E.E. JOSÉ ALVES RIBEIROO UNIVERSO<br />GEOGRAFIA – 6º ano A<br />Profª Roseli Maria<br />Colaboração: Profª Roseli Barbosa...
Universo <br />. É o conjunto dos astros/corpos celestes (estrelas, planetas, satélites naturais, cometas, etc), além dos ...
Nada no Universo é eterno. Tudo é muito dinâmico, em constante modificação. <br />O Universo foi formado a cerca de 15 bil...
O estudo do Universo<br />Estudar o espaço/Universo não é apenas tentar descobrir se existem homenzinhos verdes em outros ...
Para poder observar o Sol a partir da Terra, a Lua e as estrelas mais de perto são necessários telescópios potentes, situa...
Foi apenas em 24 de abril de 1990 que colocaram um observatório espacial em órbita ao redor da Terra - comandado pelas aut...
Ao contrário dos telescópios terrestres, esses telescópios espaciais podem observar dentro das profundezas do espaço, sem ...
A Terra é rodeada por uma gigantesca esfera de espaço que é conhecida como “esfera celestial”. Quando observamos o céu, es...
Não sabemos o tamanho do nosso Universo porque ele é muito vasto para ser medido. Ele pode ser infinitamente grande ou con...
GALÁXIAS<br />
A galáxiasão formadas por agrupamentos de vários corpos celestes, principalmente estrelas, planetas, poeira cósmica, etc.<...
A Via Láctea é uma galáxia em espiral que se estende por 100 mil anos-luz de diâmetro. <br />As galáxias em espiral tendem...
Cometas <br />
Cometas <br />Os cometas são pequenas “bolas de neve sujas” formadas por uma mistura de gelo, gases congelados, poeira e p...
Quando se aproxima do Sol parte do material que forma o cometa se volatiza, dando origem à sua cabeleira e à sua cauda. <b...
Meteoróides<br />
Meteoróides– pequenos corpos sólidos, menores que um asteróide.<br />Meteoros–são os meteoróides que ao entrarem em atrito...
Meteoritos cortam o céu de TalamillodelTozo, no norte da Espanha,  pouco antes do amanhacer .  18/02/2005<br />
Duas vezes por semana, aproximadamente, um meteoróide do tamanho de uma almofada se precipita sobre a Terra e explode com ...
A superfície terrestre já foi atingida por enormes meteoritos. <br />No Arizona, Estados Unidos, existe uma cratera de 49 ...
O maior meteorito encontrado na Terra é o Hoba West   caiu na Namíbia/ África , tem 2,7 m de comprimento por 2,4 m de larg...
Willamette - Estados Unidos<br />Com 7,8 metros quadrados e 15,5 toneladas, o Willamette é o maior meteorito encontrado no...
Mbosi -Tanzânia<br />Oficialmente descoberto em 1930, o Mbosi foi encontrado na Tanzânia.<br />O Mbosi é um grande pedaço ...
Agpalilik, Groenlândia - 20 toneladas<br />Descoberto em 1963 por F. VagnBuchwald. <br />
Bacubirito - México<br />O meteorito Bacubirito, é um dos mais finos e é o mais comprido dentre os meteoritos que caíram n...
Ahnighito - Groenlândia<br />O meteorito Ahnighito pesa cerca de 31 toneladas e é o mais pesado meteorito movido pelo home...
Pedra de Bedongó - Brasil<br />No Brasil o maior meteorito encontrado é o chamado Pedra de Bendongó ou Pedra de Bendegó, q...
Os cientistas acreditam que um meteoróide de aproximadamente 8 km de diâmetro, ocasionou a extinção dos dinossauros ao col...
Asteróides<br />
Asteróides<br />É um corpo menor do sistema solar, geralmente da ordem de algumas centenas de quilômetros apenas. É também...
A maioria dos asteróides se comporta de forma ordenada, ficando em órbita ao redor do Sol num cinturão de asteróides local...
Ceres era considerado o maior asteróide conhecido, possuindo diâmetro de aproximadamente mil quilômetros, mas desde 24 de ...
Estrelas <br />
As estrelas são enormes corpos celestes - entidades gasosas com uma variedade de massas, tamanhos e temperaturas. <br />O ...
Esse brilho é causado pela distância que estão de nós e pelo efeito da atmosfera no nosso planeta.<br />Estima-se que exis...
