ESPETÁCULO MUSICAL
Nós somos as cantoras do rádio      levamos a vida a cantar   De noite embalamos teu sono  de manhã nós vamos te acordar  ...
APRESENTAÇÃOO Teatro de Revista foi, sem dúvida, um gênero marcante no século passaRadiodifusão Brasileira chega tentando ...
OBJETIVOS E METASCom este projeto, objetivamos:            Viabilizar a montagem do espetáculo ELES CANTAM NA ERA DO RÁDIO...
CONTRAPARTIDAS SOCIAISDemocratização e ampliação do acesso a bens culturais:A fim de alcançar um público heterogêneo, advi...
PLANO DE COMUNICAÇÃO E MÍDIAASSESSORIA DE IMPRENSA:A campanha de comunicação da assessoria de imprensa estará focada, basi...
RESUMO DO ORÇAMENTOETAPA FASE                    VALOR TOTAL DO ITEM (R$)Pré-Produção                     82.446,70Produçã...
PLANO DE COTAS DE PATROCÍNIO  COTA         STATUS         VALOR                                CONTRAPARTIDAS             ...
ISENÇÃO DE IMPOSTOS PARA O PATROCINADOREste projeto está na fase de aprovação, pelo Ministério da Cultura, na Lei Rouanet,...
SERVIÇO E CONTATOS              FICHA TÉCNICA              ROTEIRO    TIAGO HIGA              DIREÇÃO    JOÃO FONSECA     ...
THERÉZE BELLIDOMais Respeito Que Sou Tua Mãe! - 2010/2011Com Cláudia JimenezDireção: Miguel FalabellaRealização: Aveia Côm...
CONTATOSPATHAVIDHATU EMPREENDIMENTOS CULTURAIS ME            Responsável: Theréze Bellido      Tels.: (21) 2543-5980 / (21...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Eles Cantam Na Era do Rádio

531 visualizações

Publicada em

Revista Musical

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Eles Cantam Na Era do Rádio

  1. 1. ESPETÁCULO MUSICAL
  2. 2. Nós somos as cantoras do rádio levamos a vida a cantar De noite embalamos teu sono de manhã nós vamos te acordar Nós somos as cantoras do rádio nossas canções cruzando o espaço azul Vão reunindo num grande abraço corações de Norte a Sul Canto pelos espaços afora Vou semeando cantigas dando alegria a quem choraCanto, pois sei que a minha canção vai dissipar a tristeza que mora no teu coração Canto para te ver mais contente pois a ventura dos outros é alegria da gente Canto e sou feliz só assim Agora peço que cantes um pouquinho para mim. Nós somos as cantoras do rádio levamos a vida a cantar De noite embalamos teu sono de manhã nós vamos te acordar Nós somos as cantoras do rádio nossas canções cruzando o espaço azul Vão reunindo num grande abraço corações de Norte a Sul!
  3. 3. APRESENTAÇÃOO Teatro de Revista foi, sem dúvida, um gênero marcante no século passaRadiodifusão Brasileira chega tentando atingir longas distâncias. Com a ftelevisão, o rádio chegou ao auge na década de 20, trazendo a conhecidado Rádio” que, além de lançar grandes potências de comunicação como aJornal do Brasil e Tupi, e ainda a Rádio Nacional, fez surgir as grandes voBrasil.SINOPSEO Espetáculo é uma Revista Musical inspirada nos “Pocket Shows”, onde ccantores utilizam a música como base para encenação. Em ELES CANTAMRÁDIO, toda ação é interpretada através das canções, relatando os fatos idos anos inesquecíveis que foram os tempos das Divas e Mestres da Eraépoca igualmente marcante para a história da Música Popular Brasileira.Com roteiro traçado em cima dos grandes compositores e suas respectivaMestres do Rádio, o musical traz à cena carioca um resgate à Música PopuBrasileira, utilizando as belas canções de cantores e compositores que imtoda uma geração e até hoje fazem enorme sucesso, entre eles: LupicínioHerivelto Martins, Carmem Miranda, Linda e Dircinha Batista, Dalva de OlivDolores Duran, Elizeth Cardozo, Emilinha Borba, Marlene, Aracy de AlmeidAlves, Nelson Gonçalves, Isaurinha Garcia e Orlando Silva.
