SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 3
Baixar para ler offline
Perca peso de forma rápida e eficiente
A busca pela boa forma é positiva quando se considera, anteriormente, a saúde e a auto
aceitação.
O termo “boa forma” pode estar relacionado a vários significados, como um corpo
harmônico, musculoso ou magro;
boa aceitação do corpo, mesmo em situações nas quais a forma física contraria os padrões
estéticos impostos pela sociedade;
a busca incessante por um “corpo perfeito”, a qualquer custo; ser ativo; ausência de dores;
uma boa capacidade de realizar
trabalhos corporais, dentre outros significados.
Assim, percebe-se que tal conceito é bastante subjetivo e depende de muitos fatores,
inclusive da atividade que cada um pretende
realizar ou já realiza, e os papéis que almeja desempenhar ou já desempenha na
sociedade. Uma bailarina, por exemplo, em razão
do tipo de atividade que exerce, deverá ter cuidados e preocupações específicas com a boa
forma que se diferenciam das que 0
fisiculturista adota, assim como o jogador de futebol, um praticante de yoga, um artista, ou
mesmo de uma pessoa que trabalha
em um escritório, oito horas por dia.
Além disso, os meios de se alcançar ou de se manter essa boa forma também variam:
desde a adoção de métodos “naturais”, como uma
alimentação equilibrada e exercícios físicos regulares, até situações mais extremas, como
dietas absurdas, realização de cirurgias
estéticas sem critérios, ou mesmo comportamento bulímico. Tais atos extremos podem até
permitir com que a pessoa conquiste a tão
almejada boa forma, mas não são raras as vezes em que prejuízos significativos também
aparecem, acompanhando tais resultados...
Diante desses fatos, é importante compreender que a busca por uma boa forma é, de fato,
louvável, quando se considera a saúde
e a autoaceitação a priori. Até porque nem sempre temos um biótipo que permite com que
determinadas características específicas
sejam conquistadas, até mesmo por meio de cirurgias plásticas; e também porque uma
pessoa que tem hábitos de vida saudáveis,
além de diversos benefícios, dificilmente não terá também um corpo harmônico, em boa
forma, como consequência.
As dietas são realizadas por muitas pessoas como forma de perder peso. Entretanto, se
feitas sem acompanhamento profissional adequado,
podem gerar danos à saúde.
Dietas e exercícios ajudam na perda de peso
Todos os dias, seja na televisão, seja em revistas e até mesmo nas redes sociais,
deparamo-nos com corpos “perfeitos” e sarados.
Assim, algumas pessoas, por acreditarem que esse seja o padrão correto e bonito, iniciam
uma luta cada vez mais constante para
alcançarem esse estereótipo de corpo. Nesse contexto, surgem as dietas.
Denominamos de dieta a quantidade habitual de alimentos e líquidos que uma pessoa ou
ser vivo ingere. Entretanto, o termo dieta
também pode ser usado para indicar o regime (restrição) alimentar realizado por uma
pessoa.
Os regimes alimentares são realizados, normalmente, com o objetivo de diminuir a
quantidade de gordura no corpo ou para adquirir
massa muscular. Entretanto, uma dieta também pode ser feita para controlar os nutrientes
que uma pessoa doente ou em recuperação
pode ingerir.
As dietas feitas para se alcançar um corpo perfeito, assim como as dietas para doentes,
devem ser feitas por um médico ou nutricionista.
Apenas esses profissionais são capazes de avaliar o estado de saúde e identificar os erros
cometidos na alimentação.
O que vemos, no entanto, não é isso. Muitas mulheres e homens iniciam uma restrição
alimentar sem que seja feita uma avaliação preliminar
da saúde. Os riscos dessa atitude são enormes.
As dietas restritivas, que se caracterizam pela retirada de um nutriente da alimentação,
como os carboidratos, são as mais perigosas.
Isso porque elas, geralmente, não oferecem uma alimentação balanceada, com a
quantidade de nutrientes necessária. Esse quadro desencadeia
carência nutricional e, consequentemente, perda de peso de maneira inadequada.
Como esse tipo de dieta normalmente gera uma perda rápida de peso, a pessoa fica
motivada. Entretanto, o que pode estar acontecendo é uma
alteração na alimentação que causa perda de água e, consequentemente, perda de peso,
porém pouca gordura é perdida. Ao retornar a
alimentação normal, o ganho de peso é retomado.
Além disso, dependendo da dieta, pode haver sobrecarga de rins e fígado, como é o caso
daquelas ricas em proteínas. As dietas que
restringem o carboidrato, por sua vez, podem ocasionar diminuição da serotonina,
substância que está relacionada com a saciedade.
Esse decréscimo na serotonina pode gerar compulsão alimentar.
É importante frisar que uma dieta saudável é aquela composta por todos os nutrientes
existentes, mas em uma proporção adequada para
cada pessoa. Para que isso seja estabelecido, vários exames e análises sobre a vida do
paciente são realizados pelo médico ou
nutricionista.
Além de ter uma alimentação balanceada, é fundamental que algumas dicas sejam
seguidas para que se perca peso de maneira saudável.
Veja algumas delas:
→ Fazer pelo menos cinco refeições diárias em quantidades moderadas;
→ Beber pelo menos dois litros de água;
→ Consumir verduras, legumes e frutas regularmente;
→ Evitar refrigerantes, bebidas alcoólicas e comidas gordurosas;
→ Praticar atividades físicas.
ATENÇÃO
Não pare agora ACESSE os videos abaixo.
QUER PERDER PESO? ASSISTA ESSE VÍDEO - RENATO CARIANI | Cortes Mais q…
MUZY REVELOU MAIOR ERRO PARA QUEM QUER EMAGRECER
07 DICAS PARA MANTER O FOCO NA DIETA
ALIMENTOS QUE CRESCEM A BARRIGA
ADEUS BARRIGA - FAÇA ISSO E DIMINUA A SUA CINTURA

