SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 33
Baixar para ler offline
A
    Tutorial LTEX

      ´
     Regis da Silva

http://latexbr.blogspot.com




                              1 / 33
http://latexbr.blogspot.com




1         ´ A
    O que e LTEX?

2   Procedimentos

3                A
    Instalando o LTEX

4               A
    Editando no LTEX

5                 A
    Compilando no LTEX

6                   A
    Visualizando no LTEX

7   Manuais

8   Sites


                                                         2 / 33
´ A
                                        O que e L TEX?   http://latexbr.blogspot.com


      ´ A
O que e LTEX?
                                 ´
     O TEX (pronuncia-se ”tec”) e um sistema de tipografia criado por Donald Knuth no
                                ´ ´
final dos anos 70. O TEX tambem e conhecido como processador de textos, por ter sido
                          ¸˜                        ´            ´
desenvolvido para a producao de texto cient´fico e formulas matematicas.
                                            ı
       A                             ´
     O LTEX (pronuncia-se ”lai-tec”) e um conjunto de comandos adicionais (macros) para
                                             ´
o TEX, desenvolvido por Leslie Lamport na decada de 80.




                   (a)   Donald Knuth       (b) Donald Knuth              (c)   Leslie Lamport




                                                                                                 3 / 33
´ A
                                 O que e L TEX?   http://latexbr.blogspot.com




                 A    ´                                   ˆ               ¸˜
             O LTEX e amplamente utilizado no meio academico para a producao de textos
                                                    ´              A     ´ ´
        cient´ficos devido sua alta qualidade tipografica. Com o LTEX tambem e poss´vel
             ı                                                                     ı
        escrever artigos, monografias, teses, livros, posters, etc.
                 A
             O LTEX funciona em qualquer plataforma: Windows, Linux, Mac OS, etc.
                ´             A    ´                           ´           ´
             Alem disso, no LTEX e poss´vel trabalhar com formulas matematicas, ima-
                                           ı
        gens vetoriais, listas, tabelas, ´ndices remissivos, ambientes personalizados,
                                         ı
                   ¸˜
        apresentacao de slides, etc.
               ˜ ´                         ˜ ´
       A X nao e WYSIWYG, ou seja, nao e um editor de texto visual como o BROffice,
     O LTE
                                     ´                               ˜        ´
por exemplo. Nele escrevemos em codigos num arquivo com a extensao .tex e so depois
compilamos para visualizar o documento final, geralmente em PDF.




                                                                                    4 / 33
Procedimentos   http://latexbr.blogspot.com


Procedimentos


                       ´                                    ˜
Os procedimentos necessarios para se trabalhar com o LaTeX sao:
 1       ¸˜                                              ˜
     Edicao - Primeiro editamos um arquivo com a extensao .tex usando a linguagem
                                             ´                           ˆ
     de comandos do LTEX. Este arquivo contem essencialmente um preambulo e o
                      A
     corpo do texto. E´ no corpo do texto que inserimos as figuras e as formulas
                                                                        ´
            ´
     matematicas;
 2             ¸˜  ´
     Compilacao - E o processo que transforma o arquivo tex no formato final,
     geralmente PDF;
 3              ¸˜                   ´
     Visualizacao - O resultado final e um documento PDF, que podemos visualizar e
     imprimir.




                                                                                    5 / 33
A
                                Instalando o L TEX   http://latexbr.blogspot.com


             A
Instalando o LTEX


                              A
    Veremos como instalar o LTEX no Windows e no Linux.
    Instalando o LaTeX no Windows
                  A                                                               ¸˜
    Para que o LTEX funcione no Windows precisamos de um editor, uma distribuicao e
um visualizador :
                      ´           ¸˜              A
    TeX Live 2010 sera a distribuicao dos pacotes LTEX que iremos adotar, tendo ainda a
       ¸˜
    opcao de usar o MiKTeX;
                     ´                    ´
    TeXnicCenter sera o editor, mas tambem podemos usar o TeXworks (nativo do TeX
    Live);
                       ´
    Adobe Reader sera o visualizador PDF.




                                                                                     6 / 33
A
                                 Instalando o L TEX   http://latexbr.blogspot.com


Instalando o TeX Live 2010

                                                            Para instalar o TeX Live 2010 clique em
                                                      Installing TeX Live over the Internet e esco-
                                                      lha install-tl.zip, em seguida descompacte o
                                                                 ´                   ´
                                                      arquivo, va na pasta onde esta o arquivo des-
                                                      compactado e clique em install-tl.
                                                            Vai aparecer duas janelas: a DOS e uma
                                                      TeX Live 2010 Window, nesta segunda vai
                                                                                   ¸˜ ´
                                                      clicando em Next. A instalacao e feita on line,
                                                          ˜
                                                      entao dependendo da sua velocidade de co-
                                                           ˜
                                                      nexao pode demorar de 50 min a 3 horas.
                     ¸˜
      Figura: Instalacao do TeX Live



                                                                                                  7 / 33
A
                                Instalando o L TEX   http://latexbr.blogspot.com


Instalando o TeXnicCenter

                                                                      ´
                                                     O TeXworks ja vem com o TeX Live
                                                                 ˜       ˜
                                                     por padrao, entao vamos instalar o
                                                     TeXnicCenter.         Entre em texniccen-
                                                     ter.org/resources/downloads e clique em
                                                     TeXnicCenter 1 RC 1 Installer, baixe e
                                                     instale clicando em Avancar.
                                                                               ¸




                   ¸˜
    Figura: Instalacao do TeXnicCenter


                                                                                           8 / 33
A
                                   Instalando o L TEX   http://latexbr.blogspot.com

                                              ´                        ¸˜
Ao abrir o TeXnicCenter pela primeira vez, sera pedido algumas configuracoes em Confi-
guration Wizard.




                          (a) Primeira tela                 (b) Segunda tela


    Na primeira tela clique em Avancar ;
                                      ¸
    Na segunda tela vai aparecer a frase “Enter the full path of the directory, where the
                                                                            ˜
    executables (latex,tex,etc.) of your TeX-distribution are located:”, entao digite:

                            C:texlive2010binwin32
                                                                                            9 / 33
A
                               Instalando o L TEX   http://latexbr.blogspot.com




Na terceira tela vai aparecer a frase “Enter the full path of the PostScript-viewer to
          ˜
use:”, entao digite:
                     C:texlive2010binwin32psv.exe
Quando aparecer a quarta e ultima tela clique em Concluir.
                           ´




                      (c) Terceira tela                   (d) Quarta tela



                                                                                         10 / 33
A
                               Instalando o L TEX   http://latexbr.blogspot.com


Instalando o Adobe Reader




                                                            ´
Entre em get.adobe.com/br/reader/ que automaticamente ele ira identificar seu sistema
operacional.
   ˜
Entao baixe e instale.




