SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 16
Ética e
Fisioterapia na
UTI
Questão de atitude
Universidade
Federal da
Paraíba
Cynthia Coelho
Petra Rodrigues
Rayra Mayrla
Rosil Rodrigues
Wanessa kallyne
Ysabelle Chaves
Ética e Fisioterapia
na UTI
Questão de atitude
Centro de Ciências da Saúde
Departamento de Fisioterapia
Disciplina: Ética, Bioética e
Deontologia em Fisioterapia
Prof.ª: Palloma Andrade
Outubro 25, 2012
Histórico – Fisioterapia na UTI
 Décadas de 1940 e 1950:
 Assistência ventilatória não invasiva
 2001:
 COFFITO reconhece os primeiros cursos de
fisioterapia intensiva no Brasil
Quais as funções exercidas
pelo Fisioterapeuta na UTI?
 Avalia as funções gerais e respiratórias
traçando um plano de cuidados
individuais
 Gerenciamento do sistema respiratório
 Manutenção das funções vitais de
diversos sistemas corporais
 Otimização do suporte ventilatório
 Trabalha a força dos músculos
Relação Terapeuta x Paciente
 Consentimento livre e esclarecido
 “(...)Art 7º: São deveres do fisioterapeuta e do
terapeuta ocupacional nas respectivas áreas de
atuação:
VI – respeitar o direito do cliente de decidir sobre sua
pessoa e seu bem estar.(...)
 (...) Art 8º: É proibido ao fisioterapeuta e ao
terapeuta ocupacional nas suas respectivas áreas
de atuação:
V – recomentar, prescrever e executar tratamento ou
nele colaborar, quando:
d) Praticado sem o consentimento do cliente ou de seu
representante legal ou responsável (quando se tratar
de menor ou incapaz).(...)”
“O consentimento torna-se indispensável
quando reconhecemos que na fisioterapia
o sucesso do tratamento depende, além
de uma conduta adequada, do
envolvimento e da dedicação do paciente
com o tratamento.”
Relação Terapeuta x Paciente
 Veracidade no tratamento
 “(...)Art 7º: São deveres do fisioterapeuta e do
terapeuta ocupacional nas respectivas áreas
de atuação:
VII – informar ao cliente quanto ao diagnóstico e
prognóstico fisioterápico (...) salvo quando tais
informações possam causar-lhe dano.(...)”
Relação Terapeuta x Paciente
 Eficiência e competência na terapia
 “(...)Art 7º: São deveres do fisioterapeuta e do
terapeuta ocupacional nas respectivas áreas
de atuação:
IV – utilizar todos os conhecimentos técnicos e
científicos a seu alcance para prevenir ou minorar
o sofrimento do ser humano e evitar o seu
extermínio.(...)”
Relação Terapeuta x Paciente
 Respeito ao paciente
 “(...)Art 7º: São deveres do fisioterapeuta e do
terapeuta ocupacional nas respectivas áreas
de atuação:
III – prestar assistência ao indivíduo, respeitados a
dignidade e os direitos da pessoa humana(...)”
Relação Inter Profissional
 “Art 19º: O fisioterapeuta e terapeuta
ocupacional tratam os colegas e outros
profissionais com respeito e
urbanidade, não prescindindo de igual
tratamento e de suas prerrogativas.
 Art 20: O fisioterapeuta e terapeuta
ocupacional desempenham com
exação sua parte no trabalho em
equipe.”
“Formação de profissionais com o objetivo
de fornecer capacidade de análise ética e
consequentemente tomar decisões éticas.”
“(...)O atendimento deve estar focado na
pessoa, nas suas necessidades, focado no
benefício a ser oferecido.”
 Cleber Carneiro
de Melo
 Fisioterapeuta, e
specialista em
UTI
Entrevista
Fisioterapia na UTI

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Histórico da Ffisioterapia - AULA 1
Histórico da Ffisioterapia - AULA 1Histórico da Ffisioterapia - AULA 1
Histórico da Ffisioterapia - AULA 1Nadjane Barros Costa
 
