Neoclassicismo
Profª Priscila Silva
História da Arte
ORIGEM
 Nas duas últimas décadas do século XVIII e
nas três primeiras do século XIX, uma nova
tendência estética predomin...
Revolução Francesa
 Revolução Francesa era o nome dado ao conjunto de
acontecimentos que, entre 5 de maio de 1789 e 9 de
...
DEFINIÇÃO
 Esse estilo chamou-se Neoclassicismo
porque retomou os princípios da arte da
Antiguidade greco-romana.
 A out...
 De acordo com a tendência
neoclássica, uma obra de arte só seria
perfeitamente bela na medida em que
imitasse não as for...
 E esse trabalho de imitação só era
possível través de um cuidadoso
aprendizado das técnicas e convenções
da arte clássic...
O Panteão de Paris
Porta de Brandemburgo, em Berlim.
A pintura do neoclassicismo
 A pintura desse período foi inspirada
principalmente na escultura clássica grega e na
pintur...
 Durante o governo de Napoleão, registrou
fatos históricos ligados à vida do
imperador, dentre os quais estão, por
exempl...
Bonaparte
Atravessando os Alpes
(1801), de
Jacques Louis David.
Dimensões: 272 cm
x 232 cm.
Museu de
Versalhes, Paris.
 A Morte de Marat
(1793),
 de Jacques Louis
David.
 Dimensões: 163
cm x 126 cm.
 Museu Real de
 Belas-
Artes, Bruxela...
Jean Auguste Dominique Ingres
 Já no século XIX, quando outras tendências
artísticas marcavam fortemente os pintores
da é...
 Ingres soube registrar a fisionomia da
classe burguesa do seu
tempo, principalmente no seu gosto pelo
poder e na sua con...
 Por outro lado, Ingres revela um inegável
apuro técnico na pintura do nu. Sua
célebre tela Banhista de Valpinçon é um
te...
Neoclassicismo
Neoclassicismo
Neoclassicismo
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Neoclassicismo

1.629 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.629
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
93
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
45
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Neoclassicismo

  1. 1. Neoclassicismo Profª Priscila Silva História da Arte
  2. 2. ORIGEM  Nas duas últimas décadas do século XVIII e nas três primeiras do século XIX, uma nova tendência estética predominou nas criações dos artistas europeus.  Trata-se do Academicismo ou Neoclassicismo, que expressou os valores próprios de uma nova e fortalecida burguesia, que assumiu a direção da sociedade européia após a Revolução Francesa e principalmente com o império de Napoleão.
  3. 3. Revolução Francesa  Revolução Francesa era o nome dado ao conjunto de acontecimentos que, entre 5 de maio de 1789 e 9 de novembro de 1799, alteraram o quadro político e social da França. Em causa estavam o Antigo Regime e a autoridade do clero e da nobreza.  Foi influenciada pelos ideais do Iluminismo e da Independência Americana (1776). Está entre as maiores revoluções da história da humanidade.  A Revolução é considerada como o acontecimento que deu início à Idade Contemporanea. Aboliu a servidao e os direitos feudais e proclamou os princípios universais de “Liberdade, Igualdade e Fraternidade", frase de autoria de Jean-Jacques Rousseau.  Para a França, abriu-se em 1789 o longo período de convulsões políticas do século XIX, fazendo-a passar por várias repúblicas, uma ditadura, uma monarquia constitucional e dois impérios.
  4. 4. DEFINIÇÃO  Esse estilo chamou-se Neoclassicismo porque retomou os princípios da arte da Antiguidade greco-romana.  A outra denominação - Academicismo- deveu-se ao fato de que as concepções artísticas do mundo greco-romano tornaram-se os conceitos básicos para o ensino das artes nas academias mantidas pelos governos europeus.
  5. 5.  De acordo com a tendência neoclássica, uma obra de arte só seria perfeitamente bela na medida em que imitasse não as formas da natureza, mas as que os artistas clássicos gregos e os renascentistas italianos já haviam criado.
  6. 6.  E esse trabalho de imitação só era possível través de um cuidadoso aprendizado das técnicas e convenções da arte clássica.
  7. 7. O Panteão de Paris
  8. 8. Porta de Brandemburgo, em Berlim.
  9. 9. A pintura do neoclassicismo  A pintura desse período foi inspirada principalmente na escultura clássica grega e na pintura renascentista italiana, sobretudo em Rafael, mestre inegável do equilíbrio da composição e da harmonia do colorido.  O maior representante da pintura neoclássica é, sem dúvida, Jacques Louis David (1748-1825).  Ele nasceu em Paris e foi considerado o pintor da Revolução Francesa; mais tarde, tornou-se o pintor oficial do Império de Napoleão.
  10. 10.  Durante o governo de Napoleão, registrou fatos históricos ligados à vida do imperador, dentre os quais estão, por exemplo, a sua coroação e a travessia dos Alpes.  David, sem dúvida, exerceu uma grande influência na pintura de seu tempo. Suas obras geralmente expressam um vibrante realismo, mas algumas delas exprimem fortes emoções, como é o caso do quadro que retrata a morte de seu amigo Marat.
  11. 11. Bonaparte Atravessando os Alpes (1801), de Jacques Louis David. Dimensões: 272 cm x 232 cm. Museu de Versalhes, Paris.
  12. 12.  A Morte de Marat (1793),  de Jacques Louis David.  Dimensões: 163 cm x 126 cm.  Museu Real de  Belas- Artes, Bruxelas.
  13. 13. Jean Auguste Dominique Ingres  Já no século XIX, quando outras tendências artísticas marcavam fortemente os pintores da época, Jean Auguste Dominique Ingres (1780-1867) conservava uma acentuada influência neoclássica, herdada de seus mestres, sobretudo de David, cujo ateliê freqüentou em 1797.  Sua obra abrange, além de composições mitológicas e literárias, nus, retratos e paisagens, mas a crítica moderna vê nos retratos e nus o seu trabalho mais admirável.
  14. 14.  Ingres soube registrar a fisionomia da classe burguesa do seu tempo, principalmente no seu gosto pelo poder e na sua confiança na individualidade. Exemplo disso é o Retrato de Louis François Bertin, que nos põe diante de um vivo representante do homem do século XIX.  O retratado é visto com ausência de qualquer fantasia. As cores são poucas e os contornos nítidos. A pintura expressa a firmeza e a determinação do personagem que olha o observador diretamente.
  15. 15.  Por outro lado, Ingres revela um inegável apuro técnico na pintura do nu. Sua célebre tela Banhista de Valpinçon é um testemunho disso.  Nessa obra fica evidente o domínio dos tons claros e translúcidas para a representação da pele e o domínio do desenho, uma das características mais fortes de Ingres.

×