Satélites <br />Satélite natural / Lua / planeta secundário é um corpo celeste que orbita um planeta ou outro corpo.<br />...
Depois de quase 40 anos de exploração espacial, atualmente sabemos que existem, pelo menos, 95 luas girando ao redor dos o...
A atmosferada maior das cinco luas de Saturno não possui oxigênio. No lugar dele há nitrogênio e metano frio em abundância...
A aparência brilhante, fresca e juvenil de Europa surpreendeu os cientistas, pois eles acreditavam que ela possuía uma sup...
Planetas <br />É um corpo celestial que orbita uma estrela ou um remanescente de estrela, com massa suficiente para se tor...
Embora a idéia de que os planetas orbitavam o Sol tivesse sido sugerida muitas vezes, somente no século XVII esta visão fo...
Os planetas são geralmente divididos em dois tipos principais: os grandes e de baixa densidade planetas gigantes gasosos e...
Além disso, o Sistema Solar possui também pelo menos cinco planetas anões e centenas de milhares de corpos menores do Sist...
Mercúrio <br />
O nome Mercúrio vem do mensageiro romano dos deuses.<br /> Está cheio de crateras e parece um pouco com a superfície da Lu...
A maior parte da informação obtida de Mercúrio vem principalmente da sonda Mariner, de 1974-1975. A sonda Messenger, lança...
Vênus <br />
O nome Vênus foi inspirado na deusa romana do amor.<br />É o planeta mais quente do Sistema Solar. <br />É mais ou menos d...
Até 1962, quando o Mariner 2 passou por lá, pensava-se que havia oceanos neste planeta mais brilhante de todos. Agora sabe...
Terra <br />
O único no sistema solar que não recebeu o nome de um deus ou deusa. <br />A Terra é o terceiro planeta a partir do sol.<b...
É devido à inclinação do seu eixo que acontecem as mudanças de estações e a vasta expansão de gelo nos pólos.<br />   Dist...
Marte <br />
O nome do planeta Marte foi dado pelos romanos em homenagem ao deus da Guerra.<br /> Desde 1960, os Estados Unidos e a ant...
A atual compreensão que temos sobre o interior de Marte sugere que pode estar modelada por uma fina crosta, semelhante à d...
Júpiter <br />
O nome Júpiter vem do rei dos deuses romanos, e não sem razão, pois ele é o maior planeta do Sistema Solar.<br />É 1.300 v...
O núcleo de Júpiter é extremamente magnético e tem a maior força gravitacional de todos os planetas, sugando asteróides, m...
Saturno <br />
O nome Saturno vem do deus romano da agricultura e é, com freqüência, descrito como o objeto mais bonito no céu. <br />Seu...
Ele possui o maior número de luas (25 ou mais) de todos os planetas. Acredita-se que uma delas, Titã, seja semelhante à Te...
Urano <br />
Urano recebeu o nome de um deus grego, o deus dos céus. <br />Urano foi, originalmente, chamado de George em homenagem ao ...
Sua superfície é azul-pálida, principalmente devido ao alto conteúdo de metano dos seus gases. É um planeta altamente desc...
  Netuno <br />
O nome Netuno vem do deus romano do mar. <br />Sua lua principal, Triton, recebe este nome em homenagem à lança de três po...
Ele ainda não foi visto completar uma órbita desde que foi descoberto em 1846, pois demora 165 anos para realizar esta tra...
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS<br />Apostila do Positivo<br />Google Imagens<br />
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Universo 2

1.768 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
1 comentário
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.768
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
155
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
60
Comentários
1
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Universo 2

  1. 1. E.E. JOSÉ ALVES RIBEIROO UNIVERSO<br />GEOGRAFIA – 6º ano A<br />Profª Roseli Maria<br />Colaboração: Profª Roseli Barbosa<br />Rochedo /MS - 2011<br />
  2. 2. Universo <br />. É o conjunto dos astros/corpos celestes (estrelas, planetas, satélites naturais, cometas, etc), além dos espaços “vazios” que existem entre eles. <br />Os espaços “vazios”, embora não contenham ar (atmosfera), em geral contém minúsculas partículas de poeira, chamada de poeira cósmica.<br />
  3. 3. Nada no Universo é eterno. Tudo é muito dinâmico, em constante modificação. <br />O Universo foi formado a cerca de 15 bilhões de anos; <br />A nossa galáxia (Via Lactea) a 13 bilhões;<br />O Sistema Solar a 4,5 bilhões. <br />
  4. 4.
