Um dia a casa cai monet 104 - novembro2011

402 visualizações

Publicada em

Publicada em: Diversão e humor
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
402
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Um dia a casa cai monet 104 - novembro2011

  1. 1. HOUSE NOVEMBRO2011|HOUSE|TWOANDAHALFMEN|HARRYPOTTER|revistamonet.com.br COMO A SÉRIE QUE VAI COLOCAR HUGH LAURIE ATRÁS DAS GRADES SE TORNOU O MAIOR FENÔMENO DA TV E POR QUE A OITAVA TEMPORADA DEVE SER A ÚLTIMA NOVEMBRO2011INº104IR$10,90 ESPECIAL HARRY POTTER Acompanhamos atrajetóriade dezanosdo jovem bruxo eseusamigos –dentro,fora edepois dossetsde filmagem A REVISTA DO NET TWOANDAHALFMEN RINGERLAWANDORDER:SVUGLEEFRINGE EXCLUSIVO l SÉRIES REPORTAGENS ESPECIAIS COM OS PRINCIPAISLANÇAMENTOS,INCLUINDO: 104CapaNovembro.indd 1 14/10/2011 14:55:12
  2. 2. 42 +Monet+novembro 105House.indd 42 14/10/2011 16:50:01
  3. 3. novembr o +Mo n et+4 3 H omem, 52 anos, com atrofia muscular e dores no membro inferior direito apresenta vício do medicamento vicodin e tendência ao alcoolismo. A descrição poderia fazer parte do arquivo de um paciente em qualquer hospital do mundo. mas é o doutor Gregory House que, apesar de todos os sintomas, há oito anos entra pelas portas do Princeton-Plainsboro Teaching Hospital para tratar pacientes com as doenças mais misteriosas da Tv. House estreou em 2004 com a promessa de não ser um programa sobre a correria de um pronto-socorro como a extinta E.R. e nem uma comédia absurda como Scrubs. e encontrou a medida certa entre o drama de um e a ironia do outro. A série que deu a Hugh Laurie dois Globos de ouro e seis indicações ao emmy pelo papel do rabugento infectologista chega agora à sua oitava temporada com a sensação de dever cumprido. “As pessoas nos provocam porque obviamente temos um método: o paciente chega doente, House tenta adivinhar, adivinha errado e depois acerta. Acho que tem que estar ciente da fórmula. na verdade, o que importa é como se faz e o desafio de surpreender um público que está esperando ser surpreendido”, afirmou o criador da série, David Shore. e quer surpresa maior do que levar um dos médicos mais competentes de nova Jersey para a cadeia? Logo no primeiro episódio, ficamos sabendo que se passou um ano desde a tensa season finale do ano sete em que House entrou com o carro dentro da casa de Cuddy (acontecimento que não só o fez perder qualquer chance com a médica como também o condenou à prisão). e como certas coisas nunca mudam, House começa provocando as autoridades que decidem sobre a sua liberdade condicional. na prisão, ele conhece a Dra. Jessica Adams, vivida pela atriz odette Annable, que integra agora o elenco fixo do programa. ele consegue irritar a médica assim que a conhece, mas ganha sua confiança ao tratar um presidiário. enquanto isso, House desafia o líder de uma gangue neonazista, abre mão da liberdade para diagnosticar o paciente e põe a própria vida em risco. Quem quiser ver como Wilson (robert Sean Leonard) e a equipe do Princeton-Plainsboro Teaching Hospital estão se saindo sem House, vai precisar aguardar até o segundo episódio, em que iremos conhecer outra nova integrante da equipe, a Dra. Chi Park (Charlyne Yi). os novos rostos chegam para tentar compensar a falta que a atriz Lisa edelstein irá fazer no papel de Cuddy. “Sair não era algo que eu estava planejando fazer, mas definitivamente não fui demitida”, disse a própria, em entrevista à revista americana TVGuide. Seja por problemas na renovação do contrato ou pelas novas escolhas na carreira da atriz, nem Lisa imaginava que a única mulher que conseguiu Ele já foi internado em clínica psiquiátrica, levou um tiro, foi demitido, readmitido, irritou os colegas e conquistou inúmeros fãs. Agora, House tenta sobreviver à prisão e aos sinais que apontam para o fim da série por Raquel Temistocles Um diA A cAsA cAi especial l séries House diA 3,qUintA,22h UnivErsAl chAnnEl,43 105House.indd 43 14/10/2011 16:50:03
  4. 4. everybody Hates Chris Jericho Heroes Big Love 44+Mo net+novembro amolecer o coração de House – pelo menos por alguns episódios – fosse acabar assim. não que o Dr. eric Foreman (omar epps) esteja reclamando. Agora é ele que vai assumir a diretoria do Princeton-Plainsboro e também quem tira House da cadeia para realizar um diagnóstico que só o infectologista consegue fazer. o protagonista ainda precisa se acostumar com um rastreador que não lhe permite ficar muito longe do Hospital. e enquanto se esforça para ter o amigo Wilson de volta e provar aos colegas de trabalho que ainda merece respeito, a novata Dra. Park mostra que a sua timidez esconde uma esperteza que surpreende até House. A temporada não traz somente novos personagens, mas a dúvida: a saída de Cuddy acena para o final da série? “ninguém bateu na mesa e disse: ‘Caramba, esta é a última [temporada], e eu vejo vocês no tribunal!’ Todos nós gostamos do que fazemos e nos sentimos orgulhosos disso. Acho que isso é o principal”, contou Hugh Laurie em entrevista ao site Zap2it. o fENÔMENo HoUsE Séries sobre a rotina dos hospitais não são novidade. Dos campos de batalha da guerra na Coreia de M*A*S*H, em 1972, passando pelo atendimento de Conquistar o público por mais de oito anos não é para qualquer um.House começou em 2004 e ainda segue com uma audiência fiel de milhões de telespectadores que acompanham o programa no mundo todo.Fizemos uma lista das séries que começaram depois de House,mas que terminaram antes que o médico diagnosticasse o problema. cONTRa l TODAs Veronica Mars 2004 2005 2006 2 Prison Break studio60 >> A história dos dois irmãos que enfrentam os perigos da prisão e tentam escapar durou quatro temporadas.A série com Wentworth miller e dominic Purcell chegou a ser indicada a dois Globos de Ouro,mas terminou em 2009 por causa da grande queda de audiência. >> A série marcou o retorno de dois grandes nomes: Aaron sorkin, criador de The West Wing, e matthew Perry,o eterno chandler de Friends.mas não foi o suficiente para conquistar audiência e a série sobre os bastidores de um programa de humor foi cancelada depois de apenas um ano. 105House.indd 44 14/10/2011 16:50:10
