Prova de português FUNDEP - Gabarito

2.440 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Prova de português FUNDEP - Gabarito

  1. 1. Língua PortuguesaINSTRUÇÃO As questões de 1 a 10 relacionam-se com o texto abaixo. Leiaatentamente todo o texto antes de responder a elas.HORA DE ACORDARO Brasil chega a 2011 com outra cara, fruto da consolidação de váriasmudanças positivas que foram se encadeando sobretudo nas duas últimasdécadas. A sociedade civil está mais fortalecida, a Constituição de 88promoveu avanços importantes na relação do cidadão com o Estado, nagarantia das liberdades individuais e nos direitos coletivos. Há maior equilíbrioeconômico e melhoria em diversos indicadores sociais. Milhões de pessoassaíram da condição de pobreza. A moeda se tornou estável e a economia,menos vulnerável. O País acumulou experiências concretas em inúmerosprojetos locais e regionais participativos e de valorização da diversidadesocioambiental.Esses avanços, porém, não foram suficientes para superar problemashistóricos — como a desigualdade, a corrupção ou a degradação ambiental.Nas avaliações de qualidade de ensino, entre 65 países o Brasil aparece em53o em leitura e ciências, 57o em matemática. Não há como adiar a revoluçãoda educação de qualidade para todos, formadora de cidadãos conscientes,solidários e preparados. A escola tem que ser o lugar onde as crianças e osjovens queiram estar, alinhada com a linguagem e as oportunidades geradaspelas mudanças em curso no mundo.O que já alcançamos não é suficiente para nos preparar para uma sociedadesustentável. A falta de investimento estratégico em educação, inovaçãotecnológica e na conservação dos recursos naturais compromete o nossodesenvolvimento a longo prazo.Não podemos, em nome dos acertos, ser complacentes com erros e omissões.Precisamos ser capazes de identificar os novos desafios que emergem darealidade global, marcada por uma crise profunda, que é econômica, ambientale também de cultura política. [...]Como disse certa vez o sociólogo Eduardo Viveiro de Castro, não podemoscontinuar a serrar o galho em que estamos sentados por incapacidade decolocar a sustentabilidade (com todas as suas implicações) no centro dasdecisões estratégicas do País. O Brasil abriga parte significativa dabiodiversidade e da água doce existentes no planeta, terras cultiváveis que nospermitem grande produtividade, recursos minerais estratégicos, diversidadeétnico-cultural e uma rica variedade de formações naturais cujo papel éfundamental no equilíbrio climático continental e global. Esses recursos serãocada vez mais fundamentais, mas é preciso ter sabedoria e coragem para usá-los da maneira correta.[...] Temos inteligência, sensibilidade, conhecimentos científicos, saberestradicionais, tecnologias e capacidade de mobilização da sociedade. Estápassando da hora de acordar para o enorme potencial dessa riqueza.SILVA, Marina. ISTOÉ, 5 janeiro de 2011. (Texto adaptado)Questão 1“O Brasil chega a 2011 com outra cara [...]” (linha 1)A leitura do texto permite identificar, nessa outra cara do Brasil, aspectos(nesta questão, procura-se saber o objetivo do autor do texto ao abordar otema)
  2. 2. A) claros e ambíguos.B) éticos e estéticos.C) positivos e negativos.D) reais e irreais.Questão 2Entre as qualidades atuais atribuídas, no texto, ao perfil do nosso País, NÃO sefaz referência (nesta questão, exige-se a compreensão do detalhamento daargumentação para justificar um novo perfil do Brasil de forma positiva)A) à melhoria das condições sociais.B) ao crescimento do prestígio internacional. (não é mencionado no texto,mesmo que seja verdade, lembrem-se: a questão é de acordo com o que foidito no TEXTO)C) aos diversos avanços políticos.D) aos progressos dos fatores econômicos.Questão 3O tratamento dado ao problema da educação no Brasil é, no texto, (nasentrelinhas, observa-se que a questão exige-se que o aluno saiba a opinião doautor sobre um fato)A) animador.B) enganoso.C) preocupante.D) superficial.Questão 4Entre os recursos que podem dinamizar o desenvolvimento do Brasil, NÃO há,no texto, referência (nesta questão, exige-se a compreensão do detalhamentoda argumentação para justificar um novo perfil do Brasil de forma positiva)A) à imensidão litorânea. (apesar de ser uma verdade, este item não seencontra no texto)B) à natureza pródiga.C) à produtividade das terras.D) à riqueza do subsolo.Questão 5NÃO se menciona no texto a seguinte característica que pode fundamentar “asustentabilidade [...] no centro das decisões estratégicas do País”. (nestaquestão, exige-se a compreensão do detalhamento da argumentação parajustificar um novo perfil do Brasil de forma positiva)A) Capacidade de planejar (apesar de ser uma verdade, este item não seencontra no texto)B) Participação socialC) Preparo tecnológicoD) Saber científicoQuestão 6“Milhões de pessoas saíram da condição de pobreza.”A respeito da forma verbal sublinhada nessa frase, NÃO se pode afirmar queela esteja conjugadaA) na terceira pessoa. (Pessoas – elas = terceira pessoa)B) na voz ativa. (sujeito é quem pratica a ação e não quem sofre. Sujeito =Milhões de pessoas, saíram (ação), quem pratica a ação de sair é o sujeito,portanto a voz é ativa)C) no modo subjuntivo.
  3. 3. D) no tempo perfeito. (a conjugação usada é o Pretérito Perfeito do Indicativo)Questão 7Em relação ao emprego do verbo haver na frase “Há maior equilíbrioeconômico [...]”, é CORRETO afirmar que (verbo haver no sentido deexistir/ocorrer é impessoal, portanto não tem sujeito)A) concorda com seu objeto direto.B) concorda com um sujeito posposto.C) é uma forma verbal fixa, sem sujeito.D) se relaciona a um sujeito em frase anterior.Questão 8“Esses avanços, porém, não foram suficientes para superar problemashistóricos [...]”A conjunção sublinhada confere à frase em que se insere um sentido deA) concessão.B) condição.C) explicação.D) oposição. (porém = mas = ideia de oposição)Questão 9“Precisamos ser capazes (qualifica nós, sujeito do verbo precisar) de identificaros novos (qualifica desafios) desafios que emergem da realidade global(qualifica realidade), marcada por uma crise profunda (qualifica crise), que éeconômica (qualifica crise), ambiental (qualifica crise)e também de culturapolítica (qualifica cultura).”Das palavras sublinhadas, as que exercem nessa frase uma funçãoqualificativa são em número de (função qualificativa = adjetivos ou locuçõesadjetivas)A) apenas uma palavra.B) quatro palavras.C) seis palavras.D) sete palavras.Questão 10“[...] é preciso ter sabedoria e coragem para usá-los da maneira correta.” Opronome sublinhado nessa frase pode ser adequadamente classificado comoA) demonstrativo.B) indefinido.C) pessoal. (los = os + L, pois os verbos que terminam com R, S e Z [usarR]exigem que se coloque o L antes do pronomes PESSOAIS OBLÍQUOS: o, os,a, as)D) possessivo.

×