Análise do artigo         científico:   Aprendizagem Mediada  por Tecnologias Móveis:   Novos Desafios para as    Práticas...
Autores• Professora na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da  Universidade de Coimbra e investigadora na área ...
Autores• É docente na Universidade Portucalense, onde leciona Tecnologias  Educativas (Mestrado em ensino da Matemática/Me...
Conferência• Constitui, desde 1999, um fórum de debate, reflexão, partilha e  construção do novo conhecimento;• organizada...
Estrutura do artigo   Introdução   A aplicabilidade do telemóvel como ferramenta   de aprendizagem   Metodologia   Descriç...
Metodologia• Abordagem metodológica qualitativa, com preferência pelo  estudo de múltiplos casos, com apenas uma unidade d...
Descrição do estudo• Estudo efetuado durante o ano letivo 2008/2009.• Foi proposto aos alunos a exploração de diferentes s...
Caracterização dos participantes  • Quatro turmas:       •   Turmas A, B (Português);       •   Turmas C, D (Francês).  • ...
Apresentação de resultados                     Frequência do uso do telemóvel nas atividades.• Atividades com maior prefer...
Conclusão• 84% dos alunos das turmas em estudo consideram que                “O  telemóvel é uma ferramenta de aprendizage...
Comentários• Os resultados apresentados podem estar desatualizados por:   •   Estudo ser realizado em 2008/2009 ;   •   Os...
Obrigado  pelaatenção.       Pedro Cunha        pjgscunha@gmail.com               Nº 234211033       Pedro Cunha - 2012   ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Avaliação de um artigo científico

791 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
791
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Avaliação de um artigo científico

