Carta circular 03 2013

242 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Carta circular 03 2013

  1. 1. Brasília-DF, 07 de maio de 2013, Carta Circular nº 03. Assunto: Informes sobre o VII Encontro Nacional de Gestão da Recid. “Se temos de esperar, que seja para colher a semente boa que lançamos hoje no solo da vida. Se for para semear, então que seja para produzir milhões de sorrisos, de solidariedade e amizade”. Cora Coralina Às educadoras e educadores populares da RECID em todo o Brasil, Na alegria do encontro e reencontro e na perspectiva do fortalecimento das ações da Recid, na vivência da Gestão compartilhada e da prática militante norteada pelos princípios/valores/metodologia da Educação Popular crítico/libertadora, como também das diretrizes desta grande Rede, nos encontramos em fase de planejamento e consolidação de um novo convênio. É tempo de reafirmar o nosso compromisso coletivo para darmos continuidade nesta caminhada recidiana. Portanto, informamos a todos/as a cerca da realização do VII Encontro nacional de gestão, que ocorrerá de 15 a 17 de maio em Brasília/DF, com a participação de duas (02) pessoas por Estado (a educadora ou educador da gestão e o/a representante da entidade âncora) juntamente as/os integrantes da Comissão Nacional, Talher Nacional/SGPR, CAMP, SDH e Secretariado. O Encontro tem como objetivo “consolidar a gestão compartilhada como uma dimensão político/pedagógica da Recid e atualizar os acordos sobre o novo convênio seus mecanismos e instrumentos de funcionamento, a partir do balanço e avaliação do período anterior”. Convidamos a todas/os, que vivenciarão o encontro, a tecermos juntas/os um momento harmonioso, místico, encantante, dinâmico, que também seja dialógico, produtivo e que nos possibilite alcançar nossos objetivos. Nas mochilas não podem faltar muita disposição, ânimo, alegria, companheirismo, cuidado, paciência, amorosidade, como também elementos/símbolos que alimentem nossos corações e mentes como canções, poesias, dinâmicas, brincadeiras, bandeiras de lutas, cartazes, banners, comidas típicas pra gente saborear na noite cultural e algum objeto ou material que deseje colocar na feira de trocas solidárias que ocorrerá a partir do segundo dia e seguirá por todo encontro. E não esqueçam da caneca, toalha de banho, seus objetos de higiene pessoal. Quem necessita de dieta ou cuidado especial, trazer consigo alimentos e remédios de sua necessidade e informar a equipe de cuidados. O local de encontro no aeroporto: Aguardar o Gabriel próximo à borboleta/arte de Romero Britto (não tem mais a floricultura, mas os banquinhos continuam lá). Abaixo enviamos a proposta de programação e metodologia para nossos três dias de atividades. Até o encontro! Coletivo Nacional da Rede de Educação Cidadã
  2. 2. VII -Encontro de Gestão Compartilhada da Recid “A gestão compartilhada como uma dimensão politico-pedagógica” Data: 15, 16 e 17 de maio de 2013 Local: Brasília-DF. Objetivo geral: Consolidar a gestão compartilhada como uma dimensão político-pedagógica da Recid e atualizar os acordos sobre o novo convênio seus mecanismos e instrumentos de funcionamento, a partir do balanço e avalição do período anterior. Objetivos específicos: - Fazer o balanço e avaliação do período anterior; - Fazer uma reflexão sobre a conjuntura e seus desdobramentos sobre a sustentabilidade das Organizações da Sociedade Civil; - Fazer o resgate do projeto histórico/político da RECID e da dimensão da gestão compartilhada; - Reelaborar os instrumentais da gestão; Participantes: Participam do encontro de gestão 2 pessoas por estado mais os integrantes da Comissão Nacional. Do estado, participam o/a educador/a referência da gestão e o representante da entidade âncora estadual. Organização do Encontro: O Encontro de Gestão assim como outros encontros nacionais da RECID é organizado buscando a participação ativa de todos e todas. Trata-se de um exercício de autogestão em que buscamos dividir os papéis e responsabilidades mais do que criar hierarquias. Neste sentido, nos organizamos em equipes de trabalho que cumprem tarefas de organização durante todo o encontro, permitido que as pessoas participem, se responsabilizem, que exercitemos nossa organização coletiva e que o encontro se torne mais agradável. Além das tradicionais equipe de trabalho de coordenação (esta composta pela equipe de gestão), relatoria, avaliação, mística, comunicação e noite cultural, a proposta é que neste encontro tenhamos uma para cuidar das atividades e práticas de economia e trocas solidárias durante o encontro. Neste sentido a equipe de economia solidária deverá organizar e explicar o funcionamento do banco solidário e da feira de trocas permanente para participantes do encontro. A feira será organizada no segundo dia de encontro e estará permanentemente a aberta para trocarmos/aprendermos com a ECOSOL.
