot. - L.G.” “O 2011 Liguai é uma mistura de 55% Syrah, 25% Cabernet Sauvignon e 20% Carmenere. Ela tem um bouquet de frutos pretos maduros, algumas notas de fumo e aromas de bálsamo, com uma média a encorpado paladar, intensidade e taninos redondos, brilhantes. - L.G.” “Uma mistura incomum de Petit Verdot, Carmenere e Cot, as variedades que quase desapareceram da Bordeaux. A mistura realmente parece funcionar, as variedades estão bem integrados, mostrando o caráter explosivo do Petit Verdot ea exuberância das ervas balsâmicas, frutas e alcaçuz vermelho brilhante. O paladar é de médio a encorpado, mas sente-se muito fluido e perda de peso, com grande equilíbrio e acidez, elegância e persistência. Esta é uma mistura intelectual, único que realmente funciona. Grande vinho "- L.G.” EXCLUSIVIDADE MUSEU DA GULA PTS. Robert Parker PTS. Descorchados PTS. Robert Parker PTS. Robert Parker 929092 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 11Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 11 12/03/2015 07:38:0712/03/2015 07:38:07
  12. 12. 12 | FOOD TRUCK NAS RUAS DE RIBEIRÃO “PASTA DA GULA” SERVIRÁ AS TRADICIONAIS MASSAS ITALIANAS EM DIVERSOS PONTOS DA CIDADE. Os food trucks, já famosos em grandes centros como São Paulo, Milão e Nova Iorque, estão ga- nhando cada vez mais espaço em Ribeirão Preto. O “Pasta da Gula” é o mais novo trailer a desfilar delícias pelas ruas da cidade, servindo as tradicionais massas italianas com toque gourmet. Os pratos foram criados exclusivamente para o esquema “comida de rua” e incorporam os principais traços da culinária italiana. O cardápio de massas in- clui ravióli de marguerita, nhoque de mandioquinha e penne integral. Os molhos são ao sugo, à bolonhesa, GASTRONOMIA bechamel com gorgonzola e pesto de manjericão. As porções, que possuem cerca de 500 gramas, são individuais e acompanham queijo parmesão, manje- ricão e torrada italiana. O “Pasta da Gula” é uma iniciativa do empre- sário Gula Biagi, diretor da Gula Biagi Gastronomia e Eventos, e Ricardo Pereira, que carrega ampla experiência no setor de pizzaria e culinária italiana. O food truck está aberto de quarta a domingo, das 19h30 às 23 horas, e tem sua localização sempre divulgada nas redes sociais. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 12Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 12 12/03/2015 07:38:0712/03/2015 07:38:07
  13. 13. | 13 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 13Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 13 12/03/2015 07:38:1012/03/2015 07:38:10
  14. 14. 14 | GASTRONOMIA Uma pesquisa realizada durante o Slow Brew Brasil-Festival & Degustação de Cervejas Artesanais, que aconteceu em Ribeirão Preto em novembro do ano passado, revela quais as preferências do univer- so feminino que aprecia cervejas artesanais. 4.329 pessoas estiveram presentes no Slow Brew Brasil, sendo 1.198 mulheres. Para este universo fe- chado utilizou-se o grau de confiança da pesquisa de 99% e margem de erro de 3%. O universo de mulheres que degustam cervejas artesanais está na faixa dos 20 aos 50 anos de idade ou mais. As mulheres de 21 a 30 anos gostam, em sua maio- ria de cervejas âmbar (29,90%), clara (29,90%) e alaran- jada (12,4%). A preferência pelas avermelhadas, aco- breadas e escuras chega a somente 9,30% cada uma. Dos 31 aos 40 anos, as mulheres ainda prefe- rem as claras em primeiro lugar (36,13%), âmbar (20,65%) e acobreadas (16,78%). As escuras apa- recem com 16,78%, depois vêm as avermelhadas (9,66%) e as alaranjadas não foram votadas. No grupo dos 41 aos 50 anos, as mulheres co- CERVEJAS ARTESANAIS PESQUISA REVELA QUAIS AS PREFERIDAS PELO PÚBLICO FEMININO meçam a mudar o seu gosto. A preferência é pelas cervejas claras ainda (34,12%), logo em seguida sur- ge, pela primeira vez subindo no ranking, as escuras (24,40%), depois as avermelhadas (17,08%), acobre- adas e âmbar (cada uma com 12,20%). As alaranja- das novamente não foram votadas. O universo feminino acima de 51 anos de idade, tem preferência marcante pelas cervejas acobrea- das (42,80%), depois vêm as claras, sempre no gos- to feminino (28,60%), as escuras (17,80%), âmbar (10,80%) e não foram votadas as alaranjadas nem as avermelhadas. “Vemos que as mulheres, com o tempo, vão apreciando outros tipos de cervejas, às vezes mais encorpadas, ou com sabores mais diferenciados. Isso é também uma maturidade na degustação: as mu- lheres vão aprendendo mais sobre o universo cerve- jeiro, entendem sobre harmonização e ficam curio- sas para conhecer novos sabores que só as cervejas artesanais podem proporcionar”, diz Katia Pereira, curadora do Slow Brew Brasil. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 14Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 14 12/03/2015 07:38:1512/03/2015 07:38:15
  15. 15. | 15 Não há festa sem bolo e por isso, falar de bolo é sempre bom, pois nos remete a momentos de confraternização. Lá na renascença, por exemplo, o bolo já era a atração principal de luxuosos banque- tes, principalmente, em termos de decoração. Passados séculos, essa tradição continua, mas a todo momento inovações surgem, como é de se esperar. Hoje, além dos tradicionais bolos de cho- colate, frutas e castanhas, encontramos uma exótica variedade de novos sabores e visuais. É o que explica o empresário do ramo e proprie- tário da Boutique Delícia, Eder Masalskas. “Principal- mente em casamentos, o já conhecido Red Velvet tem sido muito pedido. A novidade na receita está em harmonizar e acentuar chocolates nobres com azeites extravirgens”, revela ele. Outro famoso entre as noivas, e que é tendência para festas em geral, é o Naked Cake, que não leva co- bertura nas laterais, de forma que suas camadas ficam to- talmente expostas. É um bolo exuberante por natureza. OUSADIA E SOFISTICAÇÃO DA TRADIÇÃO À INOVAÇÃO, NOVAS RECEITAS SÃO CRIADAS, DANDO ORIGEM A DELICIOSOS E BELOS BOLOS BOUTIQUE DEL¸CIA Rua João Penteado, 1120 Boulevard 16.3011.5568 I 98805.5178 fb.com/boutiquedelicia boutiquedelicia@yahoo.com.br Naked Cake GASTRONOMIA Foto:Divulgação/meramenteilustrativa Escolhido o bolo, seja ele tradicional ou inovador, e independente do sabor, é importante certificar-se sobre o frescor e a qualidade das matérias primas utilizadas. “Nós, da Boutique Delícia prezamos por essa qualidade utilizando apenas chocolates belgas e suíços, farinha de qualidade, levando leveza às massas e utilizando recheios frescos, bases italianas e claro muita técnica e amor, o nosso principal e mais elevado ingrediente”, diz Eder. DICA DA BOUTIQUE DELÍCIA Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 15Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 15 12/03/2015 07:38:1512/03/2015 07:38:15
  16. 16. 16 | Avenida Wladimir Meirelles Ferreira, 1485 | Jd. Botânico Reservas: (16) 3441.4979 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 16Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 16 12/03/2015 07:38:1612/03/2015 07:38:16
  17. 17. | 17 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 17Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 17 12/03/2015 07:38:1912/03/2015 07:38:19
  18. 18. 18 | PROJETO GOURMET SORVETE ITALIANO Gelato Borelli RibeirãoShopping I Fiusa Center | Delivery: (16)3237-5007 www.gelatoborelli.com.br I facebook: Gelato Borelli Produzidos com matéria-prima selecionada, garantindo sabor e cremosidade inigualáveis, os Gelatos Borelli não possuem corantes, aromatizantes ou conservantes. Den- tre os diversos sabores disponíveis estão os deliciosos limão siciliano, doce de leite, cookies, chocolate ao leite e amargo, além da linha diet. COZINHA CRIATIVA Design com Sabor (16) 981121615 I 991753940 www.designcomsabor.com facebook: designcomsabor A Design com Sabor vai além da execução de uma receita. Nossa equipe preocupa-se com os mínimos detalhes da gastronomia de seu evento, acrescentando um toque de requinte e criatividade ao sabor. TRADIÇ‹O LIBANESA Casa do Árabe Rua do Professor, 433 (16) 3442-2667 I 98124-4704 I www.casadoarabe.com.br As delícias da cozinha árabe, com ingredientes especiais e re- ceitas tradicionais de família, como o quibe com snoubar, um pinole que confere sabor indescritível ao prato. Diferente de tudo o que você já provou. Aberto de segunda a sexta até às 19h e aos sábados até às 14h. Delivery de pratos prontos ou congelados e encomendas. SABORES E DEL¸CIAS Bella Città Pães Especiais Av. Portugal, 1760 | 16. 36239403 facebook.com/BellaCitta Bellacitta@emporiobellacitta.com.br A Bella Città é hoje, uma das mais completas casas de pães da cidade. Oferece serviços de panificação, confeitaria, mercearia, restaurante e lanchonete. Também oferece uma gama completa de produtos para reuniões, encontros e festas diversas. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 18Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 18 12/03/2015 07:38:2012/03/2015 07:38:20
  19. 19. | 19 CERVEJAS ESPECIAIS Museu da Gula Av. João Fiusa, 1436 - Ribeirão Preto/SP (16) 3602.5640 | www.museudagula.com.br facebook: Museu da Gula. No Museu da Gula você encontra uma variedade de cervejas nacionais e importadas para todos os gostos e estilos. Faça-nos uma visita e deguste nossas delícias. PROJETO GOURMET PARA A P˘SCOA Marina Magalhães Doces Rua João Godoy, 466 I (16) 3969-6612 I (16) 3043-5969 www.marinamagalhaesdoces.com.br facebook: Marina Magalhaes Doces Em março, no Ateliê de Doces você encontra produtos ex- clusivos para sua Páscoa. São diversas opções, entre ovos e lembranças. O queridinho de todos os anos, o Pão de mel recheado com doce de leite, esta ainda mais charmoso. Pre- senteie e encante seus amigos e familiares. Venha nos visitar! HAPPY HOUR Madero Burger & Grill RibeirãoShopping. (16) 3902-1288 www.restaurantemadero.com.br facebook.com/MADERO.BestBurger Para aproveitar o fim do dia da melhor forma, o res- taurante Madero realiza o Happy Hour Madero, com descontos especiais em bebidas e em algumas opções do cardápio. O Happy Hour Madero acontece de segunda a sexta-feira, exceto feriados e datas come- morativas, sempre das 18h às 20h. CAFÉ DA MANH‹ Posto BR Mania B2F Av. Prof. João Fiusa, 900 I (16) 3621.4818 Seu melhor momento para começar o dia está na padaria do Posto BR Mania B2F, eleita a melhor do bairro. Só lá você encontra o mais completo café da manhã. São pães especiais, croissants, sanduíches naturais e quentes feitos na hora, sucos, cafés, entre outras inúmeras opções. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 19Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 19 12/03/2015 07:38:2212/03/2015 07:38:22
