Testes de usabilidade com uma pitada de lean ux

865 visualizações

Publicada em

Testes de usabilidade com uma pitada de lean ux

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
865
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Testes de usabilidade com uma pitada de lean ux

  1. 1. Testes de usabilidade com uma pitada de lean UX
  2. 2. Agenda Testes de usabilidade Técnicas de lean UX Exemplos reais Aprender novas técnicas para criar soluções validadas e melhorar a qualidade dos seus sistemas e experiência do usuário. Objetivo
  3. 3. Sobre Mim Formado em Ciências da Computação 12 anos de experiência no mercado digital 9 anos morando nos EUA Fundador do Testaisso.com.br
  4. 4. Como transformei um site fracassado em oportunidade com o Testaisso
  5. 5. Lean UX O que é lean ux ou experiência do usuário enxuta? Metodologia aplicada para oferecer insights sobre as pessoas que usam seus produtos, suas perspectivas e habilidades e entregar esses insights para as pessoas certas na hora certa. É uma metodologia ágil e de alto impacto.
  6. 6. Perguntas que Lean UX respondem •Meus usuários entendem o problema que eu quero resolver? •Quais recursos devem ser mantidos ou abandonados? •Qual é a percepção dos usuários diante do meu sistema? Eles estão satisfeitos? •Como os usuários estão usando meus produtos?
  7. 7. Técnicas de Lean UX •Amostragem de experiência •Portas Falsas •Observação
  8. 8. Amostragem de Experiência Método sistemático para coletar dados comportamentais dos participantes ao longo do dia. O estudo consiste em fazer a mesma pergunta 5 vezes ao dia para cada pessoa por um determinado período.
  9. 9. Exemplo
  10. 10. Exemplo
  11. 11. Amostragem de Experiência Uma boa questão é aquela que pergunta sobre comportamento repetitivo. Algo que acontece muitas vezes durante o dia. Identifica necessidades e recursos relevantes para seu produto e audiência.
  12. 12. Portas Falsas Técnica para validar a necessidade do recurso antes de implementá-lo.
  13. 13. Exemplo
  14. 14. Exemplo
  15. 15. Portas Falsas Poderosa ferramenta para tomar decisões sobre quais recursos devem ser implementados. A chave é definir um coeficiente entre o número de cliques e número de visualizações para determinar a necessidade de implementação do recurso.
  16. 16. Teste de Usabilidade Técnica para detectar a facilidade de uso de um sistema com o objetivo de melhorar a experiência do usuário. Serve para descobrir problemas de usabilidade, novos recursos, validar suposições, entender fluxos e definir objetivos. Trazem dados qualitativos (porque, como, o que) e quantitativos.
  17. 17. Composição de um Teste de Usabilidade 1.Número de participantes 2.Cenário 3.Tarefas 4.Perguntas 5.Público-alvo
  18. 18. Exemplo de um teste •Número de participantes: 5 •Cenário: Seu amigo recomendou um site para você analisar suas operações financeiras. •Tarefas 1.Visite a página inicial por 5 segundos e diga o que achou. 2.Abra uma conta 3.Insira uma operação financeira no sistema. •Perguntas 1.O que você gostou/não gostou? 2.Você recomendaria esse sistema para seu amigo (0=Não e 10=Com certeza) •Público-alvo: Operadores do mercado financeiro entre 20-35 anos, sexo masculino, renda mínima de 5 salários mínimos.
  19. 19. Entregáveis •Vídeo com áudio da interação •Questionário preenchido.
  20. 20. Pra quem se destina •Gerentes de produtos •Analistas de testes •Equipes de marketing •Pesquisadores •Desenvolvedores
  21. 21. Vantagens e desvantagens entre Testes Moderados e Não moderados
  22. 22. Testes Moderados ou Testes em Lab Vantagens: •Mais seguro •Pode-se observar o participante e suas reações •Mais tempo para perguntas e follow-up Desvantagens: •Demorado (dias ou semanas) •Custo alto (R$350 por participante) •Perfil limitado geograficamente •Ambiente controlado podendo ocasionar opiniões parciais ou influenciadas.
  23. 23. Testes Não Moderados ou Testes Remotos Vantagens: •Lean, entrega rápida (horas). •Custo Baixo (R$79,90 por participante). •Sem limite geográfico. •Maior naturalidade nas respostas dos participantes. Desvantagens: •Não é tão seguro. •Não é possível observar o participante. •Não dá suporte em tempo real para o participante.
  24. 24. Boas Práticas As pessoas tem dificuldade de expressar seus comportamentos. Observe para depois escutar.
  25. 25. 5 participantes descobrem 85% dos problemas de usabilidade 15 participantes descobrem 100% dos problemas. Fonte: Jacob Niesen Boas Práticas
  26. 26. Recrutar as pessoas certas para o seu negócio Evite conhecidos, como amigos ou colaboradores, pois não fornecem opiniões imparciais. Boas Práticas
  27. 27. Crie testes com duração semelhante ao tempo médio de uso do sistema pelo participante. Boas Práticas
  28. 28. Falhas que passam despercebidas pelo analytics.
  29. 29. Falhas que comprometem a venda de produtos
  30. 30. Falhas que comprometem a venda de produtos
  31. 31. Falhas que comprometem atendimento e satisfação do cliente.
  32. 32. Falhas que comprometem a venda de um produto
  33. 33. Problemas de usabilidade não se limitam a sistemas de TI.
  34. 34. Havia um tempo em que testes de usabilidade: •Tomavam muito tempo para serem elaborados •Eram caros •Necessitavam ferramentas complexas •Necessitavam recrutamento dos participantes
  35. 35. Hoje há muitas ferramentas
  36. 36. Conclusão Não desenvolva aplicações que ninguém quer usar. Valide suas ideias e teste seus produtos com as técnicas apresentadas e melhore a experiência dos seus usuários.
  37. 37. OBRIGADO PELA ATENÇÃO Entre em contato através do site www.testaisso.com.br, email oi@testaisso.combr ou tel (11) 3042.TEST (8378)

×