  5. 5.
  6. 6. O estudo do Universo<br />Estudar o espaço/Universo não é apenas tentar descobrir se existem homenzinhos verdes em outros planetas! Nós podemos aprender de onde viemos, como a vida surgiu no nosso planeta e o que acontecerá no futuro.<br />
  7. 7. Para poder observar o Sol a partir da Terra, a Lua e as estrelas mais de perto são necessários telescópios potentes, situados nos observatórios espaciais, que mostram o espaço com maior profundidade. <br />Em 1946, o astrônomo LymanSpitzer havia sugerido usar um telescópio no espaço, mas a tecnologia, o equipamento ótico e as viagens espaciais não estavam suficientemente desenvolvidos naquela época.<br />
  8. 8. Foi apenas em 24 de abril de 1990 que colocaram um observatório espacial em órbita ao redor da Terra - comandado pelas autoridades espaciais da NASA e ESA, dos Estados Unidos e da Europa.<br />Em agosto de 2003, houve o lançamento do quarto e último telescópio do programa da NASA – a unidade telescópica infravermelha (SIRTF).<br />
  9. 9.
  10. 10.
  11. 11. Ao contrário dos telescópios terrestres, esses telescópios espaciais podem observar dentro das profundezas do espaço, sem interferências da atmosfera terrestre. <br />Eles podem ver qualquer coisa que o olho humano não consiga, por exemplo: a nebulosa de Orion, feita de 3.000 estrelas bebês, as quais têm menos de um milhão de anos.<br />
  12. 12. A Terra é rodeada por uma gigantesca esfera de espaço que é conhecida como “esfera celestial”. Quando observamos o céu, estamos no meio desta esfera, mas só podemos ver a metade, porque a outra está localizada abaixo do horizonte.<br />Devido ao tamanho gigantesco da área, os astrônomos medem a distância no espaço em anos-luz – a distância viajada pela luz durante um ano. Um ano-luz equivale a 9,46 bilhões de quilômetros!<br />
  13. 13. Não sabemos o tamanho do nosso Universo porque ele é muito vasto para ser medido. Ele pode ser infinitamente grande ou conter outros Universos. <br />A teoria do “Big Bang” tenta explicar sua origem.<br /> Sabemos que o Universo está em expansão e tornando-se mais frio, e que já foi um lugar quente e hostil. Os astrônomos ponderam que seria lógico assumir que tudo começou com uma grande bola de fogo que se expandiu para formar o Universo.<br />
  14. 14. GALÁXIAS<br />
  15. 15.
  16. 16. A galáxiasão formadas por agrupamentos de vários corpos celestes, principalmente estrelas, planetas, poeira cósmica, etc.<br />A força da gravidade é a principal responsável pela união dos componentes de uma galáxia.<br />Ninguém sabe com precisão quantas galáxias existem no Universo, mas a nossa, a Via Láctea, é apenas uma entre milhares ou talvez milhões. <br />O Sistema Solar está inserido na Via Láctea.<br />
  17. 17. A Via Láctea é uma galáxia em espiral que se estende por 100 mil anos-luz de diâmetro. <br />As galáxias em espiral tendem a possuir estrelas mais jovens e brilhantes, enquanto as galáxias elípticas, que são as mais comuns, contêm estrelas mais antigas. <br />Andrômeda é muitas vezes descrita como a nossa galáxia gêmea, porque tem mais ou menos o mesmo tamanho, a mesma forma e idade.<br />
  18. 18. Cometas <br />
  19. 19. Cometas <br />Os cometas são pequenas “bolas de neve sujas” formadas por uma mistura de gelo, gases congelados, poeira e pequenos pedaços de rochas. <br />Os cometas viajam três vezes mais rápido do que os asteróides e só são visíveis quando estão próximos do Sol.<br />O cometa Haley tem 16 km de comprimento e passa em frente ao Sol a cada 76 anos. Já o cometa Halebopp, de 40 km de comprimento, só passa a cada 4.026 anos.  <br />
  20. 20. Quando se aproxima do Sol parte do material que forma o cometa se volatiza, dando origem à sua cabeleira e à sua cauda. <br />A cabeleira que envolve o núcleo de um cometa é a sua cauda, empurrada pelo "vento solar" no sentido oposto ao que o Sol se encontra, são formadas de gases e poeira que se desprendem do núcleo ( pedra de gelo sujo). <br />Mais de 99% da massa de um cometa está em seu núcleo. Até hoje a única imagem feita do núcleo de um cometa foi do Halley, obtida pela sonda Giotto em março de 1986.<br />
  21. 21. Meteoróides<br />
