Altas habilidades/Superdotação

6.817 visualizações

Publicada em

1 comentário
13 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.817
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
917
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
1
Gostaram
13
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Altas habilidades/Superdotação

  1. 1. CURSOATENDIMENTO EDUCACIONAL PARA AS ALTASHABILIDADES/SUPERDOTAÇÃO:POLÍTICA PÚBLICA E GARANTIA DE DIREITOS Material elaborado por: Clair Schunke Mondini
  2. 2. INCLUSÃO DE ALUNOS COM ALTAS HABILIDADES/SUPERDOTAÇÃO Constituição Federal – art. 205 e 206 Constituição Estadual – art. 199 e 214 Estatuto da Criança e Adolescente – art.5º No PPP da escola deve constar o atendimento dos alunos com AH/SD no AEE.
  3. 3. QUEM É O ALUNO COM AH/SD? CONCEITO DE INTELIGÊNCIA Gardner – Inteligências Múltiplas ( 8 sistemas ou inteligências) Renzulli – Teoria dos Três Anéis ( - capacidade acima da média; - envolvimento com a tarefa; - criativa)
  4. 4. TIPOS DE AH/SD Acadêmico – medido pelo QI – tem bom rendimento escolar. Criativo – Produtivo – desenvolvimento de materiais e/ou produções originais
  5. 5. MITOS NAS AH/SD Que todos tem QI superior; Que provem de classe social privilegiada; Que o superdotado é “sabichão, metido, exibido”; Que a aceleração é a modalidade mais correta;
  6. 6.  Tudo é fácil, não precisa se esforçar; Não precisa de ajuda; Não se relaciona com os demais por opção;
  7. 7. CARACTERÍSTICAS DE APRENDIZAGEM• Rapidez e facilidade para aprender;• pensamento divergente e independente ( criatividade)• facilidade de abstração,• capacidade de julgamento;• habilidade na resolução de problemas;• memória e compreensão incomuns;• descuido com a escrita;• talentos específicos.
  8. 8. TRAÇOSCOMPOSTAMENTAIS E SOCIAIS• muita curiosidade• senso critico exacerbado;• senso de humor;• sensibilidade;• investimento nas áreas de interesse;• convívio com pessoas mais velhas;• liderança;• aborrecimento com rotina;
  9. 9. • conduta irriquieta;• capacidade para articular relações entre fatos e emoções;• interesses muito diferentes do seu grupo;• capacidade em se envolver em assuntos éticos,filosóficos e sociais da humanidade;• por serem muito sensíveis frequentemente recusam autoridade (regras e limites);
  10. 10. Essas características nãoaparecem todas numa única criança. SINDROME DA DISSINCRONIA Ritmos diferentes dodesenvolvimento nas áreascognitivo, afetivo e social
  11. 11. DIFICULDADES• Falta de reconhecimento das suas falhas e competências;• Falta de auxílio e compreensão ara desenvolver um nível psicossocial frente a vida;• Baixa auto-estima.
  12. 12. ATENDIMENTO EM SALA DE INTEGRAÇÃO E RECURSOS DE PORTO ALEGRE• Prof. Sheila Torma da Silveira• Os alunos com AH/SD tem necessidade de aprofundar seus conhecimentos.
  13. 13. ORGANIZADOR DE PESQUISA• Nome: Idade:• Escola: Turma:• Pesquisa sobre terremoto.• - Quero investigar como acontece o terremoto.• - Vou precisar de revistas,livros, informações e internet.
  14. 14. • - O professor pode ajudar estudando sobre o terremoto na aula.• Para pesquisar sobre o terremoto eu vou:• - procurar por enciclopédias e livros sobre a natureza.• - ouvir no rádio, na teve e conversar com as pessoas.• - ler livros, jornais e revistas.
  15. 15. • - O professor pode ajudar estudando sobre o terremoto na aula.• Para pesquisar sobre o terremoto eu vou:• - procurar por enciclopédias e livros sobre a natureza.• - ouvir no rádio, na teve e conversar com as pessoas.• - ler livros, jornais e revistas.
  16. 16. • - visitar museu da PUC.• - escrever sobre a visita e tudo o que eu aprendi.• No final eu vou:• - produzir uma maquete;• - compartilhar o que aprendi com meus amigos.
  17. 17. Algumas atividades exploratórias ou introdutórias são realizadas com todos os alunos atendidos:- palestras, oficinas e cursos
  18. 18. AEE na Rede Pública Estadual do RS Profª Marli DeunerSão realizadas atividades de enriquecimento I ( atividades exploratórias, conhecer os interesse dos alunos, participar de eventos, etc), II ( utilização de métodos, materiais e técnicas que contribuem para o desenvolvimento de habilidades) e III (investigam os problemas reais, realizam experiências, criam campeonatos, etc).
  19. 19. Realiza pesquisa através de questionário para mapear possíveis parcerias ( empresas, pessoas, entidades que tem na comunidade) e que podem contribuir para o trabalho desenvolvido na Sala de AEE.Para registrar os trabalhos e projetos feitos pelo aluno é utilizado o portfólio.
  20. 20. COMPREENDENDO A INTELIGÊNCIA: TEORIA MODULAR DA MENTEDrª. Elizabeth Carvalho da VeigaNão existe um conceito universal de inteligência.Velocidade de processamento não é sinônimo de inteligência.
  21. 21. A sociedade vai determinar valores em relação ao que é inteligência.A base do desenvolvimento do cérebro é a aprendizagem que vem através de estímulos.Importância do vínculo afetivo para o processo de aprendizagem.
  22. 22. TEORIA DAS INTELIGÊNCIAS MÚLTIPLAS• Teoria modular da mente (vários sistemas que respondem por diferentes competências)• Questiona a concepção tradicional de inteligência ( não temos uma inteligência geral da mente)
  23. 23. • Não atuam de forma isolada.• Funciona de forma harmônica.A concepção tradicional de inteligência não leva em consideração os 8 sistemas ou inteligências.O ideal seria desenvolver todos os sistemas ( inteligências) de forma harmônica.
  24. 24. Estratégias baseadas na modularidade:Ex.: Ensinar o que é o microfone de 8 formas diferentes; falar, desenhar, dramatizar, medir...Tentar entender o que é o microfone utilizando os 8 sistemas inteligentes.

×