Fisioterapia no pré e pós operatório de cirurgias cardíacas
Fisioterapia no pré e pós operatório de cirurgias cardíacasFisioterapia no pré e pós operatório de cirurgias cardíacas
Fisioterapia no pré e pós operatório de cirurgias cardíacasMayara Rodrigues
 
Propedêutica em Fisioterapia - Semiologia e Anamnese
Propedêutica em Fisioterapia - Semiologia e AnamnesePropedêutica em Fisioterapia - Semiologia e Anamnese
Propedêutica em Fisioterapia - Semiologia e AnamneseNadjane Barros Costa
 
A importância da mudança442
A importância da mudança442A importância da mudança442
A importância da mudança442Naira Viana Viana
 
15118905 monitorizacao-invasiva-e-nao-invasiva
15118905 monitorizacao-invasiva-e-nao-invasiva15118905 monitorizacao-invasiva-e-nao-invasiva
15118905 monitorizacao-invasiva-e-nao-invasivaMateus Camargo
 
Aula sobre cuidados paliativos e segurança do paciente
Aula sobre cuidados paliativos e segurança do pacienteAula sobre cuidados paliativos e segurança do paciente
Aula sobre cuidados paliativos e segurança do pacienteProqualis
 
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)Will Nunes
 
Principais Cirurgias
Principais CirurgiasPrincipais Cirurgias
Principais CirurgiasZeca Ribeiro
 
Manejo do Paciente Neurocrítico - Estratégia Ventilatória Neuroprotetora
Manejo do Paciente Neurocrítico - Estratégia Ventilatória NeuroprotetoraManejo do Paciente Neurocrítico - Estratégia Ventilatória Neuroprotetora
Manejo do Paciente Neurocrítico - Estratégia Ventilatória NeuroprotetoraCaio Veloso da Costa, ICU-PT
 
5.protocolo fisioterapia urgencia_e_emergencia_versao_final
5.protocolo fisioterapia urgencia_e_emergencia_versao_final5.protocolo fisioterapia urgencia_e_emergencia_versao_final
5.protocolo fisioterapia urgencia_e_emergencia_versao_finalMarcos Pires
 
Central de Material e esterelização
 Central de Material e esterelização Central de Material e esterelização
Central de Material e esterelizaçãoGilson Betta Sevilha
 
Exame físico geral 2017
Exame físico geral 2017Exame físico geral 2017
Exame físico geral 2017pauloalambert
 
Insuficiência cardíaca 2017
Insuficiência cardíaca 2017Insuficiência cardíaca 2017
Insuficiência cardíaca 2017pauloalambert
 
Slide Centro Cirúrgico
Slide Centro CirúrgicoSlide Centro Cirúrgico
Slide Centro CirúrgicoLuana Santos
 

Mais procurados (20)

Estudo de caso clinico
Estudo de caso clinicoEstudo de caso clinico
Estudo de caso clinico
 
Histórico da Ffisioterapia - AULA 1
Histórico da Ffisioterapia - AULA 1Histórico da Ffisioterapia - AULA 1
Histórico da Ffisioterapia - AULA 1
 
Fisioterapia no pré e pós operatório de cirurgias cardíacas
Fisioterapia no pré e pós operatório de cirurgias cardíacasFisioterapia no pré e pós operatório de cirurgias cardíacas
Fisioterapia no pré e pós operatório de cirurgias cardíacas
 
Propedêutica em Fisioterapia - Semiologia e Anamnese
Propedêutica em Fisioterapia - Semiologia e AnamnesePropedêutica em Fisioterapia - Semiologia e Anamnese
Propedêutica em Fisioterapia - Semiologia e Anamnese
 
A importância da mudança442
A importância da mudança442A importância da mudança442
A importância da mudança442
 
Fisioterapia
FisioterapiaFisioterapia
Fisioterapia
 
15118905 monitorizacao-invasiva-e-nao-invasiva
15118905 monitorizacao-invasiva-e-nao-invasiva15118905 monitorizacao-invasiva-e-nao-invasiva
15118905 monitorizacao-invasiva-e-nao-invasiva
 
Aula sobre cuidados paliativos e segurança do paciente
Aula sobre cuidados paliativos e segurança do pacienteAula sobre cuidados paliativos e segurança do paciente
Aula sobre cuidados paliativos e segurança do paciente
 