  4. 4. OBJETIVOS E METASCom este projeto, objetivamos: Viabilizar a montagem do espetáculo ELES CANTAM NA ERA DO RÁDIO; Realizar uma temporada de 3 meses no Rio de Janeiro (Teatro Leblon), de quinta a domingo, totalizando, assim, 48 apresentações; Ampliar o acesso do público à cultura, oferecendo um espetáculo de qualidade com cota de ingressos promocionais e distribuição estratégica de entradas francas.São nossas metas para este empreendimento: Estimativa de 13.440 espectadores, considerando 70% da lotação de teatros com capacidade média de 400 lugares; Qualitativo de público: o Nível socioeconômico: A1 a C (cf. Critério Brasil); o Escolaridade: de ensino fundamental a superior; o Faixa etária: livre; o Gênero: ambos; o Target: Terceira Idade
  5. 5. CONTRAPARTIDAS SOCIAISDemocratização e ampliação do acesso a bens culturais:A fim de alcançar um público heterogêneo, advindo de diversas regiões da cidade, devariadas condições sócio-econômicas e diferentes níveis educacionais, foram pensadasestratégias simples, mas que certamente somarão bons resultados à democratização e àampliação do acesso a atividades culturais. São elas:1) Gratuidades: serão distribuídas cotas de ingressos promocionais e de gratuidadesequivalentes a um total de 10% dos ingressos gerados, a qual será estrategicamentedistribuída a públicos alvos específicos, tais como ONGs, comunidades carentes eassociação de moradores. Outros públicos com o mesmo perfil poderão sercontemplados. Sua empresa desde já está convidada a participar oferecendo sugestões!2) Acessibilidade: Todos os teatros deverão ser devidamente equipados com rampas deacesso, elevadores e instalações sanitárias adequadas para atender às necessidades deidosos, portadores de deficiência física e usuários de cadeiras de rodas, bem como localapropriado para sua acomodação na platéia, atendendo, assim, ao disposto no art. 27,inciso II, do Decreto 5761/06, que diz “proporcionar condições de acessibilidade apessoas idosas, nos termos do art. 23, da Lei nº 10741, de 1º de outubro de 2003, eportadoras de deficiência, conforme o disposto no art. 46, do Decreto 3298, de 20 dedezembro de 1999”.3) Geração de empregos: Este projeto possibilitará a geração de oportunidade detrabalho e renda para 30 profissionais, entre cantores, músicos, artistas cênicos, técnicosde espetáculos e demais colaboradores diretos;4) Formação de Mão de Obra Cultural: Contratação de estagiários em funções deprodução, tais como cenários, figurinos, assistentes de produção, iluminação, etc.
  6. 6. PLANO DE COMUNICAÇÃO E MÍDIAASSESSORIA DE IMPRENSA:A campanha de comunicação da assessoria de imprensa estará focada, basicamente,em 2 estratégias:1) a “receita” que deu certo: espetáculo cujo target é a Terceira Idade, baseado emcomprovados sucessos de público como: Sassaricando, Rádio Nacional e É Com EsseQue Eu Vou. Hoje, o público da Terceira Idade compõe 50% das platéias dos Teatros noeixo Rio-São Paulo;2) as músicas do espetáculo.PUBLICIDADE:1) Anúncios coloridos semanais nos principais jornais de cada cidade, durante toda atemporada de apresentações;2) Chamadas diárias em rádio, durante toda a temporada de apresentações;3) Busdoors em linhas de ônibus que cruzem a cidade e Taxidoor em duas ou trêsdiferentes cooperativas durante toda a temporada de apresentações;4) Mobiliário urbano (Clear Channel) espalhado pela cidade;5) Painéis em estações do Metrô;6) Banner virtual e flyers;7) Elemídia.DIVULGAÇÃO "IN LOCO":1) Cartões promocionais gratuitos (Mica Cards) em pontos culturais estratégicos;2) Divulgadores afixarão cartazes e farão filipetagens promocionais (c/ desconto nopreço do ingresso) em locais estratégicos de grande circulação do público alvo;3) Sorteios em rádios.
