O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Abertura de dados de pesquisa: a importância da visão multidisciplinar

143 visualizações

Publicada em

Pôster apresentado no CRICS10, no eixo temático de Ciência Aberta

Publicada em: Saúde
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Abertura de dados de pesquisa: a importância da visão multidisciplinar

  1. 1. Abertura de dados de pesquisa: a importância da visão multidisciplinar Melina de Brito dos Santos Viviane Veiga Carolina Carraro Venegas Claudete Fernandes de Queiroz Erick Penedo Gizele Rocha Jeferson Lima Marcus Vinícius Pereira da Silva Rejane Machado Simone Dib Dezembro 2018
  2. 2. Introdução: A Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ) possui 16 unidades técnico-científicas instaladas em 10 estados brasileiros. Possui 19 bibliotecas e participa ativamente do movimento de acesso aberto às publicações. Sua política mandatória foi estabelecida em 2014 para teses, dissertações e artigos, e seu repositório institucionalizado em 2011.
  3. 3. Nome cargo,2017 Estados com presença da Fiocruz Estadosondeestão localizadososnovos escritórios Quadro demonstrativo - FiocruznoBrasil Fonte:Coordenadoria de Comunicação Social/Fiocruz Presenteem 11 estados com 16 unidades,além de 4 novosescritórios. 800 mil m² deárea construída - Administração Geral - Campus Manguinhos, RJ.
  4. 4. Objetivo • ressaltar a importância da criação de grupo multidisciplinar e representativo institucionalmente para analisar plataformas para a gestão e disponibilização de dados de pesquisa em saúde.
  5. 5. Discussão • A implementação de práticas de Ciência Aberta no âmbito das instituições de ensino e pesquisa perpassa a mobilização de vários atores. Para o estabelecimento de plataformas para a gestão e disponibilização dos dados de pesquisa é necessária uma análise multidisciplinar, tendo como atores chave o pesquisador, o profissional da informação e o profissional da computação.
  6. 6. Discussão • Neste contexto foi criado o Grupo de pesquisa da Rede de Bibliotecas da Fiocruz “Acesso Aberto às publicações e aos dados de pesquisa”, formado por profissionais da Ciência da informação e da Ciência da computação atuantes no campo da saúde, tais como bibliotecários, arquivistas, analistas de sistemas e pesquisadores.
  7. 7. VISÃO MULTIDISCIPLINAR ANALISTA BIBLIOTECÁRIO ARQUIVISTAPESQUISADOR
  8. 8. Conclusão • Criado em outubro de 2017 o Grupo iniciou suas atividades em março de 2018. Analisou e debateu artigos científicos e documentos relevantes sobre dados de pesquisa, para criar uma massa crítica sobre o tema. Várias plataformas de dados de pesquisa foram analisadas e comparadas
  9. 9. Conclusão • Todo o material consultado e produzido foi armazenado em pasta virtual compartilhada, e os requisitos necessários para uma plataforma de dados para a Fiocruz delineados.
  10. 10. Conclusão • Considerando que a instituição é referência em pesquisas em saúde e para saúde, tanto na América Latina como no Mundo, sendo geradora de inúmeros dados de pesquisa neste campo, é fundamental que seus dados estejam disponíveis de forma a garantir a transparência, integridade e reprodutibilidade da pesquisa e reuso destes dados para geração de novas pesquisas, apoiando a economia de recursos humanos e financeiros e a aceleração do avanço científico em saúde.
  11. 11. Abertura de dados de pesquisa: a importância da visão multidisciplinar Melina de Brito dos Santos Viviane Veiga Carolina Carraro Venegas Claudete Fernandes de Queiroz Erick Penedo Gizele Rocha Jeferson Lima Marcus Vinícius Pereira da Silva Rejane Machado Simone Dib Dezembro 2018 OBRIGADA

×