CRUYFF: Futebol - minha filosofia (Cap. 8)

979 visualizações

Publicada em

Ideias principais do Capítulo 8 do livro: CRUYFF: Fútbol - mi filosofia 2012

Publicada em: Esportes
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
979
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
139
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
31
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

CRUYFF: Futebol - minha filosofia (Cap. 8)

  1. 1. Johan CRUYFFCruyff Library, 2012
  2. 2.  Tal como nos outros elementos técnicos, sobretudo é importante a técnica básica. Quanto mais relaxadamente se faça, melhor será a técnica. Rematar forte nem sempre é uma questão de força. A postura e o equilíbrio do corpo têm de ser adequados. A perna de apoio deve estar sempre paralela à bola. Durante o movimento do remate, o corpo deverá estar um pouco inclinado para a frente.
  3. 3.  Pode-se desenvolver o remate sobretudo treinando, com muitas horas de prática e rematando sempre com o pé direito e esquerdo. O remate pode classificar-se como ofensivo ou defensivo. Num remate/passe longo desde a defesa, o corpo deverá inclinar-se ligeiramente para trás, contactando-se a bola um pouco mais abaixo do centro. Neste caso, é importante que a perna continue a trajetória da bola após o golpe.
  4. 4.  Se se remata à baliza, o corpo deverá inclinar-se mais sobre a bola. Uma vez que se deve rematar com mais força, deve- se dar mais no centro da bola. Se se quer rematar com o pé direito, temos de começar com o pé esquerdo, após o qual o corpo girará bruscamente um pouco para trás. Em seguida deve-se lançar todo o corpo no remate. A perna apenas acompanhará o movimento da bola depois do golpe: o golpe deve ser seco e explosivo. A diferença no remate entre o defesa e o avançado também pode ser apreciada na postura da cabeça. No defesa, a cabeça inclina-se ligeiramente para trás, no avançado, a cabeça inclina-se um pouco para a frente.
  5. 5.  Uma boa postura é imprescindível para se rematar bem a bola. Se a postura é boa, pode-se introduzir uma maior parte do pé por baixo da bola, devido ao qual a superfície de contato será maior e o remate será mais eficiente. Estes princípios básicos podem ser melhorados através de um treino adequado e intenso. Uma vez dominados, pode-se começar a treinar, por exemplo o passe longo.
  6. 6.  Logicamente, o mais simples é enviar a bola a grande distância para algum sítio. Uma vez dominado este passo, pode-se aumentar o grau de dificuldade, mantendo a distância, mas diminuindo a altura do passe. Este exercício pode-se aperfeiçoar até acabar no passe rasteiro, um passe longo rente ao solo que sendo igualmente potente e distante, é muito mais eficiente por ser mais baixo e direto. Para este tipo de treino é necessário um bom aquecimento. Antes de rematar, o corpo tem de estar preparado. Por isso é importante começar pouco a pouco. 1º passando a bola desde perto e ir aumentando gradualmente a distância. Só quando o corpo está bem quente, pode-se rematar à baliza. Assim evitam-se lesões desnecessárias.

×