SlideShare uma empresa Scribd logo

Poc slides

O que é a perturbação obsessivo-compulsiva?

1 de 35
Baixar para ler offline
Segredos Obsessivos,[object Object],Perturbação Obsessivo-Compulsiva,[object Object],www.oficinadepsicologia.com,[object Object]
A perturbação obsessivo-compulsiva,[object Object],Émuito frequente (+/- 2 – 3% da população),[object Object],Tem um impacto elevado na qualidade de vida,[object Object],As pessoas com POC tendem a fechar-se no segredo, porque sentem ter comportamentos estranhos que não conseguem explicar,[object Object],Isso e o desconhecimento do que se passa com elas as impede de procurar ajuda (entre 8 a 10 anos entre os primeiros sintomas e o início do tratamento),[object Object],Em 65% das pessoas os 1ºs sintomas ocorrem antes dos 25 anos – o grupo de maior risco está entre os 18 e os 25 anos,[object Object],www.oficinadepsicologia.com,[object Object]
O que é POC?,[object Object],www.oficinadepsicologia.com,[object Object]
Perturbação ansiosa,[object Object],Pertence à categoria das perturbações da ansiedade,[object Object],Como, por exemplo:,[object Object],Perturbação de Pânico e Agorafobia,[object Object],Ansiedade Generalizada,[object Object],Fobia Social,[object Object],Pós-stress traumático,[object Object],Fobias específicas,[object Object],www.oficinadepsicologia.com,[object Object]
Na POC,[object Object],Surgem pensamentos assustadores e repetitivos a propósito de um tema,[object Object],Que geram uma ansiedade muito elevada,[object Object],E a pessoa executa comportamentos que, de alguma forma, a acalmam,[object Object],A pessoa não sente ter qualquer controlo nem sobre os pensamentos que a invadem, nem sobre os comportamentos,[object Object],www.oficinadepsicologia.com,[object Object]
Definição com mais rigor,[object Object],Presença de obsessões e/ou compulsões,[object Object],Obsessão: pensamento, impulso ou imagem mental, recorrente e persistente, intrusivo e inapropriado, causando ansiedade ou mal-estar intenso,[object Object],Compulsão: comportamento ou acto mental repetitivo a que a pessoa se sente compelida,[object Object],www.oficinadepsicologia.com,[object Object]

Recomendados

Como lidar com bullying e assédio no local de trabalho
Como lidar com bullying e assédio no local de trabalhoComo lidar com bullying e assédio no local de trabalho
Como lidar com bullying e assédio no local de trabalhoJair Santos
 
Regras para ser humano
Regras para ser humanoRegras para ser humano
Regras para ser humanoIracema Perin
 
Regras para ser_humano
Regras para ser_humanoRegras para ser_humano
Regras para ser_humanoPROFBILLY
 
Regras para ser_humano
Regras para ser_humanoRegras para ser_humano
Regras para ser_humanoAmadeu Wolff
 
Regras para ser humano
Regras para ser humanoRegras para ser humano
Regras para ser humanoAlex Mendes
 
Regras para ser humano 1
Regras para ser humano 1Regras para ser humano 1
Regras para ser humano 1pietra bravo
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (12)

Regras para ser humano
Regras para ser humanoRegras para ser humano
Regras para ser humano
 
15 Coisas que você precisa abandonar para ser Feliz! ( Leonardo Pereira).
15 Coisas que você precisa abandonar para ser Feliz! ( Leonardo Pereira). 15 Coisas que você precisa abandonar para ser Feliz! ( Leonardo Pereira).
15 Coisas que você precisa abandonar para ser Feliz! ( Leonardo Pereira).
 
Regras para ser_humano
Regras para ser_humanoRegras para ser_humano
Regras para ser_humano
 
O meu livro de pequenas instruções
O meu livro de pequenas instruçõesO meu livro de pequenas instruções
O meu livro de pequenas instruções
 
Tecnicas cognitivas Set15
Tecnicas cognitivas Set15Tecnicas cognitivas Set15
Tecnicas cognitivas Set15
 
Bullying área de projecto
Bullying   área de projectoBullying   área de projecto
Bullying área de projecto
 
Pedidos de um filho
Pedidos de um filhoPedidos de um filho
Pedidos de um filho
 
Sertico 100211040839-phpapp02
Sertico 100211040839-phpapp02Sertico 100211040839-phpapp02
Sertico 100211040839-phpapp02
 