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
 
Principais Cirurgias
Principais CirurgiasPrincipais Cirurgias
Principais Cirurgias
 
DiagnóStico Por Imagem Prof Vagner Sá
DiagnóStico Por Imagem   Prof  Vagner SáDiagnóStico Por Imagem   Prof  Vagner Sá
DiagnóStico Por Imagem Prof Vagner Sá
 
Manejo do Paciente Neurocrítico - Estratégia Ventilatória Neuroprotetora
Manejo do Paciente Neurocrítico - Estratégia Ventilatória NeuroprotetoraManejo do Paciente Neurocrítico - Estratégia Ventilatória Neuroprotetora
Manejo do Paciente Neurocrítico - Estratégia Ventilatória Neuroprotetora
 
5.protocolo fisioterapia urgencia_e_emergencia_versao_final
5.protocolo fisioterapia urgencia_e_emergencia_versao_final5.protocolo fisioterapia urgencia_e_emergencia_versao_final
5.protocolo fisioterapia urgencia_e_emergencia_versao_final
 
Reabilitação hospitalar – da uti a alta
Reabilitação hospitalar – da uti a altaReabilitação hospitalar – da uti a alta
Reabilitação hospitalar – da uti a alta
 
Etica e bioetica
Etica e bioeticaEtica e bioetica
Etica e bioetica
 
Seminário sobre caso clínico de paciente na cirúrgica III
Seminário sobre caso clínico de paciente na cirúrgica IIISeminário sobre caso clínico de paciente na cirúrgica III
Seminário sobre caso clínico de paciente na cirúrgica III
 
Central de Material e esterelização
 Central de Material e esterelização Central de Material e esterelização
Central de Material e esterelização
 
Exame físico geral 2017
Exame físico geral 2017Exame físico geral 2017
Exame físico geral 2017
 
Insuficiência cardíaca 2017
Insuficiência cardíaca 2017Insuficiência cardíaca 2017
Insuficiência cardíaca 2017
 
Slide Centro Cirúrgico
Slide Centro CirúrgicoSlide Centro Cirúrgico
Slide Centro Cirúrgico
 

Destaque

Codigo etica fisioterapia
Codigo etica fisioterapiaCodigo etica fisioterapia
Codigo etica fisioterapiaMauro Euclides
 
Fisioterapia no paciente crítico
Fisioterapia no paciente críticoFisioterapia no paciente crítico
Fisioterapia no paciente críticoFábio Falcão
 
Código ético que rige a los fisioterapeutas en
Código ético que rige a los fisioterapeutas enCódigo ético que rige a los fisioterapeutas en
Código ético que rige a los fisioterapeutas enNancy Gutierrez
 
Valores Eticos en la Fisioterapia
Valores Eticos en la FisioterapiaValores Eticos en la Fisioterapia
Valores Eticos en la FisioterapiaEquipoBREKANA
 
Ética del profesional en fisioterapia y comité de bioética del fisioterapeuta
Ética del profesional en fisioterapia y comité de bioética del fisioterapeutaÉtica del profesional en fisioterapia y comité de bioética del fisioterapeuta
Ética del profesional en fisioterapia y comité de bioética del fisioterapeutaGerardo Luna
 
BIOÉTICA E SEUS PRINCÍPIOS
BIOÉTICA E SEUS PRINCÍPIOSBIOÉTICA E SEUS PRINCÍPIOS
BIOÉTICA E SEUS PRINCÍPIOSOyara Mello
 
Trabalho a história da fisioterapia
Trabalho   a história da fisioterapiaTrabalho   a história da fisioterapia
Trabalho a história da fisioterapiaMaladjusted
 
Viviane cuidado centrado no paciente e familia psicólogo
Viviane cuidado centrado no paciente e  familia   psicólogoViviane cuidado centrado no paciente e  familia   psicólogo
Viviane cuidado centrado no paciente e familia psicólogoAnais III Simpie
 