  3. 3. PROGRAMAÇÃO Manhã 12h-Almoço Tarde 19h-Jantar Noite 15demaio Acolhida dos Participantes 13h - Mística de abertura 13h30 - Apresentação da programação do encontro e saudação SDH. Definição das equipes de trabalho e acordos de convivência. 14h - Balanço e avaliação do último convênio 15h30- intervalo 16h – Conjuntura – Roda de conversa sobre sustentabilidade, gestão compartilhada e relação com o Estado. 20h - Reunião das equipes de trabalho 16demaio 8h - Mística 8h30 - Informes das equipes. 9h - O projeto do novo convênio no contexto do Plano Trienal da RECID. 10h - Procedimentos pedagógicos e financeiros da gestão compartilhada na RECID. (CAMP e SDH). 14h - Procedimentos pedagógicos e financeiros da gestão compartilhada na RECID. Mini-Plenárias. 17h30 - Reunião das equipes 18h - esporte 20h - Noite Cultural 17demaio 8h Aquecer o corpo para acordar a mente. 9h - Fluxos de informações, instrumentos e mecanismos de acompanhamento da gestão. 14h Encaminhamentos e Avaliação 15:30h Mística de encerramento Metodologia A proposta é que a programação descrita acima siga a seguinte metodologia abaixo em cada dia de encontro: Dia 15 de maio 1º Momento – Acolhida das pessoas participantes, almoço e mística que apresentem o histórico dos Encontros de Gestão da RECID e a questão da gestão compartilhada. Apresentação da programação proposta para o encontro, forma de organização das equipes de trabalho (coordenação, avaliação, relatoria, mística, comunicação, equipe de economia solidária e noite cultural), e acordos de convivência como horários, cuidados com o outro e com a outra. 2º Momento – Balanço das atividades da gestão compartilhada no convênio de 2011 e 2012. Primeiro será apresentada a síntese do balanço de cada região a partir dos momentos de avaliação e planejamento das RECIDs estaduais. Serão cinco apresentações organizadas pelos membros da Comissão Nacional. Depois o CAMP apresentará o balanço que a entidade âncora nacional faz deste período assim como informar sobre o relatório final do projeto. Depois será feito um debate em plenária e será produzida uma síntese dos principais pontos de destaques positivos, negativos e sugestões para os próximos períodos pela equipe de relatoria.
  4. 4. 3º Momento – Após o intervalo faremos uma roda de conversa com movimentos sociais e organizações da sociedade civil sobre sustentabilidade, gestão compartilhada e relação com o governo, sendo primeiro as falas dos convidados e depois debate. 4º Momento – A noite teremos um momento de auto organização em que as equipes de trabalho se reunirão para pensar sua atuação e suas tarefas durante o encontro. Dia 16 de maio 1º Momento – Retomamos os trabalhos após o café com uma mística e memória do dia anterior, inclusive com informes de como as equipes de trabalho se organizarão – e instalação de nossa feira solidária. 2º Momento – Apresentação pela equipe de gestão nacional do novo projeto “E-Dhesca” que dará suporte à RECID nos anos de 2013 e 2014 e nossa articulação com a Educação em Direitos Humanos. Depois seguiremos para os trabalhos com os procedimentos pedagógicos e financeiros que a RECID para garantir que façamos um bom uso coletivo do recurso público aprendendo e ensinado com estas experiências.  Este trabalho será feito com o suporte do Caderno de Gestão e ocupará nosso tempo até o final deste dia. Nosso objetivo com isso é atualizar os acordos sobre os procedimentos da gestão compartilhada, a partir das diretrizes da organicidade, do papel de cada ator envolvido no processo e buscando dar transparência às nossas prestações de contas.  Neste momento também serão apresentados os instrumentos de prestação de contas e combinaremos como fazer os balanços semestrais do convênio.  Nos dividiremos em três mini-plenárias em que simularemos todo o caminho dos recursos públicos na RECID, desde e depósito feito pelo Governo na conta da entidade nacional, até a apresentação da comprovação do gasto da entidade para o Governo. Aqui discutiremos como fazer as prestações de contas das atividades pedagógicas (antigas oficinas) e encontros da Rede que dão suporte aos nossos processos continuados de formação e atendem às metas estabelecidas no convênio. Cada mini-plenária terá duas pessoas facilitadoras e depois um resumo dos principais pontos será apresentado na plenária. 3º Momento – Nova reunião de trabalho das equipes será feita e depois teremos um momento para treinar o corpo jogando vôlei, peteca, futebol, queimada etc. 4º Momento – O final deste dia é o momento da confraternização com a noite cultural. Dia 17 de maio 1º Momento – Neste último dia de encontro após o café fazemos um aquecimento e memória do dia anterior. 2º Momento – Debater e definir os fluxos de informações, instrumentos e mecanismos de acompanhamento da gestão como os Relatórios Pedagógicos buscando facilitar o envio e o acompanhamento do relato de cada atividade pedagógica. 3º Momento – Hora de avaliar os três dias de trabalho e finalizar nosso encontro com a mística de encerramento, preparando a tod@s para retornarmos para casa.

×