SlideShare uma empresa Scribd logo

Economia de Energia

R
Rene83
1 de 18
Baixar para ler offline
Trabalho de Informática - Economia de
Energia

1
Economia de
Energia

Apresentador: Alessandro Ramos
Curso: Engenharia de Produção – 2º Periodo
Centro Universitário de Patos de Minas - UNIPAM
Trabalho de Informática - Economia de
Energia

2
Consumo consciente
É um comportamento adotado por quem busca
o equilíbrio entre a satisfação pessoal do indivíduo e a
sustentabilidade do planeta, lembrando que a
sustentabilidade implica em um modelo ambientalmente
correto, socialmente justo e economicamente viável. O
consumidor consciente reflete a respeito de seus atos de
consumo e como eles irão repercutir, não só sobre si
mesmo, mas também sobre as relações sociais, a
economia e a natureza. O consumidor consciente
também busca disseminar o conceito e a prática do
consumo consciente, fazendo com que pequenos gestos
de consumo realizados por um número muito grande de
pessoas promovam grandes transformações.

Trabalho de Informática - Economia de
Energia

3
A preferência por equipamentos e
produtos que agridam menos o meio ambiente, e
a incorporação ao seu processo de aquisição a
noção de sempre buscar equipamentos que
atendam às suas reais necessidades são algumas
formas de ter um consumo mais consciente.
Uma outra forma de consumir com
consciência é ampliar o ciclo de vida dos
equipamentos, pois o conceito de obsolescência é
diferente para cada tipo ou perfil específico de
utilização. Um determinado equipamento pode
ser obsoleto para meu perfil de uso, mas pode
ainda ser utilizado por outras pessoas e entidades
por mais tempo.

Trabalho de Informática - Economia de
Energia

4
Fabricação da Itautec
A adoção de processos de manufatura em linha com preocupações
ambientais em 2001, ano da implantação de seu Sistema de Gestão Ambiental
(SGA), foi um marco, pois foi a pioneira na adesão dos valores, e reúne as
políticas, programas e práticas corporativas da empresa dedicadas à
sustentabilidade e à responsabilidade socioambiental, incorporando aí o uso
racional de recursos materiais, energéticos, hídricos e coleta seletiva, entre
outros. Este Sistema de Gestão Ambiental foi certificado em 2003, sendo
novamente certificado em 2006 pela Fundação Carlos Alberto Vanzolini, com
base na NBR ISO 14001:04, norma internacional que estabelece requisitos
para um Sistema de Gestão Ambiental.

Trabalho de Informática - Economia de
Energia

5
O pioneirismo no processo fez com a empresa fornecesse ao
mercado brasileiro equipamentos aderentes à diretiva RoHS já a partir
do último trimestre de 2007. Todos os portáteis fabricados pela empresa
a partir deste momento estavam livres de substâncias tóxicas. Desde
então, e até o final de 2008, a empresa migrou suas demais linhas de
produtos para processos em linha com a RoHS, com rígidos controles
ambientais, o que consumiu investimentos da ordem de R$ 3 milhões,
aplicados ao longo de dois anos na adequação de linhas de produção.
Os investimentos foram destinados, entre outras atividades, à aquisição
de maquinário e componentes específicos, e na adoção de uma nova
liga de solda que substituiu o chumbo por uma liga composta de
estanho, cobre e prata.
A adoção de novos processos também beneficiou a cadeia de
fornecedores da Itautec, fazendo com que diversas empresas
adequassem seus insumos segundo a diretiva ambiental. As mudanças
nos insumos e nos processos, contudo, acarretaram um acréscimo de
2% nos custos de produção dos equipamentos, porém sem acarretar um
acréscimo ao seu preço final para os clientes, política que a Itautec
adotou por razões estratégicas.