  5. 5. FlashForward novemb r o +Mon et+4 5 Atrásdagrades – House chega ao oitavo ano na prisão. Nas fotos ao lado, ele quase é esfaqueado em uma briga e ainda ajuda a médica Jessica Adams a diagnosticar um paciente. Acima, presta serviços na cadeia especial l séries emergência dos plantonistas de E.R. até a romântica Grey’sAnatomy, os médicos fascinam o público. e House conseguiu se tornar um duradouro fenômeno na Tv (mais de nove milhões de telespectadores assistiram ao primeiro episódio da 8ª temporada exibido no início de outubro, nos estados Unidos) em meio a programas mais convencionais, como Private Practice, Mercy e ThreeRivers. os difíceis diagnósticos atraíram, mas o constante mau humor de House e o pouco tato com os pacientes fizeram a diferença. “não é uma série médica. Tem a medicina, mas é sobre o personagem e as escolhas que ele faz. e é maravilhoso que seja dentro de um hospital, mas é 2007 2008 2009 2010 2011 Moonlight V >> cancelada após a primeira temporada,a série sobre a cidade que sobreviveu a um ataque nuclear ganhou uma segunda chance.O canal americano cBs recebeu amendoins de presente de seis milhões de fãs em protesto e deu ao programa mais sete episódios.E foi só o que deu. >> A grande promessa para substituir Lost decepcionou. O mistério sobre o apagão que levou cidadãos a ficarem inconscientes e verem o futuro durou um ano.seguida do intervalo de três meses em que a série entrou depois do décimo episódio,a audiência baixou de 12 milhões para quatro e saiu de cena em 2010. 105House.indd 45 14/10/2011 16:50:15
  6. 6. 46+Mo net+novembro realmente sobre tomar decisões e por que as tomamos”, definiu Shore. Quando o assunto é tomar decisões, podemos dizer que House erra bastante. não em relação aos pacientes, claro, mas no que diz respeito à própria vida. Ao longo das temporadas, os diagnósticos foram ficando em segundo plano e, aos poucos, o médico e o monstro foram sendo desvendados pelo público. Descobrimos na primeira temporada a verdadeira causa de sua dor na perna. Três anos depois, House se envolveu em um acidente que ocasionou a morte de Amber (Anne Dudek), a namorada de Wilson. no quinto ano da série, o vício em vicodin o levou a se internar em uma clínica psiquiátrica. e se, por um momento, chegamos a acreditar que sua vida estava em ordem, ele destruiu parte da casa de Cuddy e foi para a prisão. Tanto drama faz mesmo a gente esquecer que há pacientes na história. De cara nova – No segundo episódio, o Dr. House e a novata Dra. Chi Park trabalham em um caso para salvar os pulmões e, assim, salvar uma paciente do Dr. Wilson e reconquistar sua amizade. Na foto maior, a nova equipe do Hospital que agora é chefiado por Foreman Série médica ou não, o criador de House reconhece que os casos podem sim ajudar os profissionais de verdade. “Tenho certeza de que deixamos os médicos loucos. e também que as pessoas vão aos seus consultórios dizendo: ‘você acha que poderia ser esclerose tuberosa? ou lúpus?’.Um dia, alguém me contou uma história sobre como estava doente e os médicos não conseguiam descobrir o que era. ele havia visto um episódio de House em que seus sintomas se encaixavam e levou o caso aos médicos e era o que ele tinha. estou salvando vidas [risos]”, completou. Para o jornalista Ian Jackman, autor do livro O Guia Oficial de House (ed. best Seller, 2010), é essa honestidade destrutiva de Gregory House que o faz ser tão interessante. “nossos ídolos da televisão podem ser pessoas complexas que geralmente não se parecem nada com heróis. nós não precisamos gostar deles ou admirá- los, mas eles são personagens a quem precisamos assistir toda semana para ver o que vai acontecer.” EfEitos colatErais Assim como seu personagem, o ator Hugh Laurie não é nada convencional quando o assunto é trabalho. o papel de House foi conseguido por meio de um teste feito a mais de 15 mil quilômetros dos estados Unidos. Laurie gravou um vídeoparaenviaraosprodutoresdeHouse enquanto ainda estava gravando o longa OVoodaFênix (2004),nanamíbia.Hoje, ele é o ator mais bem pago da televisão, com um salário estimado em 700 mil dólares por episódio. os zeros a mais na conta não vieram sem algum sacrifício – e muitas declarações polêmicas. Para viver o infectologista criado por Shore, Laurie se mudou para os estados Unidos e deixou a esposa e os três filhos em Londres. Seis anos depois de ingressar na série, afirmou que a situação complicou seu casamento. “eu não diria 105House.indd 46 14/10/2011 16:50:21
  7. 7. novemb r o +Mon et+4 7 FOtOs:divUlGAÇÃO especial l séries que fazer a série fez o meu casamento mais fácil”, disse Laurie. A relação conjugal não foi a única prejudicada. Por causa da deficiência física do personagem, o ator precisa mancar e utilizar uma bengala para se locomover nas gravações, o que causou problemas em seu joelho. “o programa pode durar até a oitava ou nona temporada, mas não sei se eu vou durar, porque estou começando a estragar meus joelhos. É muito movimento de quadril. As coisas estão indo muito mal. Preciso fazer ioga”, disse à imprensa americana. Talvez seja por isso que o ator tem se dedicado à carreira musical. o álbum de blues LetThemTalk foi lançado em maio deste ano com direito a uma pequena turnê pela europa. Com o contrato do ator (e agora músico) acabando e as declarações de que esta pode ser sua última temporada como Gregory House, resta aguardar para ver se a história de mau humor vai se encerrar nesta temporada. A gente espera que não. Você já conheceu algum médico como o Gregory House? Se eu já conheci médicos