  20. 20. 20 | PIZZARIA GOURMET Bella Dora Rua do Professor, 933 I Rui Barbosa, 696 (16) 3941-4800 I (16) 3620-2525 fb.com/Belladorapizzagourmert www. belladora.com.br Pizzas com os melhores sabores, companhias perfeitas e bons momentos é na Bella Dora. A sugestão fica por conta da Pizza Gourmet. PROJETO GOURMET DIVERSIDADE EM BOLOS Boutique Delícia Rua João Penteado, 1120 - sala 02 - Boulevard 16. 3011-5568 I 98805.5178 fb.com/boutiquedelicia I boutiquedelicia@yahoo.com.br Desde os tradicionais bolos de frutas, castanhas e chocolate aos bolos da moda como o Naked Cake, a Boutique Delícia prepara os mais variados e deliciosos bolos de festa. Agende já uma degustação e conheça uma grande variedade em doces finos. É P˘SCOA João Brigadeiro Rua Marconde Salgado, 1736 I Shopping Iguatemi, piso I (16) 3442-4323 I www.joaobrigadeiro.com.br A época mais doce do ano está chegando e junto com ela a certeza de que não pode faltar os produtos artesanais da João Brigadeiro. Faça já sua encomenda para a Páscoa na brigaderia que possui um cardápio completo, com os me- lhores e mais requintados produtos gourmet de Ribeirão e região. As embalagens são especiais e os sabores exclusivos. IRRESIST¸VEL SABOR Bella Luzia Casa de Pães Av. Portugal, 964 | 16. 3623-8732 facebook.com/bellaluziacasadepaes casadepaes@bellaluzia.com.br A Bella Luzia oferece os mais variados tipos de serviços e produtos que só uma padaria completa pode oferecer. Entre suas especialidades estão pães, doces e salgados, bolos, tortas e doces diversos, encomendas para reuniões empresariais e familiares entre outros. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 20Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 20 12/03/2015 07:38:2912/03/2015 07:38:29
  21. 21. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 21Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 21 11/03/2015 17:46:4211/03/2015 17:46:42
  22. 22. 22 | Para atrair os melhores colaboradores, é indispen- sável prestar atenção e respeitar as diferentes etapas do recrutamento proposto a todos os candidatos. A marca de empregador ganha em qualidade quando os candidatos recrutados, assim como aqueles não sele- cionados, avaliam positivamente o processo de recru- tamento proposto pela empresa. Os candidatos são sensíveis a imparcialidade do processo e uma decisão de recrutamento é julgada justa se o processo que leva a este resultado tiver a adesão dos participantes. Conversamos com Dirk Steiner, pesquisador em psicologia social do trabalho e das organizações, na Universidade Nice Sophia Antipolis (França) e mem- bro do comitê científico da PerformanSe, que aplica os princípios da justiça organizacional às práticas de avaliação dos candidatos. Ao refletirmos “porque uma empresa que recruta deve se interessar ao sentimento dos candidatos” Stei- ner explica que “em matéria de recrutamento, muitas vezes nos interessamos aos objetivos do recrutador, cuja prioridade é identificar o melhor candidato. A per- gunta do empregador gira em torno da problemática de como identificar a pessoa que terá uma alta perfor- mance e que saberá evoluir com o tempo. Podemos inverter o processo e nos interessarmos aos objetivos do candidato durante o recrutamento, como o fato de ser avaliado de maneira justa, conseguir um emprego de um nível adequado e continuar a desenvolver suas competências. A empresa poderá alcançar seu objetivo se moldar o processo de recrutamento levando em conta os objetivos do candidato.” É importante lembrar que diante de um processo de recrutamento, o candidato tem vários sentimentos ao mesmo tempo, como a incerteza, a ansiedade, a dúvida e a confiança. Ele se preocupa em mostrar suas com- petências e se questiona sobre como se vestir e sua aparência física. Normalmente o candidato também está preocupado com a forma como a empresa analisa e va- loriza suas qualidades profissionais, o que o coloca em ESTÁ PROVADO: RESPEITO NO PROCESSO DE RECRUTAMENTO ATRAI OS MELHORES PERFIS uma situação na qual ele avalia a avaliação que a empresa faz de suas competências. Afinal, quais os critérios de um candidato ao avaliar a qualidade do processo? De acordo com Steiner “os primeiros elementos tangíveis ao qual o candidato tem acesso, são as etapas concretas do recrutamento: quali- dade e visibilidade do anúncio da vaga, confirmação do recebimento da candidatura, acompanhamento entre as diferentes etapas, troca de informações personalizadas nas entrevistas e testes. A educação dos interlocutores, a qualidade do diálogo por email/telefone, a recepção na entrevista, o respeito para com sua vida pessoal e a ausência de qualquer tipo de discriminação, são pontos que influenciam positiva ou negativamente todos os can- didatos. Um candidato confiante em suas competências, mas consciente que o cargo não corresponde ao seu perfil, pode avaliar de maneira positiva uma empresa que não o recruta. Uma carta anunciando que um outro candidato, muito compatível com o perfil, foi escolhido, poderá ser aceita como justa se o candidato, em ne- nhum momento tiver tido a sensação que ele ou sua candidatura foram maltratadas.” Durante a entrevista, o candidato deseja mostrar tudo que ele é capaz de fazer e também obter infoma- ções mais precisas sobre o cargo. Por isso, é importante que ele se expresse, mas também que tenha tempo e espaço para fazer perguntas. As ferramentas de avalia- ção de competências também são consideradas úteis, se for explicado o que está sendo avaliado e como esta avaliação está relacionada ao cargo. As informaões dadas ao candidato sobre o teste e o método utilizado, a con- fidencialidade do resultado ou ainda o tempo dedicado ao feedback de seus resultados são elementos que au- mentam bastante a confiança no processo. MERCADO DE TRABALHO Texto deThaise Ferroni Desenvolvimento internacional PerformanSe,parceira Internacional da Facioli Consultoria Avenida Maurílio Biagi,800 I sala 901 - 902 (16) 4009-4500 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 22Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 22 11/03/2015 17:46:4411/03/2015 17:46:44
  23. 23. | 23 CAPA PADRÃO INTERNACIONAL EM RADIOTERAPIA RIBEIRÃO PRETO POSSUI UM GRANDE ALIADO NO TRATAMENTO DO CÂNCER. TRATA-SE DO ELEKTA SYNERGY PLATFORM, UM ACELERADOR LINEAR UTILIZADO EM TRATAMENTOS QUE NECESSITAM DE RADIOTERAPIA. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 23Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 23 11/03/2015 17:46:4411/03/2015 17:46:44
  24. 24. 24 | O CTR - Centro de Tratamento em Radio-On- cologia consolida sua atuação no tratamento ra- dioterápico do câncer em Ribeirão Preto e região, ao estar inserido num amplo projeto de assistên- cia oncológica, assumindo posição de destaque na atenção aos pacientes. É no CTR que está uma das mais inovadoras tecnologias que auxiliam no tratamento oncológico. Trata-se do aparelho Elekta Synergy Platform, um acelerador linear capaz de tratar as mais diversas patologias oncológicas, que necessitam do uso de energia irradiante. É um poderoso aliado que ofere- ce muito mais precisão ao tratamento radioterápico proporcionando qualidade de vida ao paciente. A tecnologia utilizada neste equipamento pos- sibilita localizar o alvo da radiação com extrema precisão e atingir apenas as estruturas tumorais dentro dos órgãos, sem prejuízo das áreas saudá- veis. Com isso, minimizam-se os efeitos tóxicos CAPA tanto em curto quanto em longo prazo. O aparelho também é capaz de irradiar com Elé- trons, a tecnologia mais adequada para tratar tecidos superficiais, tumores de pele e lesões benignas como quelóides que podem surgir após cirurgias plásticas. A tecnologia utilizada neste equipamento pos- sibilita localizar o alvo da radiação com extrema precisão, sem prejuízo das áreas saudáveis. Com isso, minimizam-se os efeitos tóxicos ” “ Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 24Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 24 11/03/2015 17:46:4411/03/2015 17:46:44
  25. 25. | 25 CAPA CTR - Centro de Tratamento em Radio-Oncologia Rua Magda Perona Frossard, 85 I Jardim Nova Aliança I Ribeirão Preto-SP (16) 3602.9999 I www.ctradio.com.br Na foto de capa: Idealizadores CTR Gustavo Lázaro Barbi, Fabio Eduardo Zola, Thais Iná- cio de Carvalho, Harley Francisco de Oliveira Fernando Marin Torres, Susana de Freitas Tavares e Fernanda de Carvalho Paixão Torres. Toda a estrutura do CTR foi pensada carinhosamente para explorar o bem-estar dos pacientes, de forma a construir espaços humanizados. O aparelho também é capaz de tratar tecidos superficiais, tumores de pele e lesões benignas como quelóides que podem surgir após cirurgias plásticas “ ” Além do tratamento proporcionado pelo apa- relho Elekta Synergy Platform, toda a estrutura do CTR foi pensada carinhosamente para explorar o bem-estar dos pacientes, de forma a construir espaços humanizados, com visual aconchegante. O CTR é formado por equipe especializada e altamente treinada para acolher o paciente e tratá-lo com elevada qualidade técnica, através do cumprimento rigoroso dos protocolos de tra- tamento internacionalmente utilizados. Sendo um dos quatro equipamentos deste porte instalados no País, o CTR também é refe- rência da empresa Elekta para a especialização de profissionais na utilização desta inovadora tecno- logia, levando nossa cidade a um novo patamar no tratamento radioterápico do câncer. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 25Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 25 11/03/2015 17:46:4511/03/2015 17:46:45
  26. 26. 26 | CULTURA E ARTES As dicas culturais da Leque CAETANOVELOSO O compositor e cantor baiano Caetano Veloso apresenta-se com o show “Abraça- ço”, dia 16 de maio, no Centro de Eventos do RibeirãoShopping, às 21h. Informações e ingressos: www.ribeiraoshopping.com.br ZEZÉ DE CAMARGO E LUCIANO A dupla, uma das mais consagradas no cenário sertanejo do país, apresenta-se no dia 21 de março, no Centro de Even- tos Pereira Alvim. A história de vida dos artistas já inspirou até filme e reúne fãs dos sucessos ‘É o amor’, ‘No dia em que eu saí de casa’ e ‘Flores em vida’. Foto:Divulgação Foto:Divulgação Foto:Divulgação LOLLAPALOOZA Apresentam-se nos cinco palcos do Lollapalooza deste ano, mais de 50 atrações nacionais e internacionais. As atrações de peso do evento, que acontece nos dias 28 e 29 de março, no Autodrómo de Interlagos, em São Paulo, contam com nada mais nada menos que Jack White, Skrillex, Bastille, Kasabian, Robert Plant, DJ Calvin Harris, Pharrell Williams, Smashing Pum- pkins, Foster The People, Interpol, Steve Aoki e The Kooks. PROGRAME-SE Espetáculo Nany People “Minhas Verdades”. Dia 21 de março. No Teatro Municipal de Ribeirão Preto. Peça Infantil “Doki e seus amigos”. Dia 22 de março. No Teatro Municipal de Ribeirão Preto. Show do guitarrista norte-americano Slash. Dia 22 de março. No Espaço das Américas, SP. Informações: www.ticket360.com.br Show da banda Sepultura. Dia 11 de abril. Nos Estúdios Kaiser de Cinema. Informações: (16) 3625-3600. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 26Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 26 11/03/2015 17:46:4811/03/2015 17:46:48
