ANTICORPOS:ESTRUTURA E FUNÇÃO             Cleonice Alves de Melo Bento  Lab. Imunofisiologia e imunopatologia dos linfócit...
ANTICORPOS  Definição: são moléculas glicoprotéicas  secretadas pelos plasmócitos em resposta a  imunógenos.  Função: reco...
Estrutura da molécula de                  Imunoglobulina                         Disulfide bond                           ...
DomíniosdasImunoglobulinas
CDR1, CDR2, CDR3
Estrutura da molécula de        ImunoglobulinaFab                                 Papain  Fragmento queReconhece Ag (Valên...
Funções das moléculas de Acs   Ag Binding                    Complement Binding Site  Binding to Fc   Receptors           ...
Funções das moléculas de Acs                           PepsinF(ab’)2                       Fc                             ...
Classes das imunoglobulinas no           HomemIgG – Cadeias pesadas do tipo gama (γ)IgM - Cadeias pesadas do tipo mu (μ)Ig...
Subclasses das imunoglobulinas         no Homem IgG subclasses: γ1, γ2, γ3, γ4. IgA subclasses: α1, α2
Estrutura básica dos BCRsMonômeros            Igα   Igβ   Igα   Igβ
ANTICORPOS SECRETADOSSÉRICA
SOROMUCOSA
Tipos de cadeias levesKappa (κ)Lambda (λ)
Isotipos: determinantes antigênicos quecaracterizam as classes e as subclasses(domínios constantes da cadeia H);Idiotipos:...
Idiotipos de imunoglobulinasLocalização                    IgG1 (kappa)   IgG1 (kappa)                      Person 1      ...
FUNÇÃO DOS ANTICORPOS     SECRETADOS
Estrutura da IgD: BCRMonômero                               Tail Piece             Longa região de                dobradiça
Estrutura da IgM                              Cadeia JPentamérica/hexa-márica (cadeia J).Propriedades: é oprimeiro Ac a se...
ESTRUTURA DA IgM
ATIVAÇÃO DO COMPLEMENTO PELA VIA CLÁSSICA:           dependente de anticorpos
ATIVAÇÃO DO SISTEMA COMPLEMENTO
RECEPTORES PARA FRAGMENTOS DO SISTEMA COMPLEMENTO ATIVADO
As anafilatoxinasdo sistema complemento
FORMAÇÃO DO MAC (complexo de ataque à membrana)
Estrutura da IgG HumanaMonômeroPropriedades: principal Ig sérica e nos espaçosextravasculares; exerce diferentes funções e...
INDUÇÃO DE TROCA DE CADEIA PESADAIFN-γ: IgG1 e IgG3IL-10 + IL-5 + IL-6: IgG2 e IgG4
1- NEUTRALIZAÇÃO
1- NEUTRALIZAÇÃO
1- NEUTRALIZAÇÃO
1- NEUTRALIZAÇÃO
2- ATIVAÇÃO DO SISTEMA COMPLEMENTO
3- OPSONIZAÇÃO
4- SOLUBILIZAÇÃO DE IMUNOCOMPLEXOS (Ag-Ac)CIRCULANTES
5- CITOTOXICIDADE CELULAR MEDIADA POR ANTICORPO (ADCC)
TROCA DE CADEIA PESADA PARA IgA           TGF-β + IL-5
Estrutura da IgAMonomérica: soroDimérica/trimérica: secreções(possui cadeias J e o componentesecretor)                    ...
Origem do componente secretorPoli-Ig
Propriedades das IgAsSérica: é a segunda mais abundante e éuma opsonina;Mucosas: anticorpo que predomina aondeneutralizam ...
TROCA DE CADEIA PESADA PARA IgE        IL-4 + IL-5 + IL-13 + IL-6
Estrutura da IgEMonômero(contêm CH extrana região mais C-terminal)                            C   4
Propriedades da IgEÉ a classe menos abundante no soro;Liga-se a mastócitos, basófilos eeosinófilos;Envolvidos nas reações ...
RECEPTORES CELULARES PARA AS PORÇÕES Fc DAS IMUNOGLOBULINAS
FIM !!!!
Estrutura e função dos anticorpos
Estrutura e função dos anticorpos
Estrutura e função dos anticorpos
Estrutura e função dos anticorpos
Estrutura e função dos anticorpos
Estrutura e função dos anticorpos
Estrutura e função dos anticorpos
Estrutura e função dos anticorpos
Estrutura e função dos anticorpos
Estrutura e função dos anticorpos
Estrutura e função dos anticorpos
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Estrutura e função dos anticorpos