                                                                                  11 / 33
A
                                 Instalando o L TEX   http://latexbr.blogspot.com


Instalando o LaTeX no Linux


                                                                       A
                                                           Para que o LTEX funcione no Linux preci-
                                                      samos apenas do Kile e do Adobe Reader.
                                                      Instalando o Kile o sistema automaticamente
                                                      instala o TeX Live 2009.
                                                           Clique em Central de Programas do
                                                                                        ı ´ ´
                                                      Ubuntu e digite kile, a partir da´ e so insta-
                                                      lar. Depois instale o adobe reader. E pronto!
                                                                 ¸˜            ˆ
                                                           Atencao: Se voce quiser pode instalar
                                                      o TeX Live 2010, mas cuidado! Ele nao      ˜
                       ¸˜
        Figura: Instalacao do Kile                                           ı   ˆ    ´
                                                      roda com o Kile. Da´ voce tera que compi-
                                                      lar usando o terminal.


                                                                                                12 / 33
A
                                 Editando no L TEX   http://latexbr.blogspot.com


            A
Editando no LTEX
                                           ´
A estrutura m´nima de um documento tex contem um
             ı
        ˆ
    Preambulo
                                                 ´
       Tipo de documento: artigo (article), relatorio (report) ou livro(book);
          ¸˜
       Opcoes, exemplo: 10pt,a4paper,twoside,twocolumn;
       Pacotes - conjuntos de macros que executam tarefas;
       Ambientes personalizados, exemplo: teoremas;
                                                         ¸˜
       Novos comandos personalizados. Dentre outras opcoes.
   Corpo do Texto
       Capa
            ´
       Prefacio
       Sumario´
       Cap´tulos
            ı
          ¸˜
       Secoes
       Subsecoes¸˜
           ´
       Paragrafo
       Bibliografia
       ´ndice remissivo
       I
                                                                                   13 / 33
A
                        Editando no L TEX   http://latexbr.blogspot.com


Primeiro exemplo

Exemplo
Um artigo com t´tulo.
               ı

documentclass[a4paper]{article}
author{Regis S. Santos}
title{Primeiro documento}
date{today}
begin{document}
maketitle
  Meu primeiro documento.
end{document}



                                                                          14 / 33
A
                                Editando no L TEX   http://latexbr.blogspot.com


Segundo exemplo




                                                                          ´
     Obs: Se o arquivo for criado no Linux ou no TeXworks ele reconhecera os caracte-
                                                                 ´
res utf8, se ele for criado no Windows ou no TeXnicCenter ele so reconhece caracteres
            ˜                                           ¸˜          ˜
latin1, entao use o pacote inputenc com uma das opcoes, ou entao escreva os acen-
        ´       A                                                    ˆ
tos em codigos LTEX (leia acentos e caracteres especiais). Caso voce precise converter
seu arquivo para utf8 e vice-versa, leia recodificando seus arquivos ISO para UTF8.




                                                                                   15 / 33
A
                                  Editando no L TEX   http://latexbr.blogspot.com


Segundo exemplo

           ´            ´
Inserindo formulas matematicas
documentclass[a4paper]{article}
usepackage[utf8]{inputenc}      %caracteres utf8
%comentario
%usepackage[latin1]{inputenc}    %caracteres latin1
usepackage{amsfonts,amssymb}    %simbolos matematicos da AMS
usepackage[centertags]{amsmath} %suporta varios ambientes matematicos
begin{document}
  textbf{Definic c˜ao}: Seja $f:[a,b] to mathbb{R}$ uma func c˜ao integr’avel
  e $F$ sua primitiva. Ent˜ao

[
  int_aˆb {f(x)dx}   = F(b) - F(a)
]
end{document}




                                                                                        16 / 33
A
                                 Editando no L TEX   http://latexbr.blogspot.com




                                                                    ´
     Os pacotes amsfonts,amssymb carregam os s´mbolos matematicos da AMS e o
                                                     ı
                           ´                       ´
pacote amsmath suporta varios ambientes matematicos.
                  ´              ´       ´
     Quando uma formula matematica esta entre $...$ ele fica no meio do texto. Quando
   ´
esta entre [...] ele fica centralizado numa linha separada do texto.
     O exemplo anterior gera o seguinte resultado:
Resultado
Definicao: Seja f : [a, b] → R uma funcao integravel e F sua primitiva. Entao
      ¸˜                             ¸˜        ´                          ˜
                                      b
                                          f (x)dx = F(b) − F(a)
                                  a




                                                                                   17 / 33
A
                                 Editando no L TEX   http://latexbr.blogspot.com


Terceiro exemplo
No exemplo a seguir vamos inserir uma figura em PDF (fractal.pdf ). Para converter figuras
para outros formatos leia convertendo figuras para outros formatos.
Inserindo figuras
documentclass[a4paper]{article}
usepackage[utf8]{inputenc}
usepackage{graphicx}
begin{document}
   Meu terceiro documento com figuras.
   begin{figure}[!htb]
      centering
      includegraphics[width=7cm]{fractal}
      caption{Figura em PDF}
      label{figfractal}
   end{figure}
end{document}                                                                       18 / 33
A
                                      Editando no L TEX   http://latexbr.blogspot.com

                                                                              ˜
     Para inserir uma figura carregue o pacote graphicx. O melhor formato sao as figuras em PDF, por
                                         ˜
oferecer uma melhor qualidade de impressao, principalmente as figuras vetoriais, mas o pacote graphicx
     ´                                            ´
tambem suporta os formatos JPG e PNG. Ele tambem aceita figuras EPS (cujo processo de compilacao e¸˜ ´
                                      ˆ
um pouco mais complexo), mas se voce quiser pode converter a figura para PDF.
          ¸˜                          A                       ¸˜               ´
      A opcao [!htb] faz com que o LTEX escolha a melhor posicao da figura na pagina, aqui (here), topo
                                                                                           ´
(top) ou embaixo (bottom), respectivamente. O comando centering centraliza a figura. width e a largura
                     ´                                                                       ˜
em mm ou cm (tambem pode-se usar height para definir a altura). No nome da figura nao precisa da
       ˜                                                                                       ´
extensao porque o graphicx localiza a figura com um dos formatos suportados. caption e o t´tulo da  ı
                ´ o rotulo, ou seja, uma legenda que ajuda a identificar a figura numa futura referencia.
figura, e label e     ´                                                                          ˆ
                                                                              ˆ
     Nota: Coloque as figuras na mesma pasta do arquivo tex principal. Caso voce queira usar uma sub-
                        ˆ      ´
pasta chamada figuras voce devera mencionar o endereco da figura escrevendo: {figuras/fractal}.
                                                   ¸




                                       Figura: Figura em PDF
                                                                                                    19 / 33
A
                               Editando no L TEX   http://latexbr.blogspot.com


Quarto exemplo
Veja um exemplo de uma figura feita com TikZ.
Figura feita com TikZ
documentclass{article}
usepackage[utf8]{inputenc}
usepackage{tikz}
begin{document}
   begin{tikzpicture}
     draw[fill=yellow,thick] circle (2);
     draw (0,0) -- node[above left] {$r$} (45:2);
     fill[blue] circle (1.5pt);
   end{tikzpicture}
end{document}


                                                                                 20 / 33
A
  Editando no L TEX   http://latexbr.blogspot.com




                       r




Figura: Figura feita com TikZ




                                                    21 / 33
A
                                 Editando no L TEX   http://latexbr.blogspot.com


                ´
Exemplo de relatorio




                                       ´      ´                 ¸˜         ¸˜
Baixe o exemplo relatorio.tex. Ele contem sumario, cap´tulos, secoes, subsecoes, biblio-
                                                       ı
grafia, teoremas e novos comandos.
                                                ˆ
Nota: Ele foi feito com caracteres utf8, se voce abri-lo pelo TeXnicCenter troque para
usepackage[latin1]{inputenc}.