que foram grandes diagnosticadores como o House? Se essa é a pergunta, sim. Conheci muitos médicos de diagnóstico fantásticos. Todos os médicos fazem isso – é preciso para os casos que não conseguimos descobrir. Se você está perguntando se eu conheci médicos com o mes- mo tipo de personalidade difícil como Greg House, eu teria que dizer não. Uns poucos cirurgiões mal-humorados e um ou dois com problema de abuso de substâncias (embora eles não estivessem praticando medicina). mas nenhum que tenha a vida e os relacionamentos pessoais completamente perturbados e, ao mesmo tempo, ainda seja um médico fantástico. os pacientes chegam ao seu consultório com sintomas que viram em algum episódio de House? não. Isso ainda não aconteceu. mas as pessoas vieram a mim com sintomas que viram em uma de minhas colunas na New York Times Magazine. Isso acontece com bastante frequência para mim e para muitos outros médicos. As pessoas veem algo que é parecido com o que elas têm e levam para seus médicos. Por que você acha que House se tornou a série mais importante da TV atualmente? Como isso reflete as preferências do público? muito do crédito tem que ir para o desempenho convincente de Hugh Laurie. eu poderia assisti-lo todos os dias como House. ele é um perso- nagem tão fascinante e complexo. e é bonito e engraçado. Tem como não gostar? Acho que muito do mérito deve ir para os roteiristas também. House é um dos programas mais bem escritos na Tv. mas também acho que o médico- detetive é uma história convincente e que isso faz parte de sua popularidade universal. Quandovocêachaqueé amelhorhoraparacolocar pontofinalemHouse? eu espero que nunca acabe. papO l eM PÍLULAs Uma das consultoras técnicas de house, a jornalista Lisa Sanders inspirou a criação da série com a sua coluna médica no the new York times e se apaixonou pela medicina, trocando os gravadores de repórter pelos consultórios. Autora do livro todo Paciente tem Uma história Para contar, da Editora Zahar, ela avalia o fenômeno house na entrevista abaixo. DRa.ROTeiRisTa 105House.indd 47 14/10/2011 16:50:26
  8. 8. 48+Monet+NOVEMBRO Élegal voltar a se divertir… E as coisas não foram tão divertidas por aqui durante um tempo.” Isso pode parecer uma afirmação estranha vinda de um ator de comédia, mas faz todo o sentido quando por trás dela está Jon Cryer, de Two and a Half Men. A bem-sucedida série de comédia do Warner Channel, que ensaiou acabar em março passado em meio ao tumulto em torno do astro principal, Charlie Sheen, está de volta com um substituto, Ashton Kutcher, e a estreia da nova temporada foi um dos programas mais assistidos do ano nos EUA (mais de 28 milhões de pessoas). Walden Schmidt, novo papel de Kutcher, é um bilionário da internet, superimaturo no campo emocional, que vai morar com Alan Harper (Cryer) e seu filho, Jake (Angus T. Jones), após a morte de Charlie Harper (Sheen). A lembrar que o velório de Charlie acontece logo no primeiro episódio. “Foi fácil desde o primeiro dia, o que é raro. Fiquei muito impressionado com a forma como Ashton se encaixou rapidinho na série, mesmo com toda a expectativa em torno dele”, diz Cryer, em entrevista ao lado de Kutcher e Jones, após um dos ensaios do dia. O que a chegada de Ashton Kutcher altera na infalível química de Two and a Half Men e como a sitcom mais popular do mundo está se preparando para sobreviver a uma bomba atômica chamada Charlie Sheen por Bill Keveney, do USA Today* UM NOVO DONO DO PEDAÇO TWOAND AHALFMEN DIA 9,QUARTA,20H, WARNER,47 E 547 (HD) Kutcher achou os primeiros dias “um tanto assustadores, [porque] você não conhece a dinâmica, e quer sacar o clima, com quem pode brincar, com quem não.” Depois que Kutcher fez uma piada com um membro da equipe, o clima ficou mais leve. “Acho que isso ajudou todo mundo a relaxar. ‘Ah, é verdade, é hora de nos divertirmos’.” Na série, Alan se torna mentor de Walden, que acabou de sair de um relacionamento (Judy Greer interpreta sua ex, e Jenny McCarthy também participará de alguns episódios nesta temporada). “Mas todo mundo sabe que essa é uma péssima ideia, porque Alan é muito atrapalhado”, adianta Cryer. Os fãs não devem se preocupar com a nona temporada: ela será radicalmente diferente, conta o intérprete de Alan. “O que impressiona é como os escritores conseguiram introduzir um novo elemento e aproximá-lo de todos os personagens da série de uma forma muito divertida, mantendo o clima. Simplesmente sensacional.” A série vai abordar a ausência de Charlie em outros momentos além do seu velório, mas quer fugir do “ 104TwoandaHalfMen.indd 48 14/10/2011 18:43:30
  9. 9. A vida continua – Ashton Kutcher tem a árdua tarefa de substituir o astro da série, mas conta com todo o apoio de um homem e meio (!) – Angus T. Jones e Jon Cryer ESPECIAL l SÉRIES sentimentalismo. “O clima é outro”, afirma Cryer, que recebeu algumas críticas públicas nada gentis de Sheen durante a confusão do início do ano, mas diz que deseja o melhor para o ex-colega. A pontuar que o produtor executivo da série, Chuck Lorre, maior vítima da ira de Sheen, preferiu não tecer comentários. “É triste assistir a um amigo passar por isso dessa maneira tão pública. Fiquei magoado, já que sempre quis o melhor para o Charlie. Mas entendo o comportamento de todos os envolvidos diretamente na situação. Não acredito que as coisas pudessem ser resolvidas de outra forma”, enfatiza o ator. “Sinto falta de trabalhar com o Charlie. Trabalhamos juntos por algum tempo e devo muito a ele. Torço para que ele tenha uma vida saudável e feliz em sua nova fase.” Cryer conta que fez uma esquete cômica para o programa Comedy Central, na qual o colega seria zoado. A brincadeira foi exibida uma hora após a estreia da nova temporada de Two and a Half Men na América. Cryer e Kutcher são unânimes ao responsabilizar parte da imprensa pelo que aconteceu com