  27. 27. | 27 PROGRAME-SE Lançamento livro de Menalton Braff “Pouso do Sossego”. Dia 18 de março. Sesc Ribeirão. www.sescsp.org.br/programacao Exposição ‘Deuses e Madonas - A arte do sagrado’. Até junho de 2015. MASP, SP. Informações: www.masp.art.br Show de Ivete Sangalo e Criolo. Homenagem a Tim Maia. 28 de junho. Parque da Juventude, SP. Evento Gratuito. JO‹O ROCK O Festival João Rock, que acontece em 13 de junho, no Parque Permanente de Exposições de Ribeirão Preto, já divulgou a lista de atra- ções. Entre elas estão: Criolo, Skank, CPM22, Capital Inicial, Frejat, Pitty, Planet Hemp e as bandas Raimundos e Detonautas em um show juntas, exclusivo para o festival. Mais informa- ções www.joaorock.com.br ALMIR SATER & BANDA AO VIVO O Theatro Pedro II recebe Almir Sater & Banda, no dia 26 de março, às 21h. O Músico possui um carisma inexplicável e mesmo tendo chega- do à excelência técnica, Almir é um dos poucos que não deixou a emoção de lado. Por isso, o público, ao sair do Show, tem a impressão de ter estado na sala de visitas do cantor, comple- tamente à vontade. Foto:Divulgação ZÉ RAMALHO No dia 11 de abril, às 21h, Zé Ramalho apresenta-se no Centro de Eventos do RibeirãoShopping. Durante o show, o artista fará o público vibrar ao som de grandes clássicos que venderam milhões de discos, como Frevo Mulher, Admirável Gado Novo, Chão de Giz, Beira-Mar, Eternas Ondas, Garoto de Aluguel, Vila do Sossego e Banquete de Signos. Haverá, ainda, uma releitura de Trêm das Sete, Medo da Chuva e Sinônimo, de Raul Seixas. Foto:Divulgação Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 27Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 27 11/03/2015 17:46:4911/03/2015 17:46:49
  28. 28. 28 | CULTURA E ARTE MAURÍCIO E MARCELO COMEMORANDO 18 ANOS DE CARREIRA PROFISSIONAL, A DUPLA INICIA O ANO DE 2015 ENVOLVIDA EM VÁRIOS PROJETOS QUE SERÃO DIVULGADOS EM BREVE Divididos entre a carreira artística, na qual, reali- zam shows por todo o Brasil, e o programa Maurício e Marcelo, que vai ao ar todas as quartas-feiras, ao vivo, pela TV Mais Ribeirão, canal 22 da Net local, Maurício e Marcelo consolidam-se como apresenta- dores carismáticos e talentosos. Aliás, o programa foi um divisor de águas na vida da dupla, pois a mesma já era acostumada a se apresentar na TV, mas em outros programas. “Quando tivemos a ideia de ter nosso próprio programa, não imaginávamos que teríamos tamanho sucesso. Fomos, inclusive, con- templados com o prêmio Top of Mind de dupla serta- neja mais conhecida na região, por causa do programa”, revelam os cantores. Para o ano de 2015, a dupla planeja uma nova eta- pa na carreira. Depois de participar durante dois anos de shows em conjunto com a galera do Clube da Viola, a dupla está em fase de produção de seu novo show. Além disso, pretendem produzir um novo cd num fu- turo próximo. “Achamos essencial um renovação sau- dável, de tempos em tempos, do nosso repertório, pois assim como a vida, a música também vive de emoções e de momentos”, afirmam. Junto da vida artística, ambos ainda dedicam-se às suas carreiras pessoais. Maurício na política, como verea- dor em Ribeirão Preto e Marcelo na advocacia. “Acreditamos muito em uma lição que aprendemos com nossos pais: o homem cresce, acima de tudo, com a dedicação de um trabalho honesto, verdadeiro, e feito com muito amor”, dizem Maurício e Marcelo. É assim que a dupla, Maurício e Marcelo continua le- vando a vida, fazendo aquilo que mais gosta, cantando e encantando as pessoas ao seu redor. Sempre com um sorriso nos lábios e alegria no coração. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 28Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 28 11/03/2015 17:46:5111/03/2015 17:46:51
  29. 29. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 29Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 29 11/03/2015 17:46:5211/03/2015 17:46:52
  30. 30. 30 | A INESPERADAVIRTUDE DA IGNOR˜NCIA Birdman (ou A Inesperada Virtude da Ignorância) é uma comédia de humor negro que conta a história de um ator (Michael Keaton) – famoso por interpretar um icônico super-herói – enquanto ele faz de tudo para montar uma peça na Broadway. Às vésperas da estreia, ele vai lutar com seu ego e tentar recuperar sua família, sua carreira e ele mesmo. Vencedor do Oscar de melhor filme. INVENC¸VEL O 2º longa-metragem dirigido por Angelina Jolie, conta a história de Louis Zamperini (Jack O’Connell), filho de imigrantes italianos e corredor olímpico que é preso e torturado pelos japoneses durante a Segunda Guerra Mundial. Em 1943, o avião em que estava cai no Oceano Pacífico por falha mecânica e o soldado sobrevive seis semanas no mar dentro de um bote. Ele é resgatado pelos japoneses e mantido preso até o desfecho da guerra. CINEMA E LITERATURA Dicas de filmes e livros O JOGO DA IMITAÇ‹O Durante a Segunda Guerra Mundial, o governo britânico monta uma equipe com o objetivo de quebrar o famoso código que os alemães usam para enviar mensagens aos submarinos. Um de seus integrantes é Alan Turing, um matemático, que lidera a equipe. Seu grande projeto é construir uma máquina que permita analisar todas as possibilidades de codificação do Enigma em apenas 18 horas. CAMINHOS DA FLORESTA O filme-fantasia conta a história de um padeiro e sua mulher, que vivem em um vilarejo, onde lidam com vários personagens de contos de fadas. Um dia, eles recebem a visita da vizinha, a bruxa interpretada por Meryl Streep. Ela avisa que lançou um feitiço sobre o casal, como castigo por algo feito pelo pai do padeiro, décadas atrás. Eles têm apenas três dias para conseguir desfazer o feitiço. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 30Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 30 11/03/2015 17:46:5211/03/2015 17:46:52
  31. 31. | 31 CINEMA E LITERATURA NOITES LEBLONI- NAS traz dois con- tos sobre a boemia carioca , escritos por João Ubaldo Ribeiro antes de nos deixar. Os personagens do Leblon ganham vida, narrados por um porteiro que tudo vê e tudo escuta. A HISTŁRIA DO VINHO é a obra-pri- ma de Hugh Johnson e um clássico internacio- nal. A edição ilustrada traça a história da civilização sob a óptica do vinho, desde os primórdios, passando pelo esplendor do ba- canal até os dias atuais. UMAVIDA DE ENTRE- GA é a biografia do empresário João Naves. Aborda desde sua infân- cia em Itamogi (MG), sua mudança para Ri- beirão Preto, o início, as dificuldades superadas e os dias atuais da RTE Rodonaves, empresa fundada por ele. BEIJO DE BICHO “Que beijinho doce que ele tem...” cantava Celly Campelo, em uma ingênua e romântica canção, que embalava os corações enamorados dos anos 60. O amor estava no ar, ou melhor, ainda está, se não, nas praças, bares e restauran- tes, onde, hoje, smartphones, iphones roubam a cena, as conversas, o olho no olho( só não roubam beijos), pelo menos nas páginas do belo livro de Rosângela Lima e Anielizabeth, BEIJO DE BICHO. Beijinho doce?! Este livro traz esse e vários outros tipos de beijos, em peque- nas e divertidas rimas, retratando o universo inusitado dos animais. “Chuac”,”Glup”,”Smack”... Tem a beijoca da minhoca, tem beijo barulhento, beijo com jeitinho, como o do porco-espinho, beijo geladinho, “...beijo lambuza- do, é beijo pra tudo quanto é lado.” Tem até um beijo que o leitor espera, e pelo qual torce, como em uma novela, mas só vai “rolar” se o bicho-preguiça acordar. Tem ainda o papagaio que de tanto falar... e por falar nele, chega de blá – blá – blá, corre pra livra- ria ... BEIJO DE BICHO, pela Cortez Editora, apresenta o texto com letras maiúsculas, o que possibilita a leitura para crianças, a partir dos 6 anos, além de ser uma ótima pedida para um momento litero-afetivo, com o papai ou a mamãe, ao pé da cama lendo para os seus pequenos. Vale também destacar as ilustrações de Anielizabeth, que nos conduz com seus traços generosos e coloridos para perto dos olhares, ou melhor da troca de olhares dos bichos enamorados, colocando - nos dentro da atmosfera repleta de afetos e bom humor dos protagonistas. ANDRÉ OLIVEIRA Professor e Escritor Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 31Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 31 11/03/2015 17:46:5411/03/2015 17:46:54
  32. 32. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 32Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 32 11/03/2015 17:46:5811/03/2015 17:46:58
  33. 33. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 33Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 33 11/03/2015 17:46:5811/03/2015 17:46:58
  34. 34. 34 | GE CAROLO Arquiteta Cada objeto que é construído, do menor ao maior, deve ser dimensionado respeitando o homem. Aquele que projeta deve conhecer quais são as medidas funda- mentais do indivíduo, qual espaço ocupa nas várias posi- ções, seja em repouso ou movimento. A aplicação das normas de projetar associadas ao estudo das necessidades humanas constituem a ergono- mia, que é estreitamente ligada à evolução do homem em sua sempre pesquisa de criar situações de conforto e responder às necessidades práticas e materiais. A inten- ção sempre de fazer móveis na medida humana. Três objetos funcionais, a cadeira, a mesa e a cama conservaram no tempo as mesmas características. Qua- tro elementos verticais, as pernas. E os elementos hori- zontais, o assento e o plano. A função da cadeira permanece ligada a consideração de que sentado o ser humano fica mais confortável que em pé, e manobra melhor os instrumentos de trabalho. A função da mesa nasce da exigência do plano de apoio e a cama, criada para o conforto do homem, com a função de distribuir igualmente o peso do corpo, e o colchão de palha suspenso do chão. . A ERGONOMIA DOS OBJETOS Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 34Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 34 11/03/2015 17:46:5811/03/2015 17:46:58
  35. 35. | 35 ARQUITETURA E DESIGN MOBILIS Origem latina que significa um objeto facilmente móvel. O móvel acompanha o homem em suas mu- danças e quando esta termina encontra sua colocação. O móvel é usado tanto por suas funções quanto pela estética. São seus móveis e seus objetos que o diferen- ciam de todos os outros. Possuir um móvel diferenciado sempre foi símbolo de prestígio e riqueza. O móvel é um produto do homem e retrata tam- bém as contradições de uma época. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 35Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 35 11/03/2015 17:47:0011/03/2015 17:47:00
