Revista Blogs Edição 002.2013

337 visualizações

Publicada em

Revista Blogs - A internet brasileira em um só lugar!

Publicada em: Diversão e humor
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
337
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
35
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Revista Blogs Edição 002.2013

  1. 1. Burroughs (do livro Tarzan, o filho dasA s primeiras histórias em quadrinhos selvas). Nessa nova fase, surgiu mais um gênero,datam da Pré-História, visto que os tipicamente americano: o super-herói,homens das cavernas já pintavam nas como o Super-Homem, de Siegel eparedes o que lhes acontecia. No início do Shuster.século XX, contudo, foi definido o conceito Inicialmente, o modelo de HQ’s adotadode histórias em quadrinhos, e sua técnica no Brasil foi o estilo satírico conhecidocomeçou a ser desenvolvida. como cartuns, charges ou caricaturas eHá vários precursores das histórias em mais adiante, as populares tiras.quadrinhos, destacando-se o brasileiro No país, vários cartunistas ganharamAngelo Agostini, embora haja quem diga destaque pela criatividade: Henfilque a primeira criação surgiu com Richard (personagens: Graúna e Zeferino), ZiraldoFenton Outcault, em The Yellow Kid, de (personagens: Pererê e Menino1863. Foi Outcault quem introduziu o Maluquinho), Péricles (personagem: O"balão", no qual são escritas as falas dos Amigo da Onça), Maurício de Sousapersonagens. (personagens: Cebolinha, Mônica , CascãoEm 1929, as histórias em quadrinhos ), Fernando Gonsales (personagem: Níquelganharam muita popularidade; na década Náusea), Angeli (personagem: Rebordosa),de 1930, o gênero "aventura" foi Millôr Fernandes, entre outros.incorporado às histórias. A Era de Ouro,como ficou conhecida essa fase, teve seu (Fonte: www.paulinas.org.br , Adaptado )auge com personagens como: FlashGordon, de Alex Raymond; Dick Tracy, deChester Gould; Tarzan, uma adaptação deHarold Foster para o personagem de E. R.
  2. 2. Mônica, com personagens comoDesenhista paulista Cebolinha, Magali e Cascão,(27/10/1935-). Principal criador inspirados em suas filhas e embrasileiro de histórias em lembranças da infância.quadrinhos. Nasce em SantaIsabel, interior de São Paulo, e Realiza também filmespassa a infância e a adolescência comerciais e longas-metragens,em Mogi das Cruzes. Começa a como As Novas Aventuras dadesenhar ainda criança e se Turma da Mônica (1985) emuda para São Paulo aos 17 Mônica e a Sereia do Rio (1987).anos para tentar uma vaga de Tem seus quadrinhosdesenhista na imprensa da distribuídos nos Estados Unidos,capital. na Europa e na América Latina. Seguindo os passos do norte-Em 1954 inicia o trabalho como americano Walt Disney, montarepórter policial da Folha de uma empresa em que váriosS.Paulo, função que exerce por desenhistas executam ideiascinco anos, antes de começar a suas.publicar suas tiras no mesmojornal. Os primeiros personagens (Fonte:Algo Sobre)são o Capitão Picolé, o Franjinhae seu cachorro Bidu. No iníciodos anos 60 lança a Turma da
  3. 3. pelas editoras Abril e Globo e desdeA história em quadrinhos mais 2007 vem sendo publicada Paniniconhecida no Brasil é a da Turma da Comics, além da publicação de tirasMônica. A Turma da Mônica é uma no formato de bolso pelasérie criada por Mauricio de Sousa própria Panini e pela L&PM.no ano de 1959.É a principal série criada pelocartunista, possuindo ainda umasérie de minigrupos, nos quais aspersonagens passam por váriasperipécias cotidianas. O termo podese referir também a todas aspersonagens já criadas por Mauricio,mas que, a rigor, não fazem parte da"Turma da Mônica", tais como aspersonagens da Turma da Mata ou (Fonte Imagem: consciarte.wordpress.com )da Turma do Penadinho. (Fonte Texto: Wikipédia, adaptado)Os primeiros personagens da Turmada Mônica foram Bidu e Franjinhapublicados pela Editora Continentalem 1960.A Turma da Mônica foi publicada
