Métodos contraceptivos

486 visualizações

Publicada em

Demonstrativo sobre os diversos métodos contraceptivos, sua composição, funcionalidade, utilização, precaução, curiosidades e percentual de eficaz.

Publicada em: Saúde e medicina
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Métodos contraceptivos

  1. 1. O QUE SÃO OS MÉTODOS ANTICONCEPCIONAIS ???? PROF. PAULO GOMES E ESTAG. IFCE GLEISON RODRIGUES.
  2. 2. MÉTODOS ANTICONCEPCIONAIS • São medicamentos orais, injetáveis ou de adesivo, que inibem a ovulação, ou seja previne a gravidez indesejada. • Camisinha masculina e feminina, DIU, diafragma, coito interrompido, tabelinha, espermicida, vasectomia e laqueadura das trompas. • Alguns previnem contra as doenças sexualmente transmissíveis DSTs.
  3. 3. MÉTODOS ANTICONCEPCIONAIS Mecanismo de atuação: • Métodos anticoncepcionais de Barreira • Métodos anticoncepcionais comportamentais • Métodos anticoncepcionais hormonais • Métodos anticoncepcionais cirúrgicos • Métodos anticoncepcionais endoceptivos
  4. 4. MÉTODOS ANTICONCEPCIONAIS BARREIRA • Consiste num método que impede que os espermatozoides cheguem ao ovócito secundário e ocorra a fecundação, são simples e fáceis de ser utilizados. • Ex: Preservativos (Camisinha) e Diafragma. • Camisinha masculina ou de vênus – não precisa de prescrição médica, é a mais utilizada pois evita as DSTs. Importante:- Para colocar a camisinha é necessário que o pênis esteja ereto. - Ao termino do ato sexual é importante dar um nó na camisinha e jogar em um local adequado.
  5. 5. MÉTODOS ANTICONCEPCIONAIS • Camisinha Feminina - Deve ser introduzida na vagina, bastante eficiente como a masculina evitando as DSTs, não tem contraindicação e não precisa de des- crição médica. • Diafragma – É uma pequena capa de borracha ou silicone que deve ser introduzida na vagina antes da relação sexual, sua utilização exige uma prescrição médica, é utilizado junto com espermicida e deve ser colocada 6 horas antes do ato e retirada 6 horas depois do ato, se passar de 24 horas pode ocorrer infecções. Importante: Se a mulher pensar em fazer a relação pela segunda vez deve ser colocado mais esper- micida sem a retirada do DIAFRAGMA.
  6. 6. MÉTODOS ANTICONCEPCIONAIS  COMPORTAMENTAIS • Tabelinha • Consiste em evitar relações sexuais nos dias férteis do ciclo menstrual. • A partir do primeiro dia de menstruação começa tomar a pílula ate terminar a cartela com 21 unidades, a partir disso não toma mais e espera a menstruação 3 Semanas toma a pílula e uma não toma. • Costuma ter alto índice de falhas, por que o ciclo menstrual não é regular.
  7. 7. MÉTODOS ANTICONCEPCIONAIS  HORMONAIS • Métodos que se utilizam de hormônios, atuam no ciclo menstrual e impedem a fecundação. PÍLULA – (Anticoncepcional Oral) Feita com hormônios sintéticos – Similares a progesterona e o estrógeno). VANTAGENS - Redução das cólicas, da TPM e da acne (espinhas) DESVANTAGENS – Náuseas , dor de cabeça, incha- ço e aumento da pressão sanguínea.
  8. 8. MÉTODOS ANTICONCEPCIONAIS CURIOSIDADE: Minipílula, menos eficiente que a COMBINADA, prescritas à mulheres que tem problemas com a pílula comum ou que estão amamentando. • INJEÇÃO – Deve ser prescrita antecipadamente pelo médico. Existem dois tipos: 1 mês e 3 meses. VANTAGENS: Estende-se por mais tempo o período proteção contra gravidez. • IMPLANTE SUBCUTÂNEO – São tubinhos contendo hormônios, que são liberados no sangue durante cerca de 3 anos.
  9. 9. MÉTODOS ANTICONCEPCIONAIS • Métodos de aplicação: O médico introduz seis (6) pequenos tubos de plástico (com pouco mais de três centímetros de comprimento, e mais finos que um palito de fosforo) sob a pele do braço. • ADESIVO TRANSDERMICO: Tipo de contra- ceptivo hormonal que é colocado na pele da mulher e deve ser trocado semanalmente. ANEL VAGINAL: Contraceptivo hormonal, que é colocado na vagina, que evita a fecundação devendo ser trocado mensalmente. Como todos os outros pode provocar reações e problemas no organismo.
  10. 10. MÉTODOS ANTICONCEPCIONAIS CIRÚRGICOS • Ligadura das tubas uterinas (Laqueadura)- Com- siste em uma cirurgia onde o medico amarra e corta as tubas uterinas, impedindo que o ovócito secundário chegue ao útero. Vasectomia – Consiste no corte dos ductos deferentes pelo médico impedindo que os espermatozoides se encontrem com o ovócito segundaria (bloqueio definitivo).
  11. 11. Ligadura das tubas uterinas (Laqueadura)
  12. 12. Vasectomia
  13. 13. MÉTODOS ANTICONCEPCIONAIS ENDOCEPTIVOS • Utilizados no interior do útero e evitam que o ovulo fecundado se implante no útero, o mais utilizado é o DIU(Dispositivo intrauterino). • DIU – É uma pequena peça com hastes de cobre ( deixa a mulher mais gorda ) ou de plástico (deixa a mulher mais magra), introduzido pelo médico no útero.
  14. 14. Qual o método contraceptivo ideal para você

×