  36. 36. 36 | 1. Graziela Tironi e Wanderley Nunes 2. Max e Valéria Bueno 3. Cibele Spinelli e Saulo Mennitti 4. Wanderley Nunes e Vera Naves STUDIO W: Recentemente, o conceituado cabeleireiro das celebridades Wanderley Nunes esteve em Ribeirão Preto, no Studio W para atender clientes mais que especiais. 3 4 1 2 social leque Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 36Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 36 11/03/2015 17:47:0111/03/2015 17:47:01
  37. 37. | 37 Fotos: Divulgação 5. Wanderley Nunes e Ge Carolo 6. Wanderley Nunes e Máisa Valochi 7. A cabeleireira Bruna e Tereza Cristina Catalani 8. Rosana Rea 9. O público masculino também prestigiou a vinda de Waderley a Ribeirão 7 8 9 65 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 37Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 37 11/03/2015 17:47:0311/03/2015 17:47:03
  38. 38. 38 | ENTREVISTA UMA VIDA DEDICADA AO TRABALHO Revista Leque: O Senhor não nasceu em berço de ouro, mas construiu muita coi- sa ao longo da vida. Como o senhor diria que conseguiu atingir o sucesso profissional? João Naves: Ter objetivos é fundamental para qual- quer pessoa. No meu caso, desde o início, o objeti- vo era o crescimento e a consolidação da RTE Ro- donaves. É preciso também, sempre estar um passo à frente e aproveitar as oportunidades para identificar e ganhar novos mercados. O dinheiro é importante e vem como consequência. Priorizo outras coisas, como o trabalho sério, a companhia dos amigos, a saúde ple- na de quem amamos, estar ao lado da família e a fé em Deus e Nossa Senhora Aparecida. Leque: O Senhor fundou a RTE Rodonaves há quase 35 anos. Hoje, a transportadora figura entre as maiores do país. Quais as dimensões da empresa? João Naves: A empresa está presente em sete Estados além do Distrito Federal e conta com uma frota de 1.700 veículos de todos os modelos que rodam milhares de quilômetros para atender mais de 2 mil cidades brasileiras. Leque: Recentemente, a Acirp lançou a obra “Uma vida de entrega”, que conta a sua trajetória. Como foi receber este convite? João Naves: Foi muito gratificante ser o primeiro em- presário ribeirão-pretano da série e isso nos orgulha mui- to, traz a minha experiência e poderá ajudar as pessoas a seguir em frente, encarar os medos e acreditar em seu próprio potencial. Com fé em Deus, garra, muito trabalho e o apoio da família, somos capazes de tudo. JOÃO NAVES À frente da RTE Rodonaves, uma das maiores transportadoras do país, João Naves é um exemplo de sucesso. Nascido em família humilde, ergueu seu impé- rio a partir de poucos recursos – começou com um pequeno box na rodoviária de Ribeirão Preto, e hoje, 35 anos após a fundação da empresa, tem muito que comemorar. Sua história pode, inclusive ser conferida no livro “Uma vida de entrega”, recentemente lançado pela ACIRP. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 38Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 38 11/03/2015 17:47:0811/03/2015 17:47:08
  39. 39. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 39Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 39 11/03/2015 17:47:0811/03/2015 17:47:08
  40. 40. 40 | Muito se fala sobre moda, sobre o que está na moda, o que vai ser tendência na próxima estação, sobre a cor do ano, o que a amiga comprou e ficou lindo nela, etc. Quando digo “muito se fala sobre moda”, digo sobre pessoas em geral falando sobre o assunto que talvez possa gerar frustração. Frustação, por quê? Porque nem sempre o que está na moda cabe na nossa vida, em particular no corpo, por isso, precisamos adequar a moda ao nosso estilo pessoal, combinar o que temos de lindo com a ideia incrível dos itens da moda. Escolha o que mais combina com você e aprenda como adaptar ao seu próprio estilo. A regra número um é não embarcar em tendências que não tem a ver com você! Atualizar o closet de maneira inteligente sem precisar fazer uma verdadeira revolução. Este é o desafio de toda virada de estação. A expertise está em manter pendura- dos os itens que estiveram em alta na estação anterior, livrar-se daqueles que foram ultraexplorados, investir em poucas e boas peças que vão fazer toda a diferença ao serem combinadas com o que você já tem. Atente para o fato que nem sempre as mudanças Sobre Moda e EstilosJULIANAVINHŁLIS J˘BALI Empresária são radicais do tipo “esqueça o look monocromático e invista nas estampas”. O Poá, por exemplo, esteve em alta no verão e está bombando no preview outono-in- verno, assim como o animal print nunca sai de moda, é sempe repensado e relançado em cada coleção. Outra dica importante no Dress Code da Moda é: Com que roupa eu vou? Vai onde? Não confunda ‘estar na moda’ com ‘posso usar a qualquer momento’. Por exemplo: não cabe um look de lurex às 9h da manhã em uma reunião formal. Guarde estes looks para a balada. Tenho uma amiga que sempre me pergunta com que roupa ir em formaturas, coquetéis, festa de aniver- sário, etc. Minha resposta é: observe como foi feito o convite, pois a formalidade dita as regras. Por exemplo: para uma festa de 15 anos, com save the date, convite chiquérrimo, RSVP, é claro que você deve se preparar de acordo com o convite. Temos visto muitas vestimentas erradas em diversas situacões, como longo bordado de renda em formatura de 8º ano e looks muito simples em festas muito chiques. Meiotermoésempreboamedida. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 40Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 40 11/03/2015 17:47:0811/03/2015 17:47:08
  41. 41. | 41 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 41Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 41 11/03/2015 17:48:5911/03/2015 17:48:59
  42. 42. 42 | TURISMO A vocação industrial e turística, as paisagens ‘bordadas de parreirais’ e a garra de seu povo fazem de Bento Gon- çalves um lugar acolhedor e de natureza exuberante. Pioneira como destino enoturístico do país, a cidade sedia eventos de grande importância na área como a Avalia- ção Nacional de Vinhos, o maior evento do gênero no ramo da vitivinicultura e o Concurso Internacional de Vinhos do Brasil, que em 2014 apresentou 709 amostras de 18 países. As temperaturas tipicamente europeias, que chegam a até três graus negativos no inverno e trinta e seis graus no verão, proporcionam um espetáculo magnífico da natureza. As quatro estações bem definidas garantem também uma mescla de paisagens, que incluem os vales bordados de parreirais no verão, o colori- do bucólico do outono, as frias manhãs de inverno com os vales cobertos de geada e o exuberante colorido da primavera. Bento Gonçalves e o Vale dos Vinhedos Capital Brasileira da Uva e do Vinho, Bento Gonçalves é um dos mais belos e importantes destinos turísticos da Serra Gaúcha Spa do Vinho Hotel Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 42Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 42 11/03/2015 17:48:5911/03/2015 17:48:59
  43. 43. | 43 TURISMO Vale dos Vinhedos Até meados de março, o Vale dos Vinhedos vive um período especial: a Vindima, a colheita da uva, que traz consigo uma programação muito especial na região. Na época da Vindima é possível partici- par da colheita e pisar nas uvas. Tudo regado a bons vinhos e delicioso chur- rasco de costela. Acesse www.valedosvinhedos.com.br e saiba mais. A diretora da Naves Viagens, Renata Na- ves esteve no Vale dos Vinhedos e descre- veu para a Revista Leque, o que mais lhe cha- mou atenção na viagem, como a recepção do hotel Vila Michelon. “Fomos recebidos pelos atendentes do hotel com um sorriso no rosto e uvas frescas colhidas do parreiral modelo para degustação”, conta ela. Inaugurado em 2001, com o objetivo de integrar os hóspedes aos costumes da vida gaúcha, o Vila Michelon conta com 57 apar- tamentos com capacidade para 120 pessoas. Uma de suas principais atrações é o Me- morial do Vinho, um resgate histórico e cultural do vinho e da região, pelo qual revive-se a trajetória das famílias que colonizaram o Vale dos Vinhedos. “Na área externa é possível colher as uvas no parreiral modelo, andar de bicicleta, fazer as trilhas ecológicas ou simplesmente brincar com os filhos no lindo playground de madeira”, revela Renata. Spa do Vinho Para quem procura bem-estar, muita paz e tranquilidade, recomenda-se no Vale dos Vinhedos, o Spa do Vinho Hotel & Condomínio Vitivinícola. Localizado no alto de um morro, do Mirante do Spa dá para ter uma visão incrível de Parreirais e uma vista sur- preendente do Vale. “Relaxar no Spa com uma massagem a base de semente de uva, através da ‘vinhoterapia’, é sem dúvida uma experiência única”, conta Renata. Hotel Vila Michelon www.navesviagens.com.brwww.navesviagens.com.br 16-3442-9891 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 43Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 43 11/03/2015 17:49:0211/03/2015 17:49:02
  44. 44. 44 | VIAGEM Destino Roma e Paris Doze dias na Europa, em visita a lugares históricos e cheios de pontos turísticos. Patrícia Titoto conta como foi a viagem às cidades de Paris e Roma, ao lado do marido Eduardo. O primeiro destino foi Roma, onde ficamos por cinco noites. Fomos a todos os pontos turísticos, en- tre eles Vaticano, Fontana di Trevi e Coliseu, além das praças maravilhosas envoltas de charmosos e típicos restaurantes. Depois fomos para Paris, onde passamos mais cinco noites. Visitamos museus, os bairros charmo- sos e peculiares como Bon Marche e Saint German e lógico, fomos em restaurantes muito gostosos e agradáveis, além dos pontos turísticos. A viagem foi realizada no mês de setembro. Esco- lhemos a melhor época, já que o clima estava super agradável, com céu azul, sem chuvas, fresquinho, o que nos possibilitou fazer muitos passeios a pé, o que é muito bom, pois dá para apreciar e conhecer melhor os lugares. Coliseu Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 44Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 44 11/03/2015 17:49:0511/03/2015 17:49:05