Sheen. “Acho que o Charlie deveria ter tido participação de 50% da receita dos comerciais exibidos durante todos os programas feitos a respeito de sua situação. As emissoras de televisão ganharam muito dinheiro com essa história”, comenta Kutcher. Já Jones, atualmente no último ano do ensino médio, diz que, para ele, era indiferente se a série fosse cancelada ou se continuasse no ar. “Se acabasse, frequentaria as aulas do último ano, algo que nunca pude fazer durante um ano todo. Mas vamos voltar com uma temporada muito divertida ao lado do super Ashton”, conclui. “E?” Cryer o cutuca. “Com Jon também, claro”, Jones responde sem muita empolgação, recriando a já conhecida falta de entusiasmo de seu personagem, Jake, diante das intervenções do pai, Alan. Os atores receberam ordens claras para não revelarem muitos detalhes, para que haja o máximo sigilo em relação às novidades da nova temporada. Cryer contou que, para evitar vazamentos, os roteiros tinham marcas-d’água superfortes, que chegavam até a dificultar a leitura das páginas. Kutcher gosta desse clima de segredo. “Detesto assistir a filmes nos quais você já sabe tudo o que vai acontecer e fica aquela sensação de que já conhece todas as piadas. O que vai ser genial neste primeiro episódio é que ninguém vai conhecer nenhuma das piadas. Vai ser tudo completamente novo”, diz. “Então, quando revelarem que o meu personagem é gay, as pessoas vão pirar”, brinca. Cryer acrescenta: “Eles não vão acreditar. E tem também a coisa dos alienígenas”. Jones faz coro: “E também o lance com os piratas”. * Tradução: Daniela Sequeira Cryer conta que fez umaCryer conta que fez uma esquete cômicaesquete cômica programaopara programaopara Comedy CentralComedy Central, na qual ona qual o colega seriacolega seria zoado. Azoado. A o cutuca. “Com Jon também, claro”, A vida continua – Ashton Kutcher tem a árdua tarefa de substituir o astro da série, mas conta com todo o apoio de um homem e meio (!) – Angus T. Jones e Jon Cryer doladoaodivertidamuitotemporada super Ashton”, conclui. “E?” Cryer o cutuca. “Com Jon também, claro”, novo”, diz. “Então, quando revelarem que o meu personagem é gay, as Cryerbrinca.pirar”,vãopessoas acrescenta: “Eles não vão acreditar. E alienígenas”.doscoisaatambémtem Jones faz coro: “E também o lance com os piratas”. * Tradução: Daniela Sequeira o cutuca. “Com Jon também, claro”, Jones responde sem muita empolgação, recriando a já conhecida falta de entusiasmo de acrescenta: “Eles não vão acreditar. E alienígenas”.doscoisaatambémtem FOTOS:DIVULGAÇÃO 104TwoandaHalfMen.indd 49 14/10/2011 18:43:41
  10. 10. 50+Mo net+NOVEMBRO LASTMAN STANDING Estar cercado de mulheres pode até ser o sonho de muitos homens, mas para Mike Baxter é um verdadeiro tormento. A nova sitcom de Jack Burditt, produtor de Frasier e 30 Rock, traz o ator Tim Allen (a voz de Buzz Lightyear) de volta à TV depois de doze anos se dedicando ao cinema. Ele irá encarnar o papel de um pai de família que, apesar de ser muito respeitado como gerente de marketing de uma empresa de artigos esportivos, precisa se controlar para não ficar louco ao sair do trabalho. Isso porque sua casa é dominada pela esposa, Vanessa (Nancy Travis), que decidiu deixar de ser uma simples dona de casa e arranjou um novo emprego, e as filhas Kristin (Alexandra Krosney), Mandy (Molly Ephraim) e Eve (Kaitlyn Dever). A produção ainda conta com outro veterano das telinhas, Hector Elizondo (de Monk, Chicago Hope e Grey’s Anatomy), como o chefe de Mike. Dia 8, terça, 22h, LIV, 52 NO SEU RADAR WILFRED DIA 20,DOMINGO, 23H,FX,54 104WilfredOutras.indd 50 14/10/2011 16:53:07
  11. 11. NOVEMBR O +Mo n et+5 1 Novosares– “Foi como pular em um mundo onde nunca estive antes”, descreveu o ator Elijah Wood (o Frodo de O Senhor dos Anéis) sobre sua primeira experiência na TV HOWTOBEA GENTLEMAN Direto da série Entourage, o ator Kevin Dillon estrela ao lado de David Hornsby (também criador do programa) a comédia baseada no livro de John Bridges sobre a amizade entre o refinado Andrew Carlson (Hornsby) e o professor de academia machão Bert Lansing (Dillon).Os dois se conhecem depois que Andrew precisa modernizar sua coluna em uma revista e Bert é a pessoa certa para ajudá-lo.Dia 8, terça,22h30,LIV,52 STRIKE BACK A série de drama e ação traz dois agentes de um serviço secreto de inteligência. O ator Philip Winchester (Camelot) interpreta o britânico Michael Stonebridge, um sargento de elite que luta contra o terrorismo. Sullivan Stapleton faz Damien Scott, um ex-oficial das forças americanas. Os dois agentes se unem a uma equipe em busca do terrorista Latif, que planeja um ataque que pode afetar o mundo todo. Dia 2, quarta, 23h, Max Prime, 76 ESPECIAL l SÉRIES Aprimeira reação de Ryan (Elijah Wood) ao conhecer o cachorro de estimação de sua vizinha (Fiona Gubelmann) foi achar que estava louco. Mas como ele havia acabado de tentar cometer suicídio com os calmantes que sua irmã (Dorian Brown) havia lhe prescrito, logo acreditou que estava tendo um efeito colateral por causa de uma possível overdose. Foi só quando descobriu que na verdade havia ingerido pílulas de açúcar, que ele se deu conta de que não é um bom sinal ver um homem ser tratado como um animal por todos os demais porque veste uma fantasia de cachorro. O problema é que, mesmo depois de algumas boas horas de sono, ele continua vendo e Sevocêachamaluquicedemaisummontedegente tratandoumhomemfantasiadodecãocomoumanimal deverdade,éporqueaindanãoconheceWilfred por Sarah Mund, de San Diego REFLEXÕES ANIMAIS também ouvindo o sotaque australiano de Wilfred (Jason Gaan). Baseada na série australiana homônima criada pelo próprio Gaan, essa é a premissa da nova série do canal FX, conhecido por seus títulos de comédia um tanto quanto absurdos. Por isso mesmo, não espere maiores explicações, ainda mais depois de o próprio diretor