Humanização na Unidade de terapia intensiva (UTI)
Humanização na Unidade de terapia intensiva (UTI)Humanização na Unidade de terapia intensiva (UTI)
Humanização na Unidade de terapia intensiva (UTI)Tezin Maciel
 
Monitorização do paciente na UTI
Monitorização do paciente na UTIMonitorização do paciente na UTI
Monitorização do paciente na UTIFábio Falcão
 
Código ético que rige a los fisioterapeutas en méxico
Código ético que rige a los fisioterapeutas en méxicoCódigo ético que rige a los fisioterapeutas en méxico
Código ético que rige a los fisioterapeutas en méxicofisioterapia 2012-2016
 
Etica na fisioterapia dermatofuncional
Etica na fisioterapia dermatofuncionalEtica na fisioterapia dermatofuncional
Etica na fisioterapia dermatofuncionalNathanael Amparo
 
ReposiçãO VolêMica Em Uti
ReposiçãO VolêMica Em UtiReposiçãO VolêMica Em Uti
ReposiçãO VolêMica Em Utigalegoo
 
Valores éticos en Fisioterapia
Valores éticos en FisioterapiaValores éticos en Fisioterapia
Valores éticos en FisioterapiaTeetee Peeree'z
 
Campo de trabalho do massoterapeuta
Campo de trabalho do massoterapeutaCampo de trabalho do massoterapeuta
Campo de trabalho do massoterapeutafatima borges silva
 
VALORES EN LA FISIOTERAPIA
VALORES EN LA FISIOTERAPIAVALORES EN LA FISIOTERAPIA
VALORES EN LA FISIOTERAPIAPedroswaldo
 

Destaque (20)

Codigo etica fisioterapia
Codigo etica fisioterapiaCodigo etica fisioterapia
Codigo etica fisioterapia
 
Fisioterapia no paciente crítico
Fisioterapia no paciente críticoFisioterapia no paciente crítico
Fisioterapia no paciente crítico
 
Código ético que rige a los fisioterapeutas en
Código ético que rige a los fisioterapeutas enCódigo ético que rige a los fisioterapeutas en
Código ético que rige a los fisioterapeutas en
 
éTica de profesional en fisioterapia y
éTica de profesional en fisioterapia yéTica de profesional en fisioterapia y
éTica de profesional en fisioterapia y
 
Valores Eticos en la Fisioterapia
Valores Eticos en la FisioterapiaValores Eticos en la Fisioterapia
Valores Eticos en la Fisioterapia
 
Ética del profesional en fisioterapia y comité de bioética del fisioterapeuta
Ética del profesional en fisioterapia y comité de bioética del fisioterapeutaÉtica del profesional en fisioterapia y comité de bioética del fisioterapeuta
Ética del profesional en fisioterapia y comité de bioética del fisioterapeuta
 
BIOÉTICA E SEUS PRINCÍPIOS
BIOÉTICA E SEUS PRINCÍPIOSBIOÉTICA E SEUS PRINCÍPIOS
BIOÉTICA E SEUS PRINCÍPIOS
 
Trabalho a história da fisioterapia
Trabalho   a história da fisioterapiaTrabalho   a história da fisioterapia
Trabalho a história da fisioterapia
 
Viviane cuidado centrado no paciente e familia psicólogo
Viviane cuidado centrado no paciente e  familia   psicólogoViviane cuidado centrado no paciente e  familia   psicólogo
Viviane cuidado centrado no paciente e familia psicólogo
 
História da Fisioterapia
História da Fisioterapia História da Fisioterapia
História da Fisioterapia
 
Humanização na Unidade de terapia intensiva (UTI)
Humanização na Unidade de terapia intensiva (UTI)Humanização na Unidade de terapia intensiva (UTI)
Humanização na Unidade de terapia intensiva (UTI)
 
Uti
UtiUti
Uti
 
Monitorização do paciente na UTI
Monitorização do paciente na UTIMonitorização do paciente na UTI
Monitorização do paciente na UTI
 
Código ético que rige a los fisioterapeutas en méxico
Código ético que rige a los fisioterapeutas en méxicoCódigo ético que rige a los fisioterapeutas en méxico
Código ético que rige a los fisioterapeutas en méxico
 