                                                                                     22 / 33
A
                                Compilando no L TEX      http://latexbr.blogspot.com


              A
Compilando no LTEX
                                                 Visualizar                   Visualizar
                    Editar       Compilar
                                                 Imprimir                     Imprimir
Para entender
o processo de
        ¸˜
compilacao        TeXworks
                 TeXnicCenter
                                                  Dviout                      PS View
                                                  Evince                       Evince
    A
no LTEX preci-       Kile

samos obser-
var o seguinte      .TEX          L TEX
                                  A
                                                      .DVI       DVItoPS         .PS
esquema:
                                                                              PStoPDF

                                                              DVItoPDF

                                             PDFL TEX
                                                A                               .PDF



                                                                            Adobe Reader


                                                                              Visualizar
                                                                              Imprimir

                                                                                           23 / 33
A
                               Compilando no L TEX     http://latexbr.blogspot.com

                                            ˆ
O esquema do quadro anterior consiste de tres caminhos diferentes para compilar e gerar
o arquivo em PDF.
  1 A partir do arquivo .tex para gerar o .pdf direto, basta usar o compilador
                  ´
    PDFLTEX. Valido para projetos com figuras PDF, JPG, PNG e TikZ;
          A

         .TEX                                                                                  .PDF
                                                        A
                                                     PDFLTEX

 2                   ¸˜                                    A
     Na segunda opcao, a partir do .tex use o compilador LTEX para gerar o .dvi
                                 ˜
     (formato antigo para impressao) e depois o compilador DVItoPDF para gerar o .pdf;
         .TEX                   .DVI                                                           .PDF
                     A
                     LTEX
                                                                  DVItoPDF

 3                ¸˜ ´
     A terceira opcao e usada para projetos com figuras EPS e/ou PSTricks. A partir do
     .tex use LTEX para gerar o .dvi, depois use DVItoPS para gerar o .ps e
                A
     finalmente PStoPDF para gerar o .pdf.
         .TEX                   .DVI                                 .PS                       .PDF
                     A
                     LTEX                            DVItoPS                         PStoPDF
                                                                                                      24 / 33
A
                              Compilando no L TEX   http://latexbr.blogspot.com


Formatos de arquivos
            ´
   .tex - e o nosso projeto;
                                                         ˜
   .dvi - resultado final usado antigamente para impressao;
                                                   ´ ´
   .ps - resultado final no formato PostScript, tambem e poss´vel imprimir por ele;
                                                             ı
   .pdf - o famoso Portable Document Format da Adobe;
                ´
   .backup - copia de seguranca do arquivo .tex gerado pelo Kile, caso seu editor
                                ¸
     ˜              ´                                           ´
   nao gere uma copia automaticamente, sugiro que faca seu proprio backup;
                                                       ¸
                                                         ¸˜
   .eps - Encapsulated PostScript, formato de alta resolucao para figuras vetoriais;
                                       ´
   .jpg,.png - imagem raster, tambem conhecido como bitmap, ideal para imagens
          ´                           ˆ
   fotograficas; o png aceita transparencia;
                                                               ¸˜ ´
   .log - um dos arquivos auxiliares gerado durante a compilacao, e neste arquivo que
       ´                                    ¸˜
   esta registrado todos os erros de compilacao, caso tenha. Outros arquivos auxiliares
         ´    ˜
   tambem sao gerados, por exemplo, .aux,.out,.nav,.snm,.toc,.vrb; e os
   mesmos podem ser deletados no final. O Kile, por exemplo, remove estes arquivos
   automaticamente (desde que configurado).
                                                                                    25 / 33
A
                             Compilando no L TEX   http://latexbr.blogspot.com


Compilando pelo TeXworks


                                                       Vamos dar prioridade ao primeiro pro-
                                                                    ¸˜
                                                   cesso de compilacao, onde geramos o .pdf
                                                   a partir do PDFLTE
                                                                  A X.
                                                       No TeXworks basta clicar no ´cone ı
                                                   verde no canto superior esquerdo da tela.
                                                                                     ¸˜
                                                   Certifique-se de ter escolhido a opcao
                                                   pdfLaTeX, conforme indica a figura.



    Figura: Compilando pelo TeXworks




                                                                                         26 / 33
A
                              Compilando no L TEX   http://latexbr.blogspot.com


Compilando pelo TeXnicCenter


                                                                        A
                                                    Para usar o PDFLTEX no TeXnicCenter, es-
                                                                                       ˜
                                                    colha ’LaTeX => PDF’ na regiao (1) da fi-
                                                    gura e depois clique no ´cone ’Build and view
                                                                               ı
                                                                                            ´
                                                    current file’ (2). A partir da´ o PDF sera com-
                                                                                 ı
                                                    pilado e visualizado automaticamente.




   Figura: Compilando pelo TeXnicCenter




                                                                                              27 / 33
A
                                    Compilando no L TEX   http://latexbr.blogspot.com


Compilando pelo Kile
     Primeiro precisamos configurar o Kile para abrir os PDFs pelo Adobe Reader. Entao˜
clique no menu Settings/Configure Kile..., depois clique em Build (1), depois em ViewPDF
                                                  ˆ
(2) e por fim, em Select (3) escolha ’Acroread’ e de OK.
     Para compilar em PDF, escolha PDFLaTeX (1) e clique em ViewPDF (2). As teclas
            ˜
de atalho sao ’ALT+6’ e ’ALT+7’, respectivamente.




           (a) Configurando o Kile                                     (b) Compilando pelo Kile
                                                                                                 28 / 33
A
                              Compilando no L TEX   http://latexbr.blogspot.com


Compilando por linha de comando



                                                                                 ´
    Para compilar por linha de comando abra o DOS (Win) ou o Terminal (Linux) e va na
              ´                              ˆ
pasta onde esta o arquivo, suponha que voce tenha um arquivo chamado
    exemplo relatorio.tex. Para compilar direto para PDF digite:

pdflatex exemplo_relatorio

   Se seu projeto tiver uma bibliografia ou uma figura TikZ, compile duas vezes.
                                        ¸˜                       A
   Para as demais formas de compilacao leia o artigo usando LTEX por linha de co-
mando.




