Afetividade no Exercício da
Tutoria
Ensinar e Aprender em EaD
por
Adriane das Neves Silva
Como estabelecer vínculos entre cursistas e docentes na
modalidade a distância?
O afeto impulsiona a aprendizagem e favorece a realização
pessoal do educador e do educando, sendo impossível
combater a i...
O Papel das Relações Afetivas na EaD
A comunicação afetuosa entre alunos estimula o
aprendizado, trás mais confiança aos e...
Através das mediações o tutor se faz presente no ensino a
distância, à medida que a comunicação é efetiva, o aluno é
estim...
As palavras têm grande influência na motivação e na
ação dos alunos.
"Ensinar" na EAD é também ensinar a estudar e
estimul...
"Há murros que só a paciência derruba. E há pontes que só o
carinho Constrói" (Cora Coralina).
Que estratégias pedagógicas podem ser utilizadas em
ambientes virtuais de aprendizagem para potencializar as
relações afet...
A Educação a distância não pode ser isolamento.
O uso das ferramentas da educação a distância representa a liberdade para
...
# O desafio do tutor em estabelecer vínculos afetivos com os alunos;
# A responsabilidade de estimular e incentivar as rel...
Referências Bibliográficas
1. Chalita, G. Educação: a solução está no afeto, São Paulo, Editora Gente, 2001 1ª
edição, 200...
Afetividade no exercício da tutoria
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Afetividade no exercício da tutoria

142 visualizações

Publicada em

Contribuição para reflexão

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
142
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Afetividade no exercício da tutoria

  1. 1. Afetividade no Exercício da Tutoria Ensinar e Aprender em EaD por Adriane das Neves Silva
  2. 2. Como estabelecer vínculos entre cursistas e docentes na modalidade a distância?
  3. 3. O afeto impulsiona a aprendizagem e favorece a realização pessoal do educador e do educando, sendo impossível combater a insensibilidade, o desrespeito, a falta de solidariedade, a apatia, a não ser pela via do afeto. Gabriel Chalita (2004)
  4. 4. O Papel das Relações Afetivas na EaD A comunicação afetuosa entre alunos estimula o aprendizado, trás mais confiança aos envolvidos neste processo. E um fator extremamente importante é a comunicação.
  5. 5. Através das mediações o tutor se faz presente no ensino a distância, à medida que a comunicação é efetiva, o aluno é estimulado a autoconfiança e segurança. A palavra têm grande influência na motivação e na ação dos alunos, considerando essa premissa como o tutor pode influenciar positivamente ou negativamente o aluno.
  6. 6. As palavras têm grande influência na motivação e na ação dos alunos. "Ensinar" na EAD é também ensinar a estudar e estimular a autonomia.
  7. 7. "Há murros que só a paciência derruba. E há pontes que só o carinho Constrói" (Cora Coralina).
  8. 8. Que estratégias pedagógicas podem ser utilizadas em ambientes virtuais de aprendizagem para potencializar as relações afetivas entre os participantes, possibilitando um ambiente acolhedor e humanizado?  Dinâmicas para fóruns de apresentação  Utilização de imagens e vídeos nas propostas pedagógicas  Atividades em grupo  Condução da tutoria
  9. 9. A Educação a distância não pode ser isolamento. O uso das ferramentas da educação a distância representa a liberdade para que o estudante maior aproximação com o professor/tutor, estimulando o relacionamento no grupo.
  10. 10. # O desafio do tutor em estabelecer vínculos afetivos com os alunos; # A responsabilidade de estimular e incentivar as relações afetivas nos ambientes virtuais de aprendizagem; # A afetividade como fator fundamental no processo educativo; # O afeto como mola propulsora para a interação; # O uso da palavra é fundamental para as relações afetivas; # A experiência do uso de ferramentas na educação a distância, com destaque do whatsapp. "Comunicar é quebrar barreiras, pois estimula autoconfiança e segurança no indivíduo" (SILVA e CARVALHO, 2014)
  11. 11. Referências Bibliográficas 1. Chalita, G. Educação: a solução está no afeto, São Paulo, Editora Gente, 2001 1ª edição, 2004 edição revista e atualizada. 2. Netto, CM; Perpétuo, DGAM. Estratégias para Construção de Relações Afetivas em Ambientes Virtuais de Aprendizagem http://www.abed.org.br/congresso2010/cd/252010085045.pdf 3. Silva, FM. Carvalho, VS . O Papel das Relações Afetivas na Educação a Distância no Ensino Superior http://www.abed.org.br/hotsite/20-ciaed/pt/anais/pdf/28.pdf

×