  45. 45. | 45 VIAGEM Em Roma Não deixe de saborear as delícias do restaurante Dal Bolognese, localizado na Piazza Del Popolo. Um lugar super charmoso e com uma comida incrível! Para se hospedar, sugiro o hotel D’Inghilterra, lo- calizado na Via Bocca di Leone que é bem do lado da Via Condoti, onde estão situadas as lojas mais ba- canas. Você anda um pouquinho e já está na Piazza Di Spagna. Faz quase tudo a pé. Para trazer como lembrança da viagem os livros vendidos no museu do Vaticano são bem interessantes, além dos ímãs de geladeira. Nunca deixo de trazê-los! Em Paris O Risoto de Camarão do restaurante La Avenue, localizado na Av Montagne, é divino. Além do mais, o lugar é bastante descontraído e cheio de gente bonita. Um lugar lindo e imperdível é o Jardim de Luxem- burgo. Amei. Queria ficar lá o dia todo. As pessoas vão ao local para fazer piquenique, para ler, passear com os amigos, etc. Para se hospedar a dica é o hotel West End. Tem um custo benefício bom. É um hotel pequeno, mas muito charmoso e confortável. Fica bem perto da Av Montagne. Adorei! Eu recomendo Vaticano Jardim de Luxemburgo Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 45Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 45 11/03/2015 17:49:0711/03/2015 17:49:07
  46. 46. 46 | TECNOLOGIA WI-FI OU CABO? As empresas brasileiras que necessitam de cone- xões para acessar a internet ou para realizar o tráfego de dados entre computadores ainda buscam respos- tas para a seguinte dúvida: como garantir a melhor velocidade e maior segurança pelo menor custo? As soluções mais indicadas para a conexão são as via rede cabeada e via wireless. Apesar da rede wireless deixar o ambiente mais leve, menos bagunçado, já que extingue a necessidade de muitos fios, a grande maio- ria das empresas escolhe a rede cabeada, por ela ser mais segura, possibilitar maior velocidade de conexão, menor atraso na transmissão de dados e interferências. Porém, uma das características da rede cabeada é a necessidade de infraestrutura interna ou externa, a qual torna o projeto oneroso. Contudo, a maioria das médias e grandes empresas tem este perfil, já AINDA HOJE AS EMPRESAS TÊM INÚMERAS DÚVIDAS NA HORA DE ESCOLHER A MELHOR SOLUÇÃO PARA CONEXÃO DE INTERNET E VELOCIDADE DE TRÁFEGO DE DADOS que a planta de estações de trabalho exige isso, com telefonia, dados e elétrica para os seus usuários. Já a escolha pelo uso da rede wireless está direta- mente ligada ao perfil do usuário, no que diz respei- to à sua necessidade de utilizar banda larga ou não. Com as novas tecnologias N/AC é possível garantir uma alta performance e satisfazer o usuário wi-fi. A rede wireless possui como principais benefícios a rápida instalação, configuração e a ausência de fios e cabos. Porém, a presença de outros equipamen- tos, paredes e uma maior distância entre o aparelho e o usuário geram uma enorme perda na qualidade do sinal e frustação do usuário. Dessa forma, é necessário realizar uma análise completa do perfil do usuário e estrutura da empre- sa para saber qual a melhor solução a ser implantada. Texto de Tiago Henrique Profeta,diretor da NST Networking e NeimarApolinário,diretorTécnico da NST Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 46Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 46 11/03/2015 17:49:0811/03/2015 17:49:08
  47. 47. | 47 EMPREENDIMENTO BOSQUE SUSPENSO FUTURO ARQUITETÔNICO DAS METRÓPOLES Texto de Ricardo Spadaro, Engenheiro Civil O condomínio Bosco Verticale localizado próximo ao centro histórico de Milão, no norte da Itália, venceu o International Highrise Award - considerado o “prê- mio Nobel” da arquitetura dedicada aos arranha-céus e concedido pelo Museu de Arquitetura de Frankfurt. Suas duas torres, com 80 e 112 metros de altu- ra, se assemelham a gigantescos troncos de árvo- res. Seus apartamentos surgem como “raízes” para os ramos e galhos, em um projeto que vem sendo elogiado por proporcionar uma espécie de simbiose entre o homem e a natureza em meio à cidade. A construção das torres chama atenção no ho- rizonte milanês, marcado por um novo skyline, com arranha-céus espelhados na zona de Porta Nuova. A ideia nasceu em Dubai, em 2007. Um grupo de es- tudantes, diante da presença de 40 torres de vidro tem- perado imaginou a possibilidade de revestir tudo com árvores ao invés de vidro. Os dois edifícios-protótipos levaram cinco anos para sair da planta. Foi necessária uma complexa e cara pes- quisa para criar um sistema de irrigação e, principalmente, ancorar bem as árvores e evitar que as fortes correntes de vento, naquela altura, provocassem acidentes. O morador não tem que regar as plantas. Uma central computadorizada se encarrega desta tarefa. As árvores foram presas numa espécie de rede de ferro soldada na estrutura. Na realidade, as árvores fazem parte da estrutura do prédio, devido ao peso e ao posicionamento. E para a sua distribuição pelas quatro fachadas de cada torre, dentro de tanques especiais, foram feitos tes- tes em duas galerias do vento: uma em Miami, nos Estados Unidos, e outra no Politécnico de Milão. Todas as mudas foram cultivadas em viveiros até o momento da “transferência” para a nova casa, sendo a biodversidade, um ponto fundamental do projeto. Cerca de cem espécies foram plantadas nos prédios. Além do morador, humano, espera-se a chegada de novos vizinhos como as joaninhas e outros ino- fensivos insetos e aves. Mas ainda é cedo para avaliar a emoção provocada no homem. Foram vendidos 60% dos 113 apartamentos, a um valor médio equi- valente a R$ 24 mil o metro quadrado e ainda há poucas famílias vivendo no local. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 47Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 47 11/03/2015 17:49:0811/03/2015 17:49:08
  48. 48. 48 | EMPREENDEDORISMO A ARMADILHA DO CAPITAL DISPONÍVEL Abrir uma empresa não é tarefa fácil. Muitas ve- zes, a falta de capital acaba sendo apontada como a principal vilã contra a escalada de novos negócios, impedindo que se transformem em organizações lu- crativas e sustentáveis. Ao contrário do que se pensa, empresas iniciantes (chamadas de startups) podem se beneficiar muito da ausência de dinheiro em seu período de maturação. O fato é que poucas novas empresas fecham por falta de capital. Isso pode, de fato, ser a camada mais visí- vel da taxa de mortalidade de novos negócios, mas por trás da explicação mais óbvia, a verdade é que a maioria das startups fecha as portas por carência de planejamento estratégico, dimensionamento da de- manda, problemas com mão-de-obra, perda de foco do empreendedor, entre outras situações similares. A falta de dinheiro em empresas que estão come- çando pode muitas vezes oferecer um novo horizon- te de pensamento inventivo e desenvolvimento de soluções criativas que, em grande parcela, não exis- tiriam com capital suficiente disponível, pois muitos problemas poderiam ser resolvidos de maneira direta e fácil com abundância de capital. Quando não se pode gastar dinheiro para superar barreiras, gastar o cérebro com novas ideias, que via- bilizem a operação e o crescimento, tem se provado uma alternativa eficaz, trazendo valor ao negócio. Quando existe uma estratégia sólida, alinhada entre os princípios do empreendedor e as demandas do mercado, a falta de capital pode ser ingre- diente fundamental do sucesso. FABRICIO GALV‹O Empresário, publicitário e mestre em comunicação A MAIORIA DAS STARTUPS FECHA AS PORTAS POR CARÊNCIA DE PLANEJAMENTO, DIMENSIONAMENTO DA DEMANDA, PROBLEMAS COM MÃO-DE-OBRA E PERDA DE FOCO DO EMPREENDEDOR Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 48Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 48 11/03/2015 17:49:0911/03/2015 17:49:09
  49. 49. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 49Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 49 11/03/2015 17:49:1211/03/2015 17:49:12
  50. 50. 50 | ECONOMIA Tudo que temos lido ou ouvido recentemente nos jornais e telejornais apontam para uma profusão de projeções negativas na economia. Não se trata de onda pessimista. As projeções são justificadas. Mas não é só de coisa ruim que vive a economia. Será parcial a avaliação que não leve em conta a sua reconhecida resiliência. Mas, antes, convém lembrar os fatores negativos que puxam para o mau desempenho. O primeiro é a dinâmica do ajuste implementada pelo Ministro Joaquim Levy. Mais austeridade, inflação alta, aperto redobrado dos juros e os aumentos das ta- rifas públicas implicam na redução do consumo e, por- tanto, em um ritmo mais lento de produção, levando a confiança do consumidor e do empresário para baixo. Em segundo lugar, os resultados da atividade (evolução do PIB) de 2014 foram ruins, como se comprovará no dia 27 de março, ao serem divulgadas as Contas Nacionais. E há a escalada das incertezas. A fragilidade política da presidente Dilma pode prejudicar a qualidade e a duração do ajuste. A Operação Lava-Jato aumenta as tensões na área política. A crise e, mais do que isso, as indefinições na Petrobrás não ajudam. A crescente ameaça de racionamento de energia elétrica e de for- necimento de água tende a adiar os investimentos. Também não podem ser desprezadas as atuais restrições do mercado de trabalho que hoje vive uma situação inédita de pleno-emprego. Mais cresci- mento econômico enfrentaria falta crônica de mão- de-obra, especialmente da qualificada. Mas isso não é tudo!! O Brasil já passou por situa- NEM TUDO É CRISE NA ECONOMIA O BRASIL JÁ PASSOU POR SITUAÇÕES PIORES E DELAS SE SAIU BEM ções piores e delas se saiu bem. Apesar da multiplica- ção de relatórios ruins, o capital estrangeiro continua desembarcando por aqui. No ano passado, o Inves- timento Estrangeiro Direto (IED) alcançou US$ 62,5 bilhões. A desvalorização cambial de quase 20% em 12 meses dá ao investidor externo mais reais por dólar. Apenas por conta disso e apesar da queda de preços das commodities, as exportações podem ga- nhar espaço e atrair capitais. A perspectiva é de que neste ano outros US$ 60 bilhões chegarão, como aponta a Pesquisa Focus feita pelo Banco Central. Não é pouca coisa, mesmo levando-se em conta que, no total, podem incluir-se empréstimos disfarçados das matrizes estrangeiras para suas filiais no Brasil. A despeito de tanta coisa, lá fora, o País continua sendo visto como oportunidade. Com boa dose de condescendência, o investidor tende a achar que, no momento, o Brasil está apenas de porre e que, mais adiante, a ressaca passará. Mas... Para o início de uma virada falta muita coi- sa, principalmente, a presidente Dilma assumir a defesa intran- sigente de sua nova política. Se continuar como está, pouco à vontade e com o freio de mão puxado, a pronta recuperação vai sendo adiada. ANTONIO CARLOS FREDERICO Administrador de Empresas Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 50Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 50 11/03/2015 17:49:1311/03/2015 17:49:13