                                                                                  29 / 33
A
                              Visualizando no L TEX


                A
Visualizando no LTEX



                                                        ´           ¸˜
Vejamos como visualizar cada um dos documentos gerado apos a compilacao.
                                                           ´
    .pdf - visualizado pelo Adobe Reader. No Linux ele tambem pode ser visualizado
    pelo Evince, Okular ou xpdf ;
    .dvi - visualizado pelo Dviout (Win) ou Evince (Linux);
    .ps - visualizado pelo PS View (Win) ou Evince (Linux);
           ı´ ´
A partir da´ e so imprimir.




                                                                                 30 / 33
Manuais   http://latexbr.blogspot.com


Exemplos e TeX doc

                                                     ´
Veja o exemplo relatorio.tex. E veja um exemplo do proprio Leslie Lamport, sample2e.tex.
     ´              ´                   ¸˜
O proprio TeX Live ja tem a documentacao de todos seus pacotes, digite por exemplo (no
terminal)

texdoc latex

       ˆ    ´                     ¸˜                 ˜
que voce tera um guia da documentacao on line, ou entao digite

texdoc veryshortguide

       ˆ    ´                     ¸˜     A                     ´
que voce tera um resumo de introducao ao LTEX. Experimente tambem

texdoc pgf

manual do PGF/TikZ.

                                                                                     31 / 33
Manuais   http://latexbr.blogspot.com


Manuais
                                      ˆ                           ˆ      ´
Na internet tem muitos manuais em ingles, mas tem alguns em portuges tambem:
                      ˜ ˜                ¸˜     A      ´
    lshortBR - “Uma nao tao curta introducao ao LTEX”, e o manual mais famoso e
                              A
    indicado para se aprender LTEX;
                                 A
    Sadao Massago - aprenda o LTEX via exemplos do prof. Sadao Massago, da
    UFSCar;
                                                   A
    LaTeXBR - meu blog com muitas dicas sobre o LTEX.
                ˆ
Manuais em ingles:
                              ´         A
   first-latex-doc.pdf - guia rapido de LTEX;
   Andy Roberts - site de Andy Roberts com exemplos;
                        A
   Online tutorials on LTEX - tutorial online da TUGIndia;
                                 ´
   Mathmode - manual sobre formulas matematicas; ´
         ¸˜                                              ¸˜
   Equacoes online - veja aqui alguns editores de equacoes online;
                      ´
   latexsheet - guia rapido com os comandos mais usados.
                                                                                  32 / 33
Sites   http://latexbr.blogspot.com


Sites
                            ´                           ´
   tug.CTAN - atualmente e um dos sites com o repositorio completo do conteudo LTEX;
                                                                                 ´   A

                               ´    A                ¸˜
   linorg.usp - um dos repositorios LTEX de distribuicao localizada no Brasil, e ctan.tche
   da Unicamp;
                                     ´                                    A
   the TEX catalogue online - um catalogo completo de todos os pacotes LTEX;
                    ¸˜           A
   tug.org - informacoes sobre LTEX, congressos internacionais, TeX Live, PSTricks,
   entre outros;
                         ´                    ˆ                              ´
   Font Catalogue - catalogo de fontes, a essencia da tipografia. Leia tambem mais
                                                                A
   fontes e s´mbolos e Typefaces that come with the standard LTEX distribution on the
              ı
   TeX Live;
   tug.org/PSTricks - site sobre PSTricks;
   TeXample.net/TikZ - site sobre TikZ.

                                                       http://latexbr.blogspot.com/
                                                                                       33 / 33

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Do Unix ao Linux - Carlos Santos e Fernando Massen
Do Unix ao Linux - Carlos Santos e Fernando MassenDo Unix ao Linux - Carlos Santos e Fernando Massen
Do Unix ao Linux - Carlos Santos e Fernando Massen
Tchelinux
 
Sistemas Operativos Linux e os suas versões
Sistemas Operativos Linux e os suas versõesSistemas Operativos Linux e os suas versões
Sistemas Operativos Linux e os suas versões
xaninha123
 
So alexandra nunes
So alexandra nunesSo alexandra nunes
So alexandra nunes
xaninha123
 
Guia pratico-rede-e-servidores-linux
Guia pratico-rede-e-servidores-linuxGuia pratico-rede-e-servidores-linux
Guia pratico-rede-e-servidores-linux
Fernando Mendes
 
Redes e servidores guia pratico 2ªedição por carlos e morimoto
Redes e servidores   guia pratico 2ªedição por carlos e morimotoRedes e servidores   guia pratico 2ªedição por carlos e morimoto
Redes e servidores guia pratico 2ªedição por carlos e morimoto
Pessoal
 
Apresentação de Linux Ubuntu
Apresentação de Linux UbuntuApresentação de Linux Ubuntu
Apresentação de Linux Ubuntu
CDP_Online
 

Mais procurados (20)

Unix - Sistema Operacional
Unix - Sistema OperacionalUnix - Sistema Operacional
Unix - Sistema Operacional
 
Do Unix ao Linux - Carlos Santos e Fernando Massen
Do Unix ao Linux - Carlos Santos e Fernando MassenDo Unix ao Linux - Carlos Santos e Fernando Massen
Do Unix ao Linux - Carlos Santos e Fernando Massen
 
Sistemas Operativos Linux e os suas versões
Sistemas Operativos Linux e os suas versõesSistemas Operativos Linux e os suas versões
Sistemas Operativos Linux e os suas versões
 
So alexandra nunes
So alexandra nunesSo alexandra nunes
So alexandra nunes
 
Windows vs Linux
Windows vs LinuxWindows vs Linux
Windows vs Linux
 
Linux x windows
Linux x windowsLinux x windows
Linux x windows
 
Linux Redes e Servidores - guia pratico
Linux  Redes e Servidores - guia pratico Linux  Redes e Servidores - guia pratico
Linux Redes e Servidores - guia pratico
 
Guia pratico-rede-e-servidores-linux
Guia pratico-rede-e-servidores-linuxGuia pratico-rede-e-servidores-linux
Guia pratico-rede-e-servidores-linux
 
Redes e servidores guia pratico 2ªedição por carlos e morimoto
Redes e servidores   guia pratico 2ªedição por carlos e morimotoRedes e servidores   guia pratico 2ªedição por carlos e morimoto
Redes e servidores guia pratico 2ªedição por carlos e morimoto
 
Apresentação de Linux Ubuntu
Apresentação de Linux UbuntuApresentação de Linux Ubuntu
Apresentação de Linux Ubuntu
 
Exercício 04 alunos
Exercício 04 alunosExercício 04 alunos
Exercício 04 alunos
 
Redes linux excerto
Redes linux excertoRedes linux excerto
Redes linux excerto
 
Linux basico ubuntu
Linux basico ubuntuLinux basico ubuntu
Linux basico ubuntu
 
Aula 1 sistema operacional linux
Aula 1 sistema operacional linuxAula 1 sistema operacional linux
Aula 1 sistema operacional linux
 
Linux para leigos
Linux para leigos Linux para leigos
Linux para leigos
 
(ACH2044) Sistemas Operacionais - Aula 21
(ACH2044) Sistemas Operacionais - Aula 21(ACH2044) Sistemas Operacionais - Aula 21
(ACH2044) Sistemas Operacionais - Aula 21
 
Vale a pena usar o Linux!?
Vale a pena usar o Linux!?Vale a pena usar o Linux!?
Vale a pena usar o Linux!?
 