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Perca peso de forma saudável

Como fazer uma dieta dar certo
Como fazer uma dieta dar certoComo fazer uma dieta dar certo
Como fazer uma dieta dar certoLídia Medeiros
 
Tal como Perder peso Pedalando
Tal como Perder peso PedalandoTal como Perder peso Pedalando
Tal como Perder peso PedalandovadaboaSite09
 
Mentoria Atitude Seja leve de Emagrecimento - Mentoria Atitude Seja Leve de E...
Mentoria Atitude Seja leve de Emagrecimento - Mentoria Atitude Seja Leve de E...Mentoria Atitude Seja leve de Emagrecimento - Mentoria Atitude Seja Leve de E...
Mentoria Atitude Seja leve de Emagrecimento - Mentoria Atitude Seja Leve de E...minhamelhordica
 

Semelhante a Perca peso de forma saudável (8)

Ebook obesidade
Ebook obesidadeEbook obesidade
Ebook obesidade
 
Ebook obesidade
Ebook obesidadeEbook obesidade
Ebook obesidade
 
Como fazer uma dieta dar certo
Como fazer uma dieta dar certoComo fazer uma dieta dar certo
Como fazer uma dieta dar certo
 
Emagrecimento
EmagrecimentoEmagrecimento
Emagrecimento
 
Ginastica Na Obesidade
Ginastica Na ObesidadeGinastica Na Obesidade
Ginastica Na Obesidade
 
Tal como Perder peso Pedalando
Tal como Perder peso PedalandoTal como Perder peso Pedalando
Tal como Perder peso Pedalando
 
Trabalhoedfisica1c
Trabalhoedfisica1cTrabalhoedfisica1c
Trabalhoedfisica1c
 
Mentoria Atitude Seja leve de Emagrecimento - Mentoria Atitude Seja Leve de E...
Mentoria Atitude Seja leve de Emagrecimento - Mentoria Atitude Seja Leve de E...Mentoria Atitude Seja leve de Emagrecimento - Mentoria Atitude Seja Leve de E...
Mentoria Atitude Seja leve de Emagrecimento - Mentoria Atitude Seja Leve de E...
 

