Parte 1 Introducao,Arte E Tecnologia

2.885 visualizações

Publicada em

Introdução.

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.885
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
55
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Parte 1 Introducao,Arte E Tecnologia

  1. 1. IDENTIFICAÇÃO INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR : Universidade Tecnológica Federal do Paraná PROFESSOR ORIENTADOR IES : Marilda Lopes Pinheiro Queluz PROFESSOR PDE : Paulo Roberto da Veiga Buzetti NRE : Curitiba ÁREA/DISCIPLINA : Arte TÍTULO DA PRODUÇÃO DIDÁTICO-PEDAGÓGICA : “As Novas Tecnologias como Expressão Artística” 1ªPARTE : Introdução, Arte e Tecnologia
  2. 2. Introdução As Novas Tecnologias na Expressão Artística
  3. 3. Introdução Novas Tecnologias + Expressão Artística
  4. 4. Novas Tecnologias + Expressão Artística Aprimoramento científico e interação humana; Registro artístico com estilo pessoal; Introdução
  5. 5. Novas Tecnologias + Expressão Artística Novos arranjos expressivos e artísticos; Introdução
  6. 6. As Novas Tecnologias na Arte A arte está ligada a tecnologia de seu tempo, criando os seus valores, associando o passado e o presente, afirmando ou questionando o tempo tecnológico. A cada nova relação tecnológica a arte se transformou, modificando as formas, a expressão artística, os materiais expressivos . O artista como um inovador contribuiu com um novo saber sensível transformando a arte e a humanidade.
  7. 7. As Novas Tecnologias na Arte O termo “Novas Tecnologias” refere-se à utilização de tecnologias ou um pensar a tecnologia de forma “revolucionaria” no momento histórico em que está inserida. A arte, as pessoas, a tecnologia em seu contexto cultural.
  8. 8. Todos os movimentos artísticos estão ligados a tecnologia... a preparação de pigmentos naturais ou artificiais...Mas alguns movimentos artísticos tornam a relação entre arte e tecnologia mais evidentes... As Novas Tecnologias na Arte
  9. 9. Como ilustração e introdução ao pensamento da relação tecnologia e arte voltaremos aos anos...
  10. 10. Como ilustração e introdução ao pensamento da relação tecnologia e arte voltaremos aos anos... ...1909
  11. 11. Como ilustração e introdução ao pensamento da relação tecnologia e arte voltaremos aos anos... ...1909 1915
  12. 12. Como ilustração e introdução ao pensamento da relação tecnologia e arte voltaremos aos anos... ...1909 1915 1950...
  13. 13. Como ilustração e introdução ao pensamento da relação tecnologia e arte voltaremos aos anos... ...1909 1915 1950...
  14. 14. ...1909 1915 1950... Futurismo Pop Arte Dada ísmo Tecnologia e Arte
  15. 15. O Futurismo , Dadaísmo , Pop Arte São movimentos artísticos que tiveram relações interessantes com a tecnologia e com a arte
  16. 16. 1909 Futurismo .... Tema 1950 Pop Arte .... Seriação 1915 Dada ísmo .... Material Tecnologia e Arte
  17. 17. 1909 Futurismo .... Tema >> Imagens sequenciadas >> Ação 1915 Dada ísmo .... Material >> Crítica 1950 Pop Arte .... Seriação >> Repetição Tecnologia e Arte ...mas isto é apenas um resumo... vamos nos aprofundar nos movimentos artísticos...
  18. 18. Tecnologia e Arte Futurismo, 1909 Em suas obras a máquina é mostrada como um dos temas principais sejam através do movimento de um avião ou de um carro. O cinema e a fotografia estimularam a nova visualização realizada pelos futuristas. Surgem raios de luz, repetição, sobreposição, imagens sequenciadas nas figuras dos futuristas. Para este grupo de artistas a modernização do pensamento do homem teria como sua grande representante a velocidade demonstrada pela “Máquina”.