  7. 7. RESUMO DO ORÇAMENTOETAPA FASE VALOR TOTAL DO ITEM (R$)Pré-Produção 82.446,70Produção/Execução 421.780,00Divulgação 103.700,00Custos Administrativos 28.687,00Elaboração e Agenciamento 63.331,37TOTAL 699.945,07
  8. 8. PLANO DE COTAS DE PATROCÍNIO COTA STATUS VALOR CONTRAPARTIDAS 1. 100% de abatimento no Imposto de Renda devido; 2. Veiculação da marca de SUA EMPRESA em todo material promocional e de divulgação, bem como em citação em locução e vídeoprojeção antes do início das sessões; 3. Privilégio na chamada de apresentação das peças impressas e/ou publicitárias: “A SUA EMPRESA apresenta”; COTA 4. Pré-estreia do espetáculo com sessão exclusiva (100% dos assentos da plateia) eDIAMANTE APRESENTA 699.945,07 cota de convites para a temporada; (1 COTA) 5. Citação da SUA EMPRESA como patrocinadora exclusiva em entrevistas feitas com os artistas; 6. Direitos de utilização de imagem de cenas do espetáculo e dos artistas envolvidos em ações publicitárias da SUA EMPRESA ao longo de 2011. 1. 100% de abatimento no Imposto de Renda devido; 2. Veiculação da marca de SUA EMPRESA em todo material promocional e de divulgação, bem como em citação em locução e vídeoprojeção antes do início das sessões; 3. "Patrocínio: SUA EMPRESA"; COTA 4. Pré-estreia do espetáculo com sessão exclusiva (1/2 dos assentos da plateia) e OURO PATROCÍNIO 349.942,53 cota de convites para a temporada;(2 COTAS) 5. Citação da SUA EMPRESA como patrocinadora principal em entrevistas feitas com os artistas; 6. Direitos de utilização de imagem de cenas do espetáculo e dos artistas envolvidos em ações publicitárias da empresa ao longo de 2011. 1. 100% de abatimento no Imposto de Renda devido; 2. Veiculação da marca da SUA EMPRESA proporcional ao valor da cota em todo material promocional e de divulgação, bem como citação da empresa em locução e vídeoprojeção antes do início das sessões; 3. Pré-estreia do espetáculo com sessão exclusiva (1/6 dos assentos da plateia) e COTA cota de convites para a temporada; PRATA CO-PATROCÍNIO 174.986,26 4. Atributo nas peças impressas e/ou publicitárias: "Copatrocínio: SUA(4COTAS) EMPRESA"; 5. Direitos de utilização de imagem de cenas do espetáculo e dos artistas envolvidos em ações publicitárias da empresa ao longo de 2011.
  9. 9. ISENÇÃO DE IMPOSTOS PARA O PATROCINADOREste projeto está na fase de aprovação, pelo Ministério da Cultura, na Lei Rouanet, quegarantirá à empresa patrocinadora o abatimento integral, em seu Imposto de Rendadevido, dovalor investido a título de patrocínio.Veja a seguir algumas orientações básicas sobre como a Lei Rouanet funciona:O que é lei Rouanet?Trata-se de lei 8.313/91, que regulamenta a renúncia fiscal de Imposto de Renda paraaquelesque patrocinarem ou apoiarem projetos culturais. Por meio dela, as empresas tributadasem lucro real podem utilizar até 4% do IRPJ anual para patrocínio de projetos culturais. Ouso da Lei Rouanet é, em poucas palavras, extremamente vantajoso para a empresa, poispossibilita aconfecção de um produto que será utilizado como peça de marketing e promoção daimagem corporativa a custo zero.A empresa não gasta nada?Valores destinados aos projetos culturais são 100% dedutíveis do IR devido no exercício,até olimite de 4%.Obs.: 1 -Empresas que apuram IR trimestralmente podem calcular 4% sobre o IR de todo otrimestre, aplicá-lo nos projetos e deduzi-lo integralmente em um próximo pagamento doimposto relativo ao período;2 -Empresas que apuram IR anualmente podem calcular 4% sobre o IR de todo o ano,independentemente de pagamentos do imposto já realizados, aplicá-lo nos projetos ededuzi-lointegralmente em um próximo pagamento do imposto relativo ao exercício.O que a empresa ganha sendo patrocinadora?Sem gastar nenhuma soma em dinheiro, a empresa terá apoiado um evento cultural e terádireito a contrapartidas, como a veiculação de sua marca em toda a publicidade do eventocultural e uma cota de convites para dar a clientes e/ou funcionários, o que é bastanteinteressante para a imagem coorporativa.