Trabalho de Informática - Economia de
Energia

6

Recomendados

Engenharia da Sustentabilidade
Engenharia da SustentabilidadeEngenharia da Sustentabilidade
Engenharia da SustentabilidadeAdriana Mendes
 
SUSTENTABILIDADE EM PROJETOS DE ENGENHARIA
SUSTENTABILIDADE EM PROJETOS DE ENGENHARIASUSTENTABILIDADE EM PROJETOS DE ENGENHARIA
SUSTENTABILIDADE EM PROJETOS DE ENGENHARIAPedro Toledo Piza
 
Engenharia de Produção - Gestão ambiental - Sustentabilidade
Engenharia de Produção - Gestão ambiental - SustentabilidadeEngenharia de Produção - Gestão ambiental - Sustentabilidade
Engenharia de Produção - Gestão ambiental - SustentabilidadeFernando Alves
 
Capitalismo natural e produo mais limpa final
Capitalismo natural e produo mais limpa  finalCapitalismo natural e produo mais limpa  final
Capitalismo natural e produo mais limpa finalUFRGS
 
A produção mais limpa na micro e pequena empresa
A produção mais limpa na micro e pequena empresaA produção mais limpa na micro e pequena empresa
A produção mais limpa na micro e pequena empresaMarco de Oliveira
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Biotera - Produção mais Limpa (p+l)
Biotera - Produção mais Limpa (p+l)Biotera - Produção mais Limpa (p+l)
Biotera - Produção mais Limpa (p+l)Biotera
 
Lei de Resíduos Sólidos
Lei de Resíduos SólidosLei de Resíduos Sólidos
Lei de Resíduos SólidosFernando Salles
 
ECCC : Economia Circular, Compartilhada e Criativa
ECCC : Economia Circular, Compartilhada e CriativaECCC : Economia Circular, Compartilhada e Criativa
ECCC : Economia Circular, Compartilhada e CriativaBiotera
 
Análise do ciclo de vida
Análise do ciclo de vidaAnálise do ciclo de vida
Análise do ciclo de vidafelipeviaro
 
ACV & Sustentabilidade uma Abordagem Automotiva
ACV & Sustentabilidade uma Abordagem AutomotivaACV & Sustentabilidade uma Abordagem Automotiva
ACV & Sustentabilidade uma Abordagem AutomotivaFernando Jose Novaes
 
Cadeia de Suprimentos Sustentável
Cadeia de Suprimentos SustentávelCadeia de Suprimentos Sustentável
Cadeia de Suprimentos SustentávelDaiane Lins
 
BIOTERA- ESCOLA SUSTENTÁVEL
BIOTERA- ESCOLA SUSTENTÁVELBIOTERA- ESCOLA SUSTENTÁVEL
BIOTERA- ESCOLA SUSTENTÁVELBiotera
 
Green Logistics - Logística Verde
Green Logistics - Logística VerdeGreen Logistics - Logística Verde
Green Logistics - Logística VerdeManuel Garcia Garcia
 
Datasul HCM processo gestao ambiental
Datasul HCM processo gestao ambientalDatasul HCM processo gestao ambiental
Datasul HCM processo gestao ambientalVinicius Saraiva
 
Gestão de Canais Reversos de Captação de Resíduos: O Câmbio Verde em Curitiba/PR
Gestão de Canais Reversos de Captação de Resíduos: O Câmbio Verde em Curitiba/PRGestão de Canais Reversos de Captação de Resíduos: O Câmbio Verde em Curitiba/PR
Gestão de Canais Reversos de Captação de Resíduos: O Câmbio Verde em Curitiba/PRProjetoBr
 
Ecodesign Ciclo De Vida
Ecodesign Ciclo De VidaEcodesign Ciclo De Vida
Ecodesign Ciclo De Vidamartha
 
A.Benini_TCCI_San Diego_Califórnia_2014 - Logística Reversa de Celulares, Prá...
A.Benini_TCCI_San Diego_Califórnia_2014 - Logística Reversa de Celulares, Prá...A.Benini_TCCI_San Diego_Califórnia_2014 - Logística Reversa de Celulares, Prá...
A.Benini_TCCI_San Diego_Califórnia_2014 - Logística Reversa de Celulares, Prá...Alyne Benini
 
Mini Curso Reciclagem de Plásticos - Mercado da Reciclagem
Mini Curso Reciclagem de Plásticos - Mercado da ReciclagemMini Curso Reciclagem de Plásticos - Mercado da Reciclagem
Mini Curso Reciclagem de Plásticos - Mercado da ReciclagemFernando Jose Novaes
 
