Organização de Jogo

8.671 visualizações

Publicada em

Luis Esteves

Publicada em: Esportes
0 comentários
12 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.671
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4.384
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
455
Comentários
0
Gostaram
12
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Organização de Jogo

  1. 1. Luis Esteves ESEF-IPA Treinador de Futebol Cref: 015116-G/RS
  2. 2. Luis Esteves 2011 www.organizacaodejogo.blogspot.com
  3. 3. “O PROBLEMA É ENTENDER O JOGO. DEPOIS DE SE ENTENDER O JOGO É NECESSÁRIO QUE SE ENTENDA OS VÁRIOS JOGOS. (LEIA-SE AS VÁRIAS FORMAS DE JOGAR). SÓ DEPOIS O OBJETIVO DA OPERACIONALIZAÇÃO PASSA A SER O «NOSSO JOGO».” (FRADE, 2003)
  4. 4. Espanha Barcelona Cruzeiro
  5. 5. Luis Esteves 2011 www.organizacaodejogo.blogspot.com
  6. 6.  "uma concepção do desejável explícita e implícita, característica de um indivíduo ou grupo, e que influencia a seleção dos modos, meios e fins da ação".  Kluckhon, Clide.  Introdução à Antropologia.  São Paulo: Cultrix, 1970.
  7. 7. Luis Esteves 2011 www.organizacaodejogo.blogspot.com
  8. 8. Luis Esteves 2011 www.organizacaodejogo.blogspot.com
  9. 9. Luis Esteves 2011 www.organizacaodejogo.blogspot.com
  10. 10. Luis Esteves 2011 www.organizacaodejogo.blogspot.com
  11. 11. Luis Esteves 2011 www.organizacaodejogo.blogspot.com
  12. 12. Luis Esteves 2011 www.organizacaodejogo.blogspot.com
  13. 13. Luis Esteves 2011 www.organizacaodejogo.blogspot.com
  14. 14. Luis Esteves 2011 www.organizacaodejogo.blogspot.com
  15. 15. Luis Esteves 2011 www.organizacaodejogo.blogspot.com
  16. 16. - - CRIAR ESPAÇO; CRIAR SUPERIORIDADE; MOVIMENTAÇÃO E RITMO DA BOLA; QUALIDADE NO DOMÍNIO E NO PASSE, BEM COMO QUALIDADE NAS FINALIZAÇÕES.
  17. 17. - PARA CRIAR ESPAÇOS É FUNDAMENTAR SABER DUAS COISAS: - ABERTURA PROFUNDIDADE
  18. 18.   ESTÃO NOS LOCAIS ONDE NÃO EXISTEM JOGADORES. OU SEJA, SE QUEREMOS CRIAR ESPAÇOS TEMOS QUE ABRIR, AO MÁXIMO O CAMPO, E DEPOIS USAR ESTA ABERTURA ATRAVÉS DE ENTRADAS NO ESPAÇO CRIADO.  UMA LEI: SE ENTRAMOS EM UM ESPAÇO, LIBERAMOS OUTRO.
  19. 19. - PARA CRIAR SUPERIORIDADE É FUNDAMENTAR SABER QUATRO COISAS: - ENXERGAR OS ESPAÇOS CRIADOS - ENTRAR NOS ESPAÇOS
  20. 20. BASICAMENTE FAZENDO APROXIMAÇÕES (JOGO ENTRE LINHAS), EM ESPAÇOS PRÓXIMOS A BOLA, EM JOGO POSICIONAL .  - TER MAIS JOGADORES NA ZONA DA BOLA (CENTRO DO JOGO)... 2X1, 3X2, 4X3, 4X2... TENTANDO FORMAR TRIÂNGULOS OU LOSANGOS (JOGO DE DIAGONAIS);
  21. 21. - JOGO DE POSIÇÕES; - JOGO ENTRE LINHAS; - JOGO FRENTE COSTAS; - JOGO DE DIAGONAIS (TRIÂNGULOS E LOSANGOS); - JOGO DE MUDANÇA DO RITMO DA BOLA; - JOGO DE INFILTRAÇÕES E ULTRAPASSAGENS; - FINALIZAÇÕES;