Randall Einhorn afirmar para os fãs presentes no painel da Comic Con que considera “muito corajoso não explicar tudo ao público”. Além dos diálogos inesperados entre um cão e um humano, a atração, que marca a estreia de Wood na TV, ironiza o tratamento dispensado aos animais de estimação por muitos donos. “Há muitos cachorros ridiculamente mimados que realmente acreditam que são pessoas. Eu tento agir como se ele fosse um homem preso no corpo de um cachorro, assumir uma postura humana para comportamentos animais”, explica Gaan sobre sua interpretação canina. Não que Wilfred chegue perto do que seria um cachorro comum. Ainda mais se considerarmos que ele não só fuma, como é usuário de maconha. “Posso garantir que nenhum roteirista estava drogado enquanto escrevíamos a série. Ela não é sobre maconha, mas é mais bem apreciada quando se faz uso dela. É maluca e fácil de se escrever”, diz o roteirista David Zuckerman sobre as frequentes cenas envolvendo a erva. Que fique claro que não há aqui qualquer apologia às drogas, mas permita-nos um aviso: é preciso assistir ao primeiro episódio sem se prender à lógica e não estranhar as turbulências da viagem. FOTOS:DIVULGAÇÃO 104WilfredOutras.indd 51 14/10/2011 16:53:11
  12. 12. 52+Monet+novembro Pelo menos é o que garantiram os produtores durante o painel da série na Comic-Con. embora os intérpretes de rachel (Lea michele), Finn (Cory monteith) e Kurt (Chris Colfer) não estivessem presentes, era com eles que os fãs estavam preocupados. o que começou como a ideia de uma nova série focada nos três personagens indo para nova York se tornou um grande mal-entendido depois de uma postagem de ryan murphy (um dos idealizadores da atração) no Twitter. os atores entenderam que estavam fora da nova temporada e não demorou muito para começar a revolta dos fãs. “não foi isso que ele [Murphy] quis dizer. eu posso garantir que nunca foi a nossa intenção e em nenhum momento planejamos deixá-los partir”, assegurou o cocriador brad Falchuk. Depois de um suspiro de alívio compartilhado pelos quase sete mil fãs presentes, começaram as perguntas sobre o que esperar do terceiro ano da série. o produtor executivo Dante Di Loreto garantiu que “as histórias que estão por vir farão desta a mais surpreendente temporada” e nós podemos adiantar algumas. Começando pelas más notícias: quem Mas isso não significa que a terceira temporada de Glee será marcada por despedidas – somente que alguns personagens não frequentarão mais as aulas no McKinley High por Sarah Mund, de San Diego ANo DE FoRMATuRA Namiradatreinadora – Na terceira temporada, Sue Sylvester (Jane Lynch) irá direcionar toda a sua ira não só a Will (Matthew Morrison) e aos integrantes do clube Glee. Desta vez, ela tentará acabar com a verba direcionada a todos os projetos escolares de arte do país GLEE DiA 23,QuARTA, 22H,FoX,50 ficou curioso sobre o romance de mercedes (Amber riley) e Sam (Chord overstreet) recebe um balde de água fria logo no primeiro episódio, porque o ator deixou a atração. mas a aspirante a diva não ficará sozinha. Já os atores que interpretam mike (Harry Shum Jr.) e blaine (Darren Criss) ganharam um lugar cativo na produção. enquanto veremos o primeiro agora cantando, NO seU rADAr the secRet ciRcle Cassie (Britt Robertson) é uma adolescente que descobre fazer parte de um grupo de bruxos. Com direito a Livro das sombras e demônios, ela e mais cinco amigos vão tentar desvendar os mistérios da cidade de Chance Harbor. Dia 9, quarta, 21h, Warner, 47 e 547 (HD) aMeRicaNhORRORstORY Dos mesmos criadores de Glee,a série de terror acompanha a mudança de uma família (Dylan McDermott,Connie Britton e Taissa Farmiga) para uma casa marcada pela morte de antigos moradoreseondeestranhoseventosacontecem. Dia 8,terça,23h,FOX,50 104GleeOutras.indd 52 14/10/2011 16:54:27
  13. 13. novemb r o +Mon et+5 3 especial l séries ReVeNGe A sede de vingança é uma arma perigosa.E para Amanda Clarke (Emily VanCamp),a chance de fazer justiça à morte do pai,acusado de um crime que não cometeu,é virar Emily Thorne e convivercomaquelesquedestruíramsuafamília. Dia17,quinta,21h,Sony,49e549(HD) switchedatBiRth Bay (Vanessa Marano) é uma garota mimada,e Daphne (Katie Leclerc),uma adolescente com deficiência auditiva.Elas foram trocadas na maternidade e ao se encontrarem descobrem que têm mais em comum do que imaginam. Dia 23,quarta,22h,Sony Spin,90 90210 Na quarta temporada,é chegada a hora dos moradores do código postal mais badalado de Beverly Hills encararem a vida adulta depois da formatura do colégio.Mas essa nova maturidade não virá com menos dramas que a adolescência. Dia 21,segunda,21h,Sony Spin,90 além de dançar, o romance de blaine e Kurt enfrentará algumas turbulências por conta da competição entre os dois como cantores. “não tenho ideia do que acontecerá com eles, mas sou um grande fã do casal e espero que eles durem”, revelou o ator Darren Criss. Também promovida foi a atriz Dot- marie Jones com sua treinadora beiste, tornando-se mais uma personagem regular e uma boa aliada de Will Schuester (matthew morrison) contra os planos de Sue Sylvester (Jane Lynch) de destruir todos os clubes de coral do país. Quem também reaparece em alguns episódios é a atriz Idina menzel, no papel de mãe biológica de rachel. ela será responsável por mudanças significativas na vida de Quinn (Dianna Agron) e Puck (mark Salling), já que está determinada a fazer com que os dois tenham um papel na vida da criança que adotou deles. Ainda serão revelados os personagens dos ganhadores do reality show The Glee Project, mas é segredo o modo como acontecerão suas participações. Da mesma forma, não se sabe quem será o artista homenageado da vez no esperado episódio tributo, que já contou com músicas de madonna e britney Spears. Pois é, os fãs terão mesmo que aguardar os episódios para saciar a curiosidade. exatamente o que esperam os produtores. FoTos:DiVuLgAção 104GleeOutras.indd 53 14/10/2011 16:54:34