Ecologia industrial e prevenção da poluição ciências do ambiente - apresent...
Ecologia industrial e prevenção da poluição   ciências do ambiente - apresent...Ecologia industrial e prevenção da poluição   ciências do ambiente - apresent...
Ecologia industrial e prevenção da poluição ciências do ambiente - apresent...Joelton Victor
 

Mais procurados (20)

Biotera - Produção mais Limpa (p+l)
Biotera - Produção mais Limpa (p+l)Biotera - Produção mais Limpa (p+l)
Biotera - Produção mais Limpa (p+l)
 
Lei de Resíduos Sólidos
Lei de Resíduos SólidosLei de Resíduos Sólidos
Lei de Resíduos Sólidos
 
ECCC : Economia Circular, Compartilhada e Criativa
ECCC : Economia Circular, Compartilhada e CriativaECCC : Economia Circular, Compartilhada e Criativa
ECCC : Economia Circular, Compartilhada e Criativa
 
Gestão Ambiental 06 - emissão zero
Gestão Ambiental 06 -  emissão zeroGestão Ambiental 06 -  emissão zero
Gestão Ambiental 06 - emissão zero
 
Análise do ciclo de vida
Análise do ciclo de vidaAnálise do ciclo de vida
Análise do ciclo de vida
 
ACV & Sustentabilidade uma Abordagem Automotiva
ACV & Sustentabilidade uma Abordagem AutomotivaACV & Sustentabilidade uma Abordagem Automotiva
ACV & Sustentabilidade uma Abordagem Automotiva
 
Cadeia de Suprimentos Sustentável
Cadeia de Suprimentos SustentávelCadeia de Suprimentos Sustentável
Cadeia de Suprimentos Sustentável
 
BIOTERA- ESCOLA SUSTENTÁVEL
BIOTERA- ESCOLA SUSTENTÁVELBIOTERA- ESCOLA SUSTENTÁVEL
BIOTERA- ESCOLA SUSTENTÁVEL
 
Green Logistics - Logística Verde
Green Logistics - Logística VerdeGreen Logistics - Logística Verde
Green Logistics - Logística Verde
 
Seminário Desafios Ambientais Contemporâneos - Mesa 2 Sabrina Andrade - Logís...
Seminário Desafios Ambientais Contemporâneos - Mesa 2 Sabrina Andrade - Logís...Seminário Desafios Ambientais Contemporâneos - Mesa 2 Sabrina Andrade - Logís...
Seminário Desafios Ambientais Contemporâneos - Mesa 2 Sabrina Andrade - Logís...
 
Trabalho produção mais limpa 2015
Trabalho produção mais limpa 2015Trabalho produção mais limpa 2015
Trabalho produção mais limpa 2015
 
Datasul HCM processo gestao ambiental
Datasul HCM processo gestao ambientalDatasul HCM processo gestao ambiental
Datasul HCM processo gestao ambiental
 
Gestão de Canais Reversos de Captação de Resíduos: O Câmbio Verde em Curitiba/PR
Gestão de Canais Reversos de Captação de Resíduos: O Câmbio Verde em Curitiba/PRGestão de Canais Reversos de Captação de Resíduos: O Câmbio Verde em Curitiba/PR
Gestão de Canais Reversos de Captação de Resíduos: O Câmbio Verde em Curitiba/PR
 
Ecodesign Ciclo De Vida
Ecodesign Ciclo De VidaEcodesign Ciclo De Vida
Ecodesign Ciclo De Vida
 
Ecodesign e acv
Ecodesign e acvEcodesign e acv
Ecodesign e acv
 
A.Benini_TCCI_San Diego_Califórnia_2014 - Logística Reversa de Celulares, Prá...
A.Benini_TCCI_San Diego_Califórnia_2014 - Logística Reversa de Celulares, Prá...A.Benini_TCCI_San Diego_Califórnia_2014 - Logística Reversa de Celulares, Prá...
A.Benini_TCCI_San Diego_Califórnia_2014 - Logística Reversa de Celulares, Prá...
 