Último

1. 2 PLACAS DE SINALIAÇÃO - (1).pptx Material de obras
1. 2 PLACAS DE SINALIAÇÃO - (1).pptx Material de obras1. 2 PLACAS DE SINALIAÇÃO - (1).pptx Material de obras
1. 2 PLACAS DE SINALIAÇÃO - (1).pptx Material de obrasosnikobus1
 
Técnica Shantala para bebês: relaxamento
Técnica Shantala para bebês: relaxamentoTécnica Shantala para bebês: relaxamento
Técnica Shantala para bebês: relaxamentoPamelaMariaMoreiraFo
 
AULA 12 Sistema urinário.pptx9999999999999
AULA 12 Sistema urinário.pptx9999999999999AULA 12 Sistema urinário.pptx9999999999999
AULA 12 Sistema urinário.pptx9999999999999vanessa270433
 
Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções.pdf
Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções.pdfAromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções.pdf
Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções.pdfanalucia839701
 
63mmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm7769.pdf
63mmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm7769.pdf63mmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm7769.pdf
63mmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm7769.pdfLEANDROSPANHOL1
 
avaliação pratica. pdf
avaliação pratica.                           pdfavaliação pratica.                           pdf
avaliação pratica. pdfHELLEN CRISTINA
 
aula 7. proteínas.ppt. conceitos de proteina
aula 7. proteínas.ppt. conceitos de proteinaaula 7. proteínas.ppt. conceitos de proteina
aula 7. proteínas.ppt. conceitos de proteinajarlianezootecnista
 
DEPRESSÃO E CUIDADOS DE ENFERMAGEM - SAÚDE MENTAL
DEPRESSÃO E CUIDADOS DE ENFERMAGEM - SAÚDE MENTALDEPRESSÃO E CUIDADOS DE ENFERMAGEM - SAÚDE MENTAL
DEPRESSÃO E CUIDADOS DE ENFERMAGEM - SAÚDE MENTALCarlosLinsJr
 
A HISTÓRIA DA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA..pdf
A HISTÓRIA DA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA..pdfA HISTÓRIA DA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA..pdf
A HISTÓRIA DA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA..pdfMarceloMonteiro213738
 
Dengue aspectos clinicos sintomas e forma de prevenir.pdf
Dengue aspectos clinicos sintomas e forma de prevenir.pdfDengue aspectos clinicos sintomas e forma de prevenir.pdf
Dengue aspectos clinicos sintomas e forma de prevenir.pdfEduardoSilva185439
 
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfO Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfPastor Robson Colaço
 
os-principios-das-leis-da-genetica-ou-mendelianas.ppt
os-principios-das-leis-da-genetica-ou-mendelianas.pptos-principios-das-leis-da-genetica-ou-mendelianas.ppt
os-principios-das-leis-da-genetica-ou-mendelianas.pptfernandoalvescosta3
 
MICROBIOLOGIA aula curso tecnico em enfermagem.pdf
MICROBIOLOGIA  aula  curso tecnico em enfermagem.pdfMICROBIOLOGIA  aula  curso tecnico em enfermagem.pdf
MICROBIOLOGIA aula curso tecnico em enfermagem.pdfkathleenrichardanton
 
PLANO DE ENSINO Disciplina Projeto Integrado I GESTaO.pdf
PLANO DE ENSINO Disciplina Projeto Integrado I  GESTaO.pdfPLANO DE ENSINO Disciplina Projeto Integrado I  GESTaO.pdf
PLANO DE ENSINO Disciplina Projeto Integrado I GESTaO.pdfHELLEN CRISTINA
 

Último (14)

1. 2 PLACAS DE SINALIAÇÃO - (1).pptx Material de obras
1. 2 PLACAS DE SINALIAÇÃO - (1).pptx Material de obras1. 2 PLACAS DE SINALIAÇÃO - (1).pptx Material de obras
1. 2 PLACAS DE SINALIAÇÃO - (1).pptx Material de obras
 
Técnica Shantala para bebês: relaxamento
Técnica Shantala para bebês: relaxamentoTécnica Shantala para bebês: relaxamento
Técnica Shantala para bebês: relaxamento
 
AULA 12 Sistema urinário.pptx9999999999999
AULA 12 Sistema urinário.pptx9999999999999AULA 12 Sistema urinário.pptx9999999999999
AULA 12 Sistema urinário.pptx9999999999999
 
Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções.pdf
Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções.pdfAromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções.pdf
Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções-Aromaterapia e emoções.pdf
 
63mmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm7769.pdf
63mmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm7769.pdf63mmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm7769.pdf
63mmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm7769.pdf
 
avaliação pratica. pdf
avaliação pratica.                           pdfavaliação pratica.                           pdf
avaliação pratica. pdf
 
aula 7. proteínas.ppt. conceitos de proteina
aula 7. proteínas.ppt. conceitos de proteinaaula 7. proteínas.ppt. conceitos de proteina
aula 7. proteínas.ppt. conceitos de proteina
 
DEPRESSÃO E CUIDADOS DE ENFERMAGEM - SAÚDE MENTAL
DEPRESSÃO E CUIDADOS DE ENFERMAGEM - SAÚDE MENTALDEPRESSÃO E CUIDADOS DE ENFERMAGEM - SAÚDE MENTAL
DEPRESSÃO E CUIDADOS DE ENFERMAGEM - SAÚDE MENTAL
 
A HISTÓRIA DA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA..pdf
A HISTÓRIA DA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA..pdfA HISTÓRIA DA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA..pdf
A HISTÓRIA DA AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA..pdf
 
Dengue aspectos clinicos sintomas e forma de prevenir.pdf
Dengue aspectos clinicos sintomas e forma de prevenir.pdfDengue aspectos clinicos sintomas e forma de prevenir.pdf
Dengue aspectos clinicos sintomas e forma de prevenir.pdf
 
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdfO Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
O Universo Cuckold - Compartilhando a Esposas Com Amigo.pdf
 
os-principios-das-leis-da-genetica-ou-mendelianas.ppt
os-principios-das-leis-da-genetica-ou-mendelianas.pptos-principios-das-leis-da-genetica-ou-mendelianas.ppt
os-principios-das-leis-da-genetica-ou-mendelianas.ppt
 
MICROBIOLOGIA aula curso tecnico em enfermagem.pdf
MICROBIOLOGIA  aula  curso tecnico em enfermagem.pdfMICROBIOLOGIA  aula  curso tecnico em enfermagem.pdf
MICROBIOLOGIA aula curso tecnico em enfermagem.pdf
 
PLANO DE ENSINO Disciplina Projeto Integrado I GESTaO.pdf
PLANO DE ENSINO Disciplina Projeto Integrado I  GESTaO.pdfPLANO DE ENSINO Disciplina Projeto Integrado I  GESTaO.pdf
PLANO DE ENSINO Disciplina Projeto Integrado I GESTaO.pdf
 