  22. 22. Meteoróides– pequenos corpos sólidos, menores que um asteróide.<br />Meteoros–são os meteoróides que ao entrarem em atrito com gases atmosféricos, tem a queima de seu material, ocasionando um fenômeno luminoso.<br />Os meteoros são popularmente chamados de estrelacadente. <br />Este fenômeno luminoso, pode apresentar várias cores ( que são dependentes da velocidade e da composição do meteoróide), um rastro e pode apresentar também registro de sons. <br />
  23. 23. Meteoritos cortam o céu de TalamillodelTozo, no norte da Espanha, pouco antes do amanhacer . 18/02/2005<br />
  24. 24. Duas vezes por semana, aproximadamente, um meteoróide do tamanho de uma almofada se precipita sobre a Terra e explode com a força de uma bomba atômica. Felizmente, nossa atmosfera faz com que os meteoros se vaporizem a 8 km do solo. <br />Se um pedaço de meteoróides sobreviver e conseguir chegar à superfície, então será chamado de meteorito. <br />Milhões de meteoritos atacam a Terra todos os dias – a maioria deles é do tamanho de um grão de areia.<br />
  25. 25. A superfície terrestre já foi atingida por enormes meteoritos. <br />No Arizona, Estados Unidos, existe uma cratera de 49 mil anos, com 1,3 quilômetros de diâmetro e cerca de 200 m de profundidade, produzida por um enorme meteorito de aproximadamente cinqüenta metros de diâmetro, <br />
  26. 26.
  27. 27. O maior meteorito encontrado na Terra é o Hoba West caiu na Namíbia/ África , tem 2,7 m de comprimento por 2,4 m de largura e peso estimado de 59 toneladas.<br />
  28. 28. Willamette - Estados Unidos<br />Com 7,8 metros quadrados e 15,5 toneladas, o Willamette é o maior meteorito encontrado nos Estados Unidos, no estado do Oregon. O meteorito é composta por 91% de ferro e 7,62% de níquel. <br />
  29. 29. Mbosi -Tanzânia<br />Oficialmente descoberto em 1930, o Mbosi foi encontrado na Tanzânia.<br />O Mbosi é um grande pedaço de metal que pesa cerca de 16 toneladas. <br />Tal como acontece com muitos meteoritos, não há nenhum sinal de cratera causado por seu impacto, o que pode indicar que ele rolou após se chocar com o planeta, ou que ele tem estado aqui por milhares de anos. <br />
  30. 30.
  31. 31. Agpalilik, Groenlândia - 20 toneladas<br />Descoberto em 1963 por F. VagnBuchwald. <br />
  32. 32. Bacubirito - México<br />O meteorito Bacubirito, é um dos mais finos e é o mais comprido dentre os meteoritos que caíram na terra e se manteram estruturados. <br />Estima-se que ele pesa 22 toneladas. Possui quatro metros de comprimento. <br />O meteorito foi descoberto pelo geólogo americano Gilbert Ellis Bailey, em 1892.<br />
  33. 33.
  34. 34. Ahnighito - Groenlândia<br />O meteorito Ahnighito pesa cerca de 31 toneladas e é o mais pesado meteorito movido pelo homem. <br />
  35. 35. Pedra de Bedongó - Brasil<br />No Brasil o maior meteorito encontrado é o chamado Pedra de Bendongó ou Pedra de Bendegó, que caiu no sertão da Bahia em 1784.<br />
  36. 36.
  37. 37. Os cientistas acreditam que um meteoróide de aproximadamente 8 km de diâmetro, ocasionou a extinção dos dinossauros ao colidir com a Terra em Chicxulub, na província de Yucatan, no México, há 65 milhões de anos. <br />
  38. 38. Asteróides<br />
  39. 39. Asteróides<br />É um corpo menor do sistema solar, geralmente da ordem de algumas centenas de quilômetros apenas. É também chamado de planetoide. <br />O termo "asteroide" deriva do grego "astér", estrela, e "oide", sufixo que denota semelhança.<br />Os asteróides são formados por rocha e metal e seus tamanhos podem variar: desde pedrinhas até 934 km de largura.<br />
  40. 40. A maioria dos asteróides se comporta de forma ordenada, ficando em órbita ao redor do Sol num cinturão de asteróides localizado entre Marte e Júpiter. Alguns escapam de sua órbita e acabam sendo uma ameaça para nós. <br />Já foram catalogados mais de três mil asteroides.<br />Acredita-se que os asteróides sejam restos do processo de formação do Sistema Solar há 4,6 bilhões de anos.<br />
  41. 41. Ceres era considerado o maior asteróide conhecido, possuindo diâmetro de aproximadamente mil quilômetros, mas desde 24 de Agosto de 2006 passou a ser considerado um planeta anão. <br />Acredita-se que a metade dos asteróides localizados atualmente perto da Terra sejam cometas mortos. <br />
  42. 42.