  14. 14. 54+Monet+novembro theglades dia 2, quarta, 23h, a&E, 83 104TheGladesOutras.indd 54 14/10/2011 16:55:31
  15. 15. novemb r o +Mon et+5 5 Quando Jim Longworth (matt Passmore) deixou para trás a cidade de Chicago em busca de uma vida mais tranquila no pequeno condado de Glades, na Flórida, ele não imaginava que suas habilidades como detetive seriam mais necessárias que nunca. na primeira temporada, ele aprendeu que deve levar em consideração o perigo dos pântanos da região, infestados de crocodilos, e se deu conta de que assassinatos O clima pode ser agradável,as praias bonitas e os campos de golfe perfeitos.O que o sarcástico detetive Jim Longworth não esperava era que os índices de homicídio de the glades fossem tão altos por sarah Mund tEMPO BOM, MaS SuJEitO a MOrtES ESPECIAL l SÉRIES podem ser verdadeiros quebra-cabeças em qualquer lugar. mas, além de um trabalho desafiador, encontrou os belos campos de golfe e a divertida enfermeira e estudante de medicina Callie Cargill (Kiele Sanchez, a nikki de Lost), a única que não leva seus desaforos para casa. Todos esses elementos tornam The Glades uma produção única em meio a tantas séries abordando o universo policial. “A maior parte dos dramas policiais é focada nos procedimentos. eles levam a solução dos crimes muito a sério e são bons no que fazem. o que nos torna diferentes é que nós também fazemos isso, mas ao mesmo tempo temos muita diversão. outra coisa é o fato de se passar na Flórida. Sem dúvida, o calor e os charutos cubanos dão um clima totalmente diferente ao de nova York ou Chicago”, sentencia Passmore. o ator, que deixou a Austrália para investir em sua carreira artística, aproveitou o tempo livre antes da confirmação da terceira temporada para nos contar mais detalhes da produção. em um bate-papo exclusivo por telefone, ele contou que, no segundo ano, Jim irá encarar casos ainda mais complexos e algumas complicações também irão surgir em seu relacionamento com Callie. A tensão entre eles continua no ar, mas a saída do marido dela da prisão (Clayne Crawford) e a chegada da ex-parceira e também ex-amante de Jim (natalia Cigliuti) à cidade serão um verdadeiro balde de água fria no possível romance dos dois. enquanto o ex-presidiário pede que Callie adie o divórcio em nome do bem-estar do filho deles, Jim terá que lidar com a presença da mulher que partiu seu coração. “A parte romântica da trama é escrita de uma forma muito realista. É complicada, mas ainda assim fascinante”, descreve Passmore. Assim como as pessoas na vida real e principalmente seu personagem: por vezes arrogante e mesmo assim adorável. THECLOSER Brenda sempre resolveu casos de homicídio na polícia de Los angeles,mas demorou a conhecer o obscuro passado de seu marido.a sétima temporada chega com mais surpresas para a detetive,agora que uma reestruturação no departamento a coloca de frente com um novo chefe.dia16, quarta,21h, space,53 e 553 (hd) THEMIDDLE a família heck está sempre tentando ser normal (no trabalho,na escola e em casa),mas parece que tudo dá erra- do.Com a participação especial de ray romano, a terceira temporada começa com con- fusões em um acampamen- to e o início desajustado das aulas dos filhos de Frankie.dia 3, quinta,20h, Warner,47 e 547 (hd) NECESSARY ROUGHNESS depois de passar por um difícil divórcio, dani Santino (Callie thorne) se torna terapeuta de um time de futebol americano. Para complicar um pouco, ela ainda precisa lidar com uma filha adolescente rebelde. dia 3, quinta, 23h, a&e, 83 THECLOSER sempreBrenda decasosresolveu homicídio na polícia masangeles,Losde conhecerademorou depassadoobscuroo seu marido.a sétima temporada chega com parasurpresasmais queagoradetetive,a noreestruturaçãouma departamento decolocaa frente com novoum chefe. quarta,21h, e53space, 553 (hd) ROUGHNESS depois de passar lha adolescentefi THECLOSER sempreBrenda decasosresolveu homicídio na polícia masangeles,Losde conhecerademorou depassadoobscuroo seu marido.a sétima temporada chega com parasurpresasmais queagoradetetive,a noreestruturaçãouma departamento dia16, THEMIDDLE estáheckfamíliaa sempre tentando ser normal (no trabalho,na mascasa),emeescola parece que tudo dá erra- participaçãoaComdo. especial de ray romano, a terceira temporada começa com con- fusões em um acampamen- iníciooeto desajustado aulasdas lhos dedos fi Frankie. quinta,20h, Warner,47 e 547 (hd) NO SEU RADAR FOtOS:diVuLGaÇÃO 104TheGladesOutras.indd 55 14/10/2011 16:55:37
  16. 16. 56+Mo net+novembro Qualquer pessoa que tenha zapeado pelos canais de Tv ao longo dos últimos 20 anos com certeza já ouviu a inconfundível música de abertura ou se deparou com algum episódio de Law & Order. entre as cinco séries da franquia já criadas por Dick Wolf, apenas duas continuam sendo produzidas, mas Law & Order: Special Victims Unit é a que de longe garante os melhores índices de audiência, consistentemente ultrapassando a marca dos dez milhões de espectadores por semana nos eUA. Grande parte do sucesso do spin-off que mostra a rotina dos detetives e promotores de nova York que lidam com crimes sexuais é a química entre os protagonistas das últimas doze temporadas, mariska Hargitay e Christopher meloni, além do toque de neal baer, que assumiu o comando da atração logo no ano dois. mas quase que por ironia, o 13o ano da série está enfrentando algumas mudanças cruciais em sua fórmula. Para começar, baer, pediatra formado em Harvard que trabalhou Para compensar a saída de um dos protagonistas, duas das personagens favoritas dos fãs estão de volta ao elenco de Law & Order: SVU. Resta saber se será o suficiente por Sarah Mund O CANTO DO CISNE? LAW&ORDER: SVU DIA 1º,TERÇA,23h, UNIvERSAl,43 como roteirista em ER, voltou às suas origens ao se tornar produtor executivo