Gttp 2014 aula 1 definições

343 visualizações

Publicada em

aula ministrada pela profa rachel sobre as definições basicas em astronomia.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
343
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
15
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gttp 2014 aula 1 definições

  1. 1. Curso: GTTP – 2014 AULA 1 - DEFINIÇÕES BÁSICAS
  2. 2. ASTRONOMIA *(DO GREGO) = ASTRO = ESTRELAS , NOMOS = LEIS. ...”LEIS QUE REGEM AS ESTRELAS”... (É a Ciência que estuda o Universo.)
  3. 3. Medidas Astronômicas Unidade Astronômica = UA
  4. 4. Pergunta: Em que posição da linha do Tempo estamos neste exato momento? Passado Presente Futuro
  5. 5. Pergunta: Em que posição da linha do Tempo estamos neste exato momento? Passado Presente Futuro
  6. 6. Medidas Astronômicas *Ano-Luz = espaço percorrido por um raio de luz durante 1 ano a velocidade de aproximadamente 300.000 km por segundo (no vácuo). 1 a.l. = aproximadamente 10 trilhões de km. *(Medida de espaço e não de tempo!)
  7. 7. ESTRELA ASTRO QUE POSSUI LUZ PRÓPRIA. Sol Estrelas de nossa Galáxia
  8. 8. Imagine um Meteoro!!!
  9. 9. METEOROS E ASTEROIDES ASTEROIDE OU METEOROIDE = ASTRO DE TAMANHO VARIADO E DE FORMA IRREGULAR QUE ORBITA UMA ESTRELA. (Restos de formação do Sistema Planetário). GERALMENTE SE ENCONTRAM AGRUPADOS. METEORO = QUALQUER FENÔMENO ATMOSFÉRICO. (EX: VENTO,CHUVA,RELÂMPAGO.) ESTRIA = CAMINHO PERCORRIDO POR UM OBJETO NA ATMOSFERA. BÓLIDO = QUANDO OBSERVAMOS UMA EXPLOSÃO DO METEORÓIDE/ASTEROIDE OU NUCLEO COMETÁRIO NA ATMOSFERA. METEORITO = QUANDO O METEOROIDE/ASTEROIDE ATINGE A SUPERFÍCIE DE UM ASTRO.
  10. 10. Asteroide/Meteoroide (espaço) Meteoro (entrada na atmosfera) Meteoro (Estria) Bólido (explosão) Impacto Cratera Meteorito
  11. 11. Maior Meteorito Meteorito: Hoba West Data descoberta: 1920 Localidade: Grootfontein, Namíbia - África Peso: 60 toneladas Localização Atual: Inalterada Notas: O maior meteorito encontrado até agora. 2,7 m de comprimento por 2,4 m de largura
  12. 12. PLANETA Segundo a União Astronômica Internacional (IAU) para um astro ser considerado planeta é preciso: * Estar em órbita ao redor do Sol (uma estrela). * Ter forma determinada pelo equilíbrio hidrostático (arredondado) resultante do fato de que sua força de gravidade supera as forças de coesão dos materiais que o constituem. * Ser um objeto de dimensão predominante entre os objetos que se encontram em órbitas vizinhas. Portanto podemos definir que um planeta é um astro que não possui luz própria, com formato esférico, órbita regular e que esteja orbitando uma estrela em primeiro plano. Saturno Terra Vênus
  13. 13. Planeta Anão Para a União Astronômica Internacional (IAU), um astro é considerado planeta anão quando: * está em órbita ao redor do Sol (uma estrela). * possui forma determinada pelo equilíbrio hidrostático (arredondado) resultante do fato de que sua força de gravidade supera as forças de coesão dos materiais que o constituem. Portanto podemos definir que um planeta anão é um astro que está orbitando uma estrela e de formato esférico, mas não é dominante em sua órbita. Ceres, Plutão, Makemake, Haumea e Éris
  14. 14. SATÉLITE NATURAL ASTRO QUE NÃO POSSUI LUZ PRÓPRIA E QUE ESTEJA ORBITANDO UM PLANETA, PLANETA ANÃO OU UM ASTERÓIDE EM PRIMEIRO PLANO. Lua Asteroide Ida e seu companheiro Dáctyl
  15. 15. COMETAS PEQUENOS ASTROS QUE ORBITAM UMA ESTRELA E SÃO COMPOSTOS POR GASES E POEIRAS CONGELADOS. Cometa Hyakutake – 1996.
  16. 16. Partes de um cometa
  17. 17. Centauros São corpos semelhantes a asteroides mas com características de cometas., por exemplo, realizam sublimação de material quando próximos de seus periélios.
  18. 18. SISTEMA SOLAR (Sistema Planetário) CONJUNTO DE 8 PLANETAS, MAIS DE UMA CENTENA DE SATÉLITES NATURAIS, COMETAS, ASTERÓIDES, CENTAUROS, 5 PLANETAS ANÕES, GASES E POEIRAS QUE ORBITAM A ESTRELA SOL.
  19. 19. O Sistema Solar atual
  20. 20. NEBULOSA DO CONE
  21. 21. Constelação Constelação é uma área internacionalmente definida da esfera celeste. (OBS.: as estrelas de uma mesma constelação, em geral, não estão próximas fisicamente uma das outras).
  22. 22. Asterismo Representação artística. Há 88 constelações reconhecidas pela União Astronômica Internacional (UAI) desde 1922..
  23. 23. GALÁXIA CONJUNTO DE BILHÕES DE SISTEMAS PLANETÁRIOS, NEBULOSAS, AGLOMERADOS ESTELARES , GASES E POEIRAS CÓSMICA, ORBITANDO UM CENTRO DE GRAVIDADE COMUM. Galáxia de Andrômeda
  24. 24. UNIVERSO (COSMOS) É O CONJUNTO DE MILHÕES DE GALÁXIAS CONHECIDAS HOJE.
  25. 25. http://pt.slideshare.net/Planetario_Johannes_Kepler Endereço para baixar os slides deste curso: Obrigado !!!
  26. 26. Agradecimentos: Thiago Wenzler Coordenador Administrativo Dr. Marcos Calil Coordenador Científico Profa. Mestre Rachel Zuchi Coordenadora Pedagógica Prof. Mestrando Emerson R. Perez Educador Eng. Mauro Kanashiro Educador E a toda equipe do Planetário Johannes Kepler Obs.: Fontes das imagens = www.google.com.br/imagens
  27. 27. Rua Juquiá, 135 (altura) Santo André – SP /sabina.planetario .sabina.org.br 44222000 sabina@santoandre.sp.gov.br

×