Etica na fisioterapia dermatofuncional
Etica na fisioterapia dermatofuncionalEtica na fisioterapia dermatofuncional
Etica na fisioterapia dermatofuncional
 
ReposiçãO VolêMica Em Uti
ReposiçãO VolêMica Em UtiReposiçãO VolêMica Em Uti
ReposiçãO VolêMica Em Uti
 
Tratamento pc
Tratamento pcTratamento pc
Tratamento pc
 
Valores éticos en Fisioterapia
Valores éticos en FisioterapiaValores éticos en Fisioterapia
Valores éticos en Fisioterapia
 
Campo de trabalho do massoterapeuta
Campo de trabalho do massoterapeutaCampo de trabalho do massoterapeuta
Campo de trabalho do massoterapeuta
 
VALORES EN LA FISIOTERAPIA
VALORES EN LA FISIOTERAPIAVALORES EN LA FISIOTERAPIA
VALORES EN LA FISIOTERAPIA
 

Semelhante a Ética e Fisioterapia na UTI

Etica apresentação
Etica  apresentaçãoEtica  apresentação
Etica apresentaçãoLurdes Pinto
 
M etica-enfermagem
M etica-enfermagemM etica-enfermagem
M etica-enfermagemMaize Alves
 
Código de ética dos profissionais de enfermagem
Código de ética dos profissionais de enfermagemCódigo de ética dos profissionais de enfermagem
Código de ética dos profissionais de enfermagemFatinha Lima
 
Pirncipios enfermagem resenha
Pirncipios enfermagem   resenhaPirncipios enfermagem   resenha
Pirncipios enfermagem resenhaAdriane Lessnau
 
Código de ética dos profissionais de enfermagem
Código de ética dos profissionais de enfermagemCódigo de ética dos profissionais de enfermagem
Código de ética dos profissionais de enfermagemFrank Ferreira
 
DIREITO-E-ÉTICA-APLICADOS-À-MEDICINA-VETERINÁRIA-1.pdf
DIREITO-E-ÉTICA-APLICADOS-À-MEDICINA-VETERINÁRIA-1.pdfDIREITO-E-ÉTICA-APLICADOS-À-MEDICINA-VETERINÁRIA-1.pdf
DIREITO-E-ÉTICA-APLICADOS-À-MEDICINA-VETERINÁRIA-1.pdfMaria Dolores Maia Oliveira
 
6-O-código-de-etica-do-Medico-Veterinario-.ppt
6-O-código-de-etica-do-Medico-Veterinario-.ppt6-O-código-de-etica-do-Medico-Veterinario-.ppt
6-O-código-de-etica-do-Medico-Veterinario-.pptJeffersonPereira360732
 
UFCD - 6558 -Act. Técnico Auxiliar de Saude.pptx
UFCD - 6558 -Act. Técnico Auxiliar de Saude.pptxUFCD - 6558 -Act. Técnico Auxiliar de Saude.pptx
UFCD - 6558 -Act. Técnico Auxiliar de Saude.pptxNome Sobrenome
 
Fundamentos de fisioterapia - áreas de atuação do fisioterapeuta - capitulo 3
Fundamentos de fisioterapia - áreas de atuação do fisioterapeuta - capitulo 3Fundamentos de fisioterapia - áreas de atuação do fisioterapeuta - capitulo 3
Fundamentos de fisioterapia - áreas de atuação do fisioterapeuta - capitulo 3Cleanto Santos Vieira
 
AULA 02 PSICO.pdf
AULA 02 PSICO.pdfAULA 02 PSICO.pdf
AULA 02 PSICO.pdfNAILANENAI
 
Resolucao 311 código de ética
Resolucao 311  código de éticaResolucao 311  código de ética
Resolucao 311 código de éticaLeandro Campelo
 
C digo deontol-gico da enfermagem
C digo deontol-gico da enfermagemC digo deontol-gico da enfermagem
C digo deontol-gico da enfermagemNayara Dávilla
 
Profissionais da área de saúde e as entidades de atendimento médico hospitala...
Profissionais da área de saúde e as entidades de atendimento médico hospitala...Profissionais da área de saúde e as entidades de atendimento médico hospitala...
Profissionais da área de saúde e as entidades de atendimento médico hospitala...Sérgio Henrique da Silva Pereira
 