Mini Curso Reciclagem de Plásticos - Mercado da Reciclagem
Mini Curso Reciclagem de Plásticos - Mercado da ReciclagemMini Curso Reciclagem de Plásticos - Mercado da Reciclagem
Mini Curso Reciclagem de Plásticos - Mercado da Reciclagem
 
Ecologia industrial e prevenção da poluição ciências do ambiente - apresent...
Ecologia industrial e prevenção da poluição   ciências do ambiente - apresent...Ecologia industrial e prevenção da poluição   ciências do ambiente - apresent...
Ecologia industrial e prevenção da poluição ciências do ambiente - apresent...
 
Gestão ambiental apresentação
Gestão ambiental apresentaçãoGestão ambiental apresentação
Gestão ambiental apresentação
 
Ecologia industrial
Ecologia industrialEcologia industrial
Ecologia industrial
 

Destaque

Consumo de energia eletrica
Consumo de energia eletricaConsumo de energia eletrica
Consumo de energia eletricaCreuza201011
 
Economia de energia
Economia de energiaEconomia de energia
Economia de energiaLuizaDamaso
 
Como poupar eletricidade
Como poupar eletricidadeComo poupar eletricidade
Como poupar eletricidadeCarlinda Sousa
 
Economia de água
Economia de águaEconomia de água
Economia de águaTiago Malta
 
Consumo de Energia Elétrica
Consumo de Energia ElétricaConsumo de Energia Elétrica
Consumo de Energia Elétricabetontem
 
A Luz
A LuzA Luz
A Luz8ºC
 
Trabalho 2 (1).docxddd
Trabalho 2 (1).docxdddTrabalho 2 (1).docxddd
Trabalho 2 (1).docxdddfernandavf
 
Sustentabilidade E Consumo Light
Sustentabilidade E Consumo LightSustentabilidade E Consumo Light
Sustentabilidade E Consumo LightAna Beatriz
 
Consumo de energia doméstica
Consumo de energia domésticaConsumo de energia doméstica
Consumo de energia domésticaIvanete Mendes
 
Uso consciente de energia elétrica
Uso consciente de energia elétricaUso consciente de energia elétrica
Uso consciente de energia elétricaSueli
 
Produção e consumo de energia elétrica - Seminário de física
Produção e consumo de energia elétrica - Seminário de físicaProdução e consumo de energia elétrica - Seminário de física
Produção e consumo de energia elétrica - Seminário de físicaJulio ricardo Silveira
 
Consumo e sustentabilidade
Consumo e sustentabilidadeConsumo e sustentabilidade
Consumo e sustentabilidadeJoão Mendonça
 
Resposta do curso bradesco j2me
Resposta do curso bradesco j2meResposta do curso bradesco j2me
Resposta do curso bradesco j2me118452
 
Connect working March 2017 - How to succeed in an interview
Connect working March 2017 - How to succeed in an interviewConnect working March 2017 - How to succeed in an interview
Connect working March 2017 - How to succeed in an interviewBC Talents
 

Destaque (19)

Economia Da Energia
Economia Da EnergiaEconomia Da Energia
Economia Da Energia
 
Consumo de energia eletrica
Consumo de energia eletricaConsumo de energia eletrica
Consumo de energia eletrica
 
Economia de energia
Economia de energiaEconomia de energia
Economia de energia
 
Como poupar eletricidade
Como poupar eletricidadeComo poupar eletricidade
Como poupar eletricidade
 
Economia de água
Economia de águaEconomia de água
Economia de água
 
Consumo de Energia Elétrica
Consumo de Energia ElétricaConsumo de Energia Elétrica
Consumo de Energia Elétrica
 
A Luz
A LuzA Luz
A Luz
 
Trabalho 2 (1).docxddd
Trabalho 2 (1).docxdddTrabalho 2 (1).docxddd
Trabalho 2 (1).docxddd
 
Nascimento do-universo
Nascimento do-universoNascimento do-universo
Nascimento do-universo
 
Sustentabilidade E Consumo Light
Sustentabilidade E Consumo LightSustentabilidade E Consumo Light
Sustentabilidade E Consumo Light
 
Consumo de energia doméstica
Consumo de energia domésticaConsumo de energia doméstica
Consumo de energia doméstica
 
Uso consciente de energia elétrica
Uso consciente de energia elétricaUso consciente de energia elétrica
Uso consciente de energia elétrica
 
