Espírito santo na era getúlio vargas

1.269 visualizações

Publicada em

Seminério de histório: G4- 2M5

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.269
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Espírito santo na era getúlio vargas

  1. 1. Espírito Santona Era Getúlio Vargas
  2. 2. A Revolução de 30Revolução de 30 no ES: A Revolução de 30 causouconsequências por todo o Brasil. No Estado, as principaismudanças foram: a ocupação do norte do estado. Este eradesocupado devido a obstáculos, como o Rio Doce.Mudou também a direção do Estado. O Estado eragovernado por grandes fazendeiros até que um capitãodo exército assumiu o título de interventor do estado doEspírito Santo.
  3. 3. A Aliança LiberalAliança Liberal no ES: O Espírito Santo teve o papel desediar uma comissão da Aliança Liberal. Ela seriarealizada na Praça Costa Pereira, porém a políciaimpediu. A comissão acabou acontecendo em frenteao Colégio do Carmo. O Estado recebeu o MajorCristóvão Barcelos e o senador Pires Rabelo, do Piauí.Com a vitória da Aliança Liberal, Aristeu Borges –presidente do Espírito Santo – que apoiavaWashington Luís, teve que se exilar dando lugar a JoãoPunaro Bley.
  4. 4. A Aliança Liberal
  5. 5. Massacre do Colégio do CarmoA multidão estava muito ansiosa para ouvir os discursos, ateque ouve um tiro.Houve um grande tumulto, muita correria, o pânico tomouconta da população.Houve muitos feridos e algumas mortes. O Colégio foiinvadido. Os vizinhos abrigavam a multidão apavorada.Isso desgastou ainda mais a imagem do governador doestado, Aristeu Borges de Aguiar.
  6. 6. João Purano BleyO estado não tinha uma boa infra-estrutura e o principalproduto de exportação estava em baixa.Bley quitou todas as dividas do estado, investiu muito nainfra-estrutura, diversificou a agricultura do estado eincentivou a industrialização.Bley deu continuidade a obras que não tinham sidoacabadas, como estradas, pontes e o porto de Vitoria.
  7. 7. A Construção de FerroviasA história da industrialização do Espírito Santo pode-seconsiderar como tendo seu pontapé inicial o governo deGetúlio Vargas. Com essa industrialização a famosaestrada de ferro que liga Vitória a Belo Horizonte ganhoubastante força.Também foi muito importante para construção de cidadesde médio porte no interior de Minas e Espírito Santo.Portanto o crescimento industrial só foi possível pelaexistência da ferrovia.
  8. 8. A importância do Porto de Vitória O porto de Vitória foi construído como alternativa para o porto de Itapemirim, que não comportava mais o volume da produção agrícola, especialmente o café e a cana-de- açúcar. A criação do porto de Vitória configurou-se num importante passo para o crescimento da economia capixaba contribuindo para que o complexo Portuário do Espírito Santo de tornasse um dos mais importantes.
  9. 9. A Ocupação do Norte do Rio Doce Em 1930, ocorreram grandes mudanças no Brasil que afetaram o Espírito Santo. Antes de 1930, a base da economia do Espírito Santo era essencialmente agrária. O norte do estado era praticamente desocupado, pelo seu difícil acesso, pois o Rio Doce era um obstáculo terrível.
  10. 10. O AnticomunismoO anticomunismo é um conjunto de idéias que possuem em comum anegação dos princípios e idéias do comunismo, como a palavra mesmodiz.Regime Militar no ES: Atingiu todo o Brasil. No Estado, as principaisconsequências foram: A proibição da liberdade de expressão,principalmente da imprensainstalou-se de vez a censura nos órgãos de comunicação social.
  11. 11. A Ação Integralista Brasileira no ES A ação integralista brasileira, seu chefe era Plínio Salgado. Eram um partido político que os integralistas inspiraram-se nos fascistas europeus até mesmo nas roupas e nos rituais. Vestiam-se de verde seguiam um lema “Deus, Pátria e Família” e saudavam o chefe com o brado “anauê” O objetivo deles era acabar com a ação comunista. Basicamente a ação integralista brasileira era um partido fascista.
  12. 12. G4 – 2M5Renzo CalimanAlanMatheus SarcinelliYuri XavierLuis FelipeJhonatan Amaral

×