Ppt ufcd 6558_atividade profissional do técnico auxiliar de saúde
Ppt ufcd 6558_atividade profissional do técnico auxiliar de saúdePpt ufcd 6558_atividade profissional do técnico auxiliar de saúde
Ppt ufcd 6558_atividade profissional do técnico auxiliar de saúdeIsabel Henriques
 

Semelhante a Ética e Fisioterapia na UTI (20)

Etica apresentação
Etica  apresentaçãoEtica  apresentação
Etica apresentação
 
M etica-enfermagem
M etica-enfermagemM etica-enfermagem
M etica-enfermagem
 
M etica-enfermagem
M etica-enfermagemM etica-enfermagem
M etica-enfermagem
 
Código de ética dos profissionais de enfermagem
Código de ética dos profissionais de enfermagemCódigo de ética dos profissionais de enfermagem
Código de ética dos profissionais de enfermagem
 
Pirncipios enfermagem resenha
Pirncipios enfermagem   resenhaPirncipios enfermagem   resenha
Pirncipios enfermagem resenha
 
aids
aidsaids
aids
 
Código de ética dos profissionais de enfermagem
Código de ética dos profissionais de enfermagemCódigo de ética dos profissionais de enfermagem
Código de ética dos profissionais de enfermagem
 
Codigo de etica.pptx
Codigo de etica.pptxCodigo de etica.pptx
Codigo de etica.pptx
 
DIREITO-E-ÉTICA-APLICADOS-À-MEDICINA-VETERINÁRIA-1.pdf
DIREITO-E-ÉTICA-APLICADOS-À-MEDICINA-VETERINÁRIA-1.pdfDIREITO-E-ÉTICA-APLICADOS-À-MEDICINA-VETERINÁRIA-1.pdf
DIREITO-E-ÉTICA-APLICADOS-À-MEDICINA-VETERINÁRIA-1.pdf
 
6-O-código-de-etica-do-Medico-Veterinario-.ppt
6-O-código-de-etica-do-Medico-Veterinario-.ppt6-O-código-de-etica-do-Medico-Veterinario-.ppt
6-O-código-de-etica-do-Medico-Veterinario-.ppt
 
UFCD - 6558 -Act. Técnico Auxiliar de Saude.pptx
UFCD - 6558 -Act. Técnico Auxiliar de Saude.pptxUFCD - 6558 -Act. Técnico Auxiliar de Saude.pptx
UFCD - 6558 -Act. Técnico Auxiliar de Saude.pptx
 
Fundamentos de fisioterapia - áreas de atuação do fisioterapeuta - capitulo 3
Fundamentos de fisioterapia - áreas de atuação do fisioterapeuta - capitulo 3Fundamentos de fisioterapia - áreas de atuação do fisioterapeuta - capitulo 3
Fundamentos de fisioterapia - áreas de atuação do fisioterapeuta - capitulo 3
 
AULA 02 PSICO.pdf
AULA 02 PSICO.pdfAULA 02 PSICO.pdf
AULA 02 PSICO.pdf
 
Mirela bertoli
Mirela bertoliMirela bertoli
Mirela bertoli
 
Resolucao 311 código de ética
Resolucao 311  código de éticaResolucao 311  código de ética
Resolucao 311 código de ética
 
Aula Inaugural.pptx
Aula Inaugural.pptxAula Inaugural.pptx
Aula Inaugural.pptx
 
Gestão e Marketing em Fisioterapia Hospitalar
Gestão e Marketing em Fisioterapia HospitalarGestão e Marketing em Fisioterapia Hospitalar
Gestão e Marketing em Fisioterapia Hospitalar
 
C digo deontol-gico da enfermagem
C digo deontol-gico da enfermagemC digo deontol-gico da enfermagem
C digo deontol-gico da enfermagem
 
Profissionais da área de saúde e as entidades de atendimento médico hospitala...
Profissionais da área de saúde e as entidades de atendimento médico hospitala...Profissionais da área de saúde e as entidades de atendimento médico hospitala...
Profissionais da área de saúde e as entidades de atendimento médico hospitala...
 