Produção e consumo de energia elétrica - Seminário de física
Produção e consumo de energia elétrica - Seminário de físicaProdução e consumo de energia elétrica - Seminário de física
Produção e consumo de energia elétrica - Seminário de física
 
Consumo e sustentabilidade
Consumo e sustentabilidadeConsumo e sustentabilidade
Consumo e sustentabilidade
 
Resposta do curso bradesco j2me
Resposta do curso bradesco j2meResposta do curso bradesco j2me
Resposta do curso bradesco j2me
 
Slideshare energia
Slideshare energiaSlideshare energia
Slideshare energia
 
Tipos de Energia
Tipos de EnergiaTipos de Energia
Tipos de Energia
 
Connect working March 2017 - How to succeed in an interview
Connect working March 2017 - How to succeed in an interviewConnect working March 2017 - How to succeed in an interview
Connect working March 2017 - How to succeed in an interview
 
Sustentabilidade
SustentabilidadeSustentabilidade
Sustentabilidade
 

Semelhante a Economia de Energia

O PAPEL DA LOGÍSTICA REVERSA NO REAPROVEITAMENTO DO “LIXO ELETRÔNICO
O PAPEL DA LOGÍSTICA REVERSA NO REAPROVEITAMENTO DO “LIXO ELETRÔNICOO PAPEL DA LOGÍSTICA REVERSA NO REAPROVEITAMENTO DO “LIXO ELETRÔNICO
O PAPEL DA LOGÍSTICA REVERSA NO REAPROVEITAMENTO DO “LIXO ELETRÔNICOBrunno Curis
 
O Papel da logística reversa no aproveitamento do "lixo eletrônico"
O Papel da logística reversa no aproveitamento do "lixo eletrônico"O Papel da logística reversa no aproveitamento do "lixo eletrônico"
O Papel da logística reversa no aproveitamento do "lixo eletrônico"Brunno Curis
 
O papel da logística reversa no reaproveitamento do lixo eletrônico
O papel da logística reversa no reaproveitamento do lixo eletrônicoO papel da logística reversa no reaproveitamento do lixo eletrônico
O papel da logística reversa no reaproveitamento do lixo eletrônicoBrunno Curis
 
Programa ECO Recicla -
Programa ECO Recicla -  Programa ECO Recicla -
Programa ECO Recicla - Elaine Santos
 
gestao ambiental
gestao ambientalgestao ambiental
gestao ambientalguto101
 
Guia Gestor de TI Sustentabilidade
Guia Gestor de TI SustentabilidadeGuia Gestor de TI Sustentabilidade
Guia Gestor de TI SustentabilidadeAna Paula Reis
 
Alternativas final vida util computadores
Alternativas final vida util computadoresAlternativas final vida util computadores
Alternativas final vida util computadoresMirieli Zanetti
 
Sustentabilidade e Software Livre. Resíduos eletrônicos, o que fazer com eles?
Sustentabilidade e Software Livre. Resíduos eletrônicos, o que fazer com eles?Sustentabilidade e Software Livre. Resíduos eletrônicos, o que fazer com eles?
Sustentabilidade e Software Livre. Resíduos eletrônicos, o que fazer com eles?Andre Marinho
 
Computador e meio ambiente
Computador e meio ambienteComputador e meio ambiente
Computador e meio ambienteMagda Amaral
 
Artigo gestão
Artigo gestãoArtigo gestão
Artigo gestãocatty27
 

Semelhante a Economia de Energia (20)

T.I Verde
T.I VerdeT.I Verde
T.I Verde
 
Artigo Ti Verde Insep Alisson Ferreira 2009
Artigo Ti Verde Insep Alisson Ferreira 2009Artigo Ti Verde Insep Alisson Ferreira 2009
Artigo Ti Verde Insep Alisson Ferreira 2009
 
Logística reversa 3 B -2015
Logística reversa 3 B -2015Logística reversa 3 B -2015
Logística reversa 3 B -2015
 
O PAPEL DA LOGÍSTICA REVERSA NO REAPROVEITAMENTO DO “LIXO ELETRÔNICO
O PAPEL DA LOGÍSTICA REVERSA NO REAPROVEITAMENTO DO “LIXO ELETRÔNICOO PAPEL DA LOGÍSTICA REVERSA NO REAPROVEITAMENTO DO “LIXO ELETRÔNICO
O PAPEL DA LOGÍSTICA REVERSA NO REAPROVEITAMENTO DO “LIXO ELETRÔNICO
 
O Papel da logística reversa no aproveitamento do "lixo eletrônico"
O Papel da logística reversa no aproveitamento do "lixo eletrônico"O Papel da logística reversa no aproveitamento do "lixo eletrônico"
O Papel da logística reversa no aproveitamento do "lixo eletrônico"
 
O papel da logística reversa no reaproveitamento do lixo eletrônico
O papel da logística reversa no reaproveitamento do lixo eletrônicoO papel da logística reversa no reaproveitamento do lixo eletrônico
O papel da logística reversa no reaproveitamento do lixo eletrônico
 
Trabalho adelia
Trabalho adeliaTrabalho adelia
Trabalho adelia
 
Programa ECO Recicla -
Programa ECO Recicla -  Programa ECO Recicla -
Programa ECO Recicla -
 
Apresenta..
Apresenta..Apresenta..
Apresenta..
 
Apresenta..
Apresenta..Apresenta..
Apresenta..
 
Ti Verde
Ti VerdeTi Verde
Ti Verde
 
gestao ambiental
gestao ambientalgestao ambiental
gestao ambiental
 
Guia Gestor de TI Sustentabilidade
Guia Gestor de TI SustentabilidadeGuia Gestor de TI Sustentabilidade
Guia Gestor de TI Sustentabilidade
 
Alternativas final vida util computadores
Alternativas final vida util computadoresAlternativas final vida util computadores
Alternativas final vida util computadores
 
Sustentabilidade e Software Livre. Resíduos eletrônicos, o que fazer com eles?
Sustentabilidade e Software Livre. Resíduos eletrônicos, o que fazer com eles?Sustentabilidade e Software Livre. Resíduos eletrônicos, o que fazer com eles?
Sustentabilidade e Software Livre. Resíduos eletrônicos, o que fazer com eles?
 
Computador e meio ambiente
Computador e meio ambienteComputador e meio ambiente
Computador e meio ambiente
 
Artigo gestão
Artigo gestãoArtigo gestão
Artigo gestão
 
News ambiente 1
News ambiente 1News ambiente 1
News ambiente 1
 
Ambiental
AmbientalAmbiental
Ambiental
 
Ecological Blocks.pdf
Ecological Blocks.pdfEcological Blocks.pdf
Ecological Blocks.pdf
 

Economia de Energia

  • 1. Trabalho de Informática - Economia de Energia 1
  • 2. Economia de Energia Apresentador: Alessandro Ramos Curso: Engenharia de Produção – 2º Periodo Centro Universitário de Patos de Minas - UNIPAM Trabalho de Informática - Economia de Energia 2
  • 3. Consumo consciente É um comportamento adotado por quem busca o equilíbrio entre a satisfação pessoal do indivíduo e a sustentabilidade do planeta, lembrando que a sustentabilidade implica em um modelo ambientalmente correto, socialmente justo e economicamente viável. O consumidor consciente reflete a respeito de seus atos de consumo e como eles irão repercutir, não só sobre si mesmo, mas também sobre as relações sociais, a economia e a natureza. O consumidor consciente também busca disseminar o conceito e a prática do consumo consciente, fazendo com que pequenos gestos de consumo realizados por um número muito grande de pessoas promovam grandes transformações. Trabalho de Informática - Economia de Energia 3
  • 4. A preferência por equipamentos e produtos que agridam menos o meio ambiente, e a incorporação ao seu processo de aquisição a noção de sempre buscar equipamentos que atendam às suas reais necessidades são algumas formas de ter um consumo mais consciente. Uma outra forma de consumir com consciência é ampliar o ciclo de vida dos equipamentos, pois o conceito de obsolescência é diferente para cada tipo ou perfil específico de utilização. Um determinado equipamento pode ser obsoleto para meu perfil de uso, mas pode ainda ser utilizado por outras pessoas e entidades por mais tempo. Trabalho de Informática - Economia de Energia 4
  • 5. Fabricação da Itautec A adoção de processos de manufatura em linha com preocupações ambientais em 2001, ano da implantação de seu Sistema de Gestão Ambiental (SGA), foi um marco, pois foi a pioneira na adesão dos valores, e reúne as políticas, programas e práticas corporativas da empresa dedicadas à sustentabilidade e à responsabilidade socioambiental, incorporando aí o uso racional de recursos materiais, energéticos, hídricos e coleta seletiva, entre outros. Este Sistema de Gestão Ambiental foi certificado em 2003, sendo novamente certificado em 2006 pela Fundação Carlos Alberto Vanzolini, com base na NBR ISO 14001:04, norma internacional que estabelece requisitos para um Sistema de Gestão Ambiental. Trabalho de Informática - Economia de Energia 5
  • 6. O pioneirismo no processo fez com a empresa fornecesse ao mercado brasileiro equipamentos aderentes à diretiva RoHS já a partir do último trimestre de 2007. Todos os portáteis fabricados pela empresa a partir deste momento estavam livres de substâncias tóxicas. Desde então, e até o final de 2008, a empresa migrou suas demais linhas de produtos para processos em linha com a RoHS, com rígidos controles ambientais, o que consumiu investimentos da ordem de R$ 3 milhões, aplicados ao longo de dois anos na adequação de linhas de produção. Os investimentos foram destinados, entre outras atividades, à aquisição de maquinário e componentes específicos, e na adoção de uma nova liga de solda que substituiu o chumbo por uma liga composta de estanho, cobre e prata. A adoção de novos processos também beneficiou a cadeia de fornecedores da Itautec, fazendo com que diversas empresas adequassem seus insumos segundo a diretiva ambiental. As mudanças nos insumos e nos processos, contudo, acarretaram um acréscimo de 2% nos custos de produção dos equipamentos, porém sem acarretar um acréscimo ao seu preço final para os clientes, política que a Itautec adotou por razões estratégicas. Trabalho de Informática - Economia de Energia 6
  • 7. O computador por Dentro Os primeiros estudos e ensaios sobre desmontagem de equipamentos obsoletos foram realizados pelo Grupo Itautec em meados de 2003, esclarecendo a composição por tipo de materiais de um computador. Ao avaliar esses resultados, podemos observar que 100 % dos materiais que compõem um equipamento de informática são recicláveis. Trabalho de Informática - Economia de Energia 7
  • 8. Trabalho de Informática - Economia de Energia 8
  • 9. Trabalho de Informática - Economia de Energia 9
  • 10. Trabalho de Informática - Economia de Energia 10
  • 11. Centro de Reciclagem Itautec A Itautec é reconhecida por sua iniciativa no desenvolvimento do que é hoje um dos projetos mais avançados em destinação de resíduos eletroeletrônicos em operação no Brasil. Esta operação acontece num centro da empresa em Jundiaí, cidade do interior do Estado de São Paulo, onde está localizada a fábrica da Itautec, e no qual foram investidos R$ 350 mil na construção de uma área destinada à reciclagem de equipamentos eletroeletrônicos ao final de sua vida útil. Neste espaço, os equipamentos são recebidos, desmontados, descaracterizados, pesados e depois têm suas partes segregadas por tipo de material. O procedimento é válido para PCs, notebooks ou equipamentos de automação. Após a separação, estes resíduos são encaminhados aos cuidados de recicladores homologados para o processamento ou destinação final. Estes parceiros da Itautec permitem que essas matérias-primas sejam reinseridas na cadeia produtiva, evitando desperdícios, o acúmulo de dejetos e a contaminação ambiental pelo descarte incorreto. Trabalho de Informática - Economia de Energia 11
  • 12. Histórico da Reciclagem Inicialmente, a reciclagem já estava contemplada no Sistema de Gestão Ambiental adotado pela Itautec. A empresa deu início a esta iniciativa com a coleta seletiva, que tinha como objetivo mudar a cultura dos colaboradores e fazer com que eles participassem, dentro de uma linha de conscientização ambiental, do melhor aproveitamento de materiais, evitando desperdícios. Isso levou aos trabalhos de pesquisa sobre como reciclar um PC, o que se mostrou um grande desafio técnico, já que não existiam empresas com o conhecimento técnico de como reaproveitar os materiais contidos nestes equipamentos. Parte desta reciclagem foi verticalizada na empresa, como a desmontagem do computador. O domínio deste processo, adquirido a partir de ensaios realizados em 2003, permitiu que os materiais que constituem um computador retornassem à cadeia produtiva, em vez de seguir para aterros sanitários (lixo) ou para o mercado cinza. Trabalho de Informática - Economia de Energia 12
  • 13. No inicio ele ocorria nas instalações da Itautec em São Paulo, no Tatuapé e, com a transferência da fábrica de computadores, ATMs e equipamentos de automação comercial para Jundiaí, em 2007, as instalações foram replicadas naquela planta. Atualmente esta segregação de materiais é realizada em um galpão de 715 m2. É bom frisar que um computador é 100% reciclável. Jogar micros ou componentes em aterros sanitários significa jogar matéria-prima valiosa no lixo, e constitui uma atitude que não está alinhada com os princípios da sustentabilidade. Trabalho de Informática - Economia de Energia 13
  • 14. Processo de Reciclagem Os equipamentos são recebidos, classificados e depois separados com base em seus componentes principais, como plástico, metais, cabos, embalagens e componentes eletrônicos, que incluem o HD, memórias e as placas de circuitos integrados. Todas as partes são descaracterizadas para prevenir o uso no mercado cinza. Após atingir uma quantidade determinada, estes materiais são acomodados em pacotes maiores, para facilitar armazenamento e transporte e, em seguida, são reintroduzidos no processo produtivo por meio de parceiros que utilizam estes materiais como matériaprima. A planta de reciclagem de Jundiaí ainda processa outros resíduos do processo fabril como embalagens plásticas, papel e papelão, que são acomodados em fardos, após passar por uma prensa industrial. A única exceção a esta reciclagem de materiais tecnológicos se aplica às placas de circuito impresso. Como não existe tecnologia homologada no Brasil para extrair destas placas os metais nobres utilizados, a Itautec acumula estas placas e, de tempo em tempo, encaminha-as para parceiros em Cingapura e na Bélgica. Trabalho de Informática - Economia de Energia 14
  • 15. Processo Ilustrativo da Reciclagem Trabalho de Informática - Economia de Energia 15
  • 16. Como Reciclar seu Computador A Itautec possui uma central de reciclagem, em Jundiaí, para tratar os equipamentos eletroeletrônicos e suas partes. Os equipamentos de sua marca, no final de sua vida útil são recebidos, desmontados, descaracterizados, pesados e depois têm suas partes segregadas por tipo de material. Após a separação, estes resíduos são encaminhados aos cuidados de recicladores homologados para o processamento ou destinação final adequada. Estes parceiros da Itautec permitem que essas matérias-primas sejam reinseridas na cadeia produtiva, evitando desperdícios e a contaminação ambiental pelo descarte incorreto. • Você cliente Itautec, que possua um de nossos equipamentos, se preocupa com o meio ambiente e, acima de tudo, quer contribuir com o descarte adequado, encaminhe um e-mail para sustentabilidade@itautec.com com as informações abaixo e aguarde as instruções de como proceder. Trabalho de Informática - Economia de Energia 16
  • 17. • • • • • • • Pessoa física ( ) Pessoa jurídica ( ) Nome completo ou razão social Cédula de identidade ou CNPJ Endereço completo, cidade e estado Modelo do equipamento Itautec Número de série do equipamento Número da nota fiscal de compra (caso haja) A Itautec possui 33 filiais em todo território nacional e todas funcionam como ponto de recebimento de equipamentos para reciclagem. Porém, é necessário formalizar a solicitação pelo email sustentabilidade@itautec.com para a confecção do termo de entrega de equipamentos e agendar o melhor horário e data para o cliente. Tal procedimento visa também atender aos requisitos fiscais exigidos em cada estado brasileiro para que a Itautec possa encaminhar os equipamentos obsoletos para reciclagem. Trabalho de Informática - Economia de Energia 17
  • 18. Propaganda MWS – Gestão em TI Trabalho de Informática - Economia de Energia 18