  4. 4. usaria todos! =)Quem me conhece sabe que eutenho um lado meio geek e sou loucapor super-heróis. Não perco umlançamento de filme e sou daquelasque vai à pré-estreia de meia noitecom ingresso antecipado! HahahahaE todos os meus queridos heróis docinema nasceram nos quadrinhos.Inclusive aqui entre nós, prefiro os daMarvel do que os da DC. Aí vira emexe decido misturar essas duaspaixões: super-heróis e moda. Amistura sempre fica divertida, gostode apostar na sutileza pra nãoparecer que tô pronta proHalloween!PS: O título é só pra ficar sonoromesmo, tá gente? Apesar deWacthmen ser da DC...Preparei alguns looks inspirados emunhas que fiz. Espero que gostem, eu (Fonte Imagem: Acervo Pessoal e Site Fashiolista)
  5. 5. e se santificam mutuamente. Se todaEm síntese: A instituição do a vida do cristão é o desabrochar docasamento civil tem suas raízes no sacramento do batismo, a vidaséc. XVI, quando os reformadores conjugal é a vivência do sacramentoprotestantes negaram a índole do matrimônio.sacramental do contratomatrimonial. Lutero julgava que o A Igreja reconhece a legitimidade docasamento é uma necessidade física casamento civil na medida em que:imposta aos homens pela natureza, 1) estipula os efeitos civis domas portadora de pecado porque contrato nupcial, 2) atende aosestimulado pela concupiscência ou o cidadãos não católicos; para os fiéisdesejo sexual (que Lutero católicos, porém, a Igreja afirma nãoidentificava com o pecado); a haver outra possibilidade de legítimamisericórdia de Deus perdoaria a união conjugal a não ser apecaminosidade do ato conjugal. sacramental. O fiel católico que viva maritalmente unido a pessoa deO contrato matrimonial não pode ser outro sexo sem o sacramento doequiparado aos contratos naturais de matrimônio, acha-se emcompra, venda ou aluguel, pois concubinato, ainda que estejainstaura uma modalidade própria de casado no foro cível.vida cristã ou a via pela qual doiscristãos caminham juntos para Deus
  6. 6. afugentar os maus espíritos. Pouco aSegue abaixo algumas tradições de pouco, o ramo da noiva tornou-secasamento, aqui no Brasil: um hábito em todos os casamentos#Casamento e, com a passagem do tempo,No antigo sistema patriarcal, "os pais acrescentaram-se significados àscasavam os filhos", uma vez que os diferentes flores.pais tinham que ceder uma parte do #Vestido de Noivaseu património (casa e terras) para o O primeiro vestido branco foisustento e a moradia da nova família. adoptado em Inglaterra pela RainhaA cerimónia de casamento nasceu na Vitória, no século XIX, quando seRoma antiga, incluindo o ritual da casou com o seu primo, o príncipenoiva se vestir especialmente para a Albert. Uma vez que naquela épocacerimónia, o que acabou por se era impensável um homem pedirtornar uma tradição. Foi igualmente uma rainha em casamento, o pedidoem Roma que aconteceram as foi feito pela noiva.primeiras uniões de direito e a #Grinaldaliberdade da mulher casar por sua O uso da grinalda permite que alivre vontade. noiva se distinga dos convidados,#Ramo da Noiva fazendo com que se pareça com umaO bouquet da noiva tem origem rainha. Tradicionalmente, quantomedieval. Nesta época, as mulheres maior a grinalda, maior é o símbololevavam ervas aromáticas para de status e de riqueza. (Fonte: www.portalsaofrancisco.com.br )
  7. 7. casamento servia para selar oVeja abaixo, algumas curiosidades matrimônio e vem da tradição cristã,sobre casamentos: do século XI, em que acreditava-seO vestido de noiva só começou a ser que nesse dedo havia uma veia queusado no séc. XVII na Inglaterra. ia direto ao coração.Na Grécia e em Roma, existem Jogar arroz nos noivos é umarelatos de que as pessoas usavam tradição antiga na China, com doisroupas brancas em celebrações mil anos. Esta atitude simboliza aimportantes, como o nascimento e o fartura para a vida do casal (os grãoscasamento. simbolizam a fertilidade).O véu é uma referência à deusa O costume do “bolo de noiva” veioVesta (da honestidade), que, na da França. Conta-se