  10. 10. SERVIÇO E CONTATOS FICHA TÉCNICA ROTEIRO TIAGO HIGA DIREÇÃO JOÃO FONSECA DIREÇÃO MUSICAL JULES VANDYSTADT ELENCO IVANA DOMENICO CARMEM POMPEO TIAGO HIGA KIKO DO VALLE SARA MARQUES CENÁRIO E FIGURINOS NELLO MARRESE ILUMINAÇÃO KADU MORATORI PROJETO GRÁFICO LEANDRO MARIZASSESSORIA DE IMPRENSA IVONE KASSU DIREÇÃO DE PRODUÇÃO THERÉZE BELLIDO REALIZAÇÃO PATHAVIDHATU EMPREENDIMENTOS CULTURAIS
  11. 11. THERÉZE BELLIDOMais Respeito Que Sou Tua Mãe! - 2010/2011Com Cláudia JimenezDireção: Miguel FalabellaRealização: Aveia Cômica e Chaim ProduçõesSítio do Picapau Amarelo - O Musical - 2009Com Mariana Elizabetsky, Bibba Chuqui e Grande ElencoDireção: Roberto TalmaRealização: Chaim ProduçõesGloriosa - 2008 / 2009Com Marília Pêra A Senhora Macbeth - 2006/2007Direção: Charles Moeller e Cláudio Botelho Com Marília GabrielaRealização: Chaim Produções Direção: Antônio Abujamra Realização: Barata ComunicaçãoAndy Summers e Roberto Menescal(show para gravação de dvd) - 2008Direção Musical: Roberto Menescal A Vida Como Ela É... - 2006Participação Especial: Bossa Cuca Nova, BR6 e Cristina Braga Com o grupo EncenAçãoRealização: Oficina da Música Direção: Nelson Rodrigues, filho Realização: Ação Comunitária do BrasilDoce Deleite - 2008Com Reynaldo Gianecchini e Camila Morgado Cerâmica Negra da Maré - 2006Direção: Marília Pêra Exposição de CerâmicasRealização: Barata Comunicação das Mulheres Negras da Favela da Maré Realização: Ação Comunitária do BrasilYouposter - Retratos de um artista digital - 2008Exposição de Rodrigo Morais Três, Quatro - Abacaxi no Prato - 2004/200Realização: Centro Cultural Justiça Federal Com Chico e Paulo Caruso Direção: Chico e Paulo CarusoBrincando Em Cima Daquilo - 2007/2008 Realização: Oficina da MúsicaCom Débora BlochDireção: Otávio Muller Jazz 6 - 2004Realização: Barata Comunicação Com Luiz Fernando Veríssimo e banda Realização: Oficina da Música Prêmio Orilaxé 2004 Com Caetano Veloso, Fernanda Abreu, MV Bill, O Rappa e Banda Afro Reggae Realização: Grupo Cultural Afro Reggae Prêmio Orilaxé 2002 Com Grupo Cultural Afro Reggae Realização: Grupo Cultural Afro Reggae Reveillon de Copacabana 2001 Com Grupo Cultural Afro Reggae, Escola Nacional de Circo e convidados. Realização: Grupo Cultural Afro Reggae e Prefeitura do Rio de Janeiro I Festival Latino-Americano de La Danza - 19 Realização: Fundação Fluminense de Ballet
  12. 12. CONTATOSPATHAVIDHATU EMPREENDIMENTOS CULTURAIS ME Responsável: Theréze Bellido Tels.: (21) 2543-5980 / (21) 9855-5007

×