  1. 1. Análise do artigo científico: Aprendizagem Mediada por Tecnologias Móveis: Novos Desafios para as Práticas Pedagógicas. Moura, A., Carvalho, A. A. (2011) Mestrado em Ensino de InformáticaDidática da Informática II 2011/2012
  2. 2. Autores• Professora na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra e investigadora na área das Ciências da Educação.• Foi Professora Auxiliar com Agregação do Departamento de Estudos Curriculares e Tecnologia Educativa, Instituto de Educação, da Universidade do Minho• Agregação em Educação, na especialidade de Tecnologia Educativa, na Universidade do Minho (Março 2010).Doutoramento em Educação, na especialidade de Tecnologia Educativa, na Universidade do Minho (Dez. 1998). Equivalência ao Grau de Mestre em Tecnologia Educativa pela Universidade do Minho (Março 1992). Mestrado em Educação pela Universidade de Manchester, Reino Unido: "M.Ed in Education and the Mass Media", University of Manchester, School of Education (Dez. 1991). Licenciatura em Ensino de Português-Francês pela Universidade do Minho (Junho 1985). Fonte: http://webs.ie.uminho.pt/aac/ em 7/5/2012 Pedro Cunha - 2012 2
  3. 3. Autores• É docente na Universidade Portucalense, onde leciona Tecnologias Educativas (Mestrado em ensino da Matemática/Mestrado em ensino da História e Geografia) e Concepção de Cursos de E- Learning - Short Master. Professora do grupo de docência 300 (Português/Francês), na Escola Secundária Carlos Amarante.• Licenciatura em Ensino do Português / Francês, pela Universidade do Minho. Diploma de Estudos Superiores Especializados em Administração Escolar (DESE) - Instituto Superior de Educação e do Trabalho (ISET) – Porto. Mestrado em Educação, na área de Supervisão Pedagógica do Ensino do Português, na Universidade do Minho. Doutoramento em Ciências da Educação, em especialidade de Tecnologia Educativa, na Universidade do Minho - "Apropriação do Telemóvel como Ferramenta de Mediação em Mobile Learning: Estudos de Caso em Contexto Educativo" Fonte: http://adelinamouravitae.com.sapo.pt/ em 7/5/2012 Pedro Cunha - 2012 3
  4. 4. Conferência• Constitui, desde 1999, um fórum de debate, reflexão, partilha e construção do novo conhecimento;• organizada pelo Centro de Competência da Uminho;• de carácter bianual;• é dirigida para professores de todos os níveis de ensino, formadores de instituições públicas e privadas, responsáveis empresariais na área do e-learning e das TIC e investigadores das instituições de ensino superior, investigadores e especialistas nacionais e internacionais. Pedro Cunha - 2012 4
  5. 5. Estrutura do artigo Introdução A aplicabilidade do telemóvel como ferramenta de aprendizagem Metodologia Descrição do estudo e das atividades presentes Caraterização dos participantes Apresentação de resultados Conclusão Referências Pedro Cunha - 2012 5
  6. 6. Metodologia• Abordagem metodológica qualitativa, com preferência pelo estudo de múltiplos casos, com apenas uma unidade de análise.• Dados recolhidos através de quatro questionários:  Caracterização;  O Podcast como recurso de aprendizagem;  Aprendizagem por SMS;  O telemóvel como ferramenta de aprendizagem ;• de entrevistas individuais e focus group;• observações com notas de campo;• produções dos alunos. Pedro Cunha - 2012 6
  7. 7. Descrição do estudo• Estudo efetuado durante o ano letivo 2008/2009.• Foi proposto aos alunos a exploração de diferentes serviços e funcionalidades, presentes na maioria dos telemóveis (texto, imagem, áudio, vídeo), para apoio ao estudo e aprendizagem.• As atividades que os alunos tiveram de desempenhar foram: • iDicionário; • Microcontos; • Haikais; • Podcasts; • Tweets; • Testes de escolha múltipla – Quizzes para telemóvel; • Contextos de aprendizagem por SMS. Pedro Cunha - 2012 7
  8. 8. Caracterização dos participantes • Quatro turmas: • Turmas A, B (Português); • Turmas C, D (Francês). • Com idades compreendidas: • entre os 15 e os 20 nos (A, B e C); • entre os 22 e os 56 anos (D). • Total de 68 alunos, 46% do sexo feminino e 54% do masculino. • Uma escola profissional e uma escola secundária pública. • Turmas de Português • uma é formada apenas por elementos do sexo masculino, • a outra apenas do sexo feminino, • Turmas de Francês formadas por elementos de ambos os sexos. Pedro Cunha - 2012 8
  9. 9. Apresentação de resultados Frequência do uso do telemóvel nas atividades.• Atividades com maior preferência do total dos alunos foram: • tirar fotos (31%); • ouvir os podcasts (9%); • receber e enviar SMS (24%); • tomar notas (7%); • escrever o dicionário personalizado (15%); • resolver quizzes (4%). • criar microcontos (10%); Pedro Cunha - 2012 9
  10. 10. Conclusão• 84% dos alunos das turmas em estudo consideram que “O telemóvel é uma ferramenta de aprendizagem”.• A falta de interesse dos alunos e o fato de alguns dispositivos utilizados limitados tecnologicamente podem estar relacionados com a baixa frequência de utilização do dispositivo por parte de alguns alunos.• As limitações dos telemóveis exigem o desenho de conteúdos adequados e adaptados às características dos dispositivos.• O projeto apresentou algumas estratégias pedagógicas possíveis para integração do telemóvel nas práticas educacionais.• Os dados recolhidos e as observações realizadas preveem que as tecnologias móveis possam vir ser recursos potenciadores da aprendizagem formal, informal e ao longo da vida, tanto para a população mais jovem, como para os adultos. Pedro Cunha - 2012 10
  11. 11. Comentários• Os resultados apresentados podem estar desatualizados por: • Estudo ser realizado em 2008/2009 ; • Os dispositivos móveis atuais apresentarem mais e melhores funcionalidades; • Aumento da disseminação dos dispositivos móveis pelos alunos.• Estudo realizado apenas duas escolas urbanas.• A realidade das escolas mantém-se?• Os professores estão preparados e estão criadas condições para a aplicação deste método?• Existem atualmente conteúdos bem construídos e em número suficiente para a utilização em m-learning? Pedro Cunha - 2012 11
  12. 12. Obrigado pelaatenção. Pedro Cunha pjgscunha@gmail.com Nº 234211033 Pedro Cunha - 2012 12

×