Revisão de língua portuguesa II

1.757 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.757
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Revisão de língua portuguesa II

  1. 1. Exercícios de RevisãoProfessora Fernanda Braga
  2. 2. Leia o texto para responder as questões de 01 a 05:TEXTOO problema ecológicoSe uma nave extraterrestre invadisse o espaço aéreo daTerra, com certeza seus tripulantes diriam que neste planeta nãohabita uma civilização inteligente, tamanho é o grau dedestruição dos recursos naturais. Essas são palavras de umrenomado cientista americano. Apesar dos avanços obtidos, ahumanidade ainda não descobriu os valores fundamentais daexistência. O que chamamos orgulhosamente de civilizaçãonada mais é do que uma agressão às coisas naturais. A grossomodo, a tal civilização significa a devastação das florestas, apoluição dos rios, o envenenamento das terras e a deterioraçãoda qualidade do ar. O que chamamos de progresso não passade uma degradação deliberada e sistemática que o homem vempromovendo há muito tempo, uma autêntica guerra contra anatureza.Afrânio Primo. Jornal Madhva (adaptado).
  3. 3. 1) Segundo o Texto, o cientista americano está preocupado com:A) a vida neste planeta.B) a qualidade do espaço aéreo.C) o que pensam os extraterrestres.D) o seu prestígio no mundo.E) os seres de outro planeta.2) Para o autor, a humanidade:A) demonstra ser muito inteligente.B) ouve as palavras do cientista.C) age contra sua própria existência.D) preserva os recursos naturais.E) valoriza a existência sadia.3) Da maneira como o assunto é tratado no Texto II, é correto afirmarque o meio ambiente está degradado porque:A) a destruição é inevitável.B) a civilização o está destruindo.C) a humanidade preserva sua existência.D) as guerras são o principal agente da destruição.E) os recursos para mantê-lo não são suficientes.
  4. 4. 4) A afirmação: “Essas são palavras de um renomado cientistaamericano.” quer dizer que o cientista é:A) inimigo.B) velho.C) estranho.D) famoso.E) desconhecido.5) Se o homem cuidar da natureza _______ mais saúde.A forma verbal que completa corretamente a lacuna é:A) teve.B) tivera.C) têm.D) tinha.E) terá.
  5. 5. 6) Aponte a alternativa em que a palavra em negrito é conjunçãoexplicativa:a) Como estivesse cansado, não foi trabalhar.b) Assim que fores ao Rio, não te esqueças de avisar-me.c) Retirou-se antes, já que assim o quis.d) Não se aborreça, que estamos aqui para ouvi-lo.e) Não compareceu, porque não foi avisado.7) Assinale a opção em que a locução grifada tem valor adjetivo:a) "Comprei móveis e objetos diversos que entrei a utilizar com receio."b) "Azevedo Gondim compôs sobre ela dois artigos."c)"Pediu-me com voz baixa cinquenta mil réis."d) "Expliquei em resumo a prensa, o dínamo, as serras..."e)"Resolvi abrir o olho para que vizinhos sem escrúpulos não seapoderassem do que era delas.“8) Na oração “Ninguém está perdido se der amor…”, a palavra grifadapode ser classificada como:a) advérbio de modo. b) conjunção adversativa.c) advérbio de condição. d) conjunção condicional.e) preposição essencial.
  6. 6. 9) “…os cipós que se emaranhavam…” . A palavra sublinhada é:a) conjunção explicativa.b) conjunção integrante.c) pronome relativo.d) advérbio interrogativo.e) preposição acidental.10) “Paula mirou-se no espelho das águas”: Esta oração contém umverbo na voz:a) ativa.b) passiva analítica.c) passiva pronominal.d) reflexiva recíproca.e) reflexiva.11) A alternativa em que não há erro de flexão do verbo é:a) Nós hemos de vencer.b) Deixa que eu coloro este desenho.c) Pega a pasta e a flanela e pole o meu carro.d) Eu reavi o meu caderno que estava perdido.e) Aderir, eu adiro; mas não é por muito tempo!
  7. 7. 12) Em “Imaginou-o, assim caído…” a palavradestacada, morfologicamente e sintaticamente, é:a) artigo e adjunto adnominal.b) artigo e objeto direto.c) pronome oblíquo e objeto direto.d) pronome oblíquo e adjunto adnominal.e) pronome oblíquo e objeto indireto.13) No período: “... no fundo eu não estava triste com a viagem demeu pai, era a primeira vez que ele ia ficar longe de nós por algumtempo ...”, a oração sublinhada é:a) subordinada substantiva predicativa;b) subordinada adjetiva restritiva;c) subordinada adverbial de lugar;d) subordinada substantiva subjetiva.
  8. 8. 14) Marque a alternativa que contém oração subordinada substantivacompletiva nominal.a) “Como fazem os pelintras de hoje para não molhar os pés nosdias de chuva?”b) “Veio-me a desagradável impressão de que todo mundo reparavanas minhas galochas.”c) “Um dia as galochas me serão úteis, quando eu for suficientementevelho para merecê-las.”d) “No restaurante, onde entrei arrastando os cascos como umdromedário, resolvi me ver livre das galochas.”e) “No centro da cidade um sol radioso varava as nuvens e caía sobrea rua, enchendo tudo de luz, fazendo evaporar as últimas poças deágua que ainda pudessem justificar minhas galochas.”15) “Hoje, a dependência operacional está reduzida, uma vez que oBrasil adquiriu auto-suficiência na produção de bens como papel-imprensa (...)” A oração grifada no período acima tem valor:a) condicional; b) conclusivo;c) concessivo; d) conformativo;e) causal.
  9. 9. 16) “Tal era a fúria dos ventos, que as copas das árvores beijavam ochão.” Neste período, a oração subordinada é adverbial:a) concessiva;b) condicional;c) consecutiva;d) proporcional;e) final.
  10. 10. 1. A2. C3. B4. D5. E6. E7. D8. D9. C10. E11. E12. C13. D14. B15. E16. C

×