  22. 22. - Embora não de forma estática, a equipe deve ao se mover, respeitar determinada formação posicional, afim de buscar uma antecipação de ações. - É fundamentar saber que no campo de jogo existe determinado jogador, para fazer determinada função.
  23. 23. -É UMA REFERÊNCIA PARA SINCRONISMOS; -QUEM ESTÁ DE FRENTE DISTRIBUI A BOLA; -QUEM ESTÁ DE COSTAS SERVE COMO “PONTE” DE LIGAÇÃO PARA A PROGRESSÃO DO LANCE; -CUIDAR GIROS SOBRE A PRESSÃO!!!!! (ZONAS CERTAS).
  24. 24. -PRINCIPALMENTE NA ÚLTIMA FASE; -QUEM RECEBE A BOLA TEM QUE TER OPÇÕES A FRENTE – PROGRESSÃO; -ROMPER A ÚLTIMA LINHA; -RECEBER FRENTE; NO ESPAÇO A -TER GENTE INDO E VINDO DA PROFUNDIDADE;
  25. 25. -TEMPOS DE ENTRADA -MUDANÇAS DE DIREÇÃO -LINHAS DIFERENTES - TIPO DE PASSE/CRUZAMENTO: -NO PÉ -NO AR -NO ESPAÇO
  26. 26. - 1ª FASE +OU- 1º TERÇO: INTERSETOR DE DEFESA/MEIO; - 2ª FASE +OU- 2º TERÇO: SETOR DE DEFESA/MEIO/ATAQUE; - 3ª FASE + OU – 3º TERÇO: SETOR DE MEIO/ATAQUE E DEFESA(LATERAIS);
  27. 27. - BUSCAR ABRIR O CAMPO TODO, NO LIMÍTE DA ÚLTIMA LINHA ADVERSÁRIA; - BUSCAR A SAÍDA CURTA ZAGUEIROS OU LATERAIS; - NA ENTRADA DA BOLA EM UM DOS LADOS, INICIAR A CRIAÇÃO DE SUPERIORIDADE – CORREDOR; - OS MEIAS E PONTAS JÁ DEVEM VISUALIZAR OS ESPAÇOS PARA ENTRAR QUANDO: - ZAGUEIROS EM CONDIÇÕES DE DAR PASSES VERTICAIS; - - – LATERAIS EM CONDIÇÕES DE DAR PASSES DIAGONAIS PARA FRENTE;
  28. 28. - TENTAR FAZER A BOLA ENTRAR NOS MEIAS PARA QUE ESTES FAÇAM ASSISTÊNCIAS; - USAR O FRENTE/COSTAS; - USAR O ENTRE-LINHAS; - É FUNDAMENTAL RECEBER DE FRENTE PARA O GOL ADVERSÁRIO; - OS MEIAS E PONTAS JÁ DEVEM VISUALIZAR OS ESPAÇOS PARA ENTRAR QUANDO: - ZAGUEIROS EM CONDIÇÕES DE DAR PASSES VERTICAIS; - - LATERAIS EM CONDIÇÕES DE DAR PASSES DIAGONAIS PARA FRENTE;
  29. 29. Cruzeiro
  30. 30.    FECHAR ESPAÇOS; - CRIAR SUPERIORIDADE – NA ZONA DA BOLA; - DESARMAR E INTERCEPTAR – DIFERENTES TÉCNICAS DO DESARME E PRESSÃO SEM FALTAS;
  31. 31.  CADA UM PEGA UM, MEIA PEGA VOLANTE, ZAGUEIRO PEGA ATACANTE, LATERAL COM LATERAL.... PEGA E VAI ATÉ O FINAL  NÃO FAZEMOS NADA DISSO!  RELEMBRANDO, O QUE NOS INTERESSA?  TER A BOLA E JOGAR E QUANDO PERDE-LA RECUPERA-LA RAPIDAMENTE!  ENTÃO, PRECISAMOS ARRUMAR FORMAS DE FAZERMOS ISSO SEM NOS ATRAPALHAR, SEM NOS DESORGANIZAR!
  32. 32.  MARCAÇÃO INDIVIDUAL :  Referência: O HOMEM – POR TODO O CAMPO  Objetivo: Não deixar o jogador jogar através de uma pressão INDIVIDUAL.  MARCAÇÃO INDIVIDUAL POR ZONA:  Referência: O HOMEM E A POSIÇÃO NO SETOR  Objetivo: Não deixar o jogador da zona jogar através de pressões INDIVIDUAIS.  MARCAÇÃO POR ZONA:  Referência: O ESPAÇO  Objetivo: Esperar de forma organizada, COLETIVA e relativamente passiva pelo erro, interceptando a bola através da gestão do espaço.  ZONA PRESSIONANTE:  Referência: A BOLA E O ESPAÇO  Objetivo: Levar o adversário ao erro de forma COLETIVA, condicionando as ações de forma ativa diminuindo tempo e espaço.