  51. 51. | 51 SUSTENTABILIDADE ALÉM DO GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS O DESCARTE INADEQUADO DE RESÍDUOS CONTAMINA O AMBIENTE, ALTERANDO CARACTERÍSTICAS DA ÁGUA E DO SOLO Adotar práticas ambientais adequadas ao lidar com os resíduos gerados pelas empresas tornou-se uma atitude necessária e obrigatória para quem ocu- pa cargos importantes dentro destas organizações. Ao contrário do que se possa imaginar, no entan- to, esta mudança de mentalidade não está associada apenas às eventuais sanções e penalidades previstas por lei, mas também ao processo de adoção de uma postura coerente com os desafios ambientais que já enfrentamos na atualidade. O descarte ou desti- nação inadequada dos efluentes líquidos e resíduos sólidos no meio acarreta grandes consequências que comprometem recursos naturais imprescindíveis à nossa saúde e sobrevivência. Muitos deles podem causar a contaminação do ambiente, provocando até mesmo a alteração de características da água e do solo. A proliferação de doenças é outro fator associado a esta destinação inadequada de resíduos. Aderir a imagem da empresa a um negócio res- ponsável - abrindo margem para o marketing social e a captação de um público cada vez mais cons- ciente de ações que respeitem o meio ambiente - é de fato uma ação interessante do ponto de vista estratégico e comercial, mas não basta como ar- gumento central para a tomada desta decisão. Ir além, buscando a implementação de processos sus- tentáveis e de menor impacto no ambiente, é uma atitude indispensável para empresas que pensam e fomentam uma missão comprometida, responsável e voltada para o futuro. A destinação adequada dos resíduos levará sua empresa além das determinações legais, cumprindo um papel que transcende interesses de mercado, elevando sua empresa ao patamar de responsabili- dade ambiental de resultados. Esta responsabilidade também é sua e o cumprimento da legislação, apesar de importante, representa uma parcela mínima per- to de nossas vidas. Texto de Henrique Rocha, diretor da PGRS Consultoria Ir além, buscando a implementação de processos sustentáveis, é atitude indispensável para empresas que pensam no futuro. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 51Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 51 11/03/2015 17:49:1311/03/2015 17:49:13
  52. 52. 52 | ESPORTE CLUBE DO TÊNIS ALÉM DA ESCOLA DE TÊNIS, A STRANG TENNIS CAMP POSSUI ESTRUTURA ESPORTIVA E DE LAZER COMPLETA Fundada em 1979 por Rene Lima Strang, para ser um centro de treinamento, a Academia STRANG TENNIS CAMP é uma das maiores academias de tê- nis de Ribeirão Preto e Região. Com amplas instala- ções, dispõe de seis quadras de saibro, sendo duas cobertas e duas de piso rápido, todas iluminadas e disponíveis às aulas de tênis para crianças, jovens e adultos, que podem optar pelo treinamento intensivo, voltado para a disputa de torneios. Cond. Quinta da Boa Vista Bloco A Ribeirão Preto - SP Tel: (16) 3637-2180 www.strangtenniscamp.com.br A Escolinha de tênis CFT-R/ Strang Tennis Camp tra- balha com o processo de evolução, desenvolvimento e formação infantil, através de metodologia na qual cada idade tem uma fase e um estágio, identificados pela cor das bolas utilizadas na aula e pelo tamanho das quadras. A primeira é a Bola Vermelha, fase trabalhada com crian- ças entre 05 e 06 anos, quando o tamanho da quadra é reduzido para 12mx6m, sendo a velocidade do jogo 75% mais lenta. A segunda é a Bola Laranja, que abrange alunos dos 07 aos 08 anos, com o tamanho da quadra de 18m x6,5m e velocidade do jogo 50% mais lenta. A terceira é a Bola Verde, direcionada às crianças de idade entre 09 e 10 anos, que utilizam toda a quadra, sendo a velocidade do jogo 25% mais lenta. A escolinha funciona de segunda a sexta, das 09h30min às 10h30min e das 16h às 17h em quadra coberta e aos sábados das 09h às 11h. A STRANG TENNIS CAMP também funciona como um clube, no qual mediante pagamento de men- salidade, as pessoas têm direito a frequentar suas de- pendências, cuja estrutura é composta de piscina, sau- na, lanchonete, playground, estacionamento, academia de ginástica e uma área verde de 15 mil m². Foto:GustavoXimenes Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 52Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 52 11/03/2015 17:49:1411/03/2015 17:49:14
  53. 53. | 53 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 53Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 53 11/03/2015 17:49:1611/03/2015 17:49:16
  54. 54. 54 | ESPORTE HIPISMO A PRÁTICA DO ESPORTE FAZ BEM PARA O CORPO E PARA A ALMA Há pouco mais de 20 anos, para praticar o Hipis- mo no país, a pessoa precisava fazer parte de uma Sociedade Hípica, ou seja, tinha que ser sócia de um clube. Quando começaram a surgir as Escolas de Equitação, essa realidade mudou e o esporte se abriu, conquistando muito mais adeptos. De acordo com o cavaleiro ribeirão-pretano Gue- ga Fofanoff, 6º lugar nas Olimpíadas de Sidney e com- petidor em mais outras três, em Ribeirão Preto, por exemplo, antes do surgimento das Escolas de Equita- ção, havia cerca de 30 cavaleiros na cidade. Hoje, este número é 10 vezes maior. O Centro de Equitação Guega, por exemplo, foi um dos primeiros, iniciando suas atividades há cerca de 18 anos. “O que fez o esporte crescer muito e de certa for- ma se popularizar é o fato das escolas darem todo o suporte ao praticante, disponibilizando o Cavalo e os equipamentos necessários”, afirma Guega, salientan- do que a realização das Olimpíadas de 2016 no Rio de Janeiro, também vem contribuindo para a divulga- ção do Hipismo em todo o Brasil. São modalidades olímpicas o Adestramento, Salto e Cross Country. Em Ribeirão e toda a região há um calendário recheado de competições o ano todo e para todas as idades. “Aqui em nossa escola realizamos uma gincana entre crianças, utilizando pôneis. É muito interessante para elas”, revela o cavaleiro especialista na prova de Cross Country e que agora prepara-se para buscar uma das quatro vagas na equipe brasileira, que disputará os próximos Jogos Olímpicos. A longevidade proporcionada pelo hipismo tam- bém é um grande atrativo e aliado a sua prática. O cavaleiro olímpico, colecionador de medalhas, o ne- ozelandês Mark Todd, por exemplo, aos 60 anos, não só pratica o esporte como também estará nas Olimpíadas do Rio de Janeiro. Mark Todd, inclusive, é treinador da Seleção Brasileira de Hipismo. Entre tantos atrativos, o mais importante sai do cir- cuito de competições. “O hipismo é capaz de mudar a vida das pessoas e transformar temperamentos”, conta Guega. Segundo ele, crianças e adolescentes hiperativos e com problemas de comportamento, ao relacionar-se com o cavalo, aprendem a respeitá-lo e com isso criam um relacionamento melhor, principal- mente, com os pais e professores. Já, a criança muito tímida, daquelas que tem ver- gonha de conversar até com os pais, quando aprende a dominar um cavalo, vinte vezes maior que ela, se sente capaz e se torna muito mais confiante, mudan- do sua forma de relacionar-se. “Sem falar no trabalho da Equoterapia que auxilia em inúmeros tratamentos físicos e psíquicos”, conclui o cavaleiro. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 54Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 54 11/03/2015 17:49:1611/03/2015 17:49:16
  55. 55. | 55 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 55Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 55 11/03/2015 17:49:1811/03/2015 17:49:18
  56. 56. 56 | SAÐDE VOCÊ SABIA QUE DISFUNÇÕES NA MASTIGAÇÃO PODEM ACARRETAR EM MAIS RUGAS DE EXPRESSÃO? ANTES DE INICIAR QUALQUER TRATAMENTO ESTÉTICO FACIAL, SENTE-SE PRIMEIRO NA ‘CADEIRA DO DENTISTA’ Após ler a questão com a qual iniciamos nosso texto, você deve estar se perguntando: Mas o que o ‘bigode chinês’ ou os ‘pés de galinha’ têm a ver com a boca, os dentes e o ato de mastigar? Pois bem, problemas de oclusão e disfunções temporomandi- bulares, que afetam a função mastigatória mexem com praticamente todos os músculos da face, acen- tuando as rugas em determinados pontos do rosto. Neste cenário, uma nova especialidade odon- tológica está conquistando o público que procura por tratamentos faciais antienvelhecimento. Trata- se da Reabilitação Orofuncional, que atua com os procedimentos que utilizam a toxina botulínica, fo- toterapia (laser e led) e preenchimentos orofaciais, porém com um grande diferencial: primeiro analisa a função mastigatória. “Com isso, a estética é uma consequência de uma função orgânica melhora- da”, explica o dentista especialista em Reabilitação Orofuncional, Pedro Augusto. “Quando a pessoa tem um problema de oclu- são, por exemplo, e por isso os músculos do sorriso trabalham em desarmonia com a pele, não adianta simplesmente ela realizar um procedimento de pre- enchimento na região afetada, sem antes resolver o problema ortodôntico”, afirma o especialista. “É preciso encontrar o motivo que causou a ruga, o vinco no rosto, e não apenas tratar a ‘capa’, pois se o motivo não é encontrado, o problema mais cedo ou mais tarde volta”, acrescenta ele. E agora, uma outra pergunta deve ter-lhe vindo à cabeça: Mas o dentista pode realizar procedimentos estéticos faciais? Essa função não é do médico der- matologista? Pois bem. Muitas pessoas não sabem que a atuação do dentista começa da altura do nos- so ‘gogó’ até a inserção do cabelo. Por isso, todos os procedimentos estéticos faciais podem ser feitos por ele, mas claro, ele deve ser especializado no assunto. Todo o procedimento da Reabilitação Orofun- cional é indolor e não invasivo. Além de tratar e prevenir rugas, também trata manchas na pele, in- clusive melasmas que surgem principalmente após a gravidez, podendo todo o tratamento ser realizado no verão, pois a pele não é agredida como em ou- tros procedimentos convencionais. Rosto firme e sem rugas Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 56Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 56 11/03/2015 17:49:1911/03/2015 17:49:19
  57. 57. | 57 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 57Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 57 11/03/2015 17:49:2011/03/2015 17:49:20
