Projeto tratamento de lixo piloto sairé

4.712 visualizações

Publicada em

A adoção de uma unidade de triagem e compostagem (UTC) com aterro de rejeitos na cidade de Sairé, em Pernambuco, projeto piloto , implantado pelo ICE, é um exemplo de tratamento adequado para os resíduos sólidos nas cidades de pequeno e médio porte.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.712
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
113
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
99
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto tratamento de lixo piloto sairé

  1. 1. Projeto : Tratamento adequado de Resíduos Sólidos
  2. 2. <ul><li>Objetivo do Projeto : </li></ul><ul><li>Promover o correto gerenciamento integrado dos resíduos sólidos urbanos nas Cidades de pequeno e médio porte </li></ul>
  3. 3. <ul><li>Etapas do projeto : </li></ul><ul><li>- Efetuar levantamento da atual situação dos municípios (existência de aterros / lixões / etc.) </li></ul><ul><li>- Elaborar dados referentes `a geração de resíduos sólidos por Município / Micro Região. </li></ul><ul><li>- Avaliar a possibilidade técnica de formação de consórcios entre pequenas cidades da mesma Micro Região para construção e manutenção de aterros /estação de tratamento / reciclagem </li></ul><ul><li>- Promover encontros, em parceria com Órgão Ambiental, com representantes dos Municípios pertencentes às diversas Micro Regiões dos Estados. Propor soluções , demonstrando beneficio social / ambiental / financeiro (ICMS Socioambiental) e a necessidade de adequação à Legislação </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Etapas do projeto : </li></ul><ul><li>Elaborar anteprojetos para os Municípios que desejem realizar parceria com o ICE </li></ul><ul><li>Confecção dos projetos </li></ul><ul><li>Acompanhamento da execução dos projetos </li></ul><ul><li>Realizar , em parceria com o Município, mobilização da Sociedade local para a importância do projeto e coleta seletiva dos rejeitos, envolvendo escolas e associações locais </li></ul><ul><li>Capacitação dos catadores de lixo , incluindo-se a criação de cooperativa </li></ul><ul><li>Acompanhamento da fase inicial de funcionamento da estação </li></ul>
  5. 5. <ul><li>População Urbana – Municípios Brasileiros </li></ul><ul><li>80% dos Municípios brasileiros tem 30.000 habitantes ou menos, ou seja , 4.500 cidades. </li></ul><ul><li>Projeto piloto , implantado pelo ICE na cidade de Sairé – PE e´ um exemplo de tratamento adequado para os resíduos sólidos nas cidades de pequeno e médio porte. </li></ul>
  6. 6. SAIRÉ : UM PROJETO SUSTENTÁVEL ECONOMICA E SOCIALMENTE   GERENCIAMENTO INTEGRADO DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS Município de Sairé - PE
  7. 7. SAIRÉ - PERNAMBUCO
  8. 8. <ul><li>QUAIS SISTEMAS DE TRATAMENTO DE LIXO PODERIAM SER ADOTADOS NO MUNICÍPIO DE SAIRÉ – PE? </li></ul><ul><li>SOLUÇÕES USUAIS </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>Aterro Sanitário </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>Incineração </li></ul><ul><li>Reciclagem </li></ul><ul><li>Resíduos Orgânicos – Compostagem </li></ul><ul><li>Resíduos ‘Inertes’ – Papéis, Metais, Vidros, Plásticos etc. </li></ul>
  9. 9. <ul><li>ATERRO SANITÁRIO </li></ul><ul><li>Para apenas cinco (05) anos iria requerer uma área de 3,16 ha o que permitiria enterrar um volume de 42.147 m 3 de lixo. Após este período outra área seria necessária. </li></ul><ul><li>Caso fossem enterrados somente os rejeitos da UTC (2,77 t/dia). Precisar-se-ia, somente de 33,6% desta área (1,06 ha) para o mesmo período de 5 anos, Enterrando apenas 14.161 m³ de rejeito. </li></ul><ul><li>INCINERAÇÃO </li></ul><ul><li>Alto Custo (Implantação e Manutenção) </li></ul><ul><li>Mão de Obra especializada </li></ul><ul><li>Vulnerável quanto à Poluição Ambiental (Poluição por Dioxinas e Furanos) </li></ul><ul><li>   </li></ul><ul><li>COMPOSTAGEM </li></ul><ul><li>Só resolve o problema da matéria orgânica </li></ul>