  19. 19. Obra: “Batalha Aérea I” Autor: Tullio Crali O quadro tem uma estrutura de composição circular que ressalta a idéia da movimentação de um avião do ponto de vista, de dentro da aeronave. O pintor acompanhou o piloto em vôo, construindo realisticamente a idéia da deformação da paisagem através do vórtice enrolado executado pelo avião. “ Alguns destes adjetivos podem ser aplicados ao quadro de Crali. (...) o artista sentava-se efetivamente no avião, e esforçava-se por criar uma síntese entre o que viu e o que experimentou fisicamente no processo do vôo. Em várias composições, Crali evocou a forma como o homem faz parte da máquina, a sua enorme velocidade, e a experiência do espaço sem fronteiras.” “ Sylvia Martin” Tecnologia e arte: Futurismo
  20. 20. Obra: “Batalha Aérea I” Tecnologia e arte: Futurismo Onde encontramos a Tecnologia?
  21. 21. O artista integra as idéias de modernidade do futurismo com o seu interesse de um olhar do homem através da máquina, o avião traz uma nova paisagem do ponto de vista da aeronave. O homem artista criando um novo olhar através da arte... A idéia de Tecnologia é construída em formas imagéticas, a partir de inúmeras relações: Tecnologia <ul><ul><li>Máquina </li></ul></ul><ul><ul><li>Velocidade </li></ul></ul><ul><li>Modernização </li></ul>Tecnologia e arte: Futurismo
  22. 22. Obra: “Batalha Aérea I” Tecnologia e arte: Futurismo Tecnologia Máquina Ser Humano Velocidade (Tempo) Modernização &
  23. 23. Obra: “Batalha Aérea I” Autor: Tullio Crali Tecnologia e arte: Futurismo Material: Óleo sobre cartão Medida: 110 x 100 cm Imagem: Paisagem do ponto de vista do interior de um avião. Idéia: A relação entre homem, máquina e modernidade
  24. 24. Tecnologia e Arte Dada, 1915 Suas obras eram ricas em inovações artísticas, entre elas estava a utilização do inusitado seja no tema como no material empregado em suas obras. Usavam objetos prontos, fabricados na indústria. Estas obras não valorizavam a indústria, bem pelo contrário, ironizavam,contrariavam a lógica e, porque não dizer, criticavam.
  25. 25. Obra: Cadeau, 1921 Autor: Man Ray “ Para esta montagem, Man Ray pegou num ferro de engomar e pregou-lhe catorze pregos de cobre na parte de baixo. (...) Man Ray não admite que os objetos mantenham a sua identidade, mas usa a combinação para criar um objeto totalmente novo, desconhecido sob esta forma, uma mutação do ferro de engomar familiar e útil. (...) o objeto perde o seu propósito prático, surge um conflito irremediável entre a funcionalidade do objeto e o fracasso de sua função. É neste ponto que a atenção do expectador se passa a concentrar no potencial irônico e dadaísta da obra “Presente”. “ Dietmar Elger” Tecnologia e arte: Dadaísmo
  26. 26. Obra: “Cadeau” Tecnologia e arte: Futurismo Onde encontramos a Tecnologia?
  27. 27. O artista ironiza o produto criado pelo homem, brinca, se diverte com o produto da indústria no caso o ferro de engomar, que perde sua função transformando-se em um objeto que poderia ser inclusive arte, mas jamais teria a função criada pelo homem e não poderia ser utilizada pelos objetivos da indústria. A idéia de tecnologia é construída com o próprio produto fruto de relações tecnológicas (ferro e pregos) mas nessa composição gera a própria destruição das relações originais fazendo gerar o questionamento: Tecnologia e arte: Dadaísmo Tecnologia <ul><ul><li>Homem </li></ul></ul><ul><li>Criação </li></ul><ul><ul><li>Ironia </li></ul></ul><ul><li>Objeto industrializado </li></ul>
  28. 28. Obra: “Cadeau” Tecnologia e arte: Dadaísmo Tecnologia Ser Humano Ironia Criação Indústria &
  29. 29. Obra: “Cadeau”(Presente) Tecnologia e arte: Dadaísmo Material: Ferro de engomar, pregos; Objeto: Ferro de engomar e pregos; Idéia: Ironia entre a relação homem, indústria e as funções estabelecidas nos objetos da criação;
  30. 30. Obra: Cadeau, 1921 de Man Ray Dada: Ferro + Pregos = Ready-made Tecnologia e arte: Dadaísmo Elementos da Obra
