Evolução - Lei do Uso e Desuso

5.051 visualizações

Publicada em

Teorias de Darwin e Lamark acerca da evolução

  • Seja o primeiro a comentar

Evolução - Lei do Uso e Desuso

  1. 1. EVOLUÇÃO X LEI DO USO E DESUSO AULAS 04 E 5 LIVRO 01 FRENTE 02 – AGOSTO 2011
  2. 2. DARWIN X LAMARK
  3. 3. JEAN BAPTISTE LAMARCK 1744 - 1829 SERES VIVOS OCORRE LEI DO ATROFIA OU INFLUÊNCIAS EXTINÇÃO DO USO E AMBIENTAIS ORGÃO DESUSO NECESSIDADE DE ADAPTAÇÃO
  4. 4. LAMARCK – Filosofia Zoológica• Os seres passavam de forma simples a mais complexas;• O ambiente gera a necessidade de adaptação para cada ser vivo;• O ser, estimulado pelo meio, utiliza mais algumas partes de seu organismo, do que outras. Concluiu que as partes menos utilizadas de cada organismo, desapareceriam cria então a “Lei do uso e desuso”.
  5. 5. Lei da herança dos caracteres adquiridos• Lamarck afirmava que, mudanças ocorridas ao longo de várias gerações, poderiam ocasionar drásticas alterações morfofisiológicas em uma determinada espécie, caracterizando um processo evolutivo.• Para refletir:• FENÓTIPO X EVOLUÇÃO X GENÓTIPO
  6. 6. FENÓTIPO X GENÓTIPO
  7. 7. Lei da herança dos caracteres adquiridos ???
  8. 8. g
  9. 9. CHARLES ROBERT DARWIN 1809-1882• 1859 – LANÇA O LIVRO ORIGEM DAS ESPÉCIES• AOS 22 ANOS SAI EM EXPEDIÇÃO POR CINCO ANOS A BORDO DO NAVIO HMS BEAGLE. NESTA ÉPOCA POSSUIA UMA VISÃO FIXISTA.• ATRAVESSOU OS OCEANOS ATLÂNTICO NORTE E SUL, ÍNDICO E PACÍFICO.• PERMANECEU POR MAIS TEMPO NAS ILHAS GALÁPAGOS
  10. 10. EXPEDIÇÃOHMS BEAGLE 1831 - 1836
  11. 11. ILHAS GALÁPAGOSOBSERVAÇÃO DA:ALIMENTAÇÃO,HABITAT EMORFOFISIOLOGIA DE CADA SER.
  12. 12. SELEÇÃO ARTIFICIAL REPRODUÇÃO ASSISTIDA DE ANIMAIS DOMÉSTICOS PRODUÇÃO DE SELEÇÃO ESCOLHA DENOVAS NINHADAS MATRIZES E “APRIMORADAS ARTIFICIAL PADREADORESGENÉTICAMENTE” PRODUÇÃO DE NINHADAS CONSTITUIDA POR SERES SELECIONADOS
  13. 13. CONCLUSÕES DE DARWIN
  14. 14. • SERES DE UMA ESPÉCIE APRESENTAM DIFERENÇAS ENTRE SI.• UMA ESPÉCIE TEM POTENCIALIDADE PARA APRESENTAR UM CRESCIMENTO EXPONENCIAL• HÁ UMA GRANDE LUTA PELA SOBREVIVÊNCIA E MUITOS SÃO ELIMINADOS.• APENAS ALGUNS SOBREVIVEM – OS MAIS ADAPTADOS.• O PRÓPRIO AMBIENTE REALIZA A SELEÇÃO NATURAL.
  15. 15. SELEÇÃO SEXUAL
  16. 16. ADAPTAÇÃO ATIVA E PASSIVA• LAMARCK• DEFENDIA A TEORIA DA ADAPTAÇÃO ATIVA – O INDIVÍDUO SE ADAPTA FORÇADAMENTE AS VARIAÇÕES AMBIENTAIS. (EXPRESSÃO FENOTÍPICA MARCANTE)• DARWIN• DEFENDIA A TEORIA DA ADAPTAÇÃO PASSIVA – O AMBIENTE PROMOVE A SELEÇÃO DOS MAIS ADAPTADOS.
  17. 17. FRASE DARWINISTA• O BEIJA-FLOR PODE ALCANÇAR O NÉCTAR NO FUNDO DA FLOR, PORQUE TEM O BICO LONGO.
  18. 18. FRASE LAMARCKISTA• O BEIJA-FLOR TEM BICO LONGO PARA ALCANÇAR O NÉCTAR DO FUNDO DAS FLORES.
  19. 19. NEO-DARWINISMOTEORIA SINTÉTICA DA EVOLUÇÃO EVOLUÇÃO GENÉTICA INFLUÊNCIAS AMBIENTAIS
  20. 20. VARIABILIDADE DA ESPÉCI E ADAPTAÇÃO RECOMBINAÇÃOMUTAÇÃO GENÉTICA
  21. 21. EXEMPLOS CLÁSSICOS DE NEO-DARWINISMO• DDT e os insetos – Aplicação contra piolhos; – Pragas agrícolas; – Aplicação contra vetores de doenças como malária e febre amarela; Resultado após alguns anos de aplicação: Resistência dos insetos ao princípio ativo do produto.
  22. 22. GRANDE REDUÇÃO PRIMEIRA NA POPULAÇÃO DE APLICAÇÃO DE DDTPOPULAÇÃO DE MOSQUITOS MOSQUITOS SEGUNDA MOSQUITOS APLICAÇÃO DE SOBREVIVEM DDT INÍCIO DO TRATAMENTO EFICÁCIA NO COM O ANTIBIOTICO TRATAMENTO COLÔNIAS DE BACTÉRIAS RESISTÊNCIA AO USO PROLONGADO DO MEDICAMENTO ANTIBIÓTICO PREVALECEM AS BACTÉRIAS MUTANTES

×