Curso: O céu das 4 Estações! - Aula 2 de 3.

654 visualizações

Publicada em

Mini curso ministrado em julho de 2013, por Emerson R. Perez, no Planetário e Teatro Digital Johannes Kepler, localizado em Santo André (SP)

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
654
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
46
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Curso: O céu das 4 Estações! - Aula 2 de 3.

  1. 1. O Céu das 4 Estações! Aula 2: Praticas de reconhecimento de céu.
  2. 2. Definições • Horizonte = Limite entre um planalto circular e nossa visão (limita a Esfera Celeste com a Terra em nossa linha de visão direta horizontal.) • Zênite = Ponto acima da cabeça de um observador. • Nadir = Ponto abaixo dos pés de um observador. • Vertical = Linha imaginária que liga o Zênite e o Nadir, passando pelo observador.
  3. 3. Definições Eclíptica = Plano da órbita terrestre. É o caminho aparente percorrido pelo Sol na esfera celeste durante o ano devido ao movimento de Translação da Terra. Equador Celeste = Projeção do Equador da Terra na esfera celeste. Polo Celeste Sul e Polo Celeste Norte = Projeção do eixo de rotação da Terra na esfera celeste.
  4. 4. Definições • Zodíaco = Círculo de animais. • Linha do Zodíaco = Linha da Eclíptica. “Atravessa” 13 constelações na esfera celeste. • Constelações Zodiacais = São as 13 constelações “cortadas” pela Linha do Zodíaco.
  5. 5. • Uma mesma estrela, observada num mesmo local e horário, aparece e desaparece 4 min mais cedo a cada dia. • Este movimento é provocado pelo movimento de Translação (revolução) da Terra em torno do Sol. • Velocidade Média na Revolução = 29,7 km/seg. • ( 106.920 km/h ) • Período Revolução = 365 dias 5 h e 48 min.=> (Origem do ano bissexto). A Terra percorre em sua órbita, cerca de 1 /dia, ou seja em 1 ano, percorrerá os 360 . Então, uma mesma estrela estará no mesmo local, dia e hora em 1 ano depois! Movimento Aparente Anual
  6. 6. • Podemos perceber visualmente que o Sol não nasce sempre no mesmo local e consequentemente também não se põe em um mesmo local todos os dias do ano. • Isso acontece devido a inclinação do eixo de rotação de nosso planeta. • Inclinação do eixo = 23 27’. • Obs.: esta inclinação do eixo é referente a uma perpendicular ao plano de sua órbita (Eclíptica). Nascer e Pôr do Sol
  7. 7. Agradecimentos: Thiago Wenzler Coordenador Administrativo Prof. Marcos Calil Coordenador Científico Profa. Mestre Rachel Zuchi Coordenadora Pedagógica Prof. Mauro Kanashiro Educador E a toda equipe do Planetário Johannes Kepler Obs.: Fontes das imagens = www.google.com.br/imagens
  8. 8. Rua Juquiá, 135 (altura) Santo André – SP /sabina.planetario .sabina.org.br 44222000 sabina@santoandre.sp.gov.br

×