do novo drama médico A Gifted Man (confira no quadro ao lado). “Por mais duro que tenha sido, eu não me arrependo de ter saído. Completei uma jornada e como médico foi como voltar para algo familiar na minha vida”, justificou baer sobre sua partida. Pelo menos seu substituto, Warren Leight, fazia o mesmo trabalho na “irmã” Law & Order: Criminal Intent. mas o que realmente causou a tristeza dos fãs foi a saída de meloni, que interpretava o detetive elliot Stabler, um pai de família que acaba se envolvendo pessoalmente nos casos de abuso sexual de crianças. “o Chris é incrível, possivelmente um dos melhores atores da Tv e um amigo muito querido. não trocaria os últimos doze anos por nada, mas há tanta coisa nova no programa este ano que é como se tivéssemos explodido tudo e juntado os pedaços de novo. e por mais que amasse trabalhar com ele, sinto que nós não comemos nenhuma bola ao seguir em frente”, desabafou o ator Dann Florek, intérprete do capitão Cragen. Agora, olivia benson (Hargitay) terá que lidar com a partida de seu parceiro de muitos anos, além de encontrar um ritmo de trabalho com os novatos nick Amaro (Danny Pino, de Cold Case) e Amanda rollins (Kelli Giddish, de Chase). 104SVUOutras.indd 56 14/10/2011 19:37:24
  17. 17. novemb r o +Mon et+5 7 FOTOS:DIvUlgAÇãO Carne nova no pedaço – Com a saída de Chris Meloni depois de doze anos, o elenco da série ganhou a adição de Danny Pino (Cold Case) e Kelli Giddish (Chase), que se juntam a Mariska Hargitay, Dann Florek, Richard Belzer e Ice-T A GIFTED MAN Patrick Wilson interpreta Michael holt, um cirurgião focado que recebe uma visita inesperada de Anna (Jennifer Ehle), sua ex-esposa falecida. É com essa estranha amizade que ele aprende a valorizar a vida além do trabalho. Dia 3, quinta, 23h, Universal, 43 DESPERATEHOUSEWIVES Depois que o padrasto de gaby foi assassinado por seu marido,Carlos,as donas de casa voltam para a oitava temporada tentando guardar o segredo.Mas não será nada fácil,já que Bree namora agora o detetive Chuck vance.Dia8,terça,21h,Sony,49e549(HD) GRIMM Inspirado nas fábulas dos irmãos Wilhelm e Jacob, o drama policial traz o detetive Nick Burkhardt (David giuntoli), um descendente da família grimm que é o único que vê quem os criminosos realmente são: vilões de contos de fadas. Dia 28, segunda, 23h, Universal, 43 ESPEcIAl l séries NO SEU radar entre as novidades está o retorno das promotoras Casey novak (Diane neal) e Alexandra Cabot (Stephanie march). Ainda assim, paira o fantasma da possível saída da, agora única, protagonista, já que mariska Hargitay só assinou contrato para participar dos 13 primeiros episódios. Depois disso, sua personagem será promovida a outro cargo na trama e já se especula que Jennifer Love Hewitt (Ghost Whisperer) irá substituí-la. É grande a chance de estarmos diante do fim da série Law & Order: SVU como a conhecemos. 104SVUOutras.indd 57 14/10/2011 19:37:28
  18. 18. 58+Monet+novembro Depois de revelar que um universo depende do outro para existir, Peter viajou ao passado para possibilitar a colaboração entre as duas realidades, mas como consequência desapareceu da história. Agora a pergunta que não quer calar após o término da terceira temporada de Fringe é: onde diabos está Peter bishop? mas isso não significa que o ator Joshua Jackson ficará desempregado. De uma forma que nem os “observadores” – homens carecas aparentemente desprovidos de emoção Se acontecimentos que desafiam as leis da física já eram suficientes para animar os fãs de Fringe,imagine o sumiço de um dos personagens principais da trama por Sarah Mund, de San Diego PROBLEMAS DE OUTRO MUNDO Paraasurpresadosfãs–e nossatambém–algumas dassériesfavoritasdopúblico eoutrasnovatastiveramsuas estreiasantecipadasparaa últimasemanadeoutubrono WarnerChannel–47e547 (HD).Aqui,agentedámais detalhessobrecadaumdos programas,comoconferiros primeirosepisódiosaindaem novembroeacompanharo restantedesuastemporadas 2BrokeGirls O que uma garçonete do Brooklyn (Kat Dennings) e a filha de um empresário falido (Beth Behrs) têm em comum? A falta de grana.A luta pelo suado salário e as aspirações de mudar de vida irão unir essas improváveis amigas em situações hilárias. Terças,20h30 TheBiGBanGTheory A turma de nerds está pronta para novas aventuras e confusões na quinta temporada de uma das séries de comédia mais populares da atualidade.Prova disso foi que Jim Parsons levou para casa o Emmy de melhor ator em série de comédia.Terças,20h – reprise do 1º episódio dia 1º,19h30 no seU RADAR Fringe TERÇAS,22H, WARNER,47 E 547 (HD) e com uma queda por pimenta que aparecem em momentos importantes – são capazes de explicar, traços da existência dele continuarão a aparecer, especialmente para o seu atormentado pai, Walter bishop (John noble). Coerente com uma série envolvendo enigmas, o painel da Comic Con incluindo os atores e produtores da atração deixou os cerca de quatro mil fãs presentes intrigados. Logo de cara, o produtor executivo Jeff Pinkner anunciou que os “testes de elenco” para substituir Peter já haviam 104FringeOutras.indd 58 14/10/2011 16:58:39