que um francêsmitologia greco-romana, era a assistiu a um casamento inglês noprotetora do lar. qual o noivo e a noiva se beijavamO buquê de noiva grego e romano por cima de uma mesa cheia deera formado por uma mistura de doces e resolveu repetir na Françaalho e ervas ou grãos. Esperava-se com apenas um doce: o bolo.que o alho afastasse espíritos maus e Os romanos partiam um bolo naas ervas ou grãos garantissem uma cabeça da noiva para simbolizarunião frutífera. fertilidade ou abundância. (Fonte: Mais Que Curiosidade )Acredita-se que uso de alianças noterceiro dedo da mão esquerda no
  8. 8. pelo estilista italiano GiambattistaO que acho mais importante numa Valli que encantou pela delicadezafesta de casamento sem dúvida é a da combinação de tons e temdecoração, fotos, e claro o vestido da inspirado as noivas que procuramnoiva que é um dos atrativos do algo diferente, porém delicado pra“grande dia”. O vestido representa o usar no dia do ‘sim’. Será que essaque mais de tradicional existe nas moda pega pelas terras brasileirasfestas matrimoniais, remete à também? Vamos aguardar!pureza, estilo e identidade da noiva esempre na cor branca, certo?Errado... Pois nem sempre issoacontece, uma vez que o brancodeixou de ser unanimidade entre asnoivinhas mais modernas e deu lugarpara vestidos com faixas e detalhescoloridos e por vezes totalmente emoutra cor.Destaque para o belo vestido queJessica Biel usou no seu casamentocom Justin Timberlake, o longo eesvoaçante vestido rosa assinado (Fonte Imagem: Foto Divulgação e Google Imagens)
  9. 9. ritmo foi o primeiro movimento musical“O lha que coisa mais linda, mais cheia brasileiro universitário e começou a fazer sucesso, sobretudo, no chamado Beco dasde graça. É ela, menina, que vem e que Garrafas.passa...” O movimento foi de grande importânciaCom certeza você já deve ter ouvido esse para o país, foi um dos precursores detrecho da música “Garota de Ipanema” em um ritmo realmente brasileiro. Suas letrasalgum lugar, não é mesmo? Ela faz parte abordavam temáticas leves ede um ritmo conhecido por Bossa Nova, descompromissadas, como Meditação, deritmo que surgiu em meados dos anos 50 Tom Jobim e Newton Mendonça.n o Brasil. Essa música é uma das músicas A forma de cantar também se diferenciavabrasileiras mais conhecidas do mundo e da que se tinha na época. E nosfoi composta por Tom Jobim e Vinicius de proporcional grandes nomes na MPB,Moraes. como: Tom Jobim, Vinicius deO ritmo é derivado do samba e possui Moraes, Elizeth Cardoso, João Gilberto eforte influência do jazz. Inicialmente o Nara Leão.termo fora designado para denominar umnovo modo de cantar e tocar sambanaquela época, com o passar dos anos, aBossa Nova tornou-se um dos movimentosmais influentes da história da músicapopular brasileira.A origem da Bossa Nova veio de reuniõescasuais, de músicos da classe média (Na imagem, Tom Jobim)carioca em apartamentos da zona sul, (Fonte Imagem: consciarte.wordpress.com )como o de Nara Leão, em Copacabana. O
  10. 10. média, também músicos, lançaram oJoão Gilberto Prado Pereira de movimento que ficou conhecido porOliveira nasceu em 10 de junho de bossa nova.1931, na cidade de Juazeiro, situada Lançou seu primeiro disco em 1958,no norte do Estado da Bahia. Tido com o título Chega de Saudade, emcomo o criador da bossa nova, é parceria com Tom Jobim.considerado um gênio e uma lendaviva da música popular brasileira.Ganhou seu primeiro violão aos14anos. Aos 18 anos decidiu semudar para Salvador com intençãode ser cantor de rádio e crooner. Emseguida, foi para o Rio de Janeiro, em1950, e teve algum sucesso cantandono grupo Garotos da Lua. Foi expulsoda banda, mas obcecado com a ideiade criar uma nova forma deexpressar-se com o violão, acaboupor conhecer Tom Jobim - pianistaacostumado à música clássica e (Fonte Imagem: www.novabrasilfim.com.br ) (Fonte Texto: Wikipédia, adaptado)também compositor - e um grupo deestudantes universitários de classe

×