Sintaxe da Regência  Professora Fernanda Braga
Chama-se regência a parte da gramática quecuida das relações de dependência existentesentre os termos na oração ou entre a...
Quero que me ajude.Regente        RegidoDeterminado    DeterminanteSubordinante   SubordinadoPrincipal      Dependente
Em português, há dois tipos de regência:A – Regência Nominal – o termo regente éum nome (substantivo, adjetivo ou advérbio...
Agiu contrariamente ao regulamento.      Termo regente        Termo regido       Gostamos de futebol.       Termo regente ...
As relações de regência podem ser indicadas:A – Pela ordem que se dispõem os termos na oração;                   O leão ma...
As relações de regência podem ser indicadas:D – Sentido Lógico              Comprou os doces aquele rapaz.E – Concordância...
Em nossa língua, a ordem aparece frequentementecombinada a outro sinal (a concordância porexemplo), mas em certas construç...
Tanto as conjunções subordinativas integrantesquanto as subordinativas adverbiais ligam duasorações, subordinando uma à ou...
É importante observar que a mudança deregência de um determinado verbo às vezesacarreta mudança de sentido de uma frase.1 ...
Por outro lado, existem verbos que são usadosna mesma acepção com mais de uma regência.Meditar sobre um assunto.Meditar em...
Convém também atentar para alguns verbos que secaracterizam por apresentar uma determinadaregência na língua coloquial e o...
Quem pagou o vendedor? / Perdoarei o menino.Quem pagou ao vendedor? / Perdoarei ao menino.Mas:Perdoarei esse erro. / Quem ...
No estudo da regência verbal convém não esquecer osseguintes fatos:Quanto à transitividade os verbos são classificados em:...
O objeto indireto só não vem preposicionado quandoé expresso pelos pronomes pessoais oblíquos me,te, se, lhe, nos, vos e l...
Somente as preposições que ligam complementos a umverbo (objeto indireto) ou a um nome (complementonominal) estabelecem re...
Os verbos intransitivos podem, em certos casos, ser seguidosde objeto direto. De regra, isso se dá quando o substantivo,nú...
Muitas vezes, a regência de um verbo estende-se aos substantivos a aos adjetivos cognatos.Obedecer ao chefe.Obediência ao ...
Regências de Alguns VerbosVerbo       Sentido             Classificação   ExemploAspirar    - sorver, respirar   VTD      ...
Verbo         Sentido          Classificação   ExemploEsquecer e    -quando     não VTD              - Esqueci o aniversár...
Verbo          Sentido          Classificação    ExemploCustar         -exigir,         VTDI           - Este trabalho cus...
Verbo        Sentido               Classificação   ExemploPagar,       (quando o objeto é VTD                - Paguei a co...
Verbo         Sentido                Classificação   ExemploSimpatizar    exige a preposição     VTI             - Nunca s...
REGÊNCIA NOMINAL    Alguns nomes (substantivos, adjetivos eadvérbios) podem apresentar problemas deregência. Esses problem...
VERBO      PREPOSIÇÃO   EXEMPLO:ACOSTUMA   a, com       Já estamos     acostumados    a   essaDO                      situ...
VERBO        PREPOSIÇÃO          EXEMPLO:AMOR         a, para, com, por   Um elo liga filha a mãe: “amor a fazer          ...
VERBO        PREPOSIÇÃO   EXEMPLO:IGUAL        a            Meu relatório acabou ficando igual ao                         ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Cefet/Coltec - Extensivo Aula 20 regência