  43. 43. Estrelas <br />
  44. 44. As estrelas são enormes corpos celestes - entidades gasosas com uma variedade de massas, tamanhos e temperaturas. <br />O brilho das estrelas é o resultado das reações que ocorrem no seu interior.<br />Quanto mais velha for uma estrela, maior e mais brilhante ela vai ficando.<br />O Sol é uma estrela, sendo o astro mais próximo da Terra, bem como, o único visível durante o dia, parece um grande e redondo disco no céu. As outras estrelas estão tão longe de nós que só cintilam no céu à noite. <br />
  45. 45. Esse brilho é causado pela distância que estão de nós e pelo efeito da atmosfera no nosso planeta.<br />Estima-se que existam 100 bilhões de estrelas no Universo! <br />
  46. 46.
  47. 47. Satélites <br />Satélite natural / Lua / planeta secundário é um corpo celeste que orbita um planeta ou outro corpo.<br /> Dessa forma, o termo satélite natural poderia se referir a planetas anões orbitando a uma estrela, ou até uma galáxia anã orbitando uma galáxia maior. Porém, ele é normalmente um sinônimo de lua, usado para identificar satélites não artificiais de planetas, planetas anões ou pequenos planetas. <br />
  48. 48.
  49. 49. Depois de quase 40 anos de exploração espacial, atualmente sabemos que existem, pelo menos, 95 luas girando ao redor dos oito planetas que orbitam o Sol. <br />Ao se olhar para a superfície da nossa  Lua, fica claro que é um lugar sem vida. Não existem evidências de atividade, a não ser por um constante bombardeio de asteróides.<br />Sabemos que as calotas polares da Terra são geladas. As pequenas luas de Marte têm uma gélida temperatura de 112 oC negativos. A  204 oC negativos, a lua de Netuno se aproxima do zero absoluto – a temperatura onde o movimento pára.<br />
  50. 50. A atmosferada maior das cinco luas de Saturno não possui oxigênio. No lugar dele há nitrogênio e metano frio em abundância. Acredita-se que este último caia como a chuva.<br />Uma das luas de Júpiter é a mais quente do Sistema Solar Io possui espetaculares erupções vulcânicas.<br />Talvez a mais interessante de todas as luas do Sistema Solar seja Europa – a menor dos satélites de Júpiter. Essa lua desafiou os cientistas desde 1979, quando o ônibus espacial Voyager enviou as primeiras imagens à Terra.   <br />
  51. 51. A aparência brilhante, fresca e juvenil de Europa surpreendeu os cientistas, pois eles acreditavam que ela possuía uma superfície cheia de crateras.<br /> Atualmente acredita-se que Europa possua um núcleo de ferro e níquel, rodeado por uma concha de rocha e uma crosta de gelo na superfície. Mas, o mais importante, é que pode haver oceanos subterrâneos sob o gelo.  <br />
  52. 52.