  31. 31. Tecnologia e Arte Pop Arte Através da Pop Art pode-se observar o nosso dia-a-dia, verificar a quantidade de informações visuais que existem no mundo, o quanto este mundo de consumo pode ser irreal e ao mesmo tempo sedutor. Posters, anúncios, embalagens de alimentos, capas de discos, sinais luminosos, outdoors, tudo muito colorido, chamativo e cada vez mais atraente ao público de consumidores. Baseia-se em símbolos do cotidiano urbano, da urbanização técnica e das vantagens da tecnologia. Este movimento vai trazer à tona o uso da imagem, o consumismo, a mídia e a reprodutividade da imagem e da indústria. Podiam ser críticos ou realistas ao figurarem o período em que viviam.
  32. 32. Obra: As Duas Marilyns, 1962 Autor: Andy Warhol Tecnologia e arte: Pop Arte A obra apresenta lado a lado a representação recorrente nas obras de Warhol,o ídolo Marilyn Monroe duas imagens iguais uma preto e branco e outra colorida, na técnica de serigrafia. “ (...) Warhol secularizou o ídolo ao repetir constantemente ou ao isolar o sorriso, e ligou o mito da estrela aos métodos usados pelos mass media para fazer uma estrela. Com variações e sequências sucessivas, como um produto industrial, um artigo de consumo.” Marilyn é uma imagem em impressa, produzida em série. “ Klaus Honnef”
  33. 33. Obra: “As Duas Marilyns” Tecnologia e arte: Pop Arte Onde encontramos a Tecnologia?
  34. 34. Esta obra é uma entre várias que representam a imagem de Marilyn, de tanto representa-la a própria imagem vence a pessoa “Marilyn” tornando-se apenas uma representação de ídolo, sex-simbol, tanto que a imagem é a mesma “(...) um sorriso foçado, estereotipado(...)”. A idéia de representação e consumo da imagem, pela indústria, pela mídia e pelo imaginário Pop é bastante forte. A utilização da serigrafia como recurso técnico traz uma novidade para a arte, uma nova tecnologia usada como meio de expressão artística. Um meio técnico que reforça a idéia de reprodutividade e seriação neste caso o produto não é um objeto, mas uma imagem um ídolo, um símbolo. Tecnologia e arte: Pop Arte
  35. 35. Esta obra é uma entre várias que representam a imagem de Marilyn, de tanto representa-la a própria imagem vence a pessoa “Marilyn” tornando-se apenas uma representação de ídolo, sex-simbol, tanto que a imagem é a mesma “(...) um sorriso foçado, estereotipado(...)”. A idéia de representação e consumo da imagem, pela indústria, pela mídia e pelo imaginário Pop é bastante forte. A utilização da serigrafia como recurso técnico trás uma novidade para a arte, uma nova tecnologia usada como meio de expressão artística. Um meio técnico que reforça a idéia de reprodutividade e seriação neste caso o produto não é um objeto, mas uma imagem um ídolo, um símbolo. Tecnologia e arte: Pop Arte Tecnologia <ul><ul><li>Técnica </li></ul></ul><ul><li>mídia de massa </li></ul><ul><ul><li>Reprodutividade </li></ul></ul>
  36. 36. Obra: “As Duas Marilyns” Tecnologia e arte: Pop Arte Tecnologia Reprodutividade mídia de massa Técnica e Seriação Ser Humano &
  37. 37. Obra: “Marilyn” Tecnologia e arte: Pop Arte Técnica: Serigrafia sobre tela Imagem: Duas imagens iguais de Marilyn Monroe Idéia: Representar uma imagem do cotidiano pop, dos meios de consumo.
  38. 38. Sugestões de Leitura BRITO, Gláucia da Silva; PURIFICAÇÃO, Ivonéia . Educação e novas tecnologias: um repensar . Curitiba, Pr: IBPEX, 2006 COUCHOT,E. “Da representação à simulação das técnicas e das artes da figuração”. In Imagem máquina: a era das tecnologias do virtual . Org. André Parente, Editora 34, 1993. p. 37-48. DOMINGUES, Diana (org.). A arte no século XXI: a humanização das tecnologias . São Paulo: Fundação da UNESP, 1997. JANA, Reena; TRIBE, Mark. New Media Art . Colónia: Taschen Ed., 2007. MACHADO, Arlindo. Arte e mídia . Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2007. MARTIN, Sylvia. Video art . Colónia: Taschen Ed., 2006. www.cibercultura.org.br/tikiwiki/home.php http://sciarts.org.br/index1p.html

×