Trabalho OpenSUSe
Trabalho OpenSUSeTrabalho OpenSUSe
Trabalho OpenSUSe
 
Unidade 3.1 Introdução ao Sistema Operacional Linux
Unidade 3.1   Introdução ao Sistema Operacional LinuxUnidade 3.1   Introdução ao Sistema Operacional Linux
Unidade 3.1 Introdução ao Sistema Operacional Linux
 
O kernel do linux
O kernel do linuxO kernel do linux
O kernel do linux
 

Destaque

Destaque (15)

Minicurso LaTeX
Minicurso LaTeXMinicurso LaTeX
Minicurso LaTeX
 
Introdução ao Latex
Introdução ao LatexIntrodução ao Latex
Introdução ao Latex
 
ERBASE 2015 - Curso Básico de LaTeX
ERBASE 2015 - Curso Básico de LaTeXERBASE 2015 - Curso Básico de LaTeX
ERBASE 2015 - Curso Básico de LaTeX
 
Relatório cme 2009 2010
Relatório cme 2009  2010Relatório cme 2009  2010
Relatório cme 2009 2010
 
LaTeX Básico II
LaTeX Básico IILaTeX Básico II
LaTeX Básico II
 
[SIFSC] LaTeX para teses e dissertações
[SIFSC] LaTeX para teses e dissertações[SIFSC] LaTeX para teses e dissertações
[SIFSC] LaTeX para teses e dissertações
 
LaTeX Básico I
LaTeX Básico ILaTeX Básico I
LaTeX Básico I
 
Introdução ao LaTeX
Introdução ao LaTeXIntrodução ao LaTeX
Introdução ao LaTeX
 
Latex - Minicurso Básico
Latex - Minicurso BásicoLatex - Minicurso Básico
Latex - Minicurso Básico
 
Introducao ao LaTeX
Introducao ao LaTeXIntroducao ao LaTeX
Introducao ao LaTeX
 
Manual de instalação do Receptor de Antena Parabólica Century BR2014
Manual de instalação do Receptor de Antena Parabólica Century BR2014Manual de instalação do Receptor de Antena Parabólica Century BR2014
Manual de instalação do Receptor de Antena Parabólica Century BR2014
 
métodos ordenação C, bolha, selection sort e insertion sort
métodos ordenação C, bolha, selection sort e insertion sortmétodos ordenação C, bolha, selection sort e insertion sort
métodos ordenação C, bolha, selection sort e insertion sort
 
Formatação de TCC com abnTeX
Formatação de TCC com abnTeXFormatação de TCC com abnTeX
Formatação de TCC com abnTeX
 
Aula de metodologia, monografia e tcc
Aula de metodologia, monografia e tccAula de metodologia, monografia e tcc
Aula de metodologia, monografia e tcc
 
Aula Central de material Esterilizado
Aula Central de material EsterilizadoAula Central de material Esterilizado
Aula Central de material Esterilizado
 

Semelhante a Tutorial latex 2011

Como Colaborar no Desenvolvimento do Kernel Linux - Fábio Olivé Leite
Como Colaborar no Desenvolvimento do Kernel Linux - Fábio Olivé LeiteComo Colaborar no Desenvolvimento do Kernel Linux - Fábio Olivé Leite
Como Colaborar no Desenvolvimento do Kernel Linux - Fábio Olivé Leite
Tchelinux
 
Linux Como Tudo Começou
Linux Como Tudo ComeçouLinux Como Tudo Começou
Linux Como Tudo Começou
guestaa94fe
 
Oficinalinux Comotudo Começou
Oficinalinux Comotudo ComeçouOficinalinux Comotudo Começou
Oficinalinux Comotudo Começou
guest96251d
 

Semelhante a Tutorial latex 2011 (20)

Pesl latex
Pesl latexPesl latex
Pesl latex
 
Cursolatex
CursolatexCursolatex
Cursolatex
 
Latex2e - guia rápido e básico
Latex2e - guia rápido e básicoLatex2e - guia rápido e básico
Latex2e - guia rápido e básico
 
Uma pequena introdução ao LaTeX
Uma pequena introdução ao LaTeXUma pequena introdução ao LaTeX
Uma pequena introdução ao LaTeX
 
Minicurso - Introdução ao LaTeX
Minicurso - Introdução ao LaTeXMinicurso - Introdução ao LaTeX
Minicurso - Introdução ao LaTeX
 
Introdução ao LaTeX - Mini-Curso da XI SACSIS
Introdução ao LaTeX - Mini-Curso da XI SACSISIntrodução ao LaTeX - Mini-Curso da XI SACSIS
Introdução ao LaTeX - Mini-Curso da XI SACSIS
 
“LaTeX” por Manuel Rocha
“LaTeX” por Manuel Rocha“LaTeX” por Manuel Rocha
“LaTeX” por Manuel Rocha
 
Tex2000
Tex2000Tex2000
Tex2000
 
1livro latex 1_1_pdf
1livro latex 1_1_pdf1livro latex 1_1_pdf
1livro latex 1_1_pdf
 
Introdução ao LaTeX - Wanderson Henrique Camargo Ros
 Introdução ao LaTeX - Wanderson Henrique Camargo Ros Introdução ao LaTeX - Wanderson Henrique Camargo Ros
Introdução ao LaTeX - Wanderson Henrique Camargo Ros
 
Como Colaborar no Desenvolvimento do Kernel Linux - Fábio Olivé Leite
Como Colaborar no Desenvolvimento do Kernel Linux - Fábio Olivé LeiteComo Colaborar no Desenvolvimento do Kernel Linux - Fábio Olivé Leite
Como Colaborar no Desenvolvimento do Kernel Linux - Fábio Olivé Leite
 
Tutorial latex
Tutorial latexTutorial latex
Tutorial latex
 
Linux Educacional 3 Fabio
Linux Educacional 3  FabioLinux Educacional 3  Fabio
Linux Educacional 3 Fabio
 
Projeto Terminais Leves Linux
Projeto Terminais Leves LinuxProjeto Terminais Leves Linux
Projeto Terminais Leves Linux
 
Report - Lex and YACC
Report -  Lex and YACCReport -  Lex and YACC
Report - Lex and YACC
 
Workshop LaTeX
Workshop LaTeXWorkshop LaTeX
Workshop LaTeX
 
Linux Como Tudo Começou
Linux Como Tudo ComeçouLinux Como Tudo Começou
Linux Como Tudo Começou
 
Oficinalinux Comotudo Começou
Oficinalinux Comotudo ComeçouOficinalinux Comotudo Começou
Oficinalinux Comotudo Começou
 