894 visualizações

Publicada em

Cefet/Coltec - Extensivo Aula 20 regência

  1. 1. Sintaxe da Regência Professora Fernanda Braga
  2. 2. Chama-se regência a parte da gramática quecuida das relações de dependência existentesentre os termos na oração ou entre as oraçõesno período composto. (Quero sua ajuda.)Regente RegidoDeterminado DeterminanteSubordinante SubordinadoPrincipal Dependente
  3. 3. Quero que me ajude.Regente RegidoDeterminado DeterminanteSubordinante SubordinadoPrincipal Dependente
  4. 4. Em português, há dois tipos de regência:A – Regência Nominal – o termo regente éum nome (substantivo, adjetivo ou advérbio)B – Regência Verbal – o termo regente é overbo. (e o termo regido pode ou não serpreposicionado)
  5. 5. Agiu contrariamente ao regulamento. Termo regente Termo regido Gostamos de futebol. Termo regente Termo regido
  6. 6. As relações de regência podem ser indicadas:A – Pela ordem que se dispõem os termos na oração; O leão matou o tigre.B – Pelas conjunções subordinativas, quando se trata de umperíodo composto. Desejo que ele seja feliz.C – Pelas preposições, cuja função é justamente a de ligarpalavras, estabelecendo entre elas um nexo de dependência; Confio em você.
  7. 7. As relações de regência podem ser indicadas:D – Sentido Lógico Comprou os doces aquele rapaz.E – Concordância Os rapazes a deixaram irritada. Eles a deixaram irritados.F – Forma assumida pelos pronomes pessoais Eu o vi ontem.
  8. 8. Em nossa língua, a ordem aparece frequentementecombinada a outro sinal (a concordância porexemplo), mas em certas construções, ela podetornar-se a única marca indicadora das relaçõesentre as palavras. Observe: O pai matou o filho. Regente Regido
  9. 9. Tanto as conjunções subordinativas integrantesquanto as subordinativas adverbiais ligam duasorações, subordinando uma à outra. Não sabíamos se ela era inocente.Regente Conj. RegidoDeterminado Subordinativa DeterminanteSubordinante SubordinadoPrincipal Dependente
  10. 10. É importante observar que a mudança deregência de um determinado verbo às vezesacarreta mudança de sentido de uma frase.1 - Uma junta médica assistiu o paciente.2 - Assisti ao campeonato brasileiro pela TV.3 - Tal direito assiste ao trabalhador.4 - “ Mestre, onde assistes?”
  11. 11. Por outro lado, existem verbos que são usadosna mesma acepção com mais de uma regência.Meditar sobre um assunto.Meditar em um assunto.E podem existir ainda, alguns verbos quemudam de significação sem variar de regência.A revolução implicou profundas reformas sociais.(produziu)Democracia implica responsabilidade e certa disciplina. (exige)
  12. 12. Convém também atentar para alguns verbos que secaracterizam por apresentar uma determinadaregência na língua coloquial e outra na “língua culta”.Iremos em Salvador. / O barco chegou no cais.Iremos a Salvador. / O barco chegou ao cais.Ele obedece os pais. / Nunca desobedeci você.Ele obedece aos pais. / Nunca desobedeci a você.Assisti um bom filme. / Prefiro passeios do que festas.Assisti a um bom filme. / Prefiro passeios a festas.
  13. 13. Quem pagou o vendedor? / Perdoarei o menino.Quem pagou ao vendedor? / Perdoarei ao menino.Mas:Perdoarei esse erro. / Quem pagou os ingressos.“Perdoe as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossosdevedores.”“Perdoa as nossas ofensas ,assim como nós temos perdoado aos quenos tem ofendido.”“E perdoa-nos as nossas ofensas, assim como nós temos perdoado aquem nos tem ofendido”
  14. 14. No estudo da regência verbal convém não esquecer osseguintes fatos:Quanto à transitividade os verbos são classificados em:Transitivos diretosTransitivos indiretosTransitivos diretos e indiretosIntransitivos*Embora a classificação de um verbo possa variar.O bebê ainda não fala. / Ele só fala mentiras. / Quero falar com você.
  15. 15. O objeto indireto só não vem preposicionado quandoé expresso pelos pronomes pessoais oblíquos me,te, se, lhe, nos, vos e lhes.A resposta interessava-lhe.Pertencem-te todos aqueles presentes.Isto me convém.Filhos, obedeçam-nos sempre.Esse direito não lhe assiste.Aquele filme não lhe agradou?
  16. 16. Somente as preposições que ligam complementos a umverbo (objeto indireto) ou a um nome (complementonominal) estabelecem relações de regência. Por isso,convém distingui-las, com clareza, das que encabeçamadjuntos adnominais ou adjuntos adverbiais.“Mergulhei numa comprida manhã de inverno.” (Graciliano R.)Devemos trabalhar para nosso progresso.A mulher se queixou do patrão à polícia.