Ppt ufcd 6558_atividade profissional do técnico auxiliar de saúde
Ppt ufcd 6558_atividade profissional do técnico auxiliar de saúdePpt ufcd 6558_atividade profissional do técnico auxiliar de saúde
Ppt ufcd 6558_atividade profissional do técnico auxiliar de saúde
 

Ética e Fisioterapia na UTI

  • 2. Universidade Federal da Paraíba Cynthia Coelho Petra Rodrigues Rayra Mayrla Rosil Rodrigues Wanessa kallyne Ysabelle Chaves Ética e Fisioterapia na UTI Questão de atitude Centro de Ciências da Saúde Departamento de Fisioterapia Disciplina: Ética, Bioética e Deontologia em Fisioterapia Prof.ª: Palloma Andrade Outubro 25, 2012
  • 3. Histórico – Fisioterapia na UTI  Décadas de 1940 e 1950:  Assistência ventilatória não invasiva  2001:  COFFITO reconhece os primeiros cursos de fisioterapia intensiva no Brasil
  • 4. Quais as funções exercidas pelo Fisioterapeuta na UTI?
  • 5.  Avalia as funções gerais e respiratórias traçando um plano de cuidados individuais  Gerenciamento do sistema respiratório  Manutenção das funções vitais de diversos sistemas corporais  Otimização do suporte ventilatório  Trabalha a força dos músculos
  • 6.
  • 7. Relação Terapeuta x Paciente  Consentimento livre e esclarecido  “(...)Art 7º: São deveres do fisioterapeuta e do terapeuta ocupacional nas respectivas áreas de atuação: VI – respeitar o direito do cliente de decidir sobre sua pessoa e seu bem estar.(...)  (...) Art 8º: É proibido ao fisioterapeuta e ao terapeuta ocupacional nas suas respectivas áreas de atuação: V – recomentar, prescrever e executar tratamento ou nele colaborar, quando: d) Praticado sem o consentimento do cliente ou de seu representante legal ou responsável (quando se tratar de menor ou incapaz).(...)”
  • 8. “O consentimento torna-se indispensável quando reconhecemos que na fisioterapia o sucesso do tratamento depende, além de uma conduta adequada, do envolvimento e da dedicação do paciente com o tratamento.”
  • 9. Relação Terapeuta x Paciente  Veracidade no tratamento  “(...)Art 7º: São deveres do fisioterapeuta e do terapeuta ocupacional nas respectivas áreas de atuação: VII – informar ao cliente quanto ao diagnóstico e prognóstico fisioterápico (...) salvo quando tais informações possam causar-lhe dano.(...)”
  • 10. Relação Terapeuta x Paciente  Eficiência e competência na terapia  “(...)Art 7º: São deveres do fisioterapeuta e do terapeuta ocupacional nas respectivas áreas de atuação: IV – utilizar todos os conhecimentos técnicos e científicos a seu alcance para prevenir ou minorar o sofrimento do ser humano e evitar o seu extermínio.(...)”
  • 11. Relação Terapeuta x Paciente  Respeito ao paciente  “(...)Art 7º: São deveres do fisioterapeuta e do terapeuta ocupacional nas respectivas áreas de atuação: III – prestar assistência ao indivíduo, respeitados a dignidade e os direitos da pessoa humana(...)”
  • 12. Relação Inter Profissional  “Art 19º: O fisioterapeuta e terapeuta ocupacional tratam os colegas e outros profissionais com respeito e urbanidade, não prescindindo de igual tratamento e de suas prerrogativas.  Art 20: O fisioterapeuta e terapeuta ocupacional desempenham com exação sua parte no trabalho em equipe.”
  • 13.
  • 14. “Formação de profissionais com o objetivo de fornecer capacidade de análise ética e consequentemente tomar decisões éticas.”
  • 15. “(...)O atendimento deve estar focado na pessoa, nas suas necessidades, focado no benefício a ser oferecido.”
  • 16.  Cleber Carneiro de Melo  Fisioterapeuta, e specialista em UTI Entrevista Fisioterapia na UTI