  53. 53. Planetas <br />É um corpo celestial que orbita uma estrela ou um remanescente de estrela, com massa suficiente para se tornar esférico pela sua própria gravidade, mas não a ponto de causar fusão termonuclear.<br />O termo planeta é antigo, com ligações com a história, ciência, mitologia e religião. Os planetas eram vistos por muitas culturas antigas como divinos ou como emissários de deuses. <br />À medida que o conhecimento científico evoluiu, a percepção humana sobre os planetas mudou, incorporando diversos tipos de objetos. <br />
  54. 54. Embora a idéia de que os planetas orbitavam o Sol tivesse sido sugerida muitas vezes, somente no século XVII esta visão foi suportada por evidências pelas primeiras observações telescópicas, realizadas por Galileu Galilei.<br /> Através da cuidadosa análise dos dados das observações, Johannes Kepler descobriu que as órbitas dos planetas não são circulares, mas elípticas.<br /> À medida que as ferramentas de observação foram desenvolvidas, os astrônomos perceberam que os planetas, como a Terra, giravam em torno de eixos inclinados e que alguns compartilhavam características como calotas polares, estações do ano, vulcanismo, furacões, tectônica e até mesmo hidrologia.<br />
  55. 55. Os planetas são geralmente divididos em dois tipos principais: os grandes e de baixa densidade planetas gigantes gasosos e os menores e rochosos planetas terrestres. <br />Pelas definições da UAI (União Astronômica Internacional), adotadas oficialmente pela resolução de 2006 há oito planetas no Sistema Solar: em ordem crescente de distância do Sol, são os quatro planetas terrestres Mercúrio, Vênus, Terra e Marte, e depois os quatro gigantes gasosos Júpiter, Saturno, Urano e Netuno. <br />
  56. 56. Além disso, o Sistema Solar possui também pelo menos cinco planetas anões e centenas de milhares de corpos menores do Sistema Solar.<br />Desde 1992, centenas de planetas orbitando outras estrelas (planetas extrassolares ou exoplanetas) foram descobertos na Via Láctea. <br />Desde dezembro de 2010, mais de 500 planetas extrassolares conhecidos estão listados na Enciclopédia de Planetas Extrassolares, variando desde planetas terrestres maiores que a Terra até gigantes gasosos maiores do que Júpiter.<br />
  57. 57.
  58. 58. Mercúrio <br />
  59. 59. O nome Mercúrio vem do mensageiro romano dos deuses.<br /> Está cheio de crateras e parece um pouco com a superfície da Lua. <br />Nenhuma vida sobrevive em Mercúrio, pois sua atmosfera é tão rarefeita que é difícil de ser detectada. A temperatura varia de quente borbulhante, durante o dia, a abaixo do congelamento, durante a noite. <br />
  60. 60. A maior parte da informação obtida de Mercúrio vem principalmente da sonda Mariner, de 1974-1975. A sonda Messenger, lançada em agosto de 2004, entrará na órbita de Mercúrio em 2011, recolhendo dados durante um ano terrestre.<br /> Distância média do Sol:  57.910.000 km<br /> Duração do ano:   88 dias terrestres<br /> Diâmetro:    4.878 km<br /> Temperatura média:  Dia: 800 °F (427 °C)   <br /> Noite -300 °F (-183 °C)<br />
  61. 61. Vênus <br />
  62. 62. O nome Vênus foi inspirado na deusa romana do amor.<br />É o planeta mais quente do Sistema Solar. <br />É mais ou menos do mesmo tamanho da Terra, mas gira numa direção retrógrada (ao contrário) e tem uma atmosfera muito mais pesada; a sensação que se tem ao ficar parado na sua superfície seria como estar imóvel a 1 km  abaixo do nível do solo na Terra! <br />
  63. 63. Até 1962, quando o Mariner 2 passou por lá, pensava-se que havia oceanos neste planeta mais brilhante de todos. Agora sabemos que Vênus é muito quente para ter água na superfície; que está coberto por vulcões mortais e que foi provavelmente formado pelo movimento das placas tectônicas.<br /> Distância média do Sol: 108.200.000 kmDuração do ano:  225 dias terrestresDiâmetro:  12.102 kmTemperatura média:  896 °F (480 °C)<br />
  64. 64. Terra <br />
  65. 65. O único no sistema solar que não recebeu o nome de um deus ou deusa. <br />A Terra é o terceiro planeta a partir do sol.<br /> Sabe-se também que é o único planeta no Universo que suporta vida. <br />70% da sua superfície terrestre está coberta por água. Ela possui uma temperatura relativamente estável. A Terra é geologicamente ativa, seu centro é mais quente do que a superfície do Sol e está constantemente sofrendo terremotos, vulcões e mudanças climáticas. <br />