14.815 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

Estrutura e função dos anticorpos

  1. 1. ANTICORPOS:ESTRUTURA E FUNÇÃO Cleonice Alves de Melo Bento Lab. Imunofisiologia e imunopatologia dos linfócitos T
  2. 2. ANTICORPOS Definição: são moléculas glicoprotéicas secretadas pelos plasmócitos em resposta a imunógenos. Função: reconhecer antígenos (epítopos) e direcioná-los para degradação. Estrutura geral: duas cadeias leves idênticas e duas cadeias pesadas idênticas.ANTICORPO (Ac) =IMUNOGLOBULINAS (Ig)
  3. 3. Estrutura da molécula de Imunoglobulina Disulfide bond CarbohydrateDomínio Ig CL VL CH2 CH3 CH1 Hinge Region VH REGIÃO DE DOBRADIÇA
  4. 4. DomíniosdasImunoglobulinas
  5. 5. CDR1, CDR2, CDR3
  6. 6. Estrutura da molécula de ImunoglobulinaFab Papain Fragmento queReconhece Ag (Valência = 1) com especificidade por VH (VDJ) e VL(VJ)Fc Funções efetoras Fc Fab
  7. 7. Funções das moléculas de Acs Ag Binding Complement Binding Site Binding to Fc Receptors Placental Transfer
  8. 8. Funções das moléculas de Acs PepsinF(ab’)2 Fc Peptides F(ab’)2
  9. 9. Classes das imunoglobulinas no HomemIgG – Cadeias pesadas do tipo gama (γ)IgM - Cadeias pesadas do tipo mu (μ)IgA - Cadeias pesadas do tipo alfa (α)IgD - Cadeias pesadas do tipo delta (δ)IgE - Cadeias pesadas do tipo épsilon (ε)
  10. 10. Subclasses das imunoglobulinas no Homem IgG subclasses: γ1, γ2, γ3, γ4. IgA subclasses: α1, α2
  11. 11. Estrutura básica dos BCRsMonômeros Igα Igβ Igα Igβ
  12. 12. ANTICORPOS SECRETADOSSÉRICA
  13. 13. SOROMUCOSA
  14. 14. Tipos de cadeias levesKappa (κ)Lambda (λ)
  15. 15. Isotipos: determinantes antigênicos quecaracterizam as classes e as subclasses(domínios constantes da cadeia H);Idiotipos: determinantes antigênicosúnicos presentes numa molécula de Ac(domínio variável).
  16. 16. Idiotipos de imunoglobulinasLocalização IgG1 (kappa) IgG1 (kappa) Person 1 Person 1 anti-A anti-B
  17. 17. FUNÇÃO DOS ANTICORPOS SECRETADOS
  18. 18. Estrutura da IgD: BCRMonômero Tail Piece Longa região de dobradiça
  19. 19. Estrutura da IgM Cadeia JPentamérica/hexa-márica (cadeia J).Propriedades: é oprimeiro Ac a serproduzido (resposta CH4aguda); confinada aosvasos sanguíneos etecidos inflamados;ativam complemento.
  20. 20. ESTRUTURA DA IgM
  21. 21. ATIVAÇÃO DO COMPLEMENTO PELA VIA CLÁSSICA: dependente de anticorpos
  22. 22. ATIVAÇÃO DO SISTEMA COMPLEMENTO
  23. 23. RECEPTORES PARA FRAGMENTOS DO SISTEMA COMPLEMENTO ATIVADO
  24. 24. As anafilatoxinasdo sistema complemento
  25. 25. FORMAÇÃO DO MAC (complexo de ataque à membrana)
  26. 26. Estrutura da IgG HumanaMonômeroPropriedades: principal Ig sérica e nos espaçosextravasculares; exerce diferentes funções efetoras (ativaçãodas proteínas do sistema complemento, opsonização (direta),ADCC e transferência placentária) IgG1, IgG2 and IgG4 IgG3
  27. 27. INDUÇÃO DE TROCA DE CADEIA PESADAIFN-γ: IgG1 e IgG3IL-10 + IL-5 + IL-6: IgG2 e IgG4
  28. 28. 1- NEUTRALIZAÇÃO
  29. 29. 1- NEUTRALIZAÇÃO
  30. 30. 1- NEUTRALIZAÇÃO
  31. 31. 1- NEUTRALIZAÇÃO
  32. 32. 2- ATIVAÇÃO DO SISTEMA COMPLEMENTO
  33. 33. 3- OPSONIZAÇÃO
  34. 34. 4- SOLUBILIZAÇÃO DE IMUNOCOMPLEXOS (Ag-Ac)CIRCULANTES
  35. 35. 5- CITOTOXICIDADE CELULAR MEDIADA POR ANTICORPO (ADCC)
  36. 36. TROCA DE CADEIA PESADA PARA IgA TGF-β + IL-5
  37. 37. Estrutura da IgAMonomérica: soroDimérica/trimérica: secreções(possui cadeias J e o componentesecretor) Deleção de 13 aminoácidos Secretory Piece J Chain
  38. 38. Origem do componente secretorPoli-Ig
  39. 39. Propriedades das IgAsSérica: é a segunda mais abundante e éuma opsonina;Mucosas: anticorpo que predomina aondeneutralizam patógenos (exclusão) e seusantígenos (ex. toxinas)
  40. 40. TROCA DE CADEIA PESADA PARA IgE IL-4 + IL-5 + IL-13 + IL-6
  41. 41. Estrutura da IgEMonômero(contêm CH extrana região mais C-terminal) C 4
  42. 42. Propriedades da IgEÉ a classe menos abundante no soro;Liga-se a mastócitos, basófilos eeosinófilos;Envolvidos nas reações alérgicas e naresistência aos helmintos.
  43. 43. RECEPTORES CELULARES PARA AS PORÇÕES Fc DAS IMUNOGLOBULINAS
  44. 44. FIM !!!!

×