Linux
LinuxLinux
Linux
 
Curso de LaTeX
Curso de LaTeXCurso de LaTeX
Curso de LaTeX
 

Último

AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
ssuserbb4ac2
 
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
LuanaAlves940822
 

Último (20)

bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_AssisMemórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorial
 
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdfPlanejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
 
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco LeiteOs Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
 
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
 
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.pptAula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptxSão Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
 

Tutorial latex 2011

  • 1. A Tutorial LTEX ´ Regis da Silva http://latexbr.blogspot.com 1 / 33
  • 2. http://latexbr.blogspot.com 1 ´ A O que e LTEX? 2 Procedimentos 3 A Instalando o LTEX 4 A Editando no LTEX 5 A Compilando no LTEX 6 A Visualizando no LTEX 7 Manuais 8 Sites 2 / 33
  • 3. ´ A O que e L TEX? http://latexbr.blogspot.com ´ A O que e LTEX? ´ O TEX (pronuncia-se ”tec”) e um sistema de tipografia criado por Donald Knuth no ´ ´ final dos anos 70. O TEX tambem e conhecido como processador de textos, por ter sido ¸˜ ´ ´ desenvolvido para a producao de texto cient´fico e formulas matematicas. ı A ´ O LTEX (pronuncia-se ”lai-tec”) e um conjunto de comandos adicionais (macros) para ´ o TEX, desenvolvido por Leslie Lamport na decada de 80. (a) Donald Knuth (b) Donald Knuth (c) Leslie Lamport 3 / 33
  • 4. ´ A O que e L TEX? http://latexbr.blogspot.com A ´ ˆ ¸˜ O LTEX e amplamente utilizado no meio academico para a producao de textos ´ A ´ ´ cient´ficos devido sua alta qualidade tipografica. Com o LTEX tambem e poss´vel ı ı escrever artigos, monografias, teses, livros, posters, etc. A O LTEX funciona em qualquer plataforma: Windows, Linux, Mac OS, etc. ´ A ´ ´ ´ Alem disso, no LTEX e poss´vel trabalhar com formulas matematicas, ima- ı gens vetoriais, listas, tabelas, ´ndices remissivos, ambientes personalizados, ı ¸˜ apresentacao de slides, etc. ˜ ´ ˜ ´ A X nao e WYSIWYG, ou seja, nao e um editor de texto visual como o BROffice, O LTE ´ ˜ ´ por exemplo. Nele escrevemos em codigos num arquivo com a extensao .tex e so depois compilamos para visualizar o documento final, geralmente em PDF. 4 / 33
  • 5. Procedimentos http://latexbr.blogspot.com Procedimentos ´ ˜ Os procedimentos necessarios para se trabalhar com o LaTeX sao: 1 ¸˜ ˜ Edicao - Primeiro editamos um arquivo com a extensao .tex usando a linguagem ´ ˆ de comandos do LTEX. Este arquivo contem essencialmente um preambulo e o A corpo do texto. E´ no corpo do texto que inserimos as figuras e as formulas ´ ´ matematicas; 2 ¸˜ ´ Compilacao - E o processo que transforma o arquivo tex no formato final, geralmente PDF; 3 ¸˜ ´ Visualizacao - O resultado final e um documento PDF, que podemos visualizar e imprimir. 5 / 33
  • 6. A Instalando o L TEX http://latexbr.blogspot.com A Instalando o LTEX A Veremos como instalar o LTEX no Windows e no Linux. Instalando o LaTeX no Windows A ¸˜ Para que o LTEX funcione no Windows precisamos de um editor, uma distribuicao e um visualizador : ´ ¸˜ A TeX Live 2010 sera a distribuicao dos pacotes LTEX que iremos adotar, tendo ainda a ¸˜ opcao de usar o MiKTeX; ´ ´ TeXnicCenter sera o editor, mas tambem podemos usar o TeXworks (nativo do TeX Live); ´ Adobe Reader sera o visualizador PDF. 6 / 33
  • 7. A Instalando o L TEX http://latexbr.blogspot.com Instalando o TeX Live 2010 Para instalar o TeX Live 2010 clique em Installing TeX Live over the Internet e esco- lha install-tl.zip, em seguida descompacte o ´ ´ arquivo, va na pasta onde esta o arquivo des- compactado e clique em install-tl. Vai aparecer duas janelas: a DOS e uma TeX Live 2010 Window, nesta segunda vai ¸˜ ´ clicando em Next. A instalacao e feita on line, ˜ entao dependendo da sua velocidade de co- ˜ nexao pode demorar de 50 min a 3 horas. ¸˜ Figura: Instalacao do TeX Live 7 / 33
  • 8. A Instalando o L TEX http://latexbr.blogspot.com Instalando o TeXnicCenter ´ O TeXworks ja vem com o TeX Live ˜ ˜ por padrao, entao vamos instalar o TeXnicCenter. Entre em texniccen- ter.org/resources/downloads e clique em TeXnicCenter 1 RC 1 Installer, baixe e instale clicando em Avancar. ¸ ¸˜ Figura: Instalacao do TeXnicCenter 8 / 33
  • 9. A Instalando o L TEX http://latexbr.blogspot.com ´ ¸˜ Ao abrir o TeXnicCenter pela primeira vez, sera pedido algumas configuracoes em Confi- guration Wizard. (a) Primeira tela (b) Segunda tela Na primeira tela clique em Avancar ; ¸ Na segunda tela vai aparecer a frase “Enter the full path of the directory, where the ˜ executables (latex,tex,etc.) of your TeX-distribution are located:”, entao digite: C:texlive2010binwin32 9 / 33
  • 10. A Instalando o L TEX http://latexbr.blogspot.com Na terceira tela vai aparecer a frase “Enter the full path of the PostScript-viewer to ˜ use:”, entao digite: C:texlive2010binwin32psv.exe Quando aparecer a quarta e ultima tela clique em Concluir. ´ (c) Terceira tela (d) Quarta tela 10 / 33
  • 11. A Instalando o L TEX http://latexbr.blogspot.com Instalando o Adobe Reader ´ Entre em get.adobe.com/br/reader/ que automaticamente ele ira identificar seu sistema operacional. ˜ Entao baixe e instale. 11 / 33
  • 12. A Instalando o L TEX http://latexbr.blogspot.com Instalando o LaTeX no Linux A Para que o LTEX funcione no Linux preci- samos apenas do Kile e do Adobe Reader. Instalando o Kile o sistema automaticamente instala o TeX Live 2009. Clique em Central de Programas do ı ´ ´ Ubuntu e digite kile, a partir da´ e so insta- lar. Depois instale o adobe reader. E pronto! ¸˜ ˆ Atencao: Se voce quiser pode instalar o TeX Live 2010, mas cuidado! Ele nao ˜ ¸˜ Figura: Instalacao do Kile ı ˆ ´ roda com o Kile. Da´ voce tera que compi- lar usando o terminal. 12 / 33