  66. 66. É devido à inclinação do seu eixo que acontecem as mudanças de estações e a vasta expansão de gelo nos pólos.<br /> Distância média do Sol:  149.600.000 kmDuração do ano:  365,26 diasDiâmetro:  12.756 kmTemperatura média:  59 °F (15 °C)<br />
  67. 67. Marte <br />
  68. 68. O nome do planeta Marte foi dado pelos romanos em homenagem ao deus da Guerra.<br /> Desde 1960, os Estados Unidos e a antiga União Soviética gastaram grandes quantidades de tempo e de dinheiro desenvolvendo tecnologia necessária para chegar a Marte primeiro.<br />A atmosfera de Marte é muito diferente da que ocorre na Terra, pois está formada principalmente de dióxido de carbono e pequenas quantidades de outros gases. <br />
  69. 69. A atual compreensão que temos sobre o interior de Marte sugere que pode estar modelada por uma fina crosta, semelhante à da Terra, por um manto e um núcleo.<br /> Distância média do Sol:  27.940.000 km Duração do ano:  686,98 dias terrestresDiâmetro:  6.794 kmTemperatura média:  -81 °F (-63 °C)<br />
  70. 70. Júpiter <br />
  71. 71. O nome Júpiter vem do rei dos deuses romanos, e não sem razão, pois ele é o maior planeta do Sistema Solar.<br />É 1.300 vezes maior do que a Terra e formado quase totalmente por gases, com redemoinhos em constantes tormentas elétricas e furacões. <br />Sua mais famosa tempestade, conhecida como a Grande Mancha Vermelha, já dura mais de 400 anos! <br />
  72. 72. O núcleo de Júpiter é extremamente magnético e tem a maior força gravitacional de todos os planetas, sugando asteróides, meteoros e cometas que passam pela sua frente. <br />Com um pouco menos de dez horas de duração, o dia em Júpiter é o mais curto de todos os planetas. <br /> Distância média do Sol: 778.400.000 kmDuração do ano:  11,9 dias terrestresDiâmetro: 142.980 kmTemperatura média: -238 °F (-150 °C)<br />
  73. 73. Saturno <br />
  74. 74. O nome Saturno vem do deus romano da agricultura e é, com freqüência, descrito como o objeto mais bonito no céu. <br />Seus famosos anéis, formados por bilhões de partículas de rocha e gelo, podem ser vistos da Terra até mesmo com um pequeno telescópio. <br />É o sexto em linha a partir do Sol e o segundo maior planeta do Sistema Solar. Como Júpiter, Saturno está formado quase totalmente por gás e seu globo é achatado devido à sua rápida rotação. <br />
  75. 75. Ele possui o maior número de luas (25 ou mais) de todos os planetas. Acredita-se que uma delas, Titã, seja semelhante à Terra antes de possuir vida. <br /> Distância média do Sol: 1.427.000.000 kmDuração do ano:  29,5 dias terrestresDiâmetro:  120.536 kmTemperatura média: -202 °F (-130 °C)<br />
  76. 76. Urano <br />
  77. 77. Urano recebeu o nome de um deus grego, o deus dos céus. <br />Urano foi, originalmente, chamado de George em homenagem ao Rei George III da Grã-Bretanha. <br />Não se sabia da sua existência até 1781, quando foi desenvolvido o telescópio. <br />Urano é uma bola gigante quatro vezes maior do que a Terra e é o sétimo em linha a partir do Sol. É o único planeta que gira de lado, o que significa que rola na sua órbita e tem dias e estações muito peculiares. Algumas vezes, é o pólo norte de Urano que aponta para o Sol, e outras, o pólo Sul. <br />
  78. 78. Sua superfície é azul-pálida, principalmente devido ao alto conteúdo de metano dos seus gases. É um planeta altamente descaracterizado.<br /> Distância máxima do Sol: 2.875.000,000 kmDuração do ano: 84 dias terrestresDiâmetro:  51.118 kmTemperatura média: -353 °F (-214 °C)<br />
  79. 79. Netuno <br />
  80. 80. O nome Netuno vem do deus romano do mar. <br />Sua lua principal, Triton, recebe este nome em homenagem à lança de três pontas que o deus carrega.<br />Netuno é visto, com freqüência, como o planeta gêmeo de Urano; eles possuem mais ou menos o mesmo tamanho, a mesma cor azul e são formados por gases semelhantes. <br />Os ventos mais velozes foram registrados em Netuno com 2.000 km/h. <br />
  81. 81. Ele ainda não foi visto completar uma órbita desde que foi descoberto em 1846, pois demora 165 anos para realizar esta trajetória! <br /> Distância média do Sol: 4.504.000.000 kmDuração do ano: 165 anos terrestresDiâmetro:  49.528 kmTemperatura média: -364 °F (-220 °C)<br />
  82. 82. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS<br />Apostila do Positivo<br />Google Imagens<br />

×