  33. 33.  MARCAÇÃO INDIVIDUAL POR ZONA:  Baseada em encaixes zonais, ou seja, cada jogador pega determinado adversário que está em sua zona e o “pressiona” buscando o desarme, ou até mesmo que ele não receba a bola.   Para nós esta forma de marcação não é coerente com os nossos principais CRITÉRIOS defensivos, ou seja: - Fechar ESPAÇOS; - Criar SUPERIORIDADES;  VEJAMOS O QUE GERA O ENCAIXE DE MARCAÇÃO...   EFEITO DOMINÓ
  34. 34. PROBLEMAS GERADOS: -DESORGANIZAÇÃO DA EQUIPE; -RETIRADA DOS JOGADORES DA SUA ZONA DE ATUAÇÃO; JOGO POSICIONAL? -DESCOMPACTAÇÃO DA EQUIPE; -DIVISÃO DE CONCENTRAÇÃO EM DUAS COISAS = BOLA E JOGADOR; -CANSAÇO POR FICAR CORRENDO ATRÁS DO ADVERSÁRIO; -GERAÇÃO DE ESPAÇOS!!!
  35. 35.  O JOGADOR MAIS PRÓXIMO A BOLA PRESSIONA DE IMEDIATO;  - OS DOIS JOGADORES MAIS PRÓXIMOS AO JOGADOR PRESSIONANTE DOBRAM POR DENTRO E POR FORA; - O RESTANTE DA EQUIPE COMPACTA DE ACORDO COM A BOLA! - CRIAR MUITAS LINHAS VERTICAIS DE DOBRAS!
  36. 36.  1 CONTRA 1  CONDICIONAMENTO  DOBRA  MEIO-MEIO  COMPACTAR
  37. 37.  BLOCO BAIXO  BLOCO MÉDIO  BLOCO ALTO
  38. 38.  LADO FORTE;  LADO FRACO;
  39. 39. - AO PRESSIONAR É NECESSÁRIO EVITAR SER DRIBLADO (ADVERSÁRIO COM SUPERIORIDADE); - PERCEPÇÃO AO MOVIMENTO DO ADVERSÁRIO, EM TERMOS DE PERNA DE CHUTE, TÉCNICA, ZONA DO CAMPO A SER DADA A ELE; - TIMING DE DESARME, EVITANDO FALTAS, CUIDANDO PARA NÃO PRESSIONAR SOZINHO (INFERIORIDADE); - REFERÊNCIAS DE PRESSÃO: - ZONA/POSIÇÃO; - BOLA ALTA; - BOLA MAL DOMINADA; - BOLA DE COSTAS – LINHAS LATERAIS; - SUPERIORIDADE; - CRITÉRIO TÉCNICO; - QUANTO MENOS TEMPO PRECISARMOS PRESSIONAR, MELHOR!
  40. 40.  FUNÇÕES –COLETIVAS/INDIVIDUAIS – CRITÉRIOS E CARACTERÍSTICAS DE CADA POSIÇÃO    TRANSIÇÃO DEFENSIVA TRANSIÇÃO OFENSIVA BOLA PARADA OFENSIVA E DEFENSIVA
  41. 41.  COMEÇAR POR BAIXO, DE PREFERÊNCIA AUXILIANDO ALGUÉM COM IDÉIAS DE JOGO PRÓXIMAS;  REFLETIR SOBRE SEUS VALORES PESSOAIS, PARA ASSIM PODER REPASSÁ-LOS A SEUS JOGADORES (NEM TODOS VÃO JOGAR FUTEBOL, PORÉM TODOS SERÃO ADULTOS, TERÃO FAMÍLIAS, TALVEZ FILHOS...) PERGUNTA: SE O MUNDO FOSSE O SEU REFLEXO, COMO SERIA?  BUSCAR SEMPRE SAIR DO CONFORTO (DESEQUILIBRAR), BUSCAR NOVAS SITUAÇÕES, CURSOS, PÓS, MESTRADOS, ARTIGOS, ESTUDOS;  SABER QUE NÃO EXISTE APENAS UM FUTEBOL, NINGUÉM SABE TUDO, E NÃO EXISTE SUPER-HOMEM;  BUSCAR PESSOAS QUALIFICADAS PARA SUA COMISSÃO;  PASSAR PELAS CATEGORIAS SUB-10, SUB-11, SUB-12, SUB-13, SUB-14, INFANTIL E JUNIOR ANTES DO PROFISSIONAL.
  42. 42.  CONTATOS:  (51) 8472-9970 la_futeboll@hotmail.com www.organizacaodejogo.blogspot.com  

×