  • 13. A Editando no L TEX http://latexbr.blogspot.com A Editando no LTEX ´ A estrutura m´nima de um documento tex contem um ı ˆ Preambulo ´ Tipo de documento: artigo (article), relatorio (report) ou livro(book); ¸˜ Opcoes, exemplo: 10pt,a4paper,twoside,twocolumn; Pacotes - conjuntos de macros que executam tarefas; Ambientes personalizados, exemplo: teoremas; ¸˜ Novos comandos personalizados. Dentre outras opcoes. Corpo do Texto Capa ´ Prefacio Sumario´ Cap´tulos ı ¸˜ Secoes Subsecoes¸˜ ´ Paragrafo Bibliografia ´ndice remissivo I 13 / 33
  • 14. A Editando no L TEX http://latexbr.blogspot.com Primeiro exemplo Exemplo Um artigo com t´tulo. ı documentclass[a4paper]{article} author{Regis S. Santos} title{Primeiro documento} date{today} begin{document} maketitle Meu primeiro documento. end{document} 14 / 33
  • 15. A Editando no L TEX http://latexbr.blogspot.com Segundo exemplo ´ Obs: Se o arquivo for criado no Linux ou no TeXworks ele reconhecera os caracte- ´ res utf8, se ele for criado no Windows ou no TeXnicCenter ele so reconhece caracteres ˜ ¸˜ ˜ latin1, entao use o pacote inputenc com uma das opcoes, ou entao escreva os acen- ´ A ˆ tos em codigos LTEX (leia acentos e caracteres especiais). Caso voce precise converter seu arquivo para utf8 e vice-versa, leia recodificando seus arquivos ISO para UTF8. 15 / 33
  • 16. A Editando no L TEX http://latexbr.blogspot.com Segundo exemplo ´ ´ Inserindo formulas matematicas documentclass[a4paper]{article} usepackage[utf8]{inputenc} %caracteres utf8 %comentario %usepackage[latin1]{inputenc} %caracteres latin1 usepackage{amsfonts,amssymb} %simbolos matematicos da AMS usepackage[centertags]{amsmath} %suporta varios ambientes matematicos begin{document} textbf{Definic c˜ao}: Seja $f:[a,b] to mathbb{R}$ uma func c˜ao integr’avel e $F$ sua primitiva. Ent˜ao [ int_aˆb {f(x)dx} = F(b) - F(a) ] end{document} 16 / 33
  • 17. A Editando no L TEX http://latexbr.blogspot.com ´ Os pacotes amsfonts,amssymb carregam os s´mbolos matematicos da AMS e o ı ´ ´ pacote amsmath suporta varios ambientes matematicos. ´ ´ ´ Quando uma formula matematica esta entre $...$ ele fica no meio do texto. Quando ´ esta entre [...] ele fica centralizado numa linha separada do texto. O exemplo anterior gera o seguinte resultado: Resultado Definicao: Seja f : [a, b] → R uma funcao integravel e F sua primitiva. Entao ¸˜ ¸˜ ´ ˜ b f (x)dx = F(b) − F(a) a 17 / 33
  • 18. A Editando no L TEX http://latexbr.blogspot.com Terceiro exemplo No exemplo a seguir vamos inserir uma figura em PDF (fractal.pdf ). Para converter figuras para outros formatos leia convertendo figuras para outros formatos. Inserindo figuras documentclass[a4paper]{article} usepackage[utf8]{inputenc} usepackage{graphicx} begin{document} Meu terceiro documento com figuras. begin{figure}[!htb] centering includegraphics[width=7cm]{fractal} caption{Figura em PDF} label{figfractal} end{figure} end{document} 18 / 33
  • 19. A Editando no L TEX http://latexbr.blogspot.com ˜ Para inserir uma figura carregue o pacote graphicx. O melhor formato sao as figuras em PDF, por ˜ oferecer uma melhor qualidade de impressao, principalmente as figuras vetoriais, mas o pacote graphicx ´ ´ tambem suporta os formatos JPG e PNG. Ele tambem aceita figuras EPS (cujo processo de compilacao e¸˜ ´ ˆ um pouco mais complexo), mas se voce quiser pode converter a figura para PDF. ¸˜ A ¸˜ ´ A opcao [!htb] faz com que o LTEX escolha a melhor posicao da figura na pagina, aqui (here), topo ´ (top) ou embaixo (bottom), respectivamente. O comando centering centraliza a figura. width e a largura ´ ˜ em mm ou cm (tambem pode-se usar height para definir a altura). No nome da figura nao precisa da ˜ ´ extensao porque o graphicx localiza a figura com um dos formatos suportados. caption e o t´tulo da ı ´ o rotulo, ou seja, uma legenda que ajuda a identificar a figura numa futura referencia. figura, e label e ´ ˆ ˆ Nota: Coloque as figuras na mesma pasta do arquivo tex principal. Caso voce queira usar uma sub- ˆ ´ pasta chamada figuras voce devera mencionar o endereco da figura escrevendo: {figuras/fractal}. ¸ Figura: Figura em PDF 19 / 33
  • 20. A Editando no L TEX http://latexbr.blogspot.com Quarto exemplo Veja um exemplo de uma figura feita com TikZ. Figura feita com TikZ documentclass{article} usepackage[utf8]{inputenc} usepackage{tikz} begin{document} begin{tikzpicture} draw[fill=yellow,thick] circle (2); draw (0,0) -- node[above left] {$r$} (45:2); fill[blue] circle (1.5pt); end{tikzpicture} end{document} 20 / 33
  • 21. A Editando no L TEX http://latexbr.blogspot.com r Figura: Figura feita com TikZ 21 / 33
  • 22. A Editando no L TEX http://latexbr.blogspot.com ´ Exemplo de relatorio ´ ´ ¸˜ ¸˜ Baixe o exemplo relatorio.tex. Ele contem sumario, cap´tulos, secoes, subsecoes, biblio- ı grafia, teoremas e novos comandos. ˆ Nota: Ele foi feito com caracteres utf8, se voce abri-lo pelo TeXnicCenter troque para usepackage[latin1]{inputenc}. 22 / 33
  • 23. A Compilando no L TEX http://latexbr.blogspot.com A Compilando no LTEX Visualizar Visualizar Editar Compilar Imprimir Imprimir Para entender o processo de ¸˜ compilacao TeXworks TeXnicCenter Dviout PS View Evince Evince A no LTEX preci- Kile samos obser- var o seguinte .TEX L TEX A .DVI DVItoPS .PS esquema: PStoPDF DVItoPDF PDFL TEX A .PDF Adobe Reader Visualizar Imprimir 23 / 33