  58. 58. 58 | BELEZA RECENTEMENTE, WANDERLEY NUNES ESTEVE NO STUDIO W DE RIBEIRÃO PRETO. A REVISTA LEQUE APROVEITOU PARA BATER UM PAPO COM O CABELEIREIRO DOS FAMOSOS. Revista Leque: O Studio W acaba de ser citado porumdosmelhoressitesdomundodamoda,oHar- persbazaar,comoumdos15melhoressalõesdebeleza do mundo. Como o salão chegou a esta posição? Wanderley Nunes: Nós procuramos manter conta- to com muitos conceituados salões de beleza de todo o mundo e com isso estamos sempre por dentro do que acontece nos bastidores da moda. É um verdadei- ro laboratório, o que nos proporciona novos conheci- mentos e estar entre os melhores. Leque: E de acordo com os bastidores da moda, qual você diria ser a grande tendência de moda para os cabelos? Wanderley: A tendência está nos cabelos natural- mente encaracolados e mais curtos. Porém, não acre- dito que essa moda realmente venha à tona, pois as mulheres já alisaram tanto o cabelo, já passaram tantos produtos, que para voltar ao crespo será bem difícil. Leque: Vocêéconhecidoporatenderartistas.Como foi quevocêsetornouocabeleireirodascelebridades? Wanderley: Na verdade tudo aconteceu como conse- quência do trabalho que faço e que agradou. Mas, acima de tudo, acho que estar no lugar certo, na hora certa, me levou a esta posição. Comecei a atender algumas atrizes e uma foi me recomendando para a outra. Entretanto, existem muitos bons cabeleireiros, que são excelentes, verdadeiros artistas, mas que não atendem famosos. Então, ter celebri- dades como clientes não é sinônimo de ser bom ou ruim. SUCESSO NO MUNDO DA BELEZA Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 58Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 58 11/03/2015 17:49:2111/03/2015 17:49:21
  59. 59. | 59 BELEZA Leque: A rede de salões Studio W concentra- se em shoppings centers, certo? Que conceito esse foco segue? Rosângela Barchetta: Com as mudanças na socie- dade na qual tempo é algo extremamente valioso, a nosso localização em Shopping é extremamente estratégica, pois otimiza o tempo de nosso clientes para que ele possa resolver diversas coisas no mes- mo espaço. Além disso, a segurança oferecida por esses centros comerciais é muito importante atual- mente no Brasil. Leque: Por que a rede decidiu, entre tantas ci- dades paulistas, estar em Ribeirão? Ronsângela: Ribeirão Preto é uma cidade linda, com um público muito sofisticado que gosta muito de se cuidar, assim como acontece nas grandes cida- des. Além disso, a opção de abrir uma unidade em Ribeirão seria uma forma de atender as inúmeras clientes da Região (Jaboticabal, Sertãozinho, entre outras) que sempre nos prestigiaram e viajavam até São Paulo ou Campinas para cuidar do visual com nossa equipe. Leque: E há planos para abertura de mais salões? Rosângela: Nesse momento, todo nosso foco e dedica- ção está direcionado para nossas novas unidade: Ribeirão Preto e JK Iguatemi São Paulo. Expansão é um processo que por enquanto está adormecido, mas esse sono pode ser apenas um cochilo, quem sabe? A DIRETORA DA REDE DE SALÕES, ROSÂNGELA BARCHETTA, TAMBÉM NOS CONCEDEU ENTREVISTA E FALOU SOBRE A VINDA DO STUDIO W PARA A CIDADE. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 59Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 59 11/03/2015 17:49:2211/03/2015 17:49:22
  60. 60. 60 | _ Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 60Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 60 11/03/2015 17:49:2211/03/2015 17:49:22
  61. 61. | 61_ /varandastore /varandastore Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 61Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 61 11/03/2015 17:49:4011/03/2015 17:49:40
  62. 62. 62 | CORRA PRA MODA! Se você não conhece (e inveja) a barriga da Pugliesi, se você nunca ou- viu falar de detox ou suco verde e nunca viu uma foto no instagram da amiga mostrando quantos quilômetros ela correu naquele dia, sinto lhe informar, mas você não existe! É nessa luta por um corpo mignon que todos nós fazemos, de uma certa forma, parte desse mundo fitness. A barriga pode ser difícil conseguir, o detox pode não ter o melhor gosto do mundo e o sacrifício da dieta sem glúten pode quase acabar com a sua vida e com o seu humor, mas com certeza você vai relaxar, adorar e achar fácil alguns dos looks despojados que serão hits nos próximos meses e que montei para você se divertir e ser invejada por todas dentro e fora da academia. Um beijo, JP. Produção de moda e stylist JP Trovó Fotos Beto Borges Modelo Maria Laura Dantas (First models) Beleza Studio DK Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 62Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 62 11/03/2015 17:49:4111/03/2015 17:49:41
  63. 63. | 63 MODA Colares, Blusa e Hot Pants Top Shop Relógio Tommy Hilfiger Vivara Óculos Puma Łptica Central Class Patins Ophicina (Shopping Iguatemi) Polaina e lenço Acervo Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 63Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 63 11/03/2015 17:49:4311/03/2015 17:49:43
  64. 64. 64 | Óculos Michael Kors Łptica Central Class Top Cropped, Blusa, calça e meia Forever 21 Tênis Adidas (Ribeirão Shopping) Fone de ouvido Acervo Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 64Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 64 11/03/2015 17:49:4411/03/2015 17:49:44
  65. 65. | 65 Casaqueto: Pop Up Store I Shopping Iguatemi Bolsa: Capodarte I Shopping Iguatemi Saia: Full Store MODA Blusa Adidas (Ribeirão Shopping) Shorts Espaço Fashion Colar e Legging Top Shop Bolsa e sapato Arezzo Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 65Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 65 11/03/2015 17:49:4611/03/2015 17:49:46
  66. 66. 66 | Acessórios e vestido I Milla Gomes Ribeirão Shopping Boné, brinco, bikini e jaqueta Top Shop (página ao lado) Faixa de cabelo, Pulseiras, T-shirt, Hot Pants, meia e mochila Forever 21 Regata Osklen Tênis Adidas Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 66Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 66 11/03/2015 17:49:4811/03/2015 17:49:48
  67. 67. | 67 MODA Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 67Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 67 11/03/2015 17:49:5111/03/2015 17:49:51
  68. 68. 68 | amir@amircalil.com.br AMIR CALIL O Boteco Solidário do CVRP- Centro de Voluntariado, aconte- ceu no dia 26 de fevereiro, no Ipe Golf Club. Toda a renda foi revertida para a realização dos projetos desenvolvidos pela instituição comandada por Ma- riana Jábali. Marque em sua agenda. O Bingo da Casa de Nazaré será no dia 25 de março no Salão da Igreja Nos- sa Senhora Aparecida. E o Carnaval foi assim... Carmem Lúcia Vieira Calil, Ana Maria Lemos Roxo, Vera Calil Bian- chi, Paola Cunha, Maria Carmem Balau, Maria José Chiariello, Dulce Prudente Correa e Vera Scaff Gal- vão vendem cartelinhas no dia 8 de abril, a partir das 14 horas, no Bingo do Gaceon, na Recra. A simpática Mariela, filha de Fer- nanda Sivaldi Roberti Passalacqua e Samuel Passalacqua, recebe a alian- ça na mão esquerda, de Guilherme, filho de Candida Rachel Bannwart Elias e João Wagner Rezende Elias, de tradicional família de Marília. A cerimônia acontecerá na Fazenda Santa Rita, sob os acordes da VVR Valet e Renato Aguiar Festas. O CC Ma dd Ca Ma A na Luxo e bom gosto são marcas registradas de Gladys Leão e André Calil de Salles Quesito rosa e branco: Madalena Junqueira Reis Ela tem uma cabeça brilhante e um arranjo exuberante: Ana Paula Grandini Said Fotos: Silvia Borelli Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 68Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 68 11/03/2015 17:49:5311/03/2015 17:49:53
  69. 69. | 69 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 69Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 69 11/03/2015 17:49:5511/03/2015 17:49:55
  70. 70. 70 | MARINA REZENDE Jornalista, assessora de imprensa e blogueira do Bendita Inspiração www.benditainspiracao.com.br marinarezende@benditainspiracao.com.br Verde poderoso Para os praticantes de exercícios físicos e adeptos de produtos naturais, o “matcha” é a novidade da vez. O chá milenar, ainda pouco difundido no ocidente, vem da Camellia sinensis, mesma erva dos chás verde, preto e branco, porém é feito com as folhas mais novas e tenras da planta, protegidas do sol e, é aí que está sua diferença. Por exemplo, ele tem 70 vezes mais antioxidantes que o suco de laranja e aumenta em 25% a queima de calorias durante os exercícios físicos. Sem falar da cor, um verde vivo lindo de se ver! Boas compras Para proporcionar noites agradáveis durante os dias da semana, um dos projetos do shopping Iguatemi Ribeirão Preto é o QuartaShopMusic. Toda quarta-feira uma loja anfitriã oferece condições especiais de compras, drinks e música boa. O evento tem como embaixadores a blogueira Carola Duarte e o DJ Diego Falleiros. Felipe Barbosa, gerente de marketing do Iguatemi Ribeirão Preto, e os embaixado- res Carola Duarte e Diego Falleiros a blogueira Ca Felip Potência no condicionador Quem faz luzes nos cabelos sabe o quanto eles ressecam. Para o condicionador fazer melhor efeito na hora do banho, faz a diferença retirar muito bem o excesso de água dos fios antes de aplicar o produto, segundo os profissionais do salão de beleza L’eclat, onde vou semanal- mente. É que quanto menos água, mais o creme se concentra (não dilui na água) e age melhor. Fica a dica! Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 70Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 70 11/03/2015 17:49:5511/03/2015 17:49:55
  71. 71. | 71 MARINA REZENDE Curinga do mês Toda mulher precisa de um LBD (Little Black Dress), aquele “vestido pretinho básico”. Mas outro item indispensável é o macacão preto. Vale a pena investir nesta peça chique, moderna e versátil, que vai bem no dia a dia ou num evento glamouroso. Acessório Desejo Está na moda tênis branco, daqueles que sujam no primeiro passo. Agora, na contramão dos megacoloridos, meu desejo é um New Balance 996 todo branco, em couro, para ocasiões casuais nas quais tênis (e conforto) são bem-vindos.ndos. Mais uma vez Com pouco mais de dois anos de funcionamento, o club Sky Room está concorrendo novamente para ser um dos 100 melhores do mundo. A votação é feita pela revista DJ Mag, referência em música eletrônica. Em 2014, a casa noturna ribeirão-pretana ocupou a posição 39 do mundo e ficou entre as 10 melhores do Brasil. O resultado de 2015 sai este mês. Para votar, basta acessar o link http://top100clubs.djmag.com/ Branquiiiiiiiinho!!!!!Branquiiiiiiiinho!!!!! Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 71Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 71 11/03/2015 17:49:5911/03/2015 17:49:59
  72. 72. 72 | VITRINE Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 72Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 72 11/03/2015 17:50:0511/03/2015 17:50:05