  19. 19. novembr o +Mo n et+5 9 enigmas daqui e de lá – A nova temporada mostra as equipes de Fringe dos dois universos trabalhando em conjunto, mas com muita desconfiança por parte das duas Olívias (Anna Torv), a loira e a ruiva sUBUrGaTory Para a adolescente Tessa (Jane Levy) não existe pesadelo pior que mudar de bairro e escola. Exatamente o que faz seu pai (Jeremy Sisto) ao trocar a badalada Manhattan pelo calmo e familiar subúrbio.Segundas,20h30 – reprise do 1º episódio dia 2,quarta,20h30 Mike&Molly DepoisdatemporadaquedeuaMelissaMcCarthy oEmmydemelhoratrizemsériedecomédia,Mike (BillyGardell)pediuMollyemcasamento.O2ºano vaimostrarasconfusõesemqueelesemeteaose mudarparaacasadafamíliadanoiva. Segundas, 20h–reprisedo1ºepisódiodia3,quinta,21h TheMenTalisT Há três anos Patrick Jane (Simon Baker) está em busca do assassino de sua família.Na quarta tem- porada ele precisará lidar com as consequências de talvez ter matado um inocente e se adaptar a uma nova equipe de investigadores.Segundas, 21h–reprisedo1ºepisódiodia4,sexta,21h esPeCial l SÉRIES começado. eles exibiram um vídeo em que Zachary Quinto e Greg Grunberg, de Heroes, michael emerson e Jorge Garcia, de Lost, e outros mais aparecem recitando falas de Fringe, levantando mais questões quando o próprio Joshua Jackson apareceu caracterizado como um “observador”. e dali ele se juntou ao elenco no palco, deixando no ar que este pode ser seu destino. “veremos outro Peter. o cara que viajou a 2026 e fez o sacrifício de voltar ao passado é diferente do que conhecemos no começo da série e que não ligava para nada além de si mesmo. É a mesma pessoa, mas em um momento diferente”, adiantou Jackson. Por falar em mudanças, embora ninguém se lembre, graças aos esforços de Peter, agora as divisões Fringe dos dois universos atuam juntas para resolver os casos fantásticos que continuam a acontecer em ambos os lados. mas, em vez de resultar em uma conciliação entre as olívias (Anna Torv), o trabalho conjunto só aumenta a tensão entre a loira e a ruiva, mesmo que elas nem tenham ideia de que em um passado alternativo brigaram pelo amor do mesmo homem. o agente Lincoln Lee (Seth Gable) também se tornou um investigador de Fringe no lado de cá e Astrid (Jasika nicole) passará a também portar uma arma, e entre tudo isso inúmeros outros mistérios. mas para uma produção com a assinatura de J.J. Abrams não se poderia esperar outra coisa. FOTOS:DIVULGAÇÃO 104FringeOutras.indd 59 14/10/2011 16:58:43
  20. 20. 60+Mo net+NOVEMBRO A nova usurpadora – A série que marca a volta de Sarah Michelle Gellar à TV conta com Nestor Carbonell (Lost), Ioan Gruffudd (O Quarteto Fantástico) e Kristoffer Polaha (Mad Men) no elenco, e mostra as roubadas em que Bridget Kelly se mete ao assumir a identidade de sua gêmea Siobhan Martin, ambas vividas pela ex-caçadora de vampiros Buffy RINGER SEGUNDAS,FAIXA DAS 22H,STUDIO UNIVERSAL,138 104TheRingerMonk.indd 60 14/10/2011 18:51:50
  21. 21. NOVEMB R O +Mon et+61 Não faltam exemplos de irmãs gêmeas de personalidades diferentes na história da TV. Seja com as brasileiras Ruth e Raquel, vividas por Glória Pires em Mulheres de Areia; as melodramáticas Paola e Paulina, interpretadas pela atriz venezuelana Gabriela Spanic em A Usurpadora; ou até mesmo em versão animada, como as irmãs Patty e Selma de Os Simpsons. Já virou clichê uma delas ser a boa moça, sofrida e injustiçada, enquanto a outra não tem escrúpulos em ferrar com a vida de sua própria cara-metade para sair bem da história. Em Ringer, cujo primeiro episódio será reprisado às 23h do dia 13, não poderia ser diferente. Mas um dos diferenciais da atração é o elenco de peso, com destaque para Sarah Michelle Gellar, a eterna caçadora de vampiros. “Queria voltar à TV, mas quando você faz algo icônico como Buffy é difícil encontrar uma maneira de seguir em frente. É melhor escolher um projeto que fuja do estigma. Quando comecei a ler o roteiro, me dei conta de que era a primeira vez em muitos anos que eu me surpreendia com algo”, relatou a atriz. Na trama, ela dá vida a Bridget Kelly e Siobhan Martin, gêmeas idênticas que acabaram se afastando ao longo dos anos. Enquanto a primeira se afundou no alcoolismo e precisa fugir após testemunhar um assassinato, a segunda tem uma vida aparentemente A TV sempre foi fascinada por gêmeos idênticos.Imagine então o frenesi causado por Ringer,que marca a volta de Sarah Michelle Gellar à telinha em dose dupla por Sarah Mund CARADEUMA, PROBLEMAS DAOUTRA Ese os mutantes de X-Men trabalhassem paraogoverno?Compessoas capazes de aumentar sua força, convencer os outros de qualquer coisa e enxergar ondas eletromagnéticas, é mais ou menos essa a pre- missa de Alphas, só com um pezinho a mais na realidade. A trama mostra a equipe comandada pelo Dr. Lee Rosen (David Strathairn), formada por pessoas nasci- das com alguns dons pra lá de especiais, que ajudam a combater crimes envol- vendo outros alphas. Mas, acima de tudo, eles estão preocupados em pagar suas contas no final do mês, o que os deixa bem longe do título de heróis. Um dos criadores, Zak Penn, está pra lá de familiarizado com o assunto, já que foi roteirista de X-Men: O Confronto Final. Dia 11,sexta,21h,SyFy,92 ESPECIAL l SÉRIES NO SEU RADAR perfeita, casada com um homem de negócios. Mas nem tudo é o que parece. Após tomarem caminhos diferentes, o relacionamento das irmãs, antes tão próximas (como é possível ver em flashbacks que revelarão mais do passado das duas ao longo da temporada), desandou a ponto de o marido de Siobhan (Ioan Gruffudd) não saber da existência de Bridget ao longo dos cinco anos de casamento. Sem ter mais a quem recorrer, a ex-alcoólatra busca a ajuda de sua única parente viva, mas o que parecia um fim de semana de reconciliação acaba no sumiço de Siobhan. Ameaçada de morte e perseguida pelo detetive Victor Machado (Nestor Carbonell), Bridget decide assumir a identidade da irmã, sem saber que sua vida não é o mar de rosas que ela imaginava. Ambiguidade presente em todos os personagens, como lembrou o próprio Carbonell ao descrever seu papel em entrevista exclusiva para a MONET: “Eu não tenho certeza se ele é um cara bom ou mau, ou até um pouco dos dois”. Além de um casamento em crise, ela descobre que Siobhan mantém um caso com o marido de sua melhor amiga (Kristoffer Polaha), e alguém ainda tenta matá- la. O que ela não sabe é que sua irmã está viva e planejando algo misterioso. Mesmo que uma esteja em busca de redenção e a outra de vingança, como numa boa história com gêmeas, é difícil saber quem é mocinha e quem é vilã. ALPHAS 104TheRingerMonk.indd 61 14/10/2011 18:51:51

×