Regras para ser humano
Regras para ser humanoRegras para ser humano
Regras para ser humano
 
Regras para ser humano
Regras para ser humanoRegras para ser humano
Regras para ser humano
 
Depressão
DepressãoDepressão
Depressão
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 

Semelhante a Poc slides

Tratamento cognitivo e_comportamental_para_toc
Tratamento cognitivo e_comportamental_para_tocTratamento cognitivo e_comportamental_para_toc
Tratamento cognitivo e_comportamental_para_tocMárcia Santos
 
Guia rápido de perturbações psicológicas
Guia rápido de perturbações psicológicasGuia rápido de perturbações psicológicas
Guia rápido de perturbações psicológicasOficina Psicologia
 
Terapia Cognitivo Comportamental dos Transtornos da Personalidade
Terapia Cognitivo Comportamental dos Transtornos da PersonalidadeTerapia Cognitivo Comportamental dos Transtornos da Personalidade
Terapia Cognitivo Comportamental dos Transtornos da PersonalidadeEduardo Moreira
 
Os tipos de ansiedade e suas variações
Os tipos de ansiedade e suas variaçõesOs tipos de ansiedade e suas variações
Os tipos de ansiedade e suas variaçõesJoe Pinheiro
 
Ansiedade na visão espirita
Ansiedade na visão espirita Ansiedade na visão espirita
Ansiedade na visão espirita Lisete B.
 
Modelo cognitivo de beck
Modelo cognitivo de beckModelo cognitivo de beck
Modelo cognitivo de beckMatheus Cheibub
 
O QUE ESTÁ ACONTECENDO COMIGO?
O QUE ESTÁ ACONTECENDO COMIGO?O QUE ESTÁ ACONTECENDO COMIGO?
O QUE ESTÁ ACONTECENDO COMIGO?Renata Pimentel
 
Diferenças psicológicas na adolescência
Diferenças psicológicas na adolescênciaDiferenças psicológicas na adolescência
Diferenças psicológicas na adolescênciaNoticia Teen
 
Transtorno Obsessivo Compulsivo (psicoeducação)
Transtorno Obsessivo Compulsivo (psicoeducação)Transtorno Obsessivo Compulsivo (psicoeducação)
Transtorno Obsessivo Compulsivo (psicoeducação)AnnedeAndrade1
 
Esquizofrenia e outros transtornos psicóticos
Esquizofrenia e outros transtornos psicóticosEsquizofrenia e outros transtornos psicóticos
Esquizofrenia e outros transtornos psicóticosSimoneHelenDrumond
 
Reinventando você
Reinventando vocêReinventando você
Reinventando vocêmarisadeabeu
 
Reinventando você
Reinventando vocêReinventando você
Reinventando vocêmarisadeabeu
 
A Técnica de Seta Vertical.docx
A Técnica  de Seta  Vertical.docxA Técnica  de Seta  Vertical.docx
A Técnica de Seta Vertical.docxEdsonNardi1
 
Aprendendo a construir qualidade em sua vida - Workshop com Dolores Bordignon
Aprendendo a construir qualidade em sua vida - Workshop com Dolores BordignonAprendendo a construir qualidade em sua vida - Workshop com Dolores Bordignon
Aprendendo a construir qualidade em sua vida - Workshop com Dolores BordignonDolores Bordignon
 

Semelhante a Poc slides (20)

Tratamento cognitivo e_comportamental_para_toc
Tratamento cognitivo e_comportamental_para_tocTratamento cognitivo e_comportamental_para_toc
Tratamento cognitivo e_comportamental_para_toc
 
TOC - Transtorno Obsessivo Compulsivo
TOC - Transtorno Obsessivo CompulsivoTOC - Transtorno Obsessivo Compulsivo
TOC - Transtorno Obsessivo Compulsivo
 
Guia rápido de perturbações psicológicas
Guia rápido de perturbações psicológicasGuia rápido de perturbações psicológicas
Guia rápido de perturbações psicológicas
 
Terapia Cognitivo Comportamental dos Transtornos da Personalidade
Terapia Cognitivo Comportamental dos Transtornos da PersonalidadeTerapia Cognitivo Comportamental dos Transtornos da Personalidade
Terapia Cognitivo Comportamental dos Transtornos da Personalidade
 
Os tipos de ansiedade e suas variações
Os tipos de ansiedade e suas variaçõesOs tipos de ansiedade e suas variações
Os tipos de ansiedade e suas variações
 
Ansiedade na visão espirita
Ansiedade na visão espirita Ansiedade na visão espirita
Ansiedade na visão espirita
 
Modelo cognitivo de beck
Modelo cognitivo de beckModelo cognitivo de beck
Modelo cognitivo de beck
 
O QUE ESTÁ ACONTECENDO COMIGO?
O QUE ESTÁ ACONTECENDO COMIGO?O QUE ESTÁ ACONTECENDO COMIGO?
O QUE ESTÁ ACONTECENDO COMIGO?
 