Perca peso de forma saudável

  • 1. Perca peso de forma rápida e eficiente A busca pela boa forma é positiva quando se considera, anteriormente, a saúde e a auto aceitação. O termo “boa forma” pode estar relacionado a vários significados, como um corpo harmônico, musculoso ou magro; boa aceitação do corpo, mesmo em situações nas quais a forma física contraria os padrões estéticos impostos pela sociedade; a busca incessante por um “corpo perfeito”, a qualquer custo; ser ativo; ausência de dores; uma boa capacidade de realizar trabalhos corporais, dentre outros significados. Assim, percebe-se que tal conceito é bastante subjetivo e depende de muitos fatores, inclusive da atividade que cada um pretende realizar ou já realiza, e os papéis que almeja desempenhar ou já desempenha na sociedade. Uma bailarina, por exemplo, em razão do tipo de atividade que exerce, deverá ter cuidados e preocupações específicas com a boa forma que se diferenciam das que 0 fisiculturista adota, assim como o jogador de futebol, um praticante de yoga, um artista, ou mesmo de uma pessoa que trabalha em um escritório, oito horas por dia. Além disso, os meios de se alcançar ou de se manter essa boa forma também variam: desde a adoção de métodos “naturais”, como uma alimentação equilibrada e exercícios físicos regulares, até situações mais extremas, como dietas absurdas, realização de cirurgias estéticas sem critérios, ou mesmo comportamento bulímico. Tais atos extremos podem até permitir com que a pessoa conquiste a tão almejada boa forma, mas não são raras as vezes em que prejuízos significativos também aparecem, acompanhando tais resultados...
  • 2. Diante desses fatos, é importante compreender que a busca por uma boa forma é, de fato, louvável, quando se considera a saúde e a autoaceitação a priori. Até porque nem sempre temos um biótipo que permite com que determinadas características específicas sejam conquistadas, até mesmo por meio de cirurgias plásticas; e também porque uma pessoa que tem hábitos de vida saudáveis, além de diversos benefícios, dificilmente não terá também um corpo harmônico, em boa forma, como consequência. As dietas são realizadas por muitas pessoas como forma de perder peso. Entretanto, se feitas sem acompanhamento profissional adequado, podem gerar danos à saúde. Dietas e exercícios ajudam na perda de peso Todos os dias, seja na televisão, seja em revistas e até mesmo nas redes sociais, deparamo-nos com corpos “perfeitos” e sarados. Assim, algumas pessoas, por acreditarem que esse seja o padrão correto e bonito, iniciam uma luta cada vez mais constante para alcançarem esse estereótipo de corpo. Nesse contexto, surgem as dietas. Denominamos de dieta a quantidade habitual de alimentos e líquidos que uma pessoa ou ser vivo ingere. Entretanto, o termo dieta também pode ser usado para indicar o regime (restrição) alimentar realizado por uma pessoa. Os regimes alimentares são realizados, normalmente, com o objetivo de diminuir a quantidade de gordura no corpo ou para adquirir massa muscular. Entretanto, uma dieta também pode ser feita para controlar os nutrientes que uma pessoa doente ou em recuperação pode ingerir. As dietas feitas para se alcançar um corpo perfeito, assim como as dietas para doentes, devem ser feitas por um médico ou nutricionista. Apenas esses profissionais são capazes de avaliar o estado de saúde e identificar os erros cometidos na alimentação. O que vemos, no entanto, não é isso. Muitas mulheres e homens iniciam uma restrição alimentar sem que seja feita uma avaliação preliminar da saúde. Os riscos dessa atitude são enormes. As dietas restritivas, que se caracterizam pela retirada de um nutriente da alimentação, como os carboidratos, são as mais perigosas. Isso porque elas, geralmente, não oferecem uma alimentação balanceada, com a quantidade de nutrientes necessária. Esse quadro desencadeia carência nutricional e, consequentemente, perda de peso de maneira inadequada.
  • 3. Como esse tipo de dieta normalmente gera uma perda rápida de peso, a pessoa fica motivada. Entretanto, o que pode estar acontecendo é uma alteração na alimentação que causa perda de água e, consequentemente, perda de peso, porém pouca gordura é perdida. Ao retornar a alimentação normal, o ganho de peso é retomado. Além disso, dependendo da dieta, pode haver sobrecarga de rins e fígado, como é o caso daquelas ricas em proteínas. As dietas que restringem o carboidrato, por sua vez, podem ocasionar diminuição da serotonina, substância que está relacionada com a saciedade. Esse decréscimo na serotonina pode gerar compulsão alimentar. É importante frisar que uma dieta saudável é aquela composta por todos os nutrientes existentes, mas em uma proporção adequada para cada pessoa. Para que isso seja estabelecido, vários exames e análises sobre a vida do paciente são realizados pelo médico ou nutricionista. Além de ter uma alimentação balanceada, é fundamental que algumas dicas sejam seguidas para que se perca peso de maneira saudável. Veja algumas delas: → Fazer pelo menos cinco refeições diárias em quantidades moderadas; → Beber pelo menos dois litros de água; → Consumir verduras, legumes e frutas regularmente; → Evitar refrigerantes, bebidas alcoólicas e comidas gordurosas; → Praticar atividades físicas. ATENÇÃO Não pare agora ACESSE os videos abaixo. QUER PERDER PESO? ASSISTA ESSE VÍDEO - RENATO CARIANI | Cortes Mais q… MUZY REVELOU MAIOR ERRO PARA QUEM QUER EMAGRECER 07 DICAS PARA MANTER O FOCO NA DIETA ALIMENTOS QUE CRESCEM A BARRIGA ADEUS BARRIGA - FAÇA ISSO E DIMINUA A SUA CINTURA