  73. 73. | 73 CREME PODEROSO Depois de anos de muito estudo e experiência no assunto, a Fisio- forma lança o Gel Creme Ultra Firm, uma poderosa combinação de ativos que agem estimulando a lipólise, eliminando as toxinas, ocasio- nando a redução de medidas, celulite e flacidez. O Gel Creme Ultra Firm promete ser a grande novidade do verão, salvando as mulheres das temidas flacidez, celulite e gordura localizada.das temidas flacidez, celulite e gordura localizada. VITRINE CARLA AMORIM Após anos funcionando dentro da loja Dei Due, no Boule- vard, a marca de joias Carla Amorim abriu seu próprio espa- ço, o único fora de uma capital. A designer brasiliense Carla Amorim, preferida de uma clientela exigente e estrelada, es- teve na inaguração e recebeu convidadas especiais. O novo espaço fica na rua Eliseu Guilherme, 235, no Boulevard. DVD INÉDITO Fãs, amigos e familiares marcaram presença na gravação do primeiro DVD do cantor Roger Flores, que aconteceu na Mansão Galo Bravo. O DVD traz quatro canções inéditas e também de grandes fenôme- nos da música sertaneja como João Paulo e Daniel, Zezé Di Camargo e Luciano, Leandro Leonardo, Chitãozinho Xororó, Christian Ralf e Bruno e Marrone. CLÍNICA SORRIA MAIS A Clínica Sorria Mais, comandada por José Manuel de Andrade e Bruna Pitangui, é especializada em todas as áreas da Odontologia. Composta por equipe de Especialistas e Mestres, a clínica alia tradição e tecnologia, oferece aos pacientes planos de tratamentos diferenciados. O ambiente aconche- gante possui consultórios informatizados e climatizados, laboratório de pró- tese, Central de Esterilização e equipamentos de diagnóstico por imagem. A clínica fica na rua Saldanha Marinho, 343. Ribeirão Preto. (16) 3964-5209. UNIFORMES PERSONALIZADOS Para você que deseja que sua equipe apresente-se com unifor- mes personalizados, confortáveis e com um ar de sofisticação, a dica é encomendá-los na Carolina Borelli Uniformes. O aten- dimento é realizado em domicílio e o agendamento pode ser realizado pelo (16) 98805-6552.realizado pelo (16) 98805-6552. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 73Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 73 11/03/2015 17:50:0611/03/2015 17:50:06
  74. 74. 74 | CUIDADOS ESPECIAIS No verão, nós mulheres temos a necessidade de nos sentirmos mais seguras. A Onodera Estética tem lançamentos para esta estação. Um equipamento inovador, com tecnologia Israelense de ponta para tratamentos estéticos. Para o rosto, o tratamento é o Maximus e para o corpo o TriLipo que trata ao mesmo tempo a celulite, gordura loca- lizada, flacidez tissular (pele) e muscular. Vale a pena conhecer. PRATA DA CASA O dançarino e backing da banda Rod Hanna, Duda Costa foi des- taque da escola de Samba Carioca Cubango. A escola verde e bran- ca levou para a Avenida, o enredo “Cubango: A Realeza Negra de Niterói”, do carnavalesco Jaime Cezário. Duda esteve entre os 20 guerreiros africanos do carro abre-alas representando “João Candi- do”, o herói brasileiro, o “navegante negro” cantado por Eliz Regina na música “O mestre-sala dos mares”. Muito orgulho do meu amigo ribeirão-pretano que brilhou e levantou a Sapucaí! A EXALTAÇÃO DOS SENTIDOS Os efeitos de luzes tornaram a noite do dia 18 de janeiro inesque- cível. O DJ francês David Guetta, um dos maiores nomes da música eletrônica, apresentou-se pela segunda vez em Ribeirão, com o show “Listen”. Acostumado a criar batidas e sintonizá-las com vocais já gra- vados, David Guetta mudou o foco de sua produção para um modo mais tradicional. “Acho que este é meu álbum mais trabalhado no quesito lírico das músicas, e é por isso que eu o intitulei ‘Listen’. Dance também, mas acima de tudo sinta”, destacou ele. Foto:FabiolaMedeiros VICK SANT´ANNA Publicitária, produtora de moda e assina o Blog ViCkNeWs www.vicknews.com vick@vicknews.com Foto:VickNews A ITÁLIA É AQUI! Aquele drink com os amigos no Happy Hour ganhou a sofisti- cação italiana. Em um ambiente acolhedor, com iluminação perso- nalizada, espaço para degustação e uma adega com os melhores rótulos do mundo, o “Doppo Lavoro” é um Italian Wine Bar que já se transformou na opção de bom gosto do momento. Muito orgulho do meu amigo que brilhou e levantou a Sapucaí! Resultado incrível em poucas sessões! Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 74Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 74 11/03/2015 17:50:1011/03/2015 17:50:10
  75. 75. | 75 MOMENTOS 1. Mateus Calil 2. João Pedro e Cristiano 3. Carina Rodrigues e Letícia Santos 4. Mariana Sampaio, Veridiana Calil e Carla Cavagnon 5.Renan Ciccone, Marco Almeida e Eneber Borge 6.Elke Hermann e Talita Gimenez 1 3 4 2 Ribeirão Country Fest O Riberão Country Fest, em uma megaestrutura reuniu mais de 30 mil pessoas, que presenciaram mais de 12 horas de música. Todos os detalhes do evento foram apresentados a convidados em coquetel de lançamento, mais que especial. Fotos: divulgação 5 6 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 75Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 75 11/03/2015 17:50:1311/03/2015 17:50:13
  76. 76. 76 | MOMENTOS 1.Nicolau e Rosana Vianna 2.Leila e Fátima Brandani 3.Sonia Franco, José Carlos e Cidinha Carvalho e Isabel Sangali 4. Marcel e Diva Kabariti 5. Troféu: Bloco Estilizado 6. Paulo Schiavoni 1 3 4 2 Carnaval das personalidades Amir Calil comandou na Recra, o 14º Carnaval das Personalidades. Com cerimonial de Kiko Magrini, o baile foi aberto pela Corte de Momo de Ribeirão Preto e animado pela Banda Filhos da Pauta e Escola Acadêmicos do Samba de Batatais. 5 6 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 76Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 76 11/03/2015 17:50:1511/03/2015 17:50:15
  77. 77. | 77 MOMENTOS Fotos: Alessandro Vieira e Carla Rossi 7 9 10 8 11 12 7. Lygia por ‘Todo Canto’ 8. Amir Calil e Kiko Magrini 9. Neuza Ribeiro e Paulo Moraes 10. Bloco mais ani- mado 11. Corte de Momo de Ribeirão Preto 12. Sandra e Luiz Picinato Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 77Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 77 11/03/2015 17:50:1711/03/2015 17:50:17
  78. 78. 78 | MOMENTOS Almoço completo Uma boa opção gastronômica para o dia a dia está na Bella Dora. Em espaço aconchegante e buffet completo, o almoço se torna muito mais agradável. Almoço na Bella Dora é tudo de bom! Convide seus colegas de cursinho, faculdade, trabalho, ou saia com a família para aproveitar o momento mais gostoso do dia. Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 78Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 78 11/03/2015 17:50:1911/03/2015 17:50:19
  79. 79. | 79 MOMENTOS 1. Vera Naves, Ana Cãndida Tofeti Oliveira, Robson Campi e João Naves 2. João Naves 3. Vera e João Na- ves, Everaldo e Vilma de Araujo, Ana Laís Araujo, Caio Araujo e Renata Pereira Rocha 4. Renata e Mateus Naves, João e Vera Naves, Tiago e Juciara Naves, João Naves Filho 5. Gabriel Guerra, João e Vera Naves, Cassia Cristina Guerra, Edilson Guerra e Letícia Guerra 6. Convidados prestigiam o lançamento 1 3 4 2 Uma vida de entrega Foi lançado na Acirp o livro “Uma vida de entrega”, que conta a história do presidente do Grupo Rodo- naves, João Naves. Amigos, empresários e familiares prestigiaram o evento. 5 6 2 Fotos: Divulgação Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 79Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 79 11/03/2015 17:50:2111/03/2015 17:50:21
  80. 80. 80 | MOMENTOS 1. Chandon em homenagem ao dia da mulher 2. Andrea Valim, Luisa Tittoto e Natalia Bazan 3. Felipe Vi- veiros e Rachel Freitas 4. Guilherme Consolo, Tadeu Savegnago e Sidnei Martins 5. Luiz Gustavo Fornazari e Mariana Lemes 6. Karina Ferrão de Azevedo, Daniella Aguiar Nogueira e Giselle Ferrão 3 4 Dia Internacional da Mulher Um dia especial para as mulheres no Absolutto Bar e Gastronomia! A casa surpreendeu os clientes com um sunset do DJ Tigre e uma ação especial da Chandon. Além disso, as mulheres foram homenageadas com drinks e pratos decorados com pétalas de rosas e vouchers de massagens relaxantes ou modeladoras. 5 6 1 2 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 80Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 80 11/03/2015 17:50:2711/03/2015 17:50:27
  81. 81. | 81 MOMENTOS Fotos: Divulgação 9 10 11 12 7 8 7.Rodrigo Teixeira, Rubens Leite e Lucas Krasucki 8.Humberto Ordine e Humberto Ordine Neto 9.Jerusa De Bortoli e Renata Gasparini 10. Alexandre Franco 11. Thauana Garavini 12. Maurício Gasparini, Luiz Ga- ravelo, Rogério Martins de Azevedo, Aluizio Nogueira Júnior e Thiago Antônio Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 81Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 81 11/03/2015 17:50:3011/03/2015 17:50:30
  82. 82. 82 | COMPORTAMENTO 2 3 4 SE ATÉ MOISÉS TREMEU... Nós, seres humanos, diferenciamo-nos dos ou- tros animais porque somos dotados de um instru- mento maravilhoso: o aparelho fonador. Em outras palavras, nós falamos, os outros animais guincham, urram ou grasnam. Curiosamente, no entanto, um dos nossos maiores medos é o de falar em certas circunstâncias. Basta que estejamos de pé diante de uma pequena plateia, ou na frente de alguém que definimos como mais importante que nós para termos as mãos suadas, as pernas bam- bas, a voz que se cala. Não foi isso que aconteceu – quem diria! - a Moi- sés? Quando Deus o escolheu para ir falar ao Faraó, Moisés quis desistir, dizendo que era pesado de boca e de língua. Não fosse Deus lhe dar uma bronca, os he- breus não teriam saído do Egito! Se até Moisés tremeu, imaginem nós, pobres mortais! Essa dificuldade se deve, e muito, à nossa forma- ção escolar. Sentados milimetricamente um atrás do outro, desde o Ensino Fundamental, passando pelo Ensino Médio e até no Ensino Superior, raramente temos a oportunidade de exercer o sagrado direito de falar, de expressar nosso pensamento, de prati- carmos a oralidade. Se os leitores se graduaram, devem se lembrar do sufoco diante da banca examinadora, na apresentação da monografia, ou TCC, o Trabalho de Conclusão de Curso. Se os leitores têm cargo de liderança, certamen- te já vivenciaram o mesmo drama diante dos colabora- dores em reuniões na empresa. Uma forma de resolver o problema é nos capacitar- mos para termos o direito de sermos ouvidos. Para tal, treinar a leitura de textos em voz alta ou gravar nossas fu- turas apresentações são soluções simples, mas que quase sempre deixamos de lado. Outra solução é partici- par de cursos de oratória, que proporcionam orientação no intuito de aplacar o nervosismo, auxiliando a usar as ferramentas da comunicação eficiente. TODOS ENFRENTAMOS DIFICULDADES AO NOS APRESENTARMOS EM PÚBLICO LUIZ PUNTEL Diretor do Curso de Oratória Communicare, da Oficina Literária Puntel Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 82Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 82 11/03/2015 17:50:3311/03/2015 17:50:33
  83. 83. | 83 Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 83Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 83 26/03/2015 11:56:1026/03/2015 11:56:10
  84. 84. 84 | Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 84Revista Leque_3 edição_fevereiro.indd 84 26/03/2015 11:56:2326/03/2015 11:56:23

×