  17. 17. Os verbos intransitivos podem, em certos casos, ser seguidosde objeto direto. De regra, isso se dá quando o substantivo,núcleo do objeto, é formado da mesma raiz ou contém osentido fundamental do verbo.Viver a vida.Chorar lágrimas de amargura.Boas criaturas jamais sonham sonhos ruins.Esse tipo de objeto direto é também chamado interno ouintrínseco.
  18. 18. Muitas vezes, a regência de um verbo estende-se aos substantivos a aos adjetivos cognatos.Obedecer ao chefe.Obediência ao chefe.Obediente ao chefe.Contentar-se com a sorte.Contentamento com a sorte.Contente com a sorte.
  19. 19. Regências de Alguns VerbosVerbo Sentido Classificação ExemploAspirar - sorver, respirar VTD - Ele aspirou muita fumaça durante - pretender, VTI o incêndio. desejar - Todas as pessoas aspiram ao sucesso.Assistir - ver, presenciar VTI - Ele assistiu ao jogo na casa da - dar assistência VTD sogra. - morar VI - O médico assistiu o doente com presteza. - Naquela época, ele assistia em PernambucoAgradar - fazer carinho VTD - Aproximou-se e tentou agradar o - satisfazer VTI filho. - O aumento no preço dos combustíveis não agradou ao consumidor
  20. 20. Verbo Sentido Classificação ExemploEsquecer e -quando não VTD - Esqueci o aniversário dele.Lembrar pronominais - Lembrei o nome dele -quando VTI - Esqueci-me do aniversário dele pronominais - Lembrei-me do nome dele. (exigem a preposição “de”)Chegar e Ir -exigem a VI -Chegou ao casamento vinte minutos preposição “a” atrasado. quando indicam - Foi à festa na casa dos milionários. lugarMorar e - exigem adjunto VI - Moro na rua São Paulo.Residir adverbial - Residia na Av. Bárbara Coelho de com a Brito, 983. preposição “em”
  21. 21. Verbo Sentido Classificação ExemploCustar -exigir, VTDI - Este trabalho custou-me sacrifícios custou acarretar VTI (3ª pessoa -Custou-me acreditar na sua história. Custou trabalho do singular + -ser custoso, sujeito difícil oracional)Implicar - acarretar VTD - Sua atitude implicará demissão. -ter VTI -O professor implicava com a aluna. implicânciaInformar - dar notícias VTDI -A diretoria informou ao funcionário(avisar, a demissão.comunicar, -A diretoria informou o funcionáriocientificar) da demissão.Namorar VTD - Ele namora minha prima há dois anos.Obedecer e (exigem a VTI -No Brasil, ninguém obedece àDesobedecer preposição sinalização. “a”) -Todos devem obedecer ao regulamento
  22. 22. Verbo Sentido Classificação ExemploPagar, (quando o objeto é VTD - Paguei a conta.Perdoar e coisa) - Perdoei a agressãoAgradecer. - Agradeci o convite. (quando o objeto é pessoa) VTI - Pagarei ao garçom. - Perdoei ao meu namorado. - Agradecemos ao gerente.Preferir - querer antes VTD e I - Prefiro o amor à guerra. (não se usa a locução (com a -Prefiro ficar em casa a sair com “do que” com este preposição “a”). aquele troglodita. verbo)Querer - desejar VTD - Ele queria o carro a qualquer - estimar VTI custo. - Quero muito bem aos meus colegas.
  23. 23. Verbo Sentido Classificação ExemploSimpatizar exige a preposição VTI - Nunca simpatizei com aAntipatizar “com”; diretora da escola. não são pronominais)Visar -mirar VTD -Visou o alvo e atirou. -dar visto VTD -O agente acabou visando o -Objetivar VTI cheque -As medidas visam a diminuir a inflação
  24. 24. REGÊNCIA NOMINAL Alguns nomes (substantivos, adjetivos eadvérbios) podem apresentar problemas deregência. Esses problemas, na maioria doscasos, só podem ser resolvidos mediante àconsulta a um dicionário especializado. Apesardisso, apresentamos uma lista com algunsnomes e suas preposições.
  25. 25. VERBO PREPOSIÇÃO EXEMPLO:ACOSTUMA a, com Já estamos acostumados a essaDO situação.ADAPTADO a Nunca esteve tão adaptado à função.AFLITO com, por Não vale a pena ficar aflito com coisa tão insignificante.ALHEIO a Alheio à vontade popular, o governo continua sem implantar a reforma agrária.ALIENADO de Alienado dos problemas sociais, só pensava em ganhar dinheiro.ALUSÃO a Assisti ontem ao filme a que fizeste alusão.
  26. 26. VERBO PREPOSIÇÃO EXEMPLO:AMOR a, para, com, por Um elo liga filha a mãe: “amor a fazer compras”.ANTIPATIA a, contra, por Nutria verdadeira antipatia pelos negócios.APAIXONADO por Eu sou apaixonado por poesia.APTO para, a O aluno considerava-se apto para o cargo.COMPATÍVEL com Este trabalho não é compatível com a sua função.GRATO a Se o seu marido lhe comprar flores inesperadamente, mostre-se grata a ele.
  27. 27. VERBO PREPOSIÇÃO EXEMPLO:IGUAL a Meu relatório acabou ficando igual ao seu.IMUNE a Imune às críticas, ele continuava seu trabalho.PASSÍVEL de Todos os projetos são passíveis de modificação.PREFERÍVEL a O silêncio é preferível à leviandade das palavras.PROPENSO a, para Não estava propenso a viajar tanto.RESIDENTE em Pessoas residentes em centros urbanos sofrem com a poluição.VINCULADO a Seu futuro na empresa estava vinculado ao da esposa.

×