O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Web Aula: Orçamento de obras civis e montagem eletromecânica

164 visualizações

Publicada em

Material da Web Aula: Orçamento de obras civis e montagem eletromecânica

Assista aqui https://goo.gl/FzbV6N
Responda a pesquisa de satisfação na descrição do vídeo e garanta seu PDU

Publicada em: Engenharia
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Web Aula: Orçamento de obras civis e montagem eletromecânica

  1. 1. Web aula: Orçamento de Projetos de Obras Civis e Montagem Eletromecânica Rodrigo Braga F. Soares, PMP
  2. 2. www.projetoseti.com.br Rodrigo Braga F. Soares, PMP
  3. 3. www.projetoseti.com.br Orçamento de Projetos de Obras Civis e Montagem Eletromecânica 1) Orçamento 2) Análise dos Documentos do Projeto 3) Levantamento dos Serviços e quantitativos 4) Composição de Custos Unitários 5) Elaboração de Cronograma Físico Financeiro 6) Medições em Obras Industriais
  4. 4. www.projetoseti.com.br ORÇAMENTO  Existem várias definições e tipos de orçamento, focando no objeto da nossa aula, o que é orçamento?  O orçamento é o cálculo antecipado do custo de uma obra ou a despesa que vai gerar um projeto.  “Consiste na determinação do custo de uma obra antes da sua realização, elaborado com base em documentos específicos, tais como: projetos, memorial descritivo e cadernos de encargos, considerando-se todos os custos diretos e indiretos envolvidos, as condições contratuais e demais fatores que possam influenciar no custo total” (TCPO 2000).  “De modo simplista, orçamento é o cálculo dos custos para executar uma obra ou empreendimento” (SAMPAIO,1999).
  5. 5. www.projetoseti.com.br TIPOS DE ORÇAMENTO  Orçamento Paramétrico / Preliminar  utilizado quando há interesse em obter uma estimativa rápida ou baseada apenas na concepção inicial da obra ou em um anteprojeto.  O orçamento discriminado / detalhado / analítico  é mais preciso, mas exige uma quantidade bem maior de informações.
  6. 6. www.projetoseti.com.br CUSTO e PREÇO  Custo – é a soma de todos os valores previstos e não previstos gastos para executar uma obra ou serviço.  Preço – é o quanto podemos “vender” ou “receber” pela obra. Esse valor é dado pelo mercado, e normalmente temos que adequar nossos custos dentro do preço de mercado. Para que a equação P = C + I + L ( Preço = Custo + Impostos + Lucro) seja positiva. CUSTO PREÇO
  7. 7. www.projetoseti.com.br ETAPAS DE ELABORAÇÃO DE ORÇAMENTO  1ª. Etapa - Análise dos Documentos do Projeto  2ª. Etapa - Listagem de todos os serviços previstos  3ª. Etapa - Especificar unidades de Medição e Calcular quantidades de cada serviço  4ª. Etapa - Calcular os custos unitários de cada serviço  5ª. Etapa - Calcular BDI e definir o preço final de venda
  8. 8. www.projetoseti.com.br ANÁLISE DOS DOCUMENTOS DO PROJETO  Para a realização de orçamentos para ambiente industriais, os principais documentos que precisamos analisar são os seguintes:  Projetos  Memorial descritivo  Caderno de encargos  Especificações Técnicas  Planilhas / uso de softwares  Contratos  Entre outros documentos específicos.
  9. 9. www.projetoseti.com.br LEVANTAMENTO DE SERVIÇOS E QUANTITATIVOS  Após a análise de todos os documentos, realização de take-off, ou seja, levantamento detalhado de quantidades de insumos, produtos e serviços a serem utilizados na obra. A próxima etapa do orçamento seria a de levantar em detalhes todos os serviços necessários para concluir a obra.  Nesta etapa do orçamento deve-se “lembrar” de tudo, inclusive, podemos também definir o que será realizado por mão de obra direta ou ainda será sub-contratado.  Os quantitativos de mão de obra e os insumos utilizados são o grande problema em obras de grande porte.  Produtividade de mão de obra, é muito difícil de planejar, pois pode variar de acordo com a região, a empresa, o clima, a hora do dia, entre outros.
  10. 10. www.projetoseti.com.br FANTASMAS DO ORÇAMENTO  Os “fantasmas” do orçamento:  Falta de organização das informações  Distância da realidade de execução  Falta de uniformidade na produtividade da mão de obra  absenteísmo; rotatividade  Omissão e falhas no projeto  Variabilidade dos preços no mercado (insumo e mão de obra)  Variação dos impostos  Perdas  Reaproveitamento  Imprevistos, acidentes, entre outros
  11. 11. www.projetoseti.com.br COMPOSIÇÃO DE CUSTO UNITÁRIO Uma composição de custo unitário por definição é o detalhamento de cada um dos serviços a serem executados na obra, considerando todos os insumos, mão de obras utilizada, impostos, etc.  Criação de Composição de custo unitário próprios  Utilização de composições de custos prontas de institutos e entidades públicas e privadas  TCPO – PINI  IOPES  SINAPI  EMOP
  12. 12. www.projetoseti.com.br BDI – BENEFÍCIOS E DESPESAS INDIRETAS É a parcela do custo do serviço independente do que se denomina custo direto. B - benefício DI - despesas indiretas É calculado como o percentual relativo às despesas indiretas que incidirá sobre os custos diretos totais. São distribuídos pelos custos unitários dos serviços na forma percentual.
  13. 13. www.projetoseti.com.br ELABORAÇÃO DE CRONOGRAMA FÍSICO- FINANCEIRO Ao elaborar o cronograma físico financeiro, precisa  O que influencia no prazo total da sua obra?  Como definir as formas de contratação?  Qual vai ser o fluxo de caixa necessário para fazer a obra?  Como controlar a execução e os custos do projeto?  Quais são os parâmetros e ferramentas que serão utilizadas para controlar o projeto?  Quais as periodicidades das medições?
  14. 14. www.projetoseti.com.br MEDIÇÕES EM OBRAS INDUSTRIAIS Antes do início da obra, normalmente durante a elaboração dos contratos e negociações relativas ao contrato, são definidos os critérios de medição. Em cima dos critérios de medição que são cobrados todos os serviços realizados. O controle do projeto consiste basicamente nas seguintes etapas: Realizar a medição por parte do executante da obra ou fornecedor de serviço. - Executante Analisar / aprovar a medição – Fiscalização Comparar o quantitativo e valor do que foi realizado com a linha de base do orçamento – Gerenciamento Realinhar valores e quantidades de serviços em função de mudanças – Gerenciamento / Executante
  15. 15. www.projetoseti.com.br Nossas redes / Dúvidas e sugestões  Pesquisa de satisfação: https://goo.gl/forms/nnsTeM6t0Zgp1Y9u2  Nosso site: http://www.projetoseti.com.br  Linkedin: https://lnkd.in/eFSjBgi  Facebook: https://fb.com/projetoseti.br  Youtube: https://youtube.com/user/CanalProjetoseTI  Twitter: @projetoseti  Críticas e sugestões: contato@projetoseti.com.br

×