Toc2
Toc2Toc2
Toc2
 
Diferenças psicológicas na adolescência
Diferenças psicológicas na adolescênciaDiferenças psicológicas na adolescência
Diferenças psicológicas na adolescência
 
Fobia social slideshare
Fobia social slideshareFobia social slideshare
Fobia social slideshare
 
Transtorno Obsessivo Compulsivo (psicoeducação)
Transtorno Obsessivo Compulsivo (psicoeducação)Transtorno Obsessivo Compulsivo (psicoeducação)
Transtorno Obsessivo Compulsivo (psicoeducação)
 
Esquizofrenia e outros transtornos psicóticos
Esquizofrenia e outros transtornos psicóticosEsquizofrenia e outros transtornos psicóticos
Esquizofrenia e outros transtornos psicóticos
 
Autismo e aprendizagem.pptx
Autismo e aprendizagem.pptxAutismo e aprendizagem.pptx
Autismo e aprendizagem.pptx
 
Reinventando você
Reinventando vocêReinventando você
Reinventando você
 
Reinventando você
Reinventando vocêReinventando você
Reinventando você
 
A Técnica de Seta Vertical.docx
A Técnica  de Seta  Vertical.docxA Técnica  de Seta  Vertical.docx
A Técnica de Seta Vertical.docx
 
Mecanica quantica
Mecanica quanticaMecanica quantica
Mecanica quantica
 
Prevenção de suicídio
Prevenção de suicídioPrevenção de suicídio
Prevenção de suicídio
 
Aprendendo a construir qualidade em sua vida - Workshop com Dolores Bordignon
Aprendendo a construir qualidade em sua vida - Workshop com Dolores BordignonAprendendo a construir qualidade em sua vida - Workshop com Dolores Bordignon
Aprendendo a construir qualidade em sua vida - Workshop com Dolores Bordignon
 

Mais de Psicoterapia Para Todos (11)

7 passos para uma atitude mindful
7 passos para uma atitude mindful7 passos para uma atitude mindful
7 passos para uma atitude mindful
 
Dificuldades no Mindfulness
Dificuldades no MindfulnessDificuldades no Mindfulness
Dificuldades no Mindfulness
 
Mindfulness Presentation
Mindfulness PresentationMindfulness Presentation
Mindfulness Presentation
 
Neurofeedback: neuro quê?
Neurofeedback:  neuro quê?Neurofeedback:  neuro quê?
Neurofeedback: neuro quê?
 
Neurofeedback neuro quê?
Neurofeedback  neuro quê?Neurofeedback  neuro quê?
Neurofeedback neuro quê?
 
Neurofeedback-neuro quê?
Neurofeedback-neuro quê?Neurofeedback-neuro quê?
Neurofeedback-neuro quê?
 
Processo emdr
Processo emdrProcesso emdr
Processo emdr
 
Panico calor
Panico calorPanico calor
Panico calor
 
Mitos e crendices da Hipnose Clínica
Mitos e crendices da Hipnose ClínicaMitos e crendices da Hipnose Clínica
Mitos e crendices da Hipnose Clínica
 
Disfunção sexual?
Disfunção sexual?Disfunção sexual?
Disfunção sexual?
 
Apoio na redução de peso
Apoio na redução de pesoApoio na redução de peso
Apoio na redução de peso
 

Último

ATIVIDADE 1 - PED - FUNDAMENTOS SOCIOLÓGICOS E ANTROPOLÓGICOS DA EDUCAÇÃO - 5...
ATIVIDADE 1 - PED - FUNDAMENTOS SOCIOLÓGICOS E ANTROPOLÓGICOS DA EDUCAÇÃO - 5...ATIVIDADE 1 - PED - FUNDAMENTOS SOCIOLÓGICOS E ANTROPOLÓGICOS DA EDUCAÇÃO - 5...
ATIVIDADE 1 - PED - FUNDAMENTOS SOCIOLÓGICOS E ANTROPOLÓGICOS DA EDUCAÇÃO - 5...DL assessoria 27
 