  10. 10. Por que adotar a Unidade de Triagem e Compostagem (UTC) com Aterro de Rejeitos, para tratamento de resíduos sólidos urbanos em Sairé?
  11. 11. <ul><li>TRIAGEM E COMPOSTAGEM COM ATERRO DE REJEITOS </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>Sistema Comprometido com a Proteção Ambiental </li></ul><ul><li>Propicia a Economia de Energia e Recursos Naturais </li></ul><ul><li>Proteção à Saúde Pública </li></ul><ul><li>Cria Oportunidades de Empregos e de Negócios </li></ul><ul><li>Aumenta a Vida Útil da Área do Aterro </li></ul><ul><li>Recicla Resíduos Reintroduzindo-os no Processo Produtivo </li></ul><ul><li>Porque os resíduos gerados apresentam elevado potencial de reintegração ambiental, em torno de 50% (ver balanço de massa) </li></ul><ul><li>Para acabar com o lixão existente no município e suas consequências </li></ul><ul><li>Por ser um sistema de tratamento, e não só de destinação final </li></ul>
  12. 12. <ul><li>TRIAGEM E COMPOSTAGEM COM ATERRO DE REJEITOS </li></ul><ul><li>Por ser uma solução de baixo custo se comparada a outros processos que trazem benefícios para a saúde pública e ao ambiente </li></ul><ul><li>Por ser uma solução que suscitará no município várias outras atividades a exemplo de: </li></ul><ul><li>- mobilização e participação da comunidade </li></ul><ul><li>- implantação de projetos agregados </li></ul><ul><li> coleta seletiva </li></ul><ul><li> horta comunitária </li></ul><ul><li> horto florestal </li></ul><ul><li> laboratório de ciências (UTC) </li></ul><ul><li> oficina de reciclagem, etc. </li></ul>
  13. 13. CARACTERÍSTICAS BÁSICAS DA UTC DE SAIRÉ - PE <ul><li>POPULAÇÃO </li></ul><ul><li>População Urbana: 6.305 habitantes ( Censo 2010 ) </li></ul><ul><li>População futura: 13.000 (ano 2025) </li></ul><ul><li>PRODUÇÃO DE LIXO </li></ul><ul><li>Atual  3,82 t/dia </li></ul><ul><li>Futura  6,50 t/dia (alcance de projeto) </li></ul><ul><li>PRODUÇÃO DE MATÉRIA ORGÂNICA </li></ul><ul><li>Atual  2,64 t/dia </li></ul><ul><li>Futura  4,49 t/dia (alcance de projeto) </li></ul><ul><li>ÁREA TOTAL DO EMPREENDIMENTO </li></ul><ul><li>1,6 ha </li></ul>
  14. 14. <ul><li>FOTOS </li></ul>
  15. 15. <ul><li>FOTOS </li></ul>
  16. 16. <ul><li>FOTOS </li></ul>
  17. 17. <ul><li>FOTOS </li></ul>
  18. 18. <ul><li>RESULTADO OPERACIONAL </li></ul><ul><li>RECEITA ANUAL </li></ul><ul><ul><li>VENDA RECICLÁVEIS </li></ul></ul><ul><ul><li>VENDA ADUBO </li></ul></ul><ul><ul><li>ICMS SÓCIO-AMBIENTAL </li></ul></ul><ul><li>DESPESAS OPERACIONAIS </li></ul><ul><ul><li>FOLHA DE PAGAMENTO </li></ul></ul><ul><ul><li>ENERGIA, MANUTENÇÃO, ETC </li></ul></ul>
  19. 19. <ul><li>PRINCIPAIS BENEFÍCIOS DO PROJETO </li></ul><ul><li>   </li></ul><ul><li>BENEFÍCIOS À SAÚDE PÚBLICA </li></ul><ul><li>BENEFÍCIOS AMBIENTAIS </li></ul><ul><li>BENEFÍCIOS ECONÔMICOS </li></ul><ul><li>BENEFÍCIOS SOCIAIS </li></ul>
  20. 20. CONSTATAÇÕES E CONCLUSÕES <ul><li>80% dos Municípios brasileiros tem 30 000 hab. ou menos, ou seja, 4 500 Municípios. </li></ul><ul><li>Considerando-se um investimento de R$ 1 Milhão para a implantação de uma UTC e Aterro para disposição final dos resíduos, com apenas R$ 4.5 bilhão, resolveríamos o problema das pequenas e médias cidades. </li></ul><ul><li>Em 5 anos seria possível implantar, gerar milhares de empregos formais, resolver um sério problema de saúde pública e preservar o planeta. </li></ul><ul><li>Carece apenas de vontade política e capacidade de gestão. </li></ul>
  21. 21. INSTITUTO DE CO-RESPONSABILIDADE PELA EDUCAÇÃO JCPM TRADE CENTER Av. Engenheiro Antônio de Goes N° 60, 17° andar. Sala 1702. Recife – PE CEP 51010-000 Fone: (81) 3327-8582 www.icebrasil.org.br

×