Java – Microservices
PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD
ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO
Centro Universitár...
A arquitetura monolítica
Uma aplicacação monolítica é auto-sulficiente, e independente de
outros aplicações.
A filosofia d...
3
PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD
ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO
Cetro Universitário Católica Santa Ca...
A arquitetura microservices
Tem em seu design o objetivo fazer com que o código seja menos
frágil e, fazer com que softwar...
História
Uma workshop de arquitetos de software em maio de 2011 em
Venice utilizou o termo "microservice" para descrever o...
Vantagens
1. Base de código menor
2. Implementação continua
3. Escalado de forma independente
4. Facilita escalação do des...
Desvantagens
1. Maior complexidade do código em sistemas distribuídos
2. Complexidade operacional significativa
3. Requer ...
8
PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD
ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO
Cetro Universitário Católica Santa Ca...
Mecanismos de comunicação
Em uma arquitetura de microservices, os padrões de comunicação
entre clientes e a aplicação, bem...
10
PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD
ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO
Cetro Universitário Católica Santa C...
11
PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD
ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO
Cetro Universitário Católica Santa C...
Mecanismos de comunicação inter-service
Outra grande diferença da arquitetura de microservices é a forma de
interação entr...
13
PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD
ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO
Cetro Universitário Católica Santa C...
Procura por profissionais
14
PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD
ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO
Cetro Univ...
Casos de sucesso
15
PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD
ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO
Cetro Universitário...
Referências
Microservices: Decomposing Applications for Deployability and Scalability -
https://www.infoq.com/articles/mic...
17
PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD
ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO
Cetro Universitário Católica Santa C...
18
PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD
ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO
Cetro Universitário Católica Santa C...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Java microservices | Seminário

90 visualizações

Publicada em

Seminário desenvolvido no quarto semestre do curso de B. Sistemas de Informação, na matéria de Programação 4 mestrada por Fábio Dippold.

Publicada em: Software
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Java microservices | Seminário

  1. 1. Java – Microservices PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Centro Universitário - Católica de Santa Catarina
  2. 2. A arquitetura monolítica Uma aplicacação monolítica é auto-sulficiente, e independente de outros aplicações. A filosofia dessa arquitetura é que o aplicativo seja responsável não apenas para executar uma determinada tarefa, mas sim para executar todos os passos necessários para completer uma função específica. 2 PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Cetro Universitário Católica Santa Catarina
  3. 3. 3 PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Cetro Universitário Católica Santa Catarina Browser Apache MySQL Database ShapingService InventoryService Accounting Service StoreFrontUI war Tomcat
  4. 4. A arquitetura microservices Tem em seu design o objetivo fazer com que o código seja menos frágil e, fazer com que softwares complexos e de larga escala mudem. 4 PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Cetro Universitário Católica Santa Catarina
  5. 5. História Uma workshop de arquitetos de software em maio de 2011 em Venice utilizou o termo "microservice" para descrever o que os participantes viram como um estilo arquitetônico comum que muitos deles estiveram recentemente explorando. Em 2012, Adrian Cockcroft com a Netflix foi pioneiro neste estilo em uma escala web. 5 PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Cetro Universitário Católica Santa Catarina
  6. 6. Vantagens 1. Base de código menor 2. Implementação continua 3. Escalado de forma independente 4. Facilita escalação do desenvolvimento 5. Melhor isolamento de falhas 6. Elimina compromisso de longo prazo com a stack de tecnologia 7. Mais aberta a experimentações 6 PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Cetro Universitário Católica Santa Catarina
  7. 7. Desvantagens 1. Maior complexidade do código em sistemas distribuídos 2. Complexidade operacional significativa 3. Requer plano ordenado de implementação de serviços 4. É necessário alto nível de automação 5. Momento deve-se adotar a arquitetura 7 PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Cetro Universitário Católica Santa Catarina
  8. 8. 8 PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Cetro Universitário Católica Santa Catarina Catalog UI Account Management UI Order Management UI Checkout UI Catalog Service Oder Service Recommendation Service Review Service Customer Service
  9. 9. Mecanismos de comunicação Em uma arquitetura de microservices, os padrões de comunicação entre clientes e a aplicação, bem como entre os próprios componentes da aplicação, são diferentes de uma aplicação monolítica. Primeiramente, são abordadas as questões de interação entre clientes e os microservices. Em seguida, são abordados os mecanismos de comunicação entre microservices 9 PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Cetro Universitário Católica Santa Catarina
  10. 10. 10 PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Cetro Universitário Católica Santa Catarina Desktop Client Mobile Client Customer Service Order Service Recommendation Service Review Service Catalog Service Chamada direta aos serviços
  11. 11. 11 PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Cetro Universitário Católica Santa Catarina Customer Service Order Service Recommendation Service Review Service Catalog Service API Gateway API Gateway getProductInfo() getRecommendations() getReviews() getProductDetails() Desktop Client Mobile Client
  12. 12. Mecanismos de comunicação inter-service Outra grande diferença da arquitetura de microservices é a forma de interação entre os diferentes componentes da aplicação. Em uma aplicação monolítica, componentes comunicam-se através de chamadas de métodos Mas em uma arquitetura de microservices, diferentes serviços são executados em diferentes processos. Consequentemente, os serviços devem utilizar uma comunicação entre processos (IPC - inter-process communication) 12 PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Cetro Universitário Católica Santa Catarina
  13. 13. 13 PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Cetro Universitário Católica Santa Catarina HTTP síncrono Mensagens Assíncronas HTTP síncrono Mensagens Assíncronas
  14. 14. Procura por profissionais 14 PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Cetro Universitário Católica Santa Catarina
  15. 15. Casos de sucesso 15 PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Cetro Universitário Católica Santa Catarina
  16. 16. Referências Microservices: Decomposing Applications for Deployability and Scalability - https://www.infoq.com/articles/microservices-intro Pattern: Monolithic Architecture - http://microservices.io/patterns/monolithic.html Pattern: Microservices Architecture - http://microservices.io/patterns/microservices.html Microservices with Spring - https://spring.io/blog/2015/07/14/microservices-with-spring Microservices - https://en.wikipedia.org/wiki/Microservices#History Monolithic application - https://en.wikipedia.org/wiki/Monolithic_application 16 PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Cetro Universitário Católica Santa Catarina
  17. 17. 17 PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Cetro Universitário Católica Santa Catarina Serviço de compras on-line Account Service Order ServerCart Server Product Catalog Account DB Products DB Cart DB Order DB
  18. 18. 18 PROFESSOR: FABIO TAVARES DIPPOLD ALUNOS: LUIS MACHADO, OSMAR PETRY, E SERGIO ROIKO Cetro Universitário Católica Santa Catarina Web- Service Account- Service Account DB Registration Service (Eureka) Register as “accont-service” JPA/SQLRESTful Request Looks for “account-service”

×