Aumento da dengue no Brasil, casos de dengue saude
Aumento da dengue no Brasil, casos de dengue saudeAumento da dengue no Brasil, casos de dengue saude
Aumento da dengue no Brasil, casos de dengue saudesteauroradourados
 
FARMACOLOGIA DA DOR E INFLAMAÇÃO PT1.pdf
FARMACOLOGIA DA DOR E INFLAMAÇÃO PT1.pdfFARMACOLOGIA DA DOR E INFLAMAÇÃO PT1.pdf
FARMACOLOGIA DA DOR E INFLAMAÇÃO PT1.pdfnilsonmarques9
 
DESCUBRA O SEGREDOE PARE DE VEZ DE FUMAR...
DESCUBRA O SEGREDOE PARE DE VEZ DE FUMAR...DESCUBRA O SEGREDOE PARE DE VEZ DE FUMAR...
DESCUBRA O SEGREDOE PARE DE VEZ DE FUMAR...bibygmachadodesouza
 
Guia para tratamento de Hemodiálises.pdf
Guia para tratamento de Hemodiálises.pdfGuia para tratamento de Hemodiálises.pdf
Guia para tratamento de Hemodiálises.pdfElySouza16
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...PrimeAssessoriaAcadm3
 
Com base no estudo de caso, faça uma Análise SWOT do novo empreendimento de A...
Com base no estudo de caso, faça uma Análise SWOT do novo empreendimento de A...Com base no estudo de caso, faça uma Análise SWOT do novo empreendimento de A...
Com base no estudo de caso, faça uma Análise SWOT do novo empreendimento de A...PrimeAssessoriaAcadm3
 

Último (7)

ATIVIDADE 1 - PED - FUNDAMENTOS SOCIOLÓGICOS E ANTROPOLÓGICOS DA EDUCAÇÃO - 5...
ATIVIDADE 1 - PED - FUNDAMENTOS SOCIOLÓGICOS E ANTROPOLÓGICOS DA EDUCAÇÃO - 5...ATIVIDADE 1 - PED - FUNDAMENTOS SOCIOLÓGICOS E ANTROPOLÓGICOS DA EDUCAÇÃO - 5...
ATIVIDADE 1 - PED - FUNDAMENTOS SOCIOLÓGICOS E ANTROPOLÓGICOS DA EDUCAÇÃO - 5...
 
Aumento da dengue no Brasil, casos de dengue saude
Aumento da dengue no Brasil, casos de dengue saudeAumento da dengue no Brasil, casos de dengue saude
Aumento da dengue no Brasil, casos de dengue saude
 
FARMACOLOGIA DA DOR E INFLAMAÇÃO PT1.pdf
FARMACOLOGIA DA DOR E INFLAMAÇÃO PT1.pdfFARMACOLOGIA DA DOR E INFLAMAÇÃO PT1.pdf
FARMACOLOGIA DA DOR E INFLAMAÇÃO PT1.pdf
 
DESCUBRA O SEGREDOE PARE DE VEZ DE FUMAR...
DESCUBRA O SEGREDOE PARE DE VEZ DE FUMAR...DESCUBRA O SEGREDOE PARE DE VEZ DE FUMAR...
DESCUBRA O SEGREDOE PARE DE VEZ DE FUMAR...
 
Guia para tratamento de Hemodiálises.pdf
Guia para tratamento de Hemodiálises.pdfGuia para tratamento de Hemodiálises.pdf
Guia para tratamento de Hemodiálises.pdf
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 
Com base no estudo de caso, faça uma Análise SWOT do novo empreendimento de A...
Com base no estudo de caso, faça uma Análise SWOT do novo empreendimento de A...Com base no estudo de caso, faça uma Análise SWOT do novo empreendimento de A...
Com base no estudo de caso, faça uma Análise SWOT do novo empreendimento de A...
 

Poc slides

  • 1.
  • 2.
  • 3.
  • 4.
  • 5.
  • 6.
  • 7.
  • 8.
  • 9.
  • 10.
  • 11.
  • 12.
  • 13.
  • 14.
  • 15.
  • 16.
  • 17.
  • 18.
  • 19.
  • 20.
  • 21.
  • 22.
  • 23.
  • 24.
  • 25.
  • 26.
  • 27.
  • 28.
  • 29.
  • 30.
  • 31.
  • 32.
  • 33.
  • 34.
  • 35.