  • 24. A Compilando no L TEX http://latexbr.blogspot.com ˆ O esquema do quadro anterior consiste de tres caminhos diferentes para compilar e gerar o arquivo em PDF. 1 A partir do arquivo .tex para gerar o .pdf direto, basta usar o compilador ´ PDFLTEX. Valido para projetos com figuras PDF, JPG, PNG e TikZ; A .TEX .PDF A PDFLTEX 2 ¸˜ A Na segunda opcao, a partir do .tex use o compilador LTEX para gerar o .dvi ˜ (formato antigo para impressao) e depois o compilador DVItoPDF para gerar o .pdf; .TEX .DVI .PDF A LTEX DVItoPDF 3 ¸˜ ´ A terceira opcao e usada para projetos com figuras EPS e/ou PSTricks. A partir do .tex use LTEX para gerar o .dvi, depois use DVItoPS para gerar o .ps e A finalmente PStoPDF para gerar o .pdf. .TEX .DVI .PS .PDF A LTEX DVItoPS PStoPDF 24 / 33
  • 25. A Compilando no L TEX http://latexbr.blogspot.com Formatos de arquivos ´ .tex - e o nosso projeto; ˜ .dvi - resultado final usado antigamente para impressao; ´ ´ .ps - resultado final no formato PostScript, tambem e poss´vel imprimir por ele; ı .pdf - o famoso Portable Document Format da Adobe; ´ .backup - copia de seguranca do arquivo .tex gerado pelo Kile, caso seu editor ¸ ˜ ´ ´ nao gere uma copia automaticamente, sugiro que faca seu proprio backup; ¸ ¸˜ .eps - Encapsulated PostScript, formato de alta resolucao para figuras vetoriais; ´ .jpg,.png - imagem raster, tambem conhecido como bitmap, ideal para imagens ´ ˆ fotograficas; o png aceita transparencia; ¸˜ ´ .log - um dos arquivos auxiliares gerado durante a compilacao, e neste arquivo que ´ ¸˜ esta registrado todos os erros de compilacao, caso tenha. Outros arquivos auxiliares ´ ˜ tambem sao gerados, por exemplo, .aux,.out,.nav,.snm,.toc,.vrb; e os mesmos podem ser deletados no final. O Kile, por exemplo, remove estes arquivos automaticamente (desde que configurado). 25 / 33
  • 26. A Compilando no L TEX http://latexbr.blogspot.com Compilando pelo TeXworks Vamos dar prioridade ao primeiro pro- ¸˜ cesso de compilacao, onde geramos o .pdf a partir do PDFLTE A X. No TeXworks basta clicar no ´cone ı verde no canto superior esquerdo da tela. ¸˜ Certifique-se de ter escolhido a opcao pdfLaTeX, conforme indica a figura. Figura: Compilando pelo TeXworks 26 / 33
  • 27. A Compilando no L TEX http://latexbr.blogspot.com Compilando pelo TeXnicCenter A Para usar o PDFLTEX no TeXnicCenter, es- ˜ colha ’LaTeX => PDF’ na regiao (1) da fi- gura e depois clique no ´cone ’Build and view ı ´ current file’ (2). A partir da´ o PDF sera com- ı pilado e visualizado automaticamente. Figura: Compilando pelo TeXnicCenter 27 / 33
  • 28. A Compilando no L TEX http://latexbr.blogspot.com Compilando pelo Kile Primeiro precisamos configurar o Kile para abrir os PDFs pelo Adobe Reader. Entao˜ clique no menu Settings/Configure Kile..., depois clique em Build (1), depois em ViewPDF ˆ (2) e por fim, em Select (3) escolha ’Acroread’ e de OK. Para compilar em PDF, escolha PDFLaTeX (1) e clique em ViewPDF (2). As teclas ˜ de atalho sao ’ALT+6’ e ’ALT+7’, respectivamente. (a) Configurando o Kile (b) Compilando pelo Kile 28 / 33
  • 29. A Compilando no L TEX http://latexbr.blogspot.com Compilando por linha de comando ´ Para compilar por linha de comando abra o DOS (Win) ou o Terminal (Linux) e va na ´ ˆ pasta onde esta o arquivo, suponha que voce tenha um arquivo chamado exemplo relatorio.tex. Para compilar direto para PDF digite: pdflatex exemplo_relatorio Se seu projeto tiver uma bibliografia ou uma figura TikZ, compile duas vezes. ¸˜ A Para as demais formas de compilacao leia o artigo usando LTEX por linha de co- mando. 29 / 33
  • 30. A Visualizando no L TEX A Visualizando no LTEX ´ ¸˜ Vejamos como visualizar cada um dos documentos gerado apos a compilacao. ´ .pdf - visualizado pelo Adobe Reader. No Linux ele tambem pode ser visualizado pelo Evince, Okular ou xpdf ; .dvi - visualizado pelo Dviout (Win) ou Evince (Linux); .ps - visualizado pelo PS View (Win) ou Evince (Linux); ı´ ´ A partir da´ e so imprimir. 30 / 33
  • 31. Manuais http://latexbr.blogspot.com Exemplos e TeX doc ´ Veja o exemplo relatorio.tex. E veja um exemplo do proprio Leslie Lamport, sample2e.tex. ´ ´ ¸˜ O proprio TeX Live ja tem a documentacao de todos seus pacotes, digite por exemplo (no terminal) texdoc latex ˆ ´ ¸˜ ˜ que voce tera um guia da documentacao on line, ou entao digite texdoc veryshortguide ˆ ´ ¸˜ A ´ que voce tera um resumo de introducao ao LTEX. Experimente tambem texdoc pgf manual do PGF/TikZ. 31 / 33
  • 32. Manuais http://latexbr.blogspot.com Manuais ˆ ˆ ´ Na internet tem muitos manuais em ingles, mas tem alguns em portuges tambem: ˜ ˜ ¸˜ A ´ lshortBR - “Uma nao tao curta introducao ao LTEX”, e o manual mais famoso e A indicado para se aprender LTEX; A Sadao Massago - aprenda o LTEX via exemplos do prof. Sadao Massago, da UFSCar; A LaTeXBR - meu blog com muitas dicas sobre o LTEX. ˆ Manuais em ingles: ´ A first-latex-doc.pdf - guia rapido de LTEX; Andy Roberts - site de Andy Roberts com exemplos; A Online tutorials on LTEX - tutorial online da TUGIndia; ´ Mathmode - manual sobre formulas matematicas; ´ ¸˜ ¸˜ Equacoes online - veja aqui alguns editores de equacoes online; ´ latexsheet - guia rapido com os comandos mais usados. 32 / 33
  • 33. Sites http://latexbr.blogspot.com Sites ´ ´ tug.CTAN - atualmente e um dos sites com o repositorio completo do conteudo LTEX; ´ A ´ A ¸˜ linorg.usp - um dos repositorios LTEX de distribuicao localizada no Brasil, e ctan.tche da Unicamp; ´ A the TEX catalogue online - um catalogo completo de todos os pacotes LTEX; ¸˜ A tug.org - informacoes sobre LTEX, congressos internacionais, TeX Live, PSTricks, entre outros; ´ ˆ ´ Font Catalogue - catalogo de fontes, a essencia da tipografia. Leia tambem mais A fontes e s´mbolos e Typefaces that come with the standard LTEX distribution on the ı TeX Live; tug.org/PSTricks - site sobre PSTricks; TeXample.net/TikZ - site sobre